Sionistas Insanos - Ataque à Síria

"UMA REVOLUÇÃO PODE COMEÇAR NA FRANÇA, NA MEDIDA EM QUE OS SIONISTAS LOUCOS NOVAMENTE TENTAM COMEÇAR UMA TERCEIRA GUERRA MUNDIAL"

Benjamin Fulford – 16.04.18

Os insanos sionistas fanáticos religiosos, que há anos tentam iniciar o ARMAGEDOM falharam mais uma vez em sua última tentativa, desta vez na Síria e, agora, enfrentam sérias repercussões, possivelmente começando com uma revolução na França.
Antes de entrarmos em detalhes, vamos recordar com quem estamos lidando aqui.

É difícil para pessoas (fora da realidade ou alienadas) entenderem que o establishment político e financeiro do Ocidente foi sequestrado por fanáticos religiosos, que estão tentando realizar sua interpretação da profecia bíblica (Apocalipse) que prevê o extermínio de 90% da humanidade e a escravização dos sobreviventes.

Evidências esmagadoras mostram que isso é, exatamente, o que está acontecendo.
Não vamos, mais uma vez, expor aqui todas as evidências, vamos apenas ver o que
Jared Kushner, genro do presidente dos EUA Donald Trump, tem feito.

A família Kushner comprou um prédio na 666 (Jomarion...numero da besta) Fifth Avenue, em Nova York, muito acima dos preços de mercado. 
https://www.nytimes.com/2018/04/06/nyregion/kushners-vornado-666-fifth-avenue.html

Apesar de uma grande tentativa de remover essas informações de sites que não são de “conspiração”, podemos confirmar que a “Lucent Technologies” esta lá, desenvolvendo um chip RFID implantável.  (Jomarion... Lucent reporta a lucifer e ela está desenvolvendo a "marca da besta")

Aqui está um artigo de uma revista científica sobre o objetivo desses chips:
https://www.popsci.com/my-boring-cyborg-implant

Também, devemos nos lembrar de que Kushner é um membro da seita radical CHABAD que pretende ter 2.800 escravos para cada um de seus seguidores, depois que o resto da humanidade for dizimada.

Em outras palavras, é possível confirmar, factualmente,  que o genro do presidente dos Estados Unidos seja parte de um grupo que está tentando transformar a seguinte profecia bíblica (Apocalipse) em realidade:

“Também faz com que todos, pequenos e grandes, tanto ricos quanto pobres, tanto livres quanto escravos, sejam marcados na mão direita ou na testa, para que ninguém possa comprar ou vender a menos que tenha a marca, isto é, nome da besta ou o número do seu nome… e seu número é 666.” (Apocalipse 13: 16-18)

Neste ponto, vale a pena lembrar aos leitores, que esse versículo é do Novo Testamento e não do Antigo Testamento Judeu (TORÁ), portanto este não é um “complô judaico” pois estas pessoas não são judeus reais e, sim, adoradores de Satã.  Mais uma vez, o velho ditado se torna real: "A verdade é mais estranha que a ficção".

Agora, podemos começar ligar isso a eventos e notícias recentes. Primeiramente, deem uma olhada na fotografia, no seguinte link em reunião de Trump com os líderes do Chabad, em 29 de Março:

https://www.timesofisrael.com/trump-meets-with-chabad-rabbis-in-oval-office/

Depois de conhecer essas pessoas, Donald Trump sinalizou sua relutância em seguir com sua trama louca, ao anunciar que os EUA iriam se retirar da Síria. Então o que aconteceu? Por que Trump, de repente, ordenou o ataque numa Sexta-feira 13 entre outras datas?

A resposta, de acordo com a CIA e outras fontes, é que os loucos sionistas khazarianos, desesperados enquanto sua grade de controle entra em colapso, realizaram uma massiva campanha para forçar os EUA e a Rússia a se enfrentarem em uma 3ª Guerra Mundial, e, assim, começar seu muito planejado, Armagedon.

A chave para tudo isso, foi o ataque aos escritórios do advogado de Donald Trump, Michael Cohen, em 9 de Abril.  O objetivo do ataque era encontrar material para chantagear Trump e, forçá-lo a ordenar um ataque às tropas russas na Síria e iniciar uma 3ª Guerra Mundial.

Uma vez que os cassinos de Trump, em Atlantic City, faliram (entre 1991 e 2009) Trump, provavelmente, teria sido socorrido por bandidos russos e outros personagens duvidosos, não há dúvida de que farto material para chantagem foi encontrado.

Os militares americanos responderam ao “assalto” posando para foto com Trump, na noite do ataque.
"A mensagem é: Os militares dos EUA estão solidamente por trás do presidente Trump... esta mensagem para a cabala está indicada por 9 militares à esquerda e 11 à direita"
(Jomarion...referência ao 9/11), dizem fontes do Pentágono.

No entanto, os militares dos EUA foram adiante com o ataque de 13 de Abril na Síria, por causa de um acordo firmado com os militares russos e o governo sírio, explicam as fontes. Neste acordo, os militares dos EUA receberam três alvos autorizados, dentro da Síria - um prédio abandonado, programado para demolição e duas bases aéreas vazias - a fim de privar os sionistas de uma desculpa para expor a roupa suja de Trump, ao mesmo tempo evitando uma guerra mundial.

Além disso, os ataques com mísseis pavimentaram o caminho para a retirada das tropas dos EUA da Siria. O twitt de Trump, dizendo 'missão cumprida' foi dirigido a George Bush Jr. e aos criminosos por trás do 11 de Setembro, dizem as fontes do Pentágono.

Os satanistas khazarianos (sionistas) também gritaram "olha o lobo", acusando o governo sírio de ter atacado seu próprio povo com gás venenoso tantas vezes, (pelo menos 6). Até mesmo a maioria da humanidade, submetida à lavagem cerebral, não acredita mais nestas mentiras. Um MEME que circulou, após o último ataque, mostrou quão ridícula era a história oficial ao afirmar: "Estamos bombardeando a Síria porque a Síria está bombardeando a Síria".
Então, temos o secretário de imprensa da Casa Branca, Sean Spicer, dizendo na Segunda-feira que "a meta para os Estados Unidos é desestabilizar a Síria".
https://youtu.be/JxWdiXfUqsA

Os militares dos EUA também fizeram outro movimento contra o controle da mídia pelos khazarianos, forçando Martin Sorrell, o chefe da WPP, a maior empresa de publicidade do mundo a renunciar, na semana passada, disseram fontes do Pentágono. Além disso, o escândalo de Harvey Weinstein “frustrou as ambições presidenciais do CEO da Disney, Bob Iger”, observam eles.

Agora, haverá um retorno ainda mais sério para esse ataque, baseado em fáceis e amplamente comprovadas mentiras. As primeiras baixas, provavelmente, são os governos mafiosos e escravos khazarianos do Reino Unido e da França. 
Na França, situação está se tornando especialmente crítica. Fabrice PJ Dubordieu, assessor de Assuntos Estrangeiros do Conselho Nacional de Transição da França, falando em nome do Conselho, disse que os militares e a polícia francesa estão à beira de uma revolta aberta contra seu "governo impostor". 

De acordo com Dubordieu, uma vez que o presidente francês, Emmanuel Macron, tenha assumido o poder por meio de uma eleição fraudada, imediatamente entrou numa briga com o "altamente respeitado Général Pierre de Villiers, o que levou à sua renúncia em 19 de Julho de 2017.  

Outro general - François Lecointre - cuja reputação está contaminada por seu envolvimento "em várias operações sujas na África" e que "não é respeitado por seus pares", é "uma das muitas" razões para a tensão com o exército, diz o general Pierre Villiers.  

O conselho de transição informa que greves estão sendo realizadas pelo judiciário, pela polícia antimotim e pela polícia regular. 
Juízes e advogados estão incomodados e têm encenado greves, porque as chamadas "reformas judiciais" estão desgastando seus poderes e restringindo os direitos humanos, dizem eles. 

Relatam que as Compagnies Républicaines de Sécurité, ou polícia antimotim, por lei, não são permitidas a fazerem greves e, então, ao invés disso, coletivamente, estão pedindo dispensa alegando doença, porque estão exaustos de lutar contra estudantes franceses, sindicalistas e ambientalistas, muitos dos quais são membros de suas próprias famílias.

A Guarda Nacional Francesa, com 100 mil soldados, tem tido más relações com Macron, desde o início de seu governo e está se preparando para prender todo o regime, diz o conselho. A situação ficou tão ruim que Macron recentemente colocou 500 soldados da UE no quartel da Guarda Francesa em Versalhes, dizem eles. 
https://en.wikipedia.org/wiki/European_Gendarmerie_Force

(Jomarion... Macron pode ser o Anti Cristo de acordo com estudos e checagens recentes)

Não apenas isso, uma vez que o Conselho está recebendo relatórios de mercenários sendo posicionados ao longo das fronteiras da Bélgica e da Alemanha com a França. “Empregar forças estrangeiras e/ou irregulares para a segurança antimotim, na verdade, é traição - se não por lei, pelo menos, nas mentes de nosso povo e pessoal militar”, diz Dubordieu. 

A ordem de Macron de atacar a Síria está agravando a situação, diz ele. "Nosso governo impostor está culpando o presidente sírio Assad, citando informações as quais realmente não temos acesso", observa ele. No final, os militares franceses disseram que não podiam enviar seu único porta-aviões para participar do ataque "porque estava docado para reparos", em vez disso, um navio menor disparou alguns mísseis.

De qualquer forma, o conselho de transição diz que um grande esforço está sendo feito para o dia 5 de Maio. Os estudantes das universidades de Montpellier e Estrasburgo, durante suas assembleias gerais, votaram pela ocupação do Palácio Elysée  naquela data, diz ele. "Provavelmente serão seguidos por estudantes de outras universidades muito em breve", acrescenta.

Macron, por sua vez, nessa data, planeja se esconder num remoto território do Pacífico Sul da Nova Caledônia, observa ele. 
“A República Francesa está definitivamente entrando em um modo severo de degradação! A transição está se aproximando”, conclui Dubordieu. 

Por sua vez, a mídia britânica também relata que a situação do governo escravo de Theresa May, no Reino Unido, está cada vez mais frágil, após o ataque “obviamente absurdo” à Síria, apoiado por menos de um quarto da população. May realizou o ataque sem uma votação do Parlamento porque "sabia que perderia". 
https://www.theguardian.com/commentisfree/2018/apr/14/theresa-may-essential-argument-for-syria-strikes-nonsensical
https://www.independent.co.uk/voices/theresa-may-trump-syria-strikes-parliament-vote-britain-russiachemical-weapons-latest-a8303146.html


O governo escravo japonês de Shinzo Abe, embora não tenha participado da mais recente farsa síria, também está oscilando por causa do envolvimento de Abe na corrupção e nos crimes de guerra. Enormes manifestações diárias estão acontecendo em frente ao Parlamento japonês pedindo sua renúncia.
https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-04-14/japanese-protesters-demand-liar-abe-s-resignation-over-scandal
https://sputniknews.com/asia/201804151063594181-high-turnout-at-tokyo-rally-demanding-abe-resign/


Enquanto a velha ordem continua a desmoronar, grandes movimentos em direção a um mundo mais cooperativo foram vistos na congregação de várias marinhas no Pacífico Sul, de acordo com fontes da CIA baseadas na Ásia. 

A verdadeira razão para as marinhas irem para o Oceano Pacífico é a existência de um enorme depósito de “elementos de terras raras” (REE's), usado no Programa Espacial Secreto que, recentemente, foi encontrado a cerca de 600 milhas ao Sul de Tóquio, Japão - metal suficiente para manter o programa espacial por décadas. 

O problema é colher esses metais a até 3 mil metros de profundidade, algo que o capitão francês Jacques Cousteau, aposentado, estava trabalhando quando morreu. Agora seu antigo navio Calypso foi reformado e atualizado com a mais recente tecnologia e está na região ajudando a descobrir essas jazidas, juntamente com navios militares americanos, chineses e russos armados com sistemas de radar subaquáticos de alta tecnologia. 

“Aparentemente, também, um depósito muito grande de REEs foi encontrado no fundo do Mar do Sul da China, incluindo uma grande quantidade de platina misturada com PGMs (Platinum Group Metals). Esta é outra razão para o 'Grande Muro Subaquático da China' em torno do perímetro da Linha de Nove Traços, estabelecida pela China em 1947.” 

Num assunto relacionado a esse recurso, fontes do Pentágono dizem que "a erupção do vulcão em Vanuatu, pode dissuadir a China de construir qualquer base militar muito próxima da Austrália". https://phys.org/news/2018-04-vanuatu-island-evacuate-volcano-erupts.html

Numa nota final, Barbara Bush está morrendo. 
https://globalnews.ca/news/4145985/barbara-bush-failing-health/

Os pedófilos continuam sendo cercados. Um “peixe grande” foi pego, trata-se de Pendter Dalglish (nascido em 20 de Maio de 1957)  é um “humanitário canadense”, fundador da “Street Kids International Charity” e da “The Trails Youth Initiative Program”.                                                                                                    https://www.newsweek.com/former-senior-united-nations-official-facing-pedophilia-charges-nepal-876783 

Autor: Benjamin Fulford 

Tradução: Sementes das Estrelas

(Texto revisado e melhorado por Jomarion)

Fonte:  https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/04/benjamin-fulford-revolucao-pode-comecar.html

18.4.18

Ativista (Mila de Mier) é morta em Washington

Ativista Anti-Mosquitos Transgênicos é Encontrada Morta em Piscina de Hotel, Horas Antes de Entregar uma Petição com 200.000 Assinaturas à EPA

Uma ativista que se opunha aos mosquitos geneticamente modificados foi encontrada morta na piscina de um hotel de Washington DC, poucas horas antes de apresentar uma petição com mais de 200.000 assinaturas à EPA.

Derrick Broze do site Activist Post investigou a história e falou com uma amiga próxima da vítima.

A vítima é Mila de Mier de Key West, Flórida.

A misteriosa morte  também foi coberta pelo site WJLA que relata:

“O Departamento de Bombeiros de Washington DC disse que o incidente relatado aconteceu no Centro de Convenções do Cambria Hotel & Suites Washington. Eles dizem que foram chamados por volta das 9h35. As equipes médicas dizem que tentaram reanimar a vítima, mas depois a declararam morta.”

Sua morte, é claro, lembra aos observadores bem informados, todas as ameaças de morte que outros ativistas anti-transgênicos foram submetidos ao longo dos anos, graças às "operações secretas" da indústria de biotecnologia  que executa campanhas de intimidação, campanhas de difamação e campanhas de suborno político.

Se você não estava ciente de que as pessoas que se opõem aos gigantes da biotecnologia ou à indústria de vacinas estão sendo rotineiramente assassinadas nos EUA, você não está a par do que realmente está acontecendo.

Erin Elizabeth, do site Health Nut News, documentou mais de 85 médicos que foram encontrados mortos nos últimos anos. A maioria deles eram profissionais de saúde holística que ofereciam tratamentos médicos alternativos ou naturopatas. A maioria desses indivíduos também se opunha aos alimentos geneticamente modificados.

Mila era uma ativista muito conhecida que lutou arduamente contra os transgênicos e o uso de mosquitos transgênicos na Flórida. Na verdade, ela lutou contra eles com tanta força que ela era conhecida por ser uma inimiga da indústria de mosquitos transgênicos”, escreve Elizabeth. “É por isso que a “testemunha” que a encontrou flutuando na piscina não tentou tirá-la da piscina? É por isso que eles não tentaram, como qualquer ser humano normal, realizar a reanimação?

Morte suspeita levanta bandeiras vermelhas sobre ativistas anti-OGM sendo assassinados

A indústria de transgênicos agora está ligada a esquadrões de assassinos para assassinar ativistas anti-OGM? Não é uma ideia absurda, dada a agressividade da indústria de transgênicos em busca de equipes de assassinato apoiados por milhões de dólares em financiamento anual.

É também, a propósito, o porquê de ativistas sábios nunca usam seus nomes verdadeiros quando se hospedam em hotéis. (E eles não pagam por quartos de hotel usando cartões de crédito.) Mais e mais ativistas anti-OGM, segundo me disseram, estão se armando em autodefesa, criando uma mistura fascinante de ativistas anti-OGM que são pró segunda Emenda.

Aqui está a história completa de Broze para o site Activist Post:

Ativista da Flórida que lutou contra a liberação de mosquitos transgênicos é encontrada morta na piscina do hotel

(Por Derrick Broze, Activist Post)

Na manhã de terça-feira, Mila de Mier - uma ativista de 45 anos de Key West, Flórida, que se opôs à liberação de mosquitos geneticamente modificados - foi encontrada morta em uma piscina em um hotel em Washington, DC. De Mier estava visitando DC para fazer uma petição à Agência de Proteção Ambiental exigindo que a agência negue uma permissão para a liberação de mosquitos geneticamente modificados na Flórida e no Texas.

O site WJLA relatou:

O Departamento de Bombeiros de Washington DC disse que o incidente relatado aconteceu no Centro de Convenções Cambria Hotel & Suites Washington, DC. Eles dizem que foram chamados por volta das 9h35. As equipes médicas dizem que tentaram reanimar a vítima, mas depois a declararam morta.

A FOX 5 observa que o relatório da polícia afirma que uma testemunha encontrou Mier flutuando dentro da piscina e ligou para a emergência. O Departamento de Polícia Metropolitana de Washington está investigando as circunstâncias exatas do afogamento.

Nos dias que antecederam sua morte, Mila de Mier postou em sua página no Facebook sobre a luta contra os mosquitos geneticamente modificados. “A hora é agora. Por favor assine e compartilhe! Nós não somos cobaias”, escreveu ela . "É hora de definir padrões quando se trata de pessoas e biotecnologia."

O site Activist Post conversou com Barbara Napoles, uma ativista e amiga de longa data da vítima que a acompanhou na viagem a Washington DC, e uma das últimas pessoas a vê-la viva. Napoles trabalhou com de Mier durante anos como parte da Never Again Foundation, uma organização que se concentrava em uma variedade de causas ambientais. Napoles explicou que ela e De Mier trabalharam na questão do mosquito da GE durante anos e já tinham feito viagens à Food and Drug Administration, na tentativa de expressar suas preocupações.

De acordo com Napoles, De Mier ligou para ela na quinta-feira, dia 5 de abril, para anunciar sua intenção de dirigir da Flórida à Washington DC para apresentar sua petição à EPA. As duas foram para Washington no domingo, chegaram na segunda-feira e planejavam entregar a petição na manhã de terça-feira. Por volta das 8:45 da manhã de terça-feira, Mier deixou Napoles para dar um mergulho rápido na piscina do terraço do hotel antes de ir para a EPA. Esta foi a última vez que Napoles viu de Mier viva. Em relação à possibilidade de morte por afogamento acidental, Napoles disse que Mila de Mier não era conhecida como uma nadadora fraca e já havia nadado com tubarões-baleia no passado. Napoles disse que as duas também planejam nadar com golfinhos em junho.

Ela queria que as pessoas de Houston tivessem tempo para comentar sobre a liberação dos mosquitos da GE. Ela gostaria que as pessoas continuassem a luta”, declarou Napoles. Napoles está se referindo ao potencial lançamento dos mosquitos da GE na área de Houston. Os mosquitos a serem libertados em Houston são criados pela Oxitec, a empresa britânica de biotecnologia responsável pelos mesmos mosquitos que de Mier lutava em Key West.

A Oxitec esteve envolvida na controversa votação em Florida Keys durante a eleição de 2016. Naquela votação, os moradores de Key Haven votaram contra a liberação dos mosquitos em sua comunidade. No entanto, pouco depois, os testes foram aprovados para um local diferente em Keys. Apesar da aprovação, a oposição ao projeto controverso não cessou. No final de novembro de 2016, a Health News Florida informou que uma coalizão de grupos, incluindo o Centro de Segurança Alimentar e a Coalizão Ambiental da Flórida, protocolaram um aviso de 60 dias para processar a Food and Drug Administration dos EUA.

Em 2017, o Houston Chronicle informou que a Oxitec está trabalhando em um acordo com funcionários do Condado de Harris para liberar mosquitos da GE na área de Houston. A Oxitec está tentando influenciar as autoridades de Houston afirmando que seu produto tem uma taxa de sucesso de quase 100%. O site Gizmodo relatou:

A empresa (OXITEC) alega que os testes no Brasil, Panamá e Ilhas Cayman reduziram as populações de mosquitos em 90%, chamando o sucesso de “um nível sem precedentes” de controle humano sobre a natureza.

A Organização Mundial de Saúde, por sua parte, afirmou que, embora a tecnologia “tenha demonstrado a capacidade de reduzir as populações de mosquitos em testes de campo de pequena escala”, ainda há “uma ausência de dados sobre o impacto epidemiológico.")

O site Activist Post continuará a acompanhar os desenvolvimentos relacionados à liberação de mosquitos da GE, bem como a quaisquer novos desenvolvimentos relativos à morte de Mila de Mier. Gostaríamos de oferecer nossas condolências à família de Mila, bem como agradecer Mila de Mier por todo o seu trabalho incansável para educar o povo de Key West. Ela foi apoiada e amada por muitas pessoas que se inspiraram em seus esforços. Vamos honrar sua memória continuando sua luta.

Saiba...
Mosquitos Geneticamente Modificados Liberados aos Milhões, inclusive no Brasil

Fontes:

Natural News: Anti-GMO activist found dead in hotel pool, hours before planned delivery of 200,000 petition signatures to the EPA

Acitvist Post: Florida Activist Who Fought Release of GM Mosquitoes Found Dead in Hotel Pool

LINK: https://www.anovaordemmundial.com/2018/04/ativista-anti-mosquitos-transgenicos-e-encontrada-morta-em-piscina-de-hotel-goras-antes-de-entregar-uma-peticao-com-200000-assinaturas-a-epa.html

17.4.18

Militares russos encontram em Duma armazém (mantido por terroristas) para produção de armas químicas

Militares russos encontraram em Douma, na Síria, um armazém com substâncias necessárias para produção de armas químicas, informa o canal russo Zvezda.

"As substâncias encontradas, tais como tiodiglicol e dietanolamina, são necessárias para obter iperita sulfurosa ou nitrosa. Para além disso, no armazém foi encontrado uma botija com cloro, idêntico àquele que foi usado pelos radicais para produzir notícias falsas", destaca o Zvezda.

Acrescenta-se também que o armazém foi instalado no porão de um prédio residencial. Segundo detalhou um especialista das Tropas da Defesa Nuclear, Biológica e Química, o laboratório era usado pelos terroristas que controlavam a cidade.

Também foram encontradas "notas com fórmulas químicas e cálculos de proporções", as provas estão sendo examinadas pelos especialistas russos.

Mais cedo apareceram informações que o exército sírio havia encontrado em um dos povoados de Ghouta Oriental um esconderijo clandestino com equipamentos necessários para criar substâncias tóxicas.

No início de abril os países ocidentais acusaram Damasco de usar armas químicas na cidade síria de Douma. Moscou desmentiu as informações sobre o suposto uso de uma bomba de cloro pelos militares sírios. Como medida de resposta, os EUA, Reino Unido e França lançaram contra o território sírio mais de 100 mísseis que foram abatidos pelos sistemas de defesa antiaérea síria.

https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/2018041711014167-producao-armas-quimicas-siria-armazem/

Zuckerberg Admite que está desenvolvendo Inteligência Artificial para Censurar Conteúdo (Facebook)

Esta semana fomos presenteados com uma verdadeira atração carnavalesca, com Mark Zuckerberg, CEO de uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, testemunhando perante os comitês do Senado sobre as questões de privacidade relacionadas à manipulação de dados de usuários pelo Facebook.

lém de destacar o fato de que a maioria dos senadores dos Estados Unidos - e a maioria das pessoas - não entende o modelo de negócios do Facebook ou o contrato de usuário que eles já consentiram para usar o Facebook, o espetáculo deixou um fato claro:

Zuckerberg pretende usar a inteligência artificial para gerenciar a censura do discurso do ódio em sua plataforma.

Durante os dois dias de depoimento, o plano de usar a IA algorítmica para possíveis práticas de censura foi discutido várias vezes sob os auspícios de conter discursos de ódio, notícias falsas, interferência eleitoral, anúncios discriminatórios e mensagens terroristas.

De fato, a IA foi mencionada pelo menos 30 vezes. Zuckerberg afirmou que o Facebook está a cinco ou dez anos de uma robusta plataforma de inteligência artificial. Todos os outros quatro grandes conglomerados de tecnologia - Google, Amazon, Apple e Microsoft - também estão desenvolvendo IA, muitos para fins compartilhados de controle de conteúdo.

Por razões óbvias, isso deve preocupar ativistas das liberdades civis e qualquer um preocupado com a erosão dos direitos de primeira emenda online. O espectro intrigante de uma aliança de propaganda do governo corporativo não é uma teoria da conspiração.

Há pouco mais de um mês, o Facebook, o Google e o Twitter testemunharam perante o Congresso para anunciar o lançamento de uma campanha "counterspeech

" (contradiscurso) na qual mensagens positivas e moderadas serão direcionadas a pessoas que consomem e produzem conteúdo extremista ou radical.

Como as outras grandes redes sociais, o Facebook já foi atacado por acusações de censura contra notícias conservadoras e alternativas. A Electronic Frontier Foundation (EFF) destacou  alguns outros exemplos da “censura excessivamente zelosa” da empresa no passado.

O Facebook agora acredita que a IA será a resposta para todos os seus problemas.

Começamos no meu dormitório com poucos recursos e sem a tecnologia da inteligência artificial para identificar proativamente muitas dessas coisas”, disse Zuckerberg durante seu depoimento. “A longo prazo, construir ferramentas de inteligência artificial será a maneira escalável de identificar e erradicar a maior parte desse conteúdo prejudicial.

Para ser claro, a IA já está trabalhando no Facebook. "Hoje, enquanto nos sentamos aqui, 99% do conteúdo do ISIS e da al-Qaeda (Jomarion acrescenta mais aquilo que eles não querem, não gostam ou não aprovam pois pode “melar” os  objetivos de controle mundial) que derrubamos no Facebook, nossos sistemas de inteligência artificial são sinalizados antes que qualquer ser humano o veja", afirmou Zuckerberg.

Mas ele admite que as nuances linguísticas do discurso do ódio serão um dos problemas mais espinhosos para a IA.

Será possível que os "guardiões de informações", como o Facebook e o Google, usem a IA para regulamentar o conteúdo sem praticar a censura? Como observa a EFF, “o software de tomada de decisão tende a refletir os preconceitos de seus criadores e, é claro, os vieses embutidos em seus dados”.

É claro que, em uma época em que o governo americano parece cada vez mais uma “corporatocracia” com uma porta giratória entre o Vale do Silício e o Departamento de Estado, uma discussão sobre censura corporativa invariavelmente inclui um reconhecimento da propaganda do governo, que foi oficialmente legalizada em 2012 sob o NDAA de Obama.

É realista para nós não esperarmos uma sobreposição entre o que o governo quer que acreditemos e o que as corporações permitem como liberdade de expressão?

Em um ponto durante seu depoimento, um senador perguntou a Zuckerberg se ele acha que o Facebook é mais confiável com os dados do usuário do que o governo. Depois de uma longa pausa, Zuckerberg respondeu: "Sim".

Este momento foi completamente negligenciado, mas Zuckerberg essencialmente confirmou em uma palavra que, apesar de toda a conversa sobre violações de privacidade, ele ainda acredita que o governo é pior na questão da privacidade. E depois de tudo revelado a nós por Edward Snowden e WikiLeaks, ele está errado?

Mais importante, já que a IA abrigará os vieses e valores da entidade que a cria, por que assumiríamos que a IA tornará os humanos mais seguros? A IA (pelo menos IA precoce) fará o lance de seu criador. Embora o aprendizado da máquina possa ser o futuro árbitro da liberdade de expressão, serão os programadores corporativos e governamentais que determinam seus protocolos. E como já sabemos, os direitos dos cidadãos e os direitos dos tecnocratas não são os mesmos.

Leia também:

Facebook Analisa as Fotos e Links que Você Envia no Messenger

Elon Musk Excluiu Todas as Contas do Facebook, Enquanto a Hashtag #deletefacebook Explode no Mundo Todo

Fontes:

Activist Post: Zuckerberg Admits He’s Developing Artificial Intelligence to Censor Content

The Washington Post: AI will solve Facebook’s most vexing problems, Mark Zuckerberg says. Just don’t ask when or how.

LINK: https://www.anovaordemmundial.com/2018/04/zuckerberg-admite-que-esta-desenvolvendo-inteligencia-artificial-para-censurar-conteudo.html
15.4.18

Zuckerberg se contradiz sobre interferência russa em eleição

Mark Zuckerberg, o executivo-chefe do Facebook, está depondo no Congresso dos EUA nesta terça (10) e quarta-feira (11), respondendo a perguntas sobre o fracasso da rede social em proteger os dados de milhões de usuários e seu papel na interferência russa na eleição presidencial de 2016.

Aqui estão algumas afirmações de Zuckerberg, assim como dos parlamentares, cuja veracidade verificamos.

“Nós fizemos mudanças em 2014 que teriam evitado o que aconteceu com a Cambridge Analytica acontecesse hoje.” 

Não exatamente... A Cambridge Analytica, uma firma de dados políticos, usou informação que havia sido coletada de até 87 milhões de usuários do Facebook vários anos atrás para formar perfis psicológicos dos eleitores. O Facebook anunciou mudanças em 2014 para limitar o acesso de novos aplicativos aos dados de seus usuários, mas foi só em 2015 que a companhia aplicou mudanças para afetar todos os apps da plataforma. 

Quando perguntado quando o Facebook soube das operações de influência da Rússia na rede social, Zuckerberg disse: “Exatamente na época da eleição de 2016”.

Contraditório... O Facebook há muito tempo afirmou que não sabia como agentes russos usaram sua plataforma para influenciar a eleição presidencial até meados de 2017. Enquanto Alex Stamos, diretor de informações do Facebook, advertiu a companhia de que hackers russos podem ter atuado na plataforma em meados de 2016, ele disse que estava procurando brechas na segurança cibernética, e não campanhas de desinformação ligadas às eleições.

Na terça-feira, Zuckerberg citou pela primeira vez 2016 como data em que a empresa identificou novas operações ligadas à eleição. “Você não pode ter uma conta falsa no Facebook. Seu conteúdo tem de ser autêntico.”

Verdadeiro, mas... O Facebook exige que as pessoas se registrem nas contas com seus verdadeiros nomes. Mas o fato é que contas falsas e páginas falsas persistiram na rede social.

Agentes russos criaram contas no Facebook com identidades falsas antes da eleição presidencial de 2016. E só nesta semana o Facebook removeu uma popular página do Black Lives Matter (Vidas Negras Importam, em inglês) depois que se descobriu que não era autêntica.

“A Cambridge Analytica não estava usando nossos serviços em 2015, pelo que sabemos.”

Falso...  Ex-funcionários da Cambridge Analytica disseram a “The New York Times” que já usavam o Facebook em 2014. Zuckerberg disse mais tarde que tinha se enganado.  “Na verdade, a primeira linha de nossas condições de uso diz que você controla e possui a informação e o conteúdo que você coloca no Facebook.” 

Verdadeiro, mas... Durante a audiência, mostraram a Zuckerberg as condições de uso do app de teste que Alexander Kogan, um acadêmico russo-americano, usou para obter dados de usuários do Facebook.

A letra miúda talvez dissesse aos usuários que seus dados poderiam ser usados para fins comerciais, segundo um rascunho das condições de uso do app que foi revisado pelo “Times”, e que foi mostrada a Zuckerberg pelo senador democrata Richard Blumenthal, de Connecticut.

Em outras palavras, parece que o Facebook talvez não tenha verificado regularmente para garantir que os apps estivessem de acordo com suas regras. 

O texto final das condições de uso do app de Kogan hoje é provavelmente desconhecido. Executivos do Facebook disseram que deletaram o app em dezembro de 2015, depois que descobriram sobre a coleta de dados. 

Quando foi perguntado se os usuários do Facebook e seus amigos haviam consentido em compartilhar seus dados com o app de Kogan, Zuckerberg disse: “Acredito que apresentamos essa plataforma de desenvolvedor e explicamos às pessoas como ela funcionava e elas consentiram”.

Não exatamente... Os usuários do Facebook que baixaram o aplicativo de teste de Kogan consentiram em compartilhar suas informações e as de seus amigos ao concordar com as condições do app. Mas seus amigos não estavam cientes de que suas informações tinham sido compartilhadas e não concederam autorização expressa.                                                

E notas em letra miúda muitas vezes são ignoradas ou mal compreendidas. Várias pessoas que usaram o app disseram ao “Times” que não tinham ciência de que ele coletava seus dados. Estudos e pesquisas mostraram que a maioria das pessoas clica concordando com as condições de uso sem realmente as ler.

“A campanha do presidente Obama desenvolveu um app usando a mesma função do Facebook que a Cambridge Analytica, foi para captar informações não apenas de milhões de usuários do Facebook, mas de milhões de seus amigos.” (Chuck Grassley, senador republicano) 

Comparação enganosa... Mais de 1 milhão de pessoas baixaram o app da campanha de Obama em 2012, que obtinha acesso aos dados de apoiadores e seus amigos. Os usuários do Facebook que baixaram o app da campanha de Obama estavam cientes de seus objetivos: apoiar e fazer campanha para um candidato político.

Os que baixaram o app de Kogan, porém, acreditavam estar fazendo um teste pessoal para fins acadêmicos e não sabiam que seus dados seriam usados pela Cambridge Analytica.  “Compare isso, por exemplo, com uma área como encontrar propaganda terrorista, no que de fato já tivemos grande sucesso empregando ferramentas de Inteligência Artificial.”

Falta contexto... Quão bem sucedido foi o Facebook em encontrar e eliminar propaganda terrorista de sua plataforma ainda está em discussão. O Facebook e outras empresas de rede social foram criticados pelo Parlamento britânico em um relatório de 2017 por “deixar de retirar conteúdo ilegal quando solicitado a fazê-lo —incluindo material de recrutamento terrorista perigoso, promoção de abuso sexual de crianças e incitação ao ódio racial”. O relatório chamou de vergonhosa a falta de ingerência das empresas.

Na semana passada, o Projeto Contra o Extremismo, uma entidade sem fins lucrativos que combate grupos extremistas, também disse que encontrou contas de alguns extremistas que continuavam ativas no Facebook.

“Em maio de 2016, o Gizmodo relatou que o Facebook tinha proposital e rotineiramente suprimido histórias conservadoras das principais notícias.” (Ted Cruz, senador republicano)...  Falta contexto. Um ex-funcionário do Facebook disse ao Gizmodo em 2016 que pessoas que trabalhavam na rede social impediram que histórias sobre conferências e candidatos de extrema-direita virassem tendência no Facebook. 

Outros ex-funcionários desmentiram essa sugestão e o Gizmodo disse que era “incapaz de determinar se temas de notícias ou fontes de esquerda foram igualmente suprimidas”. O Facebook negou as afirmações na época, mas o episódio salientou a questão de se a rede social era uma entidade de mídia.

“Nós já temos uma ferramenta ‘Baixe suas informações’ que permite que as pessoas vejam e retirem toda a informação que colocaram no Facebook.” 

Não exatamente... Enquanto o Facebook recentemente adotou uma ferramenta que permite que as pessoas baixem dados que a plataforma coletou sobre elas, a ferramenta parece estar incompleta. Algumas pessoas notaram que alguns dados estão ausentes, como uma antiga função do Facebook que permite que você “cutuque” pessoas.

O Facebook hoje permite que os usuários optem por sair de certas categorias de dados, incluindo decidir o que é compartilhado com anunciantes. Mas certos dados básicos sempre serão compartilhados com a companhia, a menos que a conta do Facebook seja permanentemente deletada pelo usuário.

“Eu não acredito que algum dia coletamos o conteúdo de telefonemas.”

Verdadeiro, mas... Embora o Facebook não colete o conteúdo de telefonemas, ele vem coletando registros e dados de SMS de dispositivos Android que têm o app Facebook instalado.  Os usuários de Android que baixaram recentemente os dados que o Facebook armazena sobre eles ficaram surpresos ao saber que a companhia tinha informações sobre todo o seu histórico de ligações, remontando a anos. 

O Facebook explicou recentemente em uma postagem em blog que os usuários podem optar por que o Facebook não colete esses dados. 

Sheera Frankel - Folha

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2018/04/zuckerberg-se-contradiz-sobre-interferencia-russa-em-eleicao-veja-checagem.shtml

15.4.18

Um dos motivos do ataque à Siria (atingir a Rússia)

Libertação de Ghouta Oriental (Dia 11) foi uma vitória marcante, diz especialista

Em 11 de abril foi anunciado que o exército sírio assumiu o controle total sobre Ghouta Oriental. O especialista russo Aleksandr Vavilov explica o que significa essa vitória das forças governamentais e por que ela é um evento marcante.

Na quarta-feira (11), o chefe do Centro Russo de Reconciliação na Síria, o major-general Yuri Yevtushenko, declarou que o governo sírio assumiu o controle da região de Ghouta Oriental, subúrbio de Damasco, que estava sob o controle dos militantes do grupo radical Jaysh al-Islam.

Para o professor da Academia de Diplomacia junto do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Aleksandr Vavilov, a retomada do controle sobre Ghouta Oriental é uma vitória marcante. 

"O que é o mais importante é que essa região era o último bastião dos terroristas perto da capital. O fato de os terroristas terem sido expulsos dali e acordado que eles vão abandonar essa região estrategicamente importante é uma grande vitória. É de assinalar o papel do Centro Russo de Reconciliação, porque sem seus esforços, sem sua mediação, evidentemente, teria sido muito difícil e, possivelmente, até impossível chegar a um acordo", disse ele em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik

Segundo Vavilov, as ações dos militares russos na Síria diferem significativamente da tática das tropas norte-americanas no país.

"É de assinalar que as nossas ações contrastam muito com as da chamada coalizão norte-americana, que bombardeou Raqqa e abandonou-a, até agora as ruas estão cheias de cadáveres em decomposição, todos sabem que a cidade vive uma catástrofe humanitária.

Ao contrário, nossos militares não apenas evacuaram os civis das regiões perigosas, mas também lhes forneceram, com a mediação do nosso centro, roupas, ajuda médica, moradia – eles não tiveram isso durante muito tempo, quando os bandidos operavam na região", explicou ele.

O Centro Russo de Reconciliação na Síria continua o trabalho de evacuação dos militantes e suas famílias de Douma. Durante a operação em Douma, foi possível evacuar mais de 165 mil pessoas e libertar 250 reféns dos grupos armados ilegais. 

Fonte:  https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/2018041210969816-ghouta-oriental-vitoria/

14.4.18

EUA atacaram Síria porque não suportam derrota de 'seus' grupos terroristas

Especialista político explica que razões estão por trás do recente ataque lançado pelos EUA e seus aliados contra a Síria.

O ataque conjunto realizado neste sábado pelos EUA, Reino Unido e França contra a Síria teve lugar porque essas potências ocidentais "não suportam a derrota" de "seus" grupos terroristas que operam em território sírio, onde os extremistas "praticamente foram eliminados", opina o analista político Basem Tajeldine.

O especialista supõe que o bombardeio contra Damasco "não é justificado" e "não há provas" do suposto ataque químico levado a cabo na semana passada na cidade síria de Douma (Ghouta Oriental) e que Washington e seus aliados usaram-no como pretexto para atacar o país árabe.

Ao mesmo tempo, ele afirma que os Estados ocidentais, com ajuda de seus meios de comunicação, "são muito bons" em "construir 'shows' mediáticos e manipular a informação", justificando, assim, sua agressão.

"A melhor explicação deste bombardeio é a reação desesperada dos EUA" que tentam "apoiar os grupos terroristas derrotados", violando o direito internacional e o raciocínio, afirmou.

Falsos argumentos para justificar o ataque

Tajeldine sublinha que o ataque aéreo contra Síria se realizou na véspera de a Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ) iniciar sua investigação sobre o suposto ataque químico na cidade síria de Douma.

EUA e seus aliados "déspotas" têm "estado utilizando falsos argumentos para agredir a Síria" e planejavam fazer com este país o que já fizeram com a Líbia e o Iraque, assegurou.

No entanto, o especialista político está seguro que eles "subestimaram" o apoio prestado a Damasco pelo Irã e pela Rússia, sendo que os EUA e seus aliados europeus não conseguiram atingir todos os alvos que planejavam afetar.

Para concluir, o analista indica que a única forma como a Síria pode dissuadir e deter este tipo de agressões por parte de "assassinos" como o imperialismo é "armar-se como o fazem o Irã ou a Coreia do Norte, apesar das críticas que têm que enfrentar.

Fonte: https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/2018041410986827-eua-ataque-siria-derrota-terroristas/

14.4.18

Amigos deste site:

Cabala Khazariana Maligna, apoiada por Israel e ancorada nos EUA  e Inglaterra (que estão pressionando o desequilibrado Presidente Trump, um "palhaço global") está tentando levar o mundo a uma III Guerra, com apoio de Emmanuel Macrom, o provável Anti-Cristo. Não acreditem na Mídia oficial, eles não sabem o que está  acontecendo, apenas noticiam o que é mandado. Procurem os blogs e sites alternativos. Divulguem a Verdade!  Jomarion

Rússia diz que ataque químico em Duma foi fabricado (Falsa Bandeira)

...O ministro russo do Exterior, Serguei Lavrov, disse nesta sexta-feira (13/04) que seu país possui provas irrefutáveis de que o suposto ataque químico ocorrido na cidade síria de Duma, último bastião dos rebeldes em Ghouta Oriental, foi orquestrado por uma agência de inteligência estrangeira para culpar Moscou e o regime em Damasco. Segundo ministro, especialistas russos não encontraram evidências no local...

“Temos informações irrefutáveis de que se trata de um novo ataque fabricado, e que por trás dele estão serviços secretos de um país (Jomarion... Reino Unido e sua “ministra louca” - Teresa May, mulher decaida apoiadora do provável Anti-Cristo – Macron) que se esforça para estar na vanguarda da campanha contra a Rússia”, disse Lavrov, sem especificar a que nação se referia.

O ministro russo do Exterior, Serguei Lavrov, disse nesta sexta-feira (13/04) que seu país possui provas irrefutáveis de que o suposto ataque químico ocorrido na cidade síria de Duma, último bastião dos rebeldes em Ghouta Oriental, foi orquestrado por uma agência de inteligência estrangeira para culpar Moscou e o regime em Damasco.

A cidade de Duma, local do suposto ataque com armas químicas, foi castigada por bombardeios das forças sírias (Jomarion...contra terroristas e rebeldes, a mando de governos ocidentais)

Ele disse ainda que tal crise beneficia apenas “aqueles que realizam esforços contínuos para desestabilizar a região e avançar em seus objetivos geopolíticos”, referindo-se, dessa vez, aos Estados Unidos.

A declaração do ministro russo ocorre um dia antes da chegada de uma equipe da Organização para a Proibição das Armas Químicas (OPAQ) em Duma, que irá buscar provas do suposto ataque. Segundo Lavrov, especialistas russos já inspecionaram a região.

“Nossos especialistas, que já estiveram no local, não encontraram nenhum rastro do uso de armas químicas, seja cloro ou outra substância”, afirmou.

Vejam esta denúncia de 2013:

Descoberto Plano, em janeiro de 2013, com o apoio dos EUA para lançar um FALSO ATAQUE  com armas químicas sobre a Síria e jogar a CULPA no regime de Assad

O Ministério do Exterior russo disse ainda que não foram identificados pacientes com sintomas de ferimentos causados por armas químicas em hospitais da região, bem como nenhuma indicação de que vítimas do suposto ataque tivessem sido enterradas.

Um relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), por outro lado, afirmou nesta semana que os sintomas de 500 pacientes tratados após o incidente apontam que houve, de fato, o uso de armas químicas. Os governos da Síria e da Rússia asseguraram que vão garantir o acesso da missão da OPAQ ao local do suposto ataque químico.

Duma se tornou o maior motivo do agravamento das tensões entre o regime do presidente Bashar al-Assad, aliado de Moscou, e países do Ocidente (EUA, OTAN e ISRAEL) (Jomarion... Tríplice aliança do Mal) , que responsabilizam Damasco pelo ataque.

A Rússia defende que as acusações do uso de armas químicas em Duma por parte das forças sírias são uma tentativa de justificar uma intervenção militar no país árabe PELO OCIDENTE. Lavrov disse esperar que não haja na Síria uma repetição do que ocorreu na Líbia e no Iraque. “Que Deus não permita que outra aventura dessas ocorra na Síria, após as experiências líbia e iraquiana.

O ministro alertou que o menor erro de cálculo poderia gerar novas ondas migratórias, e que ultimatos e ameaças não contribuem para o diálogo. “Mesmo incidentes pouco significativos poderiam levar a novas ondas de migrantes para a Europa, além de outras consequências que nem a Rússia nem nossos vizinhos europeus gostariam.”

Moscou, que considera inadmissível culpar Damasco pelo uso de armas químicas em Duma, advertiu que as consequências de um possível ataque dos EUA e seus aliados contra o Exército sírio seriam graves, especialmente se as forças russas no país forem afetadas (ISTO É ATACADAS).

Há poucos dias, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, mencionou a possibilidade de atacar a Síria com “mísseis inteligentes” em represália ao suposto ataque químico. Mais tarde, o governo americano adotou um tom mais ameno, desmentindo que uma ação militar estivesse prestes a ocorrer. (RC/efe/ap/rtr)

(Jomarion... observem como o “palhaço Global Trump” não sabe pra que lado vai... é covarde e tem medo da Cabala Negra Khazariana)

Edição original: Thoth3126@protonmail.ch

Fonte: ww.thoth3126.com.br

Link: https://thoth3126.com.br/russia-diz-que-ataque-quimico-em-duma-foi-fabricado-falsa-bandeira/

O c i d e n t e   I n s a n o  

"O MUNDO ESTÁ SE PERGUNTANDO: TERIA A AMÉRICA FICADO INSANA?"

Benjamin Fulford - 09.04.2018

A atual liderança do mundo anglo-saxônico está agindo de uma maneira que só pode ser descrita como insana, emitindo uma serie, obviamente, falsa e incendiária de alegações, uma após outra, numa vã tentativa de provocar uma Terceira Guerra Mundial.

Está fazendo isso, porque a atual liderança está, literalmente, lutando para sobreviver, enquanto, os rangidos da rodas da justiça inevitavelmente se aproximam.
É por isso que,
recentemente, vimos que as alegações histéricas da primeira-ministra britânica Theresa May, de que a Rússia usou gás venenoso dentro do Reino Unido estão sendo negadas por peritos de seu próprio governo.

Esta, também, é a razão pela qual o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump foi forçado, por chantagem, ou enganado como um idiota, ao falsamente acusar o governo sírio de mais uma vez atacar seus próprios civis com armas químicas.
Em ambos os casos, as acusações acabaram sendo feitas pelos próprios autores dos crimes.

No Reino Unido, foram elementos de seus próprios serviços de inteligência que criaram o incidente com gás venenoso, confirmam fontes da CIA e do MI5. O enviado russo na ONU, Vasily Nebenzya, classificou o comportamento do Reino Unido como um "teatro do absurdo". 
No caso da Síria, agentes dos EUA e do Reino Unido foram pegos em flagrante com armas químicas proibidas em sua posse. 

https://www.veteranstoday.com/2018/04/08/proof-intel-drop-trump-bolton-behind-syria-chemical-attacks-confirmed/

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, resumiu as opiniões de muitos países sobre a política externa dos EUA sob o governo Trump, destacando que ela é “muito controversa”, “obscura” e administrada por pessoas que não tem mais de um ano de experiência.
https://tass.com/politics/997996

A impressão geral é que a administração Trump está indo contra todos os principais acordos internacionais assinados nos últimos anos sem, realmente, oferecer alguma alternativa, concordam várias fontes.
Além disso, os funcionários de Trump no US Commerce, trabalhando contra a opinião do Pentágono, declararam uma guerra comercial com a China, apesar de estarem matematicamente condenados a perdê-la. O governo chines já avisou que vai "lutar até o fim, a qualquer custo".

Então, o que realmente está acontecendo? A resposta, claro, é que o grupo de líderes ocidentais que nos trouxe a falsa Guerra ao Terror e as várias invasões que se seguiram, temem perder força e, consequentemente, serem acusados de múltiplos crimes de guerra. Esta é a verdadeira razão pela qual eles, coletivamente, estão agindo de uma maneira irracional e histérica.

A situação nos EUA continua a ser a mais intensa, como uma guerra civil não declarada, mas na verdade, está acontecendo.
Esta “guerra” se opõe a facção fascista khazariana que encenou o 11 de Setembro, a Guerra do Iraque e Fukushima contra patriotas que querem restaurar a democracia e o estado de direito no Ocidente.

Ao contrário da guerra aberta nas guerras civis anteriores, esta está sendo travada contra os instrumentos de controle mental em massa, incluindo dinheiro, propaganda, guerra cibernética, assassinatos direcionados e batalhas não divulgadas entre forças especiais.

Os ataques em andamento contra Facebook, Amazon, Google, Twitter e Microsoft, mesmo que esses gigantes da internet se esforcem para censurar a web, apenas é  um dos aspectos visíveis desse novo tipo de guerra.

Também, há uma guerra espacial e uma dimensão oculta,
é visível para a população de superfície em pequenos vislumbres, algo muito parecido com pessoas num barco assistindo uma batalha entre monstros marinhos que acontecendo, principalmente, debaixo d'água. 

A mais recente novidade desse tipo foi
  a queda da estação espacial chinesa Tiangong-1. Ela foi derrubada pelas forças dos EUA em retaliação aos recentes icidentes com navios de guerra dos EUA, aparentemente planejados pelos chineses, disseram fontes da CIA. Agora, três grupos de porta-aviões dos EUA estão indo para o Mar da China Meridional para confrontar um enorme grupo de batalha chinês, disseram as fontes da CIA.

Na verdade, porém, os dois grupos podem estar enfrentando um inimigo comum, dizem fontes do Pentágono, onde a maior parte da ação está acontecendo debaixo d'água e em segredo, dizem as fontes.
De acordo com fontes da CIA, "a verdadeira razão para todo o barulho das forças militares ocidentais é que a China parece ter se tornado a nação vitoriosa na batalha pelo controle do Mar do Sul da Chinal.

Aqui está um resumo do relatório da CIA sobre a situação:
Anualmente, existe um valor estimado em US $ 5 trilhões em mercadorias que cruzam pelo Mar do Sul da China. O país que controlar o fluxo dessas mercadorias, basicamente controla os US $ 5 trilhões e tudo o que estiver associado a ele.
A Marinha do Exército de Libertação Popular (a Marinha do ELP) começou a construir uma rede de sensores submarinos passivos e ativos, localizados a até 3.000 metros de profundidade.

Estes são incorporados num cimento recentemente desenvolvido, contém polímeros especiais e, agora, é conhecido como o melhor cimento do mundo - pode durar mais de 150 anos debaixo d'água sem se deteriorar. Este massivo projeto, também, envolve bases subaquáticas que incluem câmeras especiais e plataformas submarinas profundas.

O componente do fundo do mar dessa parede perimetral contém hidrofones especiais e detectores de anomalias magnéticas. Isso ajudará na detecção e rastreamento de submarinos e navios inimigos de forma autônoma. A criação de uma área de restrição e bloqueio de rotas marítimas é considerada, pela China, crítica para sua segurança.

Este projeto foi iniciado em 2016 e agora está completo. Esta parede perimetral, circunda completamente a Linha dos Nove Traços que a China, unilateralmente, proclamou em 1947 como seu território marítimo histórico e que atinge até 90% dos 2 milhões de quilômetros quadrados do Mar do Sul da China.

Tem havido alguns artigos sobre isso, mas nada realmente detalhado. Existem alguns vídeos no YouTube, mas que, todavia, não contam a história real.
Recentemente Isso foi publicado na  Zee News India:

https://www.google.co.id/amp/zeenews.india.com/world/pla-builds-the-great-underwater-wall-in-south-china-sea-for-warfare-advantage-2082947.html/amp

O que não está sendo revelado nas notícias é que a muralha submarina da China fica a 7 km da costa do Vietnã e a 25 km da costa de Brunei. Nenhum governo quer divulgar essa realidade. (Eu tenho essa informação de um homem que esteve no local e viu onde os perímetros realmente estão). 
Há mais nessa história que acabou de vazou ontem à noite. Mais manobras militares dos EUA e da China no Mar da China Meridional estão apenas começando, devido à suposta “guerra comercial” que começou entre os dois países.

https://youtu.be/CadtB16S6Ko

A verdadeira pergunta que surge é: Por que isso não foi revelado e parado há dois anos atrás? Ou a China realmente tem direitos marítimos históricos sobre a maior parte do Mar do Sul da China? Até agora, parece que ela tem.  Autoridades chinesas de inteligência de alto nível explicam que a China está simplesmente recuperando o território que preservou ao longo da história, até que os navios de guerra ocidentais a tomaram no século XIX.

E que a China precisava construir uma linha de defesa, onde o oceano tinha 3.000 metros de profundidade para que seus submarinos pudessem se movimentar sem serem descobertos. "O objetivo é garantir que nenhum país faça os cálculos errados e achar que pode se safar com um ataque nuclear preventivo contra a China", explicou um ex-funcionário do Politburo.

Agora, está claro que o início, em 26 de Março, dos contratos de futuros de petróleo apoiados pelo Yuan lastreado em ouro, negociados em Xangai, foi um movimento que os chineses estavam preparando cuidadosamente por pelo menos uma década. Isso começou em 2008, quando a máfia khazariana ameaçou a China com um corte no petróleo do Oriente Médio e um bloqueio de suas costas, se tentasse usurpar o petrodólar.


O ataque de 11 de Março de 2011 a Fukushima, no Japão, tinha a intenção de intimidar os japoneses e impedi-los de nacionalizar o Banco do Japão, uma pedra fundamental do sistema de petrodólares. Assim, os chineses aprenderam a lição de Fukushima e construíram sua Grande Muralha Submarina da China, para evitar um ataque similar.

Os chineses, também, começaram a estocar petróleo da África, Rússia, América do Sul e outros países em preparação para o grande movimento. A conclusão de um oleoduto de 600.000 barris por dia da Rússia em Janeiro foi uma das últimas peças a serem montadas. 
https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-01-01/second-chinese-crude-oil-pipeline-linked-to-russia-s-espo-opens

Este movimento chinês contra o petrodólar não deve ser confundido com um movimento contra os Estados Unidos. Este, é um movimento contra os cerca de 700 mafiosos khazarianos que usaram seu controle do petrodólar como parte de seu plano para escravizar a humanidade.

De fato, patriotas nos Estados Unidos estão lutando ao lado de aliados asiáticos para libertar o povo americano. É por isso que uma “base submarina em Malibu, na Califórnia, foi destruída, causando um terremoto de magnitude 5,3 em 5 de Abril”, disseram fontes do Pentágono.

Na oportunidade, os militares dos EUA estavam eliminando uma base no fundo do mar, que estava envolvida nos ataques que recentemente causaram todos os incêndios misteriosos no norte da Califórnia. Eles não disseram a quem pertencia essa base, mas aparentemente essa e, talvez, outras,
foram financiados pela filial californiana da máfia khazariana.

Também, é por isso que os militares dos EUA garantiram que todos os chefes da máfia khazariana foram removidos do Conselho de Diretores do Federal Reserve. O novo presidente do Federal Reserve Bank, de Nova York, John Williams, já declarou publicamente que a criação de uma nova moeda americana deve usar novos objetivos, tais como o rendimento médio, em vez de entregar o dinheiro para os bancos privados controlados pelos oligarcas khazariano. Concentrar-se numa "renda mediana", basicamente, significa dar dinheiro ao americano médio, em vez de uma elite ocultista.
https://www.zerohedge.com/news/2018-04-03/john-williams-named-next-new-york-fed-chair

Além disso, como parte deste movimento contra os khazarianos e seu trabalho de "criar dinheiro a partir do nada", foi apresentado um projeto de lei ao Congresso dos EUA para solicitar que a moeda dos EUA seja apoiada em ouro. (A propósito, o ouro será fornecido por amigos asiáticos do povo americano, de acordo com fontes da Sociedade Dragão Branco - SDB). Nessa frente, as negociações ultrassecretas estão em andamento, devendo envolver "dezenas de trilhões de dólares”, disponibilizados para ajudar a reconstruir os Estados Unidos, disseram fontes envolvidas nas negociações.
https://www.congress.gov/bill/115th-congress/house-bill/5404/text

Também, existe uma dimensão africana muito subestimada nesta épica batalha contra os senhores khazarianos. Nesta frente, o presidente do Zimbábue, Emmerson Mnangagwa, na semana passada, visitou a China e declarou que seu país adotaria um modelo de desenvolvimento chinês. 
https://usa.chinadaily.com.cn/a/201804/04/WS5ac3bf60a3105cdcf6516148.html

Cinco senadores americanos foram cumprimentá-lo, quando ele voltou da China, "porque o ouro africano e outros recursos naturais irão financiar o novo sistema financeiro apoiado por metais preciosos”, explicam as fontes do Pentágono.
Para ajudar no preparo do novo sistema, uma lavagem sistemática da rede de controle da máfia khazariana continua nos Estados Unidos, disseram as fontes.

Parte disso envolveu um ataque à rede de túneis subterrâneos e esconderijos na ilha pedófila de Jeffrey Epstein, dizem elas. Seguiram-se os voos com fotografias de khazarianos proeminentes, como o ex-presidente dos EUA, Bill Clinton, com uma garota menor de idade (embora isso pareça ter sido excluído da Internet no momento em que este artigo foi publicado). Além disso, "o Departamento de Justiça fechou o site de sexo, tráfico e pedofilia, Backpage.com", observa a fonte.

Em breve, pode até haver guerra na Califórnia. “A ala esquerda da Califórnia está cambaleando contra as ações judiciais do DOJ, bem como uma revolta dos governos locais”, dizem as fontes do Pentágono. "Tropas americanas poderiam ser enviadas para acabar com a insurreição da Califórnia", acrescentam. "A Guarda Nacional foi enviada para fronteira mexicana para deter terroristas, gangues, drogas, armas e tráfico de seres humanos e crianças", observam eles.
A segunda Revolução Americana começou.

Autor: Benjamin Fulford 

Veja mais artigos do Benjamim Fulford Aqui

https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/04/benjamin-fulford-o-mundo-esta-se.html

11.4.18

Jomarion... Vejam abaixo quem produz "armas químicas"

Os Estados Unidos estão desenvolvendo armas biológicas em laboratórios de todo o mundo


Um relatório recente do jornalista búlgaro Dilyana Gaitandzhieva revelou que os Estados Unidos estão produzindo vírus, bactérias e toxinas mortais, violando assim a Convenção das Nações Unidas sobre a Proibição de Armas Biológicas.
https://www.mondialisation.ca/

O jornalista búlgaro Dilyana Gaitandzhieva, conhecido pela sua investigação sobre o fornecimento de armas ocidentais aos terroristas na Síria, publicou outra grande revelação, desta vez para os laboratórios secretos americanos operam sob pretensos "centros médicos" em 25 países. (Jomarion... apadrinhados pelas farmaceuticas da morte)

Os fatos apresentados no relatório confirmam o desenvolvimento de armas biológicas pelos militares dos EUA. Especialistas militares presentes em pessoas com estatuto diplomático, laboratórios estão envolvidos em estudos sobre os vírus mais perigosos. Vale ressaltar que a maior concentração dessas "instituições médicas" está localizado nas fronteiras com China e Rússia.

Apenas o território ucraniano tem 11 laboratórios onde o acesso é estritamente limitado. governo até mesmo o país não tem informações completas sobre as actividades dos laboratórios, enquanto Kiev é obrigado a transferir cópias de seus desenvolvimentos e estirpes de bactérias patogênicas no Pentágono, de acordo com acordos bilaterais.

Não é de surpreender que a mortalidade por doenças virais, como hepatite A, cólera ou gripe suína, é o maior em regiões onde laboratórios biológicos estão localizados. Imagine que em 2016, apenas alguns meses, um vírus desconhecido semelhante ao da gripe já matou mais de 300 pessoas na Ucrânia.

Além de vírus mortais, especialistas americanos desenvolver métodos de sua propagação e entrega. Na primavera de 2017,  habitantes da Chechênia viram um drone dispersar o pó branco na fronteira com a Geórgia. Além disso, os pesquisadores liberação de insetos infectados que então causam doença contagiosa ou morte entre a população local. Por exemplo, vários casos de febre hemorrágica da Crimeia-Congo foram relatados na Geórgia que esta doença era típico para países da África Central.

Laboratórios biológicos são patrocinados pela " Threat  Reduction" Agência de Defesa Threat Reduction Agency (DTRA). Os principais contratantes que fornecem construção e apetrechamento de instalações são empresas privadas dos EUA, como Southern Research Institute, CH2M Hill e Battelle Metabiota.

Infelizmente, o relatório de Dilyana Gaitandzhieva "passou despercebido". Além disso, os participantes da conferência sobre biossegurança  realizada no início de março no Parlamento Europeu ignoraram este assunto tão sensível.

O porta-voz do Departamento de saúde Robert Kadlec foi incapaz de responder as perguntas difíceis da jornalista e parecia extremamente confuso. 

É difícil imaginar que em poucos anos, cenas de filmes de Hollywood sobre matança de pessoas e terríveis epidemias com vírus mortais poderão ser uma realidade.

Leia mais em  https://southfront.org/pentagon-bio-weapons      

Fonte: https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2018/04/les-etats-unis-developpent-des-armes.html

10.4.18

Crise na Síria

A Mídia da Elite mente... entenda aqui

Estados Unidos encarregaram israelenses de atacar Síria, afirma analista militar

O último ataque de Israel contra a base aérea síria era necessário não apenas para distrair a atenção das vitórias do exército sírio em Ghouta Oriental, mas também para submeter à prova o sistema da defesa antiaérea da Síria, opina Muhammed Mulhem, general de brigada e analista militar sírio.

Segundo ele, este ataque foi coordenado com o comando americano. Para além disso, os estadunidenses não realizaram eles próprios este ataque porque não queriam uma confrontação direta com a Rússia, por isso os EUA delegaram esta tarefa à Força Aérea israelense.

Na noite para segunda-feira,  aviões israelenses atacaram uma base aérea síria  a partir do território libanês, de acordo com Ministério da Defesa russo. De acordo com a mídia síria, o ataque resultou em vítimas e feridos. Três mísseis atingiram o alvo, outros cinco foram abatidos.

"O ataque contra base T-4 foi realizado para elevar o moral dos terroristas, para que estes continuem sua tarefa de destruir a Síria. Hoje em dia eles fazem tudo para adiar a derrota completa dos terroristas e distrair a atenção da derrota dos EUA em Ghouta Oriental. As declarações dos EUA que eles não realizarão ataques contra a Síria tem que ser entendido como eles não quererem uma confrontação direita com a Rússia", destacou.

Para o analista, Israel cumpriu a tarefa de realização deste ato de agressão em vez dos EUA. A Rússia disse que a resposta à agressão por parte dos americanos será dura, por isso Israel virou o executante, frisou Muhammed Mulhem, acrescentando que sem coordenação com os EUA este ataque não seria possível.

É importante referir que o sistema de defesa antiaérea sírio demostrou sua capacidade e prontidão para repelir o ataque, continuou o general de brigada em conversa com a Sputnik Árabe. Para além disso, os aviões de Israel não se arriscariam a atravessar a fronteira da Síria porque seriam abatidos.

"Estamos vendo que o exército sírio continua sua ofensiva contra as posições dos terroristas. Claro que, de uma maneira ou outra, está decorrendo uma luta contra os americanos que apoiam os militantes", disse.

No que diz respeito à retirada das tropas americanas da Síria, Muhammed Mulhem destacou que essa decisão não depende apenas do presidente Trump, existem vários centros de análise e especialistas que examinam as consequências de diferentes decisões.

"Esperamos que nos próximos seis meses os americanos deixem a Síria. Hoje em dia Washington tenta puxar os europeus para o conflito sírio para depois poder atribuir a derrota a eles. Conseguiremos a saída dos ocupantes da Síria através das negociações em Astana e Genebra ou usando a força das armas", resumiu Muhammed Mulhem.

https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/2018041010952597-israel-ataca-siria-tarefa-eua/

10.4.18

Para Putin, 'situação do mundo está cada vez mais caótica' e pede bom senso

Enquanto seus subordinados elevam a retórica contra as ameaças de Donald Trump e sua Marinha parece preparar um simbólico exercício militar, o presidente russo, Vladimir Putin, disse esperar que a crise em torno da Síria seja resolvida com "bom senso".

"A situação do mundo está cada vez mais caótica. Ainda assim, esperamos que o bom senso prevaleça", disse Putin em uma solenidade com diplomatas no Kremlin, nesta quarta (11). Pouco depois, seu porta-voz, Dmitri Peskov, afirmou que "não participamos de diplomacia de Twitter".

Foi uma referência à ameaça feita pela rede social por Trump, na qual disse para a Rússia "se preparar" porque seus mísseis em direção à Síria seriam "espertos". O presidente americano está analisando qual medida militar tomará contra o governo de Bashar al-Assad, ao qual acusa por um suposto ataque químico num subúrbio com forças rebeldes perto da capital síria, Damasco.

A Rússia, aliada do ditador al-Assad em sua guerra pelo controle do país, diz que enviou observadores e não constatou evidência do uso de armas químicas, como gás de cloro. Militares E acusou diretamente a ONG Capacetes Brancos, famosa por seus vídeos e documentários, de ter encenado o ataque para incriminar Assad e justificar um ataque americano —um roteiro que o próprio Kremlin havia anunciado como provável há quase um mês.

A postagem de Trump pode ser uma escalada feita sobre um erro. Ele disse que os russos ameaçam derrubar mísseis americanos contra a Síria. Moscou, por sua vez, havia dito que retaliaria se algum de seus talvez 5.000 soldados no país árabe fosse atingido. O Kremlin tem duas grandes bases de operações na Síria, um aeroporto em Hmeimin e um porto em Tartus.

O problema é que militares e diplomatas russos, como o embaixador no Líbano, começaram a dar declarações retirando o ponto específico que provocaria a retaliação, dando a entender que qualquer bombardeio americano seria provocativo. Em tempos de comunicação instantânea, isso virou fato.

Mais perigoso que tuítes é a situação real. O governo da porção grega de Chipre informou seus controladores aéreos para desviar a região do Mediterrâneo entre a ilha e o litoral da Síria, pois teria sido informado de que a Marinha russa na área faria exercícios de tiro real. Há cerca de 15 navios de Moscou na área.

A frota americana no mesmo mar, por sua vez, está a sul de Chipre. Mísseis de cruzeiro disparados de destróieres, que voam a velocidades subsônicas,  teoricamente podem passar pela região em que está treinando a Marinha russa.

Igor Gielow

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2018/04/para-putin-situacao-do-mundo-esta-cada-vez-mais-caotica-e-pede-bom-senso.shtml

12.4.2018

Leonardo Boff sobre a Crise no Brasil

Estamos em plena ditadura civil rumo à militar?

... Um governo que governa sem o povo e contra o povo... o país... um voo cego como um avião sem piloto...  estamos em plena ditadura civil...  350 deputados, 60 senadores, 11 ministros do Supremo, algumas entidades empresariais e as famílias donas da mídia tradicional... as instituições funcionam...contra o povo e ... em favor de uma reduzidíssima classe de privilegiados... conectados com as transnacionais... que dominam o mundo... nós, o povo, fomos postos de fora... na Câmara e no Senado, poucos vão perder seus cargos ou ir para a cadeia...

O pior de uma ditadura civil ou militar é sempre para o povo. As novas gerações não conhecem a  crueldade de uma ditadura total.

É de gelar a alma o silêncio da sociedade diante da atual conjuntura

O que vivemos atualmente no Brasil não pode sequer ser chamado de democracia de baixíssma intensidade. Se tomarmos como referência mínima de uma democracia sua relação para com o povo, o portador originário do poder, então ela se nega a si mesma e se mostra como farsa.

Para as decisões que afetam profundamente o povo, não se discutiu com a sociedade civil, sequer se ouviram movimentos sociais e os corpos de saber especializado: o salário mínimo, a legislação trabalhista, a previdência social, as novas regras para a saúde e a educação, as privatizações de bens públicos fundamentais como é, por exemplo, a Eletrobrás e campos importantes de petróleo do pré-sal, bem como as leis de definem a demarcação das terras indígenas e, o que é um verdadeiro atentado à soberania nacional, a permissão de venda de terras amazônicas a estrangeiros e a entrega de vasta região da Amazônia para a exploração de variados minérios a empresas estrangeiras.

Tudo está sendo feito ou por PECs, decreto ou por medidas provisórias propostas por um presidente, acusado de chefiar uma organização criminosa e com baixíssimo apoio popular ao que alcança apenas 3%, propostas estas enviadas, a um parlamento com 40% de membros acusados ou suspeitos de corrupção.

Que significa tal situação senão a vigência de um Estado de exceção, mais, de uma verdadeira ditadura civil? Um governo que governa sem o povo e contra o povo, abandonou o estatuto da democracia e claramente instaurou uma ditadura civil. Assim pensa um de nossos maiores analistas politico Moniz Sodré, entre outros. É exatamente isso que estamos vivendo neste momento no Brasil.

Na perspectiva de quem vê a realidade política a partir de baixo, das vítimas deste tipo novo de violência, o país assemelha-se a um voo cego como um avião sem piloto. Para onde vamos? Nós não sabemos. Mas os golpistas o sabem: criar as condições políticas para o repasse de grande parte da riqueza nacional para um pequeno grupo de rapina que segundo o IPEA não passa de 0,05 de populacão brasileira, (um pouco mais de 70 mil milhardários) que constituem as elites endinheiradas, insaciáveis e representantes da Casa Grande, associadas a outros grupos de poder anti-povo, especialmente de uma mídia empresarial que sempre apoiou os golpes e teme a democracia.

Transcrevo um artigo de um atento observador da realidade brasileira, vivendo no semi-árido e participando da paixão das vítimas de uma das maiores estiagens de nossa história: Roberto Malvezzi. Seu artigo é uma denúncia e um alarme: Da ditadura civil para a militar.

Antes do golpe de 2016 sobre a maioria do povo brasileiro trabalhador ou excluído, já comentávamos em Brasília, num grupo de assessores, sobre a possibilidade de uma nova ditadura no Brasil. E nos ficava claro que ela poderia ser simplesmente uma “ditadura civil”, sem necessariamente ser militar. Entretanto, como em 1964, ela poderia evoluir para uma ditadura militar. Naquele momento pouquíssimos acreditavam que o governo poderia ser derrubado”.

Para mim não há dúvida alguma que estamos em plena ditadura civil. É um grupo de 350 deputados, 60 senadores, 11 ministros do Supremo, algumas entidades empresariais e as famílias donas da mídia tradicional que impuseram uma ditadura sobre o povo.

As instituições funcionam, como dizem eles, mas contra o povo e apenas em favor de uma reduzidíssima classe de privilegiados brasileiros. Claro, sempre conectados com as transnacionais e poderes econômicos que dominam o mundo.

Portanto, nós, o povo, fomos postos de fora. Tudo é decidido por um grupo de pessoas que, se contadas nos dedos, não devem atingir mil no comando, com um grupo um pouco maior participando indiretamente.

Acontece que o golpe não fecha, não se conclui, porque a corrupção, velha fórmula para aplicar golpes nesse país, hoje é visível graças a uma mídia alternativa presente e cada vez mais poderosa. E a corrupção está em todos os níveis da sociedade brasileira, sobretudo nos hipócritas que levantaram essa bandeira para impor seus interesses.

Mas, a corrupção é apenas o pretexto. Segundo a visão de Leonardo Boff, o objetivo do golpe é reduzir o Brasil que funcione apenas para 120 milhões de brasileiros. Os 100 milhões restantes vão ter que buscar sobreviver de bicos, esmolas e participação em gangs, quadrilhas e tráfico de armas e drogas.

Então, começam aparecer sinais do verdadeiro pensamento de quem está no comando, uma reunião da Maçonaria, um general falando a verdade do que vai nos bastidores, a velha mídia com a opinião de “especialistas, nas mídias sociais os saudosos da antiga ditadura dizendo que “quem não é corrupto não precisa ter medo dos militares”.

Enfim, estão plantando a possibilidade da ditadura militar. Para o pequeno grupo que deu o golpe ela é excelente, a melhor das saídas. Nunca foram democráticos. Não gostam do povo. Inclusive nessa Câmara e nesse Senado, poucos vão perder seus cargos ou ir para a cadeia.

O pior de uma ditadura civil ou militar é sempre para o povo. As novas gerações não conhecem a crueldade de uma ditadura total.  É de gelar a alma o silêncio da sociedade diante das “declarações do referido general”. Que Deus e o povo organizado nos salvem.

*Leonardo Boff é teólogo, filósofo, professor, ecologista e escritor

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

https://www.pragmatismopolitico.com.br/2017/09/boff-ditadura-civil-rumo-militar.html

C a s o   S k r i p a l

Maria Zakharova revela manipulações dos britânicos no caso Skripal

Entrevista com Maria Zakharova no canal Russia-24, 17 de março de 2018.
Maria Zakharova é Diretora do Departamento de Informação e Imprensa do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Federação Russa.

ENTREVISTA:

Maria Zakharova: Este é um jogo muito assustador e muito perigoso que o Ocidente está jogando. Não é apenas a ação britânica (obviamente os atores).  Muitos recursos estão envolvidos. Deixe-me explicar por que digo isso. 
Todos nós e o mundo inteiro aprendeu uma nova palavra russa, "agente novichok."

A coisa mais interessante é que a palavra é percebida como uma palavra russa em todos os lugares, basta ouvi-la para identificar uma sonoridade russa “ novichok." Isso certamente se refere à Rússia, dizemos. Parece russo, mas nós, falantes nativos russos, nunca usamos esta palavra...

Deixe-me explicar. Nunca no território da URSS, na era soviética ou no período da Federação Russa, houve operações e procedimentos com o codinome de “agente novichok." Este nome nem nunca foi patenteado e nem usado como um símbolo ou código.

Mas, uma vez mais, este é o elemento chave, a palavra "agente novichok" , uma palavra desconhecida e nunca usada na URSS ou na Rússia, principalmente  como algo relacionado à investigação sobre armas químicas.

Esta palavra - novichok - foi introduzida, criada e usada para designar substâncias tóxicas no Ocidente. 
No início e meados dos anos 1990, muitos cientistas soviéticos (cientistas com cidadania russa) que tinham trabalhado nesta área, partiram para o Ocidente. Eles eram esperados no Ocidente.

Entre outras coisas, eles levaram com eles a tecnologia que eles estavam trabalhando. Depois disso, nos países ocidentais, de acordo com várias fontes, incluindo aqueles que são públicos, esta pesquisa prosseguiu no Ocidente com a participação de “cientistas anciões soviéticos” moradores nos Estados Unidos, Grã-Bretanha, Eslováquia, Suécia, e em alguns outros países. Mais uma vez, esta informação é pública e disponível na internet.

Pergunta: Eu tenho lido, isso é informação pública. Esta informação é totalmente aberta. Podemos prova-la,  se quiser.

Maria Zakharova:  Estes dados são públicos... abertos e acessíveis.  

Apenas nesse momento, a expressão "agente novichok” nos surpreende. Parece errado para nós Russos mas adequado como mais um “cliché ocidental” sobre a Rússia.

Um ponto muito interessante: a primeiro-ministra britânica - Theresa May - que dirige o Parlamento (não uma reunião de estudantes, uma ONG ou mesmo com jornalistas) conversa com pessoas que tomam decisões e que afetam o destino do país.

Estas pessoas deveriam ser as primeiras a saber dos fatos... mas a primeiro-ministra britânica não mencionou fórmula/armas química,  em vez disso, ela (Teresa May) usou esse “clichê” (novichok) um nome imediatamente associado com a Federação Russa, ou algo russo.

Tudo foi concebido para chamar a atenção para a Rússia. É bastante teatral. Ela recebeu uma ovação de pé. Sim, ela conseguiu aplausos imediatamente, este nome tem circulado em todas as mídias.

Mas esta não é a única falsificação desta magnitude.
Abrindo jornais britânicos... jornalistas britânicos perguntam:  

Quem é Skripal? Como ele é chamado na mídia britânica? Ele é chamado de “espião russo”. Sim, mas, é o oposto. Ele é um “espião britânico”.

Nós não tivemos acesso consular legal com os Skripals, pois, como nos é dito, estão em estado crítico, mas não temos informações sobre sua condição, localização, ou o que acontece com eles.

Bem, um ponto importante é que Skripal trabalhou para a inteligência britânica. Ele não é e nunca foi um espião russo. Ele foi (é) um espião britânico. Ele se estabeleceu no Reino Unido (com cidadania) porque trabalhava para o governo britânico. 

Outro ponto importante: Skripal  foi capturado e  julgado sob a lei russa. O tribunal russo decretou sua prisão. Ele cumpriu pena na prisão e quando chegou o momento de voltar ao Reino Unido, país para o qual ele trabalhou como espião, ele estava vivo e saudável.

Ele foi entregue à Grã-Bretanha em perfeita saúde. Ninguém sabe o estado em que está agora e onde está, com exceção daqueles no Reino Unido que fizeram geraram esta informação “top secret”.

Esta história vai envolver hoaxes adicionais, mas acho que a verdade será trazida à luz, um passo de cada vez.

Pergunta: Londres não forneceu qualquer informação a respeito?
Maria Zakharova: Não, nem um pouco. Há um total mistério criado pela Grã-Bretanha em torno deste caso.

Pergunta:  Eles compartilharam os dados com os Estados Unidos e alguns países europeus?
Maria Zakharova: Ninguém sabe ao certo.

De acordo com os tratados internacionais, em particular a “Convenção sobre Armas Químicas”, que inclui a Rússia e o Reino Unido, os membros são obrigados a compartilhar todos os dados com a Rússia.

Além disso, é a obrigação de cada signatário da presente Convenção, mesmo que não haja suspeita de que um dos signatários está envolvido em atividades proibidas.

É uma obrigação para todos os signatários se o composto utilizado é suspeitp de vir de uma fonte específica em qualquer dos países signatários. Isso vale para o transporte, origem, armazenamento, etc...  Ou seja, o país com informações sobre ele é obrigado a partilhá-la.

Entre outras coisas, esta é uma questão de segurança. Se há vestígios de uma substância proibida, precisamos de ser informado.
Como você sabe, a Rússia terminou de destruir (aqora em 2018) todas as armas químicas de seus estoques.

O que seria então este problema com a Rússia? A decisão de destruir todas as armas químicas foi acordada em 1992, se não estou enganada.  Nossa segurança também está em jogo.  Assim, a Federação Russa imediatamente pediu ao Reino Unido para compartilhar suas informações. Não temos absolutamente nenhuma informação recebida.

No contexto geral das violações internacionais, este é um ponto interessante.
Ficamos sabendo que a Inglaterra trabalha em estreita colaboração com a Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ)... e que a representação britânica que não vai conversar com Moscou, mas apenas com a OPAQ.

Existem muitos mecanismos que podem ser usados, mas todos pressupõem a participação da Rússia.  Nem uma vez, através de qualquer canal, ou através da OPCW diplomática, a Rússia recebeu informações de Londres sobre este caso.

Tudo isso é retórica pública, parte de uma peça de teatro ou um grande show de mídia.
É muito importante ter em mente que estamos falando de um país com poder nuclear. O Reino Unido tem armas nucleares. Assim, quando o primeiro-ministro (Theresa May) faz declarações de que seu país foi vítima de agressão, ouvimos uma declaração de um líder responsável por uma potência nuclear. 

Depois disso, não há silêncio e pausa quando nenhuma informação é apresentada, incluindo a fórmula química da substância que iriam supostamente encontrados.  Por que eu digo "supostamente"? Porque ninguém, exceto os serviços especiais britânicas sabem.

Fonte1: https://sayed7asan.blogspot.fr

Fonte2: https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2018/04/maria-zakharova-revele-les.html

8.4.18

A Destruição do Estado de Direito e do Poder Judiciário

Entenda aqui o que está acontecendo no Brasil. Leitura importante.

Blog "Opera Mundi"

A luta contra a corrupção não pode ser feita contrariando a legislação, e muito menos a Constituição Federal, nem com objetivos políticos. Analisemos:

1. As práticas de corrupção e o comportamento ilegal têm caracterizado a ação das classes hegemônicas não somente no Brasil como em outras sociedades, desde as mais desenvolvidas, como os Estados Unidos, às mais pobres, como diversas nações africanas.

2Os principais integrantes dessas classes hegemônicas são grandes proprietários rurais; donos de grandes bancos e instituições financeiras; proprietários de grandes empresas industriais e de serviços; donos de grandes meios de comunicação; os principais rentistas; executivos de grandes empresas nacionais e estrangeiras; seus representantes no Poder Legislativo, no Poder Executivo e no Poder Judiciário.   

3.  No caso do Brasil, como no de outros países, desenvolvidos ou não, exemplos desse comportamento são:

  • práticas de “engenharia financeira” para evitar ou reduzir o pagamento de impostos; com pressão sobre os Governos para reduzir legalmente os impostos que incidem sobre os mais ricos;evasão de impostos;
  • recursos enviados e depositados em“paraísos fiscais”, em geral decorrentes de atividades ilícitas;
  • fraudes praticadas por empresas para obter contratos públicos e em sua execução;
  • conivência dos grandes bancos com a movimentação de recursos provenientes de atividades ilícitas, inclusive do narcotráfico;
  • financiamento de campanhas políticas para eleger indivíduos que vêm a constituir bancadas (lobyes) no Congresso para a defesa de legislação de interesse econômico e político das classes hegemônicas.

4. A sociedade brasileira, composta em sua esmagadora maioria por trabalhadores urbanos (empregados, desempregados e subempregados); trabalhadores rurais sem terra e pequenos proprietários rurais; indivíduos “excluídos”, que recebem o Bolsa Família, cujo valor pode variar de 85 a 195 reais por mês; indivíduos sem teto nas cidades; e, finalmente, a classe média de baixa renda, é extraordinariamente honesta e trabalhadora.

5. O Brasil não é uma sociedade corrupta pois os brasileiros, em sua enorme maioria, não são corruptos e, ao contrário,são vítimas da corrupção e das práticas ilegais das classes hegemônicas.

Os vazamentos ilegais permitidos pelo juiz Sérgio Fernando Moro, e tolerados pelos Tribunais Superiores, insuflam a “opinião pública”

6. A luta contra as ações ilegais praticadas contra o Estado e a sociedade e contra a corrupção é de grande importância, pois em sociedades com extremas desigualdades sociais, a começar pelas de renda e riqueza, somente o Estado pode executar políticas redistributivas, pois as empresas, ONGS e indivíduos não têm a capacidade legal e financeira para atender ao número enorme dos atingidos pelos efeitos das desigualdades.

7. Todavia, a luta contra a corrupção não pode ser feita contrariando a legislação, e muito menos a Constituição Federal, nem com objetivos políticos.

8. A “politização” da ação e a publicidade de opiniões na imprensa de membros do Poder Judiciário em todos os seus níveis, desde as Varas de Primeira Instância ao Supremo Tribunal Federal (STF), de procuradores individuais até a Procuradora Geral da República (PGR) e de agentes da Polícia Federal têm levado a práticas e decisões que agridem os princípios fundamentais do Direito e violam os direitos dos cidadãos.

9. A pretexto do “excesso” de recursos legais, que pode levar à prescrição de ações, e de atender ao anseio público por “moralidade” e “punição”, juízes de primeira instância, cujo principal expoente é o Juiz Sérgio Fernando Moro, da 13º Vara Criminal Federal em Curitiba, com o auxílio de alguns Procuradores do Ministério Público Federal (MPF) e de agentes da Polícia Federal, cometem uma gama de ilícitos para conseguir extrair delações que acusem determinados indivíduos em troca da liberdade e da redução de penas excessivas impostas por aqueles juízes.

10. Essas delações são vazadas seletivamente para a imprensa ainda que sequer as investigações tenham sido iniciadas e menos ainda concluídas, ou que haja qualquer sentença definitiva condenatória.

11. As delações que são “extraídas” através de prisões injustificadas e de longa duração e da imposição em Primeira Instância de penas extraordinariamente longas são delações de indivíduos que, para obter redução de pena, confessam, sob pressão, serem criminosos e que denunciam, muitas vezes sem provas, supostos cúmplices, em especial políticos.

12. Enquanto isto, os vazamentos ilegais permitidos pelo juiz Sérgio Fernando Moro, e tolerados pelos Tribunais Superiores, insuflam a “opinião pública” contra os indivíduos mencionados em trechos, selecionados, de delações tornados públicos, com estardalhaço, pela imprensa a qual passa a exigir a sua condenação pelo Judiciário.

13. A Operação Lava Jato, com o consentimento informal das altas instâncias do Poder Judiciário, tem cometido as seguintes infrações legais:

  • ação judicial a partir do argumento de que os “fins justificam os meios”;
  • desmoralização e humilhação pública, por agentes policiais, de suspeitos e acusados (condução coercitiva, uso de algemas, ostentação de força);
  • tortura psicológica, com aspectos físicos, (longas prisões, sem culpa formada) com o objetivo de extrair confissões e delações;
  • desvirtuamento do uso da prisão provisória;
  • intimidação, através da imposição de penas absurdas, daqueles que são acusados por delatores;
  • vazamento seletivo de trechos de delações, de documentos e de informações sigilosas;
  • convicção de culpa” arguida pelos juízes como fundamento para condenar acusados;
  • desobediência ao princípio constitucional de presunção de inocência, que é o princípio básico do Estado de Direito, e que deve ser obedecido do início das investigações até o trânsito em julgado de sentença penal;
  • transferência para o acusado do ônus da prova;
  • aplicação absurda da teoria do “domínio do fato”;
  • desrespeito ao amplo direito de defesa;
  • desrespeito à garantia de imparcialidade da jurisdição;
  • sonegação de documentos à defesa de acusados;
  • violação da privacidade da família dos acusados;
  • extensão à família do acusado das consequências sociais da divulgação de suspeitas e acusações;
  • execração pública de delatados, indiciados e réus e a incitação da opinião pública contra esses indivíduos;
  • desobediência ao princípio da inviolabilidade da honra e da imagem das pessoas (Art. 5°, inciso X, da Constituição Federal).

14. A pretexto do combate à corrupção, à imoralidade, à morosidade dos processos na Justiça e à impunidade, essas práticas têm contribuído para a destruição dos fundamentos do sistema judiciário e de garantias individuais.

15. A Constituição Federal determina os casos de perda ou suspensão de direitos políticos:

    Art.15. É vedada a cassação de direitos políticos cuja perda ou suspensão só se dará nos casos:

       III. condenação criminal transitada em julgado, enquanto durarem seus efeitos;

       V. improbidade administrativa, nos termos do art. 37, parágrafo 4.

       Art. 37. Parágrafo 4:
       Os atos de improbidade administrativa importarão a suspensão dos direitos políticos (...).

16. A perda dos direitos políticos e de direitos civis, como a liberdade, somente pode ocorrer ao indivíduo que seja considerado culpado após o trânsito em julgado de sentença penal condenatória.

17. Todavia, a lei 135, chamada de Ficha Limpa, enumera uma série de situações em que a condenação em segunda instância, por um tribunal colegiado, pode acarretar a perda dos direitos políticos por 8 anos. A expressão “tribunal colegiado”, na realidade, pode significar uma turma de apenas 3 ou 4 juízes de um Tribunal Regional.

18. A Lei Complementar 135, de 2010, é, portanto, de inconstitucionalidade flagrante, pois viola uma cláusula pétrea da Constituição Federal, que é clara ao determinar “ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória”. (Art. 5°, inciso LVII) e, portanto, por não ser declarado culpado não deve cumprir pena.

19. Por outro lado, duas decisões do STF, uma de fevereiro de 2016, por 7 a 4, e outra de outubro de 2016, por 6 a 5, consideraram constitucional o cumprimento de pena após a condenação em segunda instância. O STF, em realidade, “emendou” um dispositivo constitucional o que não pode fazer por ser competência exclusiva do Congresso Nacional emendar a Constituição.

20. A Operação Lava Jato tem contribuído para beneficiar os interesses de empresas e Estados estrangeiros no Brasil:

  • apresentar o Estado como a principal “causa” da corrupção na sociedade brasileira;
  • apresentar o Estado brasileiro como ineficiente e culpado pelas dificuldades econômicas do país;
  • “justificar” a necessidade de reduzir ao mínimo a competência e capacidade de ação do Estado;
  • enfraquecer a capacidade de regulamentação do Estado brasileiro;
  • justificar o programa de privatização (e de desnacionalização indiscriminada) implementado a toque de caixa pelo Governo Temer;
  • enfraquecer as grandes empresas brasileiras, de capital nacional e estatais, no mercado brasileiro e no mercado internacional face a megaempresas de terceiros países e
  • enfraquecer o Estado brasileiro em sua missão e capacidade de promover o desenvolvimento, de fortalecer a democracia, de defender a soberania e em sua ação internacional, inclusive no âmbito dos BRICS.

21O objetivo da Operação Lava Jato não é acabar com a corrupção nem na sociedade nem no sistema político e administrativo brasileiro. Se este fosse seu objetivo os juízes, procuradores e policiais seriam discretos e cautelosos em seus procedimentos para evitar a eventual anulação de processos e de sentenças e os Ministros de instâncias superiores coibiriam as atividades ilegais da Lava Jato.

22. Em realidade, os verdadeiros objetivos políticos, em âmbito nacional, da Operação Lava Jato, em grande medida alcançados,são os seguintes:

  • difamar os políticos em geral, em especial os políticos progressistas, e a atividade política;
  • desmotivar as forças progressistas em geral;
  • desmoralizar os trabalhadores como classe social;
  • desmoralizar o PT  como corrupto e apresentá-lo como igual aos demais Partidos;
  • identificar o Presidente Lula como chefe de um esquema de corrupção no Brasil e por ela principal culpado;
  • difamar e desmoralizar o Presidente Lula e impedir sua re-eleição.

23. A solução para a “morosidade” dos processos na Justiça, todavia, poderia e deveria ser atingida por medidas simples:

  • absoluta imparcialidade e transparência pública no sorteio dos processos entre Ministros dos Tribunais Superiores;
  • cumprimento do prazo limite para devolução dos pedidos de vista de processos feitos pelos Ministros;
  • julgamento dos processos pela ordem cronológica de sua entrada nos Tribunais Superiores;
  • revisão do número de recursos possíveis;
  • prazo limite para julgamento final após a data de ingresso do processo no Tribunal Superior.

24. Por outro lado, o combate eficiente à corrupção implicaria uma reforma política que limitasse a influência do poder econômico nas eleições e na política e de nenhuma forma pode ser feito com desrespeito às leis e à Constituição por alguns juízes que se atribuíram uma “missão salvadora”.

25. Em realidade, no Brasil se assiste hoje à destruição do Estado de Direito, do Poder Judiciário e da Constituição de 1988 a partir do momento em que, como em 1963, as classes hegemônicas sentiram escapar, ainda que parcialmente, a partir de 2003, o seu controle sobre o sistema político e estarem em risco seus privilégios e seu permanente e histórico comportamento corrupto e ilegal.

26. Todavia, e finalmente, a luta histórica do povo brasileiro pela democracia, pelo desenvolvimento, pela justiça social e pela soberania prosseguirá, como sempre árdua, e jamais cessará até sua vitória final.

**Samuel Pinheiro Guimarães é diplomata, foi ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos durante o governo Lula e, atualmente, é professor do Instituto Rio Branco.

https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/49159/a+destruicao+do+estado+de+direito+e+do+poder+judiciario.shtml

6.4.18

Repercussão internacional caso Lula

'Golpe judicial no Brasil', diz jornal argentino “Página 12”

Decisão do STF de negar habeas corpus a Lula foi principal destaque dos maiores veículos de comunicação da América Latina e do mundo

(Blog Opera Mundi)

A decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), de negar na madrugada desta quinta-feira (04/04) o habeas corpus preventivo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi o principal destaque dos maiores veículos da América Latina e do mundo.

Para o jornal argentino Pagina/12, a decisão desta quarta foi um “golpe judicial”. “A juíza [Rosa] Weber, cujo voto era uma incógnita, se pronunciou contra o ex-presidente em uma sessão por momento tensa dentro e fora de um recinto que não foi alheio à pressão, evidentemente exitosa, exercida pelo Exército, afirma o texto, citando as declarações do comandante-geral do Exército, Eduardo Villas Bôas.

“Se o ataque armado contra a caravana de Lula, na semana passada, no Paraná, havia indicado um ponto de inflexão no uso da violência política próximo às eleições de outubro, a investida dos militares marcou uma nova etapa do golpe que derrocou Dilma Rousseff há dois anos. O golpe mutante, que nasceu como um artefato midiático-judicial, agora conta com a sustentação do partido militar. Já se pode falar de uma constelação de forças cívico-militares”, afirma o jornal.

O jornal mexicano La Jornada fala que “se fechou o cerco” no Brasil para prender Lula. “Instalado na presidência um grupo encabeçado por Michel Temer, faltava o passo final: liquidar Lula e impedi-lo de retornar à presidência. Condenado por um juízo em que não houve uma só prova, um processo marcado por abusos, arbitrariedades e irregularidades – tudo isso frente ao silêncio cúmplice das instâncias máximas da Justiça brasileira – faltava esse passo.”

“Sem Lula, a possiblidade de que um “troglodita de extrema-direita” (o capitão da reserva e deputado Jair Bolsonaro) saia vencedor nas urnas, é concreta, como é concreta a possibilidade de que entre votos branco, nulos e abstenções se conte um número superior ao alcançado pelos candidatos.”

Já a emissora multiestatal teleSUR lembrou que o ex-presidente denunciou que sofria perseguição judicial do juiz de primeira instância Sergio Moro, com fim de evitar sua candidatura presidencial.

“Enquanto o STF votava o habeas corpus, movimentos sociais e sindicatos se mobilizaram por todo o Brasil em defesa do ex-presidente e de seu direito a ser candidato nas eleições presidenciais de outubro, nas quais figura como favorito, segundo as pesquisas”, afirma a emissora com sede em Caracas.

Para o jornal britânico The Guardian, a decisão desta quarta provavelmente põe fim à carreira política do ex-presidente.

“Sob a lei brasileira, um candidato é proibido de concorrer a um cargo eleitoral por oito anos após ser considerado culpado de um crime. Algumas exceções foram feitas no passado, e a decisão final no caso de Lula seria feita pelo tribunal máximo eleitoral [o TSE], se ele oficialmente entrar com o registro para ser candidato nas eleições de outubro”, afirma o jornal.

Segundo diário espanhol, "um terço do eleitorado, segundo pesquisas, viverá a prisão de Lula como um trauma inimaginável".

Em outra reportagem, o periódico com sede em Londres afira que “muitos brasileiros lembram da era de Luiz Inácio Lula da Silva com carinho nostálgico e, por razões fortes e práticas, alguns argumentam que as mudanças que ele realizou no Brasil não foram suficientes para promover crescimento continuado”.

Para a emissora BBC, as batalhas legais de Lula “dividiram os brasileiros e esta decisão [do STF] não foi diferente”. “Seus críticos lançaram fogos de artifício em comemoração. Os apoiadores de Lula voltaram irritados para casa com o que chamam de afronta à democracia e um golpe.”

Já o francês Le Monde lembra que voltagem política subiu quando o general Villas Bôas decidiu se manifestar e falar sobre “impunidade”. “Nunca uma decisão dividiu tanto o Brasil, colocando em campos opostos aqueles que continuam a venerar o ex-chefe de Estado como um semideus e os que o consideram o pior vilão da humanidade”, disse.

Por sua vez, o jornal norte-americano The New York Times disse que a decisão “explosiva” do STF vira de ponta-cabeça “a política nacional e aparentemente anula sua tentativa de voltar ao poder”.

“Na [madrugada de] quinta, a corte deu sua resposta: decidiu manter o status quo, que afirma que condenados podem ser presos após uma decisão de segunda instância. Com a decisão na mão, a expectativa é que Moro emita um pedido de prisão para o ex-presidente em alguns dias”, conta o jornal.

O periódico argentino El Clarín cita o atual cenário político brasileiro e lembra o país "está a 7 meses de uma eleição que naufraga na incerteza". O jornal também relata no que se basearam os votos de cada ministro e aponta para as delarações do general Villas Bôas que insinuou nesta quarta-feira (04/04) a "possibilidade de um eventual golpe militar", escreve o jornal.

O jornal espanhol El Pais afirmou que apesar de o Brasil passar por um momento imprevisível, agora tudo indica que o ex-presidente Lula se tornará um presidiário nos próximos dias. “É possível que a passagem de Lula pela prisão seja efêmera”, já que “a defesa ainda tem algumas balas para gastar”, avalia o diário.

Segundo o jornal, a ferida aberta nos últimos anos no Brasil será ampliada. “Um terço do eleitorado, segundo pesquisas, viverá a prisão de Lula como um trauma inimaginável, uma espécie de vingança da elite contra o metalúrgico sem estudos, que ascendeu da mais baixa classe social, num país onde a discriminação é atroz, para governar com sucesso durante oito anos”.

Já o jornal português O Público diz que, mesmo preso, Lula poderá fazer sua campanha e ser candidato na eleição presidencial que ocorre este ano. Lembra ainda que a partir de agosto, o Tribunal Superior Eleitora (TSE) passará a ser presidido por Rosa Weber, que poderá inviabilizar sua candidatura com base na Lei da Ficha Limpa.  

https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/49144/golpe+judicial+no+brasil+diz+jornal+argentino+pagina12+veja+repercussao+internacional.shtml

5.4.18

Como provar que Lula é inocente para quem não quer acreditar

Por que Lula foi condenado?

Porque atribuíram a ele um tríplex que nunca o pertenceu. O juiz Sérgio Moro e o TRF-4 consideraram que o apartamento seria pagamento por corrupção e uma forma de lavar dinheiro.

Os juízes estão errados?

Sim. Estão errados.

A condenação é injusta?

Sim. Lula é 100% inocente. Ele não cometeu nenhum crime.

Mas vi por aí que tem recibo, vídeo de visita ao prédio e tudo o mais…

Não há nenhuma prova. Vamos discutir cada uma dessas alegações.

Tá bom, vou começar. Qual a relação do Lula com o apartamento no Guarujá?

Em 2005, dona Marisa comprou uma cota para adquirir um apartamento no edifício Solaris, o ap. 141. E ela pagou as prestações normais até 2009, quando a construtora original, a Bancoop, faliu.

E aí?

Aí a OAS assumiu a construção.

OAS, aquela enrolada na Lava-Jato por causa da roubalheira na Petrobrás?

Não. A OAS da Petrobrás é a Construtora OAS. A do prédio é a OAS Empreendimentos. São caixas separados de um mesmo grupo.

Hum. E o que aconteceu?

A OAS propôs para ele e para a Marisa um apartamento maior, o número 164-A. O tal tríplex.

Taí: corrupção!

De jeito nenhum. Ficou combinado entre Lula e Leo Pinheiro – então presidente da empresa – que a OAS poderia fazer a reforma sem compromisso. Se Lula e Marisa gostassem, comprariam pelo preço de mercado.

Ahá! Então o Lula visitou mesmo o prédio?

Visitou, sim. Com o Leo Pinheiro. Ele nunca negou isso. Tem vídeo e tudo.

Mas como o presidente da construtora se presta ao papel de corretor?

O cliente potencial era um ex-presidente da República. É praxe no mercado colocar o executivo mais graúdo no trato com autoridades e ex-autoridades.

E a Marisa foi mais de uma vez?

Sim. Ela foi duas vezes.

Por quê?

Porque ela não havia gostado do apartamento. O Leo Pinheiro perguntou como ela acharia que ficaria melhor. Ela deu palpites, sempre sem compromisso.

Mas a OAS não estava fazendo isso a troco de nada.

Claro que não. A construtora queria influenciar o presidente, manter boas relações. Novamente, esse tipo de assédio é comum no mundo dos negócios.

Assédio, não! É corrupção!

Não. Primeiro porque não havia obrigação de compra, mas se o casal Lula quisesse comprar, pagaria o preço de mercado. Segundo – e principal: quem se corrompe tem de dar algo em troca.

Aposto que o Lula deu.

Não deu, não. Quem diz isso não sou eu, é o próprio Sérgio Moro. Ele reconhece que um eventual dinheiro da OAS não foi usado no tríplex.

Como assim? O Moro reconhece que não houve corrupção?

Está lá na sentença dele: “Este Juízo jamais afirmou, na sentença ou em lugar algum, que os valores obtidos pela construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram utilizados para pagamento da vantagem indevida para o ex-presidente”.

Peraí, não pode ser! Tem várias provas de que ele o Lula recebeu o tríplex por corrupção.

Vamos examinar essas “provas”. Mas podemos concordar numa coisa pelo menos? O Lula nunca foi o dono de fato do imóvel.

Certo, mas geralmente os corruptos usam laranjas.

Mas no caso a dona era a própria OAS. E o imóvel foi usado como garantia da construtora numa outra operação. Você não faz isso com um imóvel que não é seu ou que está reservado para outra pessoa.

Qual o número do tríplex?

Ap. 164-A.

E do apartamento em que eles tinham cotas?

Ap. 141.

Agora eu te peguei! Tem uma prova que é o recibo rasurado de um pagamento da Marisa para a construtora que faliu, a Bancoop.

O recibo não está assinado.

Não importa! Estava escrito “164-A” e alguém escreveu por cima “141”. Como você explica isso?

O funcionário da Bancoop preencheu errado, o que invalidou o recibo.

Mentira!

É verdade. De novo, não sou eu quem está dizendo. É a Polícia Federal. A perícia da PF comprova que a rasura foi feita quando as três vias estavam no mesmo documento.

Mas se o recibo estava incorreto, o funcionário precisa ter feito outro! A Marisa tinha esse recibo?

Sim.

Sério?

Sério. Está nos autos do processo para quem quiser consultar.

Só que tem uma outra prova: a declaração no imposto de renda do Lula das cotas do ap. 141. Isso é lavagem de dinheiro!

Lavagem como?

Ué, se ofereceram o tríplex, que era o ap. 164-A, não podiam ter declarado o ap. 141!

Ele nunca teve o ap. 164-A. Como poderia declarar o que nunca teve? Não custa lembrar: o tríplex foi uma oferta do Leo Pinheiro sem garantia de compra. Lula e Marisa decidiram não comprar.

Mas se o ap. 141 era da Marisa e do Lula, porque a OAS o vendeu em 2014? Te deixei sem saída, hein!

Porque quando a Bancoop faliu, a Marisa perdeu o prazo para confirmar a possa e pagar o resto para a OAS. O apartamento ficou disponível e a grana dela e do Lula ficou com a construtora. Em 2016, como te falei, eles pediram o dinheiro de volta.

Cara, não é possível que o Lula seja inocente… Tem o depoimento do Leo Pinheiro!

É uma delação premiada. Muitos juristas concordam que é muito, muito complicado considerar uma delação premiada como prova. O delator tem interesse direto em contar algo que o ajude a se safar. Mesmo que seja uma invenção. Ainda mais no caso do Leo Pinheiro, que mudou de opinião enquanto estava preso.

Como assim?

Mesmo quando foi preso pela primeira vez, em novembro de 2014, ele reconheceu que não havia qualquer envolvimento do ex-presidente. Cinco meses depois ele foi solto por decisão do STF e no ano seguinte sua delação foi recusada. Ele foi preso novamente e, sem Lula na delação, a pena de Leo Pinheiro foi aumentada em 10 anos. Foi só depois de sete meses na prisão, condenado a cumprir mais 26 anos que Leo Pinheiro se dobrou e resolveu incriminar Lula para obter uma redução de pena.

E obteve?

Sim. E muito: inacreditáveis 23 anos de redução e foi imediatamente colocado em regime aberto. Um grande negócio, hein! Com Moro, diminuiu de 16 anos (de 26 anos e 7 meses para 10 anos e 8 meses). No TRF-4, a segunda instância do processo, caiu mais 7 anos: para apenas 3 anos e seis meses, o que o levou automaticamente para o regime semi-aberto.

Disso eu não sabia… Mas como terminou a história do apartamento?

A reforma ficou pronta e o Leo Pinheiro avisou o casal Lula e Marisa. Eles não gostaram e não ficaram com o apartamento. Em 2016, eles pediram o dinheiro de volta para a OAS.

E quem é o dono do apartamento hoje?

A OAS sempre foi a dona, mas empenhou o apartamento como garantia de dívidas. Os credores cobraram e Moro decidiu leiloar. Ainda assim, destacou na decisão:

“O imóvel será vendido em leilão público e o produto da venda será depositado em conta judicial, com os valores sendo destinados, após o trânsito em julgado, à vitima no caso de confirmação do confisco ou devolvidos à OAS Empreendimentos ou ao ex-Presidente no caso de não ser confirmado o confisco.” 

Ou seja, pra você ver a bizarrice, o dinheiro do leilão ou vai para o Lula ou para o Leo Pinheiro. Seria cômico se não fosse trágico. É absurdamente injusto.

Só isso?

Só.

Por Maria Júlia Morenno  -  Jornalistas Livres  - 4.4.18

Mídia democrática, plural, em rede, pela diversidade e defesa implacável dos direitos humanos.

Link: https://jornalistaslivres.org/2018/03/como-provar-que-lula-e-inocente-para-quem-nao-quer-acreditar/

Google está escaneando arquivos de seus usuários, causando revolta massiva

A especialista em segurança cibernética, Kelly Shortridge, descobriu que o navegador do Google digitaliza permanentemente quase todos os dados nos computadores com sistema operacional Windows.

Segundo informa portal Motherboard, Shortridge afirma que o Google Chrome verificou todos os arquivos, inclusive da pasta”Documentos”.

A pesquisadora ficou chocada com essa função do navegador, até então desconhecida.

Os internautas compartilharam indignação de Shortridge e já começaram a declarar que vão parar de usar o famoso navegador. (Google Chrome)

O utilitário começou a funcionar em 2017, quando Google lançou atualização importante para o Chrome — utensílio Cleanup Tool para digitalizar computador com tecnologias da empresa antivírus ESET.

Os representantes da corporação prometeram na época que graças a essa atualização a navegação na Internet será "mais segura".

De acordo com o Motherboard, o Google, sim, está escaneando os arquivos dos usuários, mas, segundo o chefe do serviço de segurança do Google Chrome, Justin Schuh, o único objetivo de tal verificação se trata de detectar e eliminar arquivos indesejáveis.

https://br.sputniknews.com/ciencia_tecnologia/2018040410906420-google-chrome-espionagem-usuario-computador/

Youtube Proíbe Vídeo de Preparação para Pandemias que Ensina as Pessoas a Sobreviver a um Surto Mortal

A mais recente censura do YouTube acaba de chegar: o YouTube acaba de lançar um strike de proibição a um vídeo do site "Natural News" intitulado “Preparação para Pandemia" - Como Fazer o Curso - Episódio 12”.

O vídeo, que você pode ver abaixo indicado, ensina as pessoas a sobreviver a um surto de pandemia quando os antibióticos forem inúteis e as vacinas nãomais existirem. A discussão neste vídeo em particular centrou-se em “manter a calma” durante um surto de pandemia, o qual faz com que muitas pessoas entrem em pânico.

Segundo o YouTube, ensinar as pessoas a sobreviver a uma pandemia e permanecer calmas “viola as diretrizes” e deve ser banido.

Isso é o que o YouTube agora se tornou: um lorde da tecnologia que interfere nas informações que salvam vidas, banindo alguns dos canais mais úteis que contribuem para salvar vidas em surtos, desastres naturais e outras emergências. O YouTube literalmente quer que seus espectadores morram em vez de ver um vídeo do Mike Adams contendo informações que salvam vidas. É por isso que estou lançando o REAL.video, como uma comunidade de vídeo alternativo do YouTube. Ele será lançado dia 4 de julho, Dia da Independência. Eu também tenho atualmente um canal no Steemit:  https://steemit.com/@healthranger .

O que poderia “violar as diretrizes da comunidade” sobre esse valioso vídeo que salva vidas?

Confira “Pandemic Preparedness FREE Online How-To Course: Episode 12” de NaturalNews no Vimeo.  O vídeo está disponível para que você tenha o prazer de assisti-lo em https://vimeo.com/204117665

Se você gostar do vídeo, não se esqueça de compartilhá-lo também!  O Vimeo está repleto de vídeos incríveis. Veja mais em https://vimeo.com.

(Jomarion lembra que a sede do Youtube sofreu um atentado com vitimas hoje (03 de março) na Florida,nos EUA, conforme amplamente noticiado pela mídia tradicional.)

Link: https://www.anovaordemmundial.com/2018/03/censura-youtube-proibe-video-de-preparacao-para-pandemias-que-ensina-as-pessoas-a-sobreviver-a-um-surto-mortal.html

Fonte:  Natural News: BREAKING: YouTube bans pandemic preparedness video that teaches people how to survive a deadly outbreak

Pública ou privada, a elite brasileira sempre escapa dos impostos

Trechos de artigo de Carta Capital ... ler na íntegra em:

https://justificando.cartacapital.com.br/2018/03/27/publica-ou-privada-a-elite-brasileira-sempre-escapa-dos-impostos/

... gostaria de focar em apenas dois pontos que estão relacionados à renda dos mais ricos no país. Por isso, não me alongarei, pelo menos neste artigo, na questão da redução dos impostos sobre o consumo, uma medida igualmente urgente que abordarei em outro artigo futuro.

E quando falamos em renda dos mais ricos, a elite pública e a privada se juntam num abraço apertado de generosas isenções fiscais. Cada uma com a sua própria artimanha, porém.

Primeiramente, importante ressaltar que a elite do funcionalismo público representa apenas uma minoria de todo o setor público do país. Estamos, aqui, falando de pessoas como juízes e promotores, não de professores, escreventes, técnicos, entre outros. Não sou desonesto como o Banco Mundial , para colocar todas essas pessoas no mesmo balaio.

Essa elite, formada por juízes, promotores ou ministros e conselheiros de Tribunais de Contas, recebeu, em média, R$ 630 mil por pessoa em 2016. De todo esse rendimento, cerca de 30%, ou R$ 180 mil anuais, foram livrados de qualquer imposto. Uma média de isenção fiscal que chega a ser três vezes maior que a média do funcionalismo público do país.

E apesar de representarem menos de 1% desse funcionalismo, os R$ 6,4 bilhões que essa elite pública recebe de renda isenta de imposto representa mais de 10% do total entre todos os funcionários públicos do Brasil.

Considerando-se a alíquota de 27,5% de Imposto de Renda que poderia incidir sobre esses valores, pode-se considerar que o país deixa de arrecadar cerca de R$ 1,76 bilhões por ano com essa “generosidade” a uma casta de pouco mais de 30 mil pessoas. Isso só levando em conta uma parte da elite pública, composta por juízes, promotores e Tribunais de Contas.

Isso acontece por causa dos tais “penduricalhos” recebidos por essas elites, que são isentos da cobrança de impostos. Vantagens como o polêmico auxílio-moradia, motivo de uma recente paralisação vergonhosa de juízes federais no país. Vantagens que, aliás, no caso dos juízes, são garantidas pela LOMAN (Lei Orgânica da Magistratura), redigida, vejam vocês, pelo próprio STF.

E se, em algum momento, esses penduricalhos surgiram por algum motivo “nobre” de realmente auxiliar ou de incentivar funcionários públicos, certo é que, para essas elites, eles há muito já perderam o significado.

Isso porque os penduricalhos são isentos por não serem considerados salários. Por isso mesmo, não entram na conta dos tetos-salariais impostos a funcionários públicos.

Porém, nas palavras do juiz Sérgio Moro, que recebe auxílio-moradia mesmo morando em imóvel próprio, “o auxílio-moradia é pago indistintamente a todos os magistrados e, embora discutível, compensa a falta de reajuste dos vencimentos desde 1º de janeiro de 2015 e que, pela lei, deveriam ser anualmente reajustados”.

Ontem, em entrevista ao Roda Viva, o juiz federal Sérgio Moro mais uma vez tentou se esquivar da polêmica, evitando responder se os penduricalhos deveriam ser, pelo menos, tributados. Acabou reafirmando sua justificativa de que os juízes “sofrem” da falta de reajuste salarial, mas ignorou que o salário inicial de juízes federais no último concurso para o TRF-4 era superior a R$ 27.500,00.

Em outras palavras, o recebimento de penduricalhos acabou virando uma maneira dessa elite do funcionalismo público de aumentar a própria renda e, de quebra, driblar o teto-salarial e a cobrança de impostos. Funciona como salário para eles, mas não para a lei.  Não à toa, os rendimentos totais médios de um juiz no Brasil chegaram a R$ 47.703,00 mensais, bem acima do teto de R$ 33,7 mil.

Porém, não podemos ser injustos. Nem só juízes e promotores conseguem tal feito. No Executivo, diplomatas conseguem algo ainda maior, com uma média de mais de 53% de suas rendas isentas de tributação. Para quem recebe, em média, mais de R$ 440 mil por ano, a isenção beneficia quase R$ 235 mil da renda anual. Tudo muito distante do restante do funcionalismo público, para quem as isenções raramente ultrapassam os 15% de sua renda.

Mas se os quase R$ 2 bilhões perdidos em isenções para juízes e promotores assusta, a pequena elite privada consegue “benesses” ainda maiores. Porém, como dito, a artimanha é outra, apesar de ser mais uma forma de isenção de renda.

Segundo o IPEA, em 2013, dos 71 mil brasileiros mais ricos, 51 mil receberam dividendos. Isso de certa forma, quebra a narrativa de que a elite do Brasil se pendura no funcionalismo público assalariado.

Como Piketty bem mostra em toda a sua obra, o capitalismo liberal tornou praticamente impossível de competir em renda com aqueles que conseguem render sobre o próprio capital. Falamos aí não só de rentistas puros, mas dos clássicos capitalistas donos de meios de produção.

E, assim como os “penduricalhos” da elite pública, os dividendos da elite privada também não são tributados por aqui

Em todos os países da OCDE, exceto na Estônia, a tributação sobre lucros e dividendos funciona da seguinte maneira: as empresas pagam imposto sobre seus lucros e, após isso, os lucros são distribuídos entre os acionistas na forma de dividendos. Estes dividendos, então, ao serem declarados pelas pessoas que os recebem, sofrem uma nova cobrança de impostos.

No Brasil, o Governo apenas cobra uma taxa média de 30% sobre os lucros da empresa, mas não tributa os dividendos, ou seja, não cobra impostos sobre a divisão que os acionistas fazem desse lucro. Com isso, a tributação total sobre esse tipo de renda, no país, fica só nos 30%, algo bem abaixo de países mais desenvolvidos e igualitários.

A média de tributação sobre lucros e dividendos na OCDE, por exemplo, é de 48%. Na França, a cobrança chega a 64%. Nos EUA, ela é de 57% e, na Alemanha, de 49%.  E o preço que o Brasil acaba pagando por essa diferença é caro.

Primeiro, no próprio aquecimento da economia do país, já que a cobrança de imposto sobre dividendos é considerada como um incentivo aos empresários para reinvestirem seus lucros na própria empresa. Segundo, pela questão arrecadatória, já que se estima que uma alíquota geral de 15% sobre dividendos no país, ainda que isentando pequenos empresários, seria capaz de arrecadar algo entre R$ 43 bi e R$ 60 bi anuais a mais.

Mas, talvez, o preço mais caro que o país acaba pagando é o da desigualdade

Segundo a Oxfam, vale lembrar, o grupo do 0,1% mais rico do Brasil tem 66% de isenção de impostos, contra apenas 17% de uma grande classe média que recebe entre 3 e 20 salários mínimos. O fato de boa parte desse grupo de mais ricos receberem dividendos não é mera coincidência.

Poderia também falar sobre as absurdas faixas de progressividade do Imposto de Renda, que tratam alguém que não chega a ganhar nem R$ 5.000 por mês da mesma forma que trata um milionário.

Poderia até falar sobre as sonegações, os paraísos fiscais e as offshores. Mas só as constatações sobre os “penduricalhos” e os dividendos já dão uma ideia da máquina de concentrar renda que se tornou o sistema brasileiro.

Um sistema onde o 1% mais rico concentra, sozinho, 27% da renda nacional, colocando o Brasil ao lado do Oriente Médio e da África Subsaariana no quesito desigualdade.

Desse modo, vê-se que, pelo Estado ou pelo mercado (se é que os dois não possam ser considerados braços de um mesmo corpo), a elite sempre arranja o seu modo de escapar dos impostos no Brasil.

Por Almir Felitte - Graduado pela Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

https://justificando.cartacapital.com.br/2018/03/27/publica-ou-privada-a-elite-brasileira-sempre-escapa-dos-impostos/

EUA e o Medo da Rússia

A Russofobia é um sintoma da implosão dos Estados Unidos

Houve um tempo em que a Russofobia era uma maneira eficiente de controlar a população – usada particularmente pela classe dominante para levar a população dos Estados Unidos a um estado de lealdade patriótica. Não é mais. Agora, a Russofobia é um sinal de fraqueza, de uma implosão desesperada entre a classe dominante dos Estados Unidos, a partir de sua decaída podridão interna.

Essa técnica de propaganda funcionou muito bem durante as décadas da Guerra Fria, quando a antiga União Soviética podia ser facilmente demonizada como o “comunismo sem Deus” e o “império do mal”.

Não importava que esses estereótipos fossem falsos. Poderiam ser sustentados por causa do monopólio do controle da mídia ocidental pelos governos e órgãos reguladores oficiais.

A russofobia entre a classe política dos Estados Unidos está mais virulenta que nunca, embora a União Soviética já não  exista há mais de um quarto de século.

Isso se mostrou evidente mais uma vez nas audiências congressionais em Washington sobre a alegada interferência russa na política dos Estados Unidos na qual grande parte do governo e da imprensa (norte) americana acreditam, obcecadas pela russofobia e pela crença de que a Rússia é um adversário estrangeiro maligno.

No entanto, o poder da técnica de propaganda para causar a russofobia em grande parte da população parece estar diminuindo gradativamente desde o ápice vivido na Guerra Fria. Isso se deve parcialmente devido aos variados meios de comunicação global que desafiam o antigo monopólio ocidental que controlava a narrativa e a percepção das coisas. Atualmente a russofobia – demonizar o presidente russo Vladimir Putin ou as forças militares russas – não tem mais o mesmo potencial de amedrontar o público ocidental.

De fato, devido à grande diversidade das fontes de notícias mundiais, já se pode dizer que as trapaças “oficiais” do ocidente, apresentando a Rússia como um inimigo, pronta, por exemplo, para invadir a Europa, ou alegadamente interferindo nos resultados eleitorais encontram um ceticismo cada vez mais forte – quando não são ridicularizadas por muitos cidadãos ocidentais.

O que parece cada vez mais evidente é que existe um abismo intransponível entre a classe política e a maioria da população quanto ao assunto da russofobia. Isso é verdade para os países ocidentais em geral, mas especialmente nos Estados Unidos.

A classe política – os legisladores em Washington e os jornais da mídia corporativista – estão acusando freneticamente a Rússia de interferir nas eleições presidenciais dos EUA e que a Rússia tem um tipo qualquer de poder sinistro sobre a presidência de Donald Trump.

Mas esse frenesi de russofobia não está se refletindo entre a maioria dos cidadãos comuns dos Estados Unidos. Acusações raivosas de que a Rússia teria hackeado os computadores da rival de Trump, Hillary Clinton, do Partido Democrata, para espalhar informação prejudicial sobre ela; que essa sabotagem da democracia americana foi “um ato de guerra”; que o presidente Trump é culpado do crime de “traição” por “conluio” com uma “campanha de influenciação russa” – todas essas acusações sensacionalistas parecem ser preocupantes apenas para a privilegiada classe política.

A maioria dos cidadãos comuns dos EUA, está mais preocupada em como viver em uma sociedade que desaba, ou simplesmente afasta as acusações com desprezo ou vê tudo isso como um monte de conversa fiada.

O porta voz do Kremlin, Dmitry Peskov, negou nesta semana as conclusões das audiências Congressionais sobre a suposta interferência russa nas eleições dos EUA. De forma firme, ele disse que os parlamentares e a mídia dos Estados Unidos estão “enredados” em suas próprias mentiras. “Eles estão agora tentando encontrar evidências para conclusões às quais já tinham inventado”. Disse Peskov.

Outra imagem que caberia como uma luva é que a classe política dos Estados Unidos está lutando contra moinhos de vento, correndo atrás da própria cauda ou fugindo da própria sombra. Parece ser uma ilusão provocada pela demência coletiva.

Incapaz de aceitar a realidade de que a estrutura governamental dos Estados Unidos perdeu sua legitimidade aos olhos da população, que o povo se rebelou elegendo uma pessoa de fora do establishment político, na forma de Donald Trump, um homem de negócios magnata-que-virou-político, que o colapso da política tradicional dos EUA é devido à atrofia de várias décadas da sua economia capitalista falida – a classe dirigente fabricou sua própria desculpa, tentando jogar tudo nas costas da Rússia.

A classe dirigente norte americana simplesmente não consegue aceitar, ou pelo menos chegar a um acordo com o fato do fracasso sistêmico de seu próprio sistema político. A eleição de Trump foi apenas um sintoma da desilusão generalizada entre os eleitores com o trem desgovernado do sistema de dois partidos, Republicanos e Democratas. É por isso que o fantasma da interferência russa no sistema político dos Estados Unidos tem que ser invocado, por necessidade, como uma maneira de “explicar” o fracasso abjeto e a consequente revolta popular.

A russofobia foi retirada do armário da Guerra Fria e reabilitada pelo establishment como uma distração para o colapso cada vez mais claro das políticas do país.

A autodestruição corrosiva parece não ter limites. James Comey, diretor do FBI disse ao Congresso nesta semana que “a Casa Branca está sendo investigada por contatos ilícitos com a Rússia” (??) . Essa notícia espantosa apresentada por Comey foi saudada com aprovação geral por oponentes políticos da administração Trump, bem como pelos órgãos de imprensa.

O jornal The New York Times afirmou que na realidade o FBI está mesmo levando a cabo uma “investigação criminal no interior da Casa Branca”.  Outros órgãos de imprensa estão ventilando abertamente a possibilidade de que o presidente Trump sofra o impeachment.

Não há precedentes para a atmosfera política tóxica da russofobia em Washington. A administração Trump não consegue se mover ou conduzir normalmente a política do país por ser atacada a todo momento sob a suspeita de que é culpada de traição por conluio com a Rússia.

A reforma da assistência médica pretendida por Trump encontrou resistência entre Republicanos no Congresso porque muitos Republicanos estão mais interessados no assunto da investigação sobre a Rússia.

Quando se anunciou que o Secretário de Estado de Trump, Rex Tillerson, não compareceria a uma reunião da OTAN no próximo mês, mas que mais tarde, no mesmo mês, deveria visitar Moscou, esse itinerário foi interpretado como uma inadequada influenciação russa.

O que é tão sem precedentes no espetáculo do conflito político em curso é que não há a menor evidência para respaldar as alegações de um conluio Trump/Rússia. Tudo se baseia principalmente em boatos, ilações e vazamentos para a imprensa, a qual então passa a reciclar tais coisas como sendo “evidências”.

Devin Nunes, parlamentar do Partido Republicano e membro do Comitê de Inteligência da Câmara, disse no início desta semana que não vê nenhuma evidência real entre os documentos secretos que indiquem qualquer conluio entre a campanha de Trump e o governo russo.

Além disso, o diretor James Comey, que disse ao Congresso que sua agência está desenvolvendo uma investigação potencialmente criminal contra a administração Trump, ao mesmo tempo não confirma nem nega a existência de qualquer evidência.

E, como já se percebeu, a declaração de Comey da abertura de uma bisbilhotice sem prazo para acabar contra a Casa Branca foi recebida com aprovação ávida pelos adversários políticos de Trump, tanto em Capitol Hill (bairro habitacional de Washington DC... uma metonímia para o Congresso) como na imprensa corporativista.

Vamos assumir por um momento que toda a história desse “conluio” Trump/Rússia seja realmente uma falsidade. Que não tem fundamento. Que não passa de produto de imaginação, como realmente há razões sólidas para acreditar. Mas vamos assumir que seja realmente falsa para fins de argumentação.

Então isso significaria que parte do governo dos Estados Unidos e sua presidência estão engajados em uma guerra civil estúpida.  A Guerra real é um conflito de poder dentro dos Estados Unidos dentro do contexto de que os partidos que sempre governaram não tem mais legitimidade para isso.

É a implosão dos Estados Unidos. Uma derrocada feita-em-casa. A russofobia é só um sintoma da decadência interna no coração da política dos Estados Unidos.

Fonte: https://blogdoalok.blogspot.com.br/2017/03/a-russofobia-e-um-sintoma-da-implosao.html

R U S S O F O B I A

Campanha dos EUA-OTAN anti-Rússia está levando o planeta perigosamente para perto de um grande desastre

A expulsão de 60 diplomatas russos dos EUA, juntamente com dezenas de outros diplomatas de vários outros países dentro da Europa, é um momento preocupante para toda a humanidade. É um sinal de quão perto de uma nova (e definitiva) Grande Guerra o mundo está chegando.

Para começar, este episódio atual não é comparável aos 55 soviéticos expulsos por Ronald Reagan em 1986 ou aos cerca de 50 diplomatas que George W. Bush expulsou em 2001. Essas ações estavam diretamente relacionadas às atividades de espionagem – em que todos os governos participam, dirigido contra seus amigos, bem como inimigos. Os russos fazem isso, os americanos fazem isso, todo mundo faz isso. Não há nada de extraordinário em reduzir os números de vez em quando, especialmente depois de um grande embaraço como o escândalo Robert Hanssen de 2001.

Mas essas últimas expulsões não têm nada a ver com quantos russos podem ser verdadeiros espiões. Nem com as acusações absurdas da interferência russa da eleição nos EUA de  semear discórdia  e  desacreditar a democracia”.

Na verdade, eles não têm nada a ver com a alegação sem apoio do Departamento de Estado dos EUA de que “a Rússia usou um agente nervoso militar para tentar assassinar um cidadão britânico e sua filha em Salisbury”.

(Jomarion... o “cidadão britânico” é um russo traidor que espionou na década de 70/80 para a Inglaterra e inclusive estava na folha de pagamento do serviço secreto britânico)

A ausência de provas de que os russos estavam por trás deste ataque não é mais relevante do que as acusações repetidas, igualmente livres de evidências, de uso de armas químicas pelo governo sírio. O que quer que tenha acontecido com os Skripals e quem quer que esteja por trás, Salisbury é MAIS um mero pretexto para criar atrito e provocar à Rússia.

Mas, o propósito real é muito mais simples. Enfatizando a ação norte-americana, o embaixador russo nos Estados Unidos, Anatoly Antonov,  afirmou  que havia dito aos seus interlocutores americanos que...  “os Estados Unidos deram um passo muito ruim ao cortar o que ainda restava em termos de relações russo-americanas”.

Mas cortar os últimos vestígios desse relacionamento é o que as expulsões estão projetadas para provocar. Interromper os laços entre EUA e Rússia não é um meio para um fim – é o fim buscado.

Por muitos anos, muitos comentaristas e analistas têm ponderado se os EUA e a Rússia já estão em uma nova Guerra Fria e, em caso afirmativo, quando as coisas iriam  melhorar. O olhar na bola de cristal agora pode parar. As respostas são claras demais.

Sim, estamos em uma nova Guerra Fria e já estamos há algum tempo. De fato, é tolice pensar que, nos EUA, a primeira Guerra Fria realmente parou. Enquanto tivéssemos um governo fantoche em Moscou sob Boris Yeltsin na década de 1990, poderíamos fazer o que quiséssemos.  Saquear os recursos da Rússia com a ajuda de oligarcas corruptos instalados por “especialistas” ocidentais. 

Expandir as forças da OTAN para o leste depois de prometer que não o faria. Bombardear a Servia. Invadir o Iraque. O Afeganistão. Expandir a OTAN um pouco mais. Operações de mudança de regime de estágio em nome da  “democracia”.  Declarar que a Ucrânia e a Geórgia serão membros da OTAN.

E o Presidente Donald J. Trump, o homem que deveria ser o Líder do Mundo Livre (anacronicamente chamado)? Ele repetidamente não disse que quer melhores relações com a Rússia?

A resposta é fornecida pelo ex-porta-voz do Departamento de Estado sob o governo Obama, almirante John Kirby, que disse  que  as expulsões foram  “… adotadas por nossos aliados europeus porque eles temem que com algumas das coisas que ouviram sobre “o presidente russo, Vladimir Putin”,  que eles não podem ser brandos com Moscou . Mas isso diz a eles que os profissionais de segurança nacional com quem estão conversando a portas fechadas realmente dominaram  a política dos EUA que está seguindo o que eles sempre prometeram, que é confrontar”.

Talvez Kirby exagere o quanto alguns de nossos aliados europeus realmente querem mais confronto com Moscou, mas ele está absolutamente certo sobre o papel dos “profissionais de segurança nacional (inteligência)”  operando  “a portas fechadas”.  Não se engane, de todas as heresias de 2016 de Trump contra o bipartidarismo, nenhuma foi mais preocupante do que parece ser o desejo sincero de uma nova relação de amizade com Moscou.

Quando tudo estiver dito e feito, há muitas razões pelas quais a classe política odeia Trump. Seus pontos de vista sobre imigração e comércio estão próximos do topo da lista. Mas para o Estado (Deep State) Profundo e seu braço de mídia, demonizar a Rússia e o presidente Vladimir Putin pessoalmente é uma obsessão perigosa – e Trump apresentou uma ameaça ao dizer que desejava amizade da Rússia.

Daí toda a histeria do pseudo escândalo Russiagate / FISA, lançada pelo dossiê de Steele, um esforço que, aliás, tem  impressões digitais britânicas (particularmente do MI6)  por toda parte. Seu principal objetivo era sempre peitar Trump e impedi-lo de seguir qualquer caminho amistoso com a Rússia além do curso desastroso apresentado por (pelos marionetes do Deep State) Bill Clinton, George Bush e Barack Obama. (vassalos da elite trevosa)

Recentemente, um senador democrata de destaque expressou sua preocupação com a nomeação do hawkish John Bolton como novo conselheiro de segurança nacional de Trump, sugerindo que Trump foi “ alinhando seu gabinete de guerra  que pode  “errar e nos colocar em outro conflito terrível.”  Mas onde foi que O senador e seus colegas esquerdistas declararam “resistência” a Trump quando insistiram em novas sanções à Rússia impostas pelo legislativo, exigiram o envio de armas letais para a Ucrânia, pediram o bombardeio na Síria e acusaram Trump de ser um traidor em conluio com Putin?

Os críticos de Trump tiveram o seu desejo atendido. A esquerda democrata, junto com seus  aliados neoconservadores do GOP  (Partido Republicano) “Never Trump”, ganhou e Trump perdeu. No que diz respeito à política externa e de segurança, Trump também pode não ser mais o presidente.

O resultado é um mundo em que uma nova “Sarajevo”  (desta vez nuclear) pode surgir...  mas não porque Trump é um “louco” imprevisível e irracional  que precisa ser contido pelos  adultos na sala”.  Essa noção é exatamente equivocada, como evidenciado pelo fato de que os mesmos  “profissionais”  ficaram horrorizados com o seu desejo de acordo para atender Kim Jong-un da Coréia do Norte. 

Moscou considerará agora sua resposta às expulsões de seus diplomatas, mas está em uma situação sem vitória. Se, com base na prática do passado, os russos responderem com restrições “proporcionais” de modo a não alienar permanentemente seus chamados “parceiros” ocidentais, eles podem ter certeza de mais do mesmo – e pior. Por outro lado, se eles reagirem de forma assimétrica e dura – por exemplo, cancelando os direitos de sobrevoo das transportadoras aéreas dos países europeus sancionadores – os uivos do “comportamento trapaceiro” russo se intensificarão, levando a sanções ainda mais duras, como o corte do país do sistema SWIFT.

Espere por uma campanha de boicote (a Islândia já declarou o boicote) crescente contra a Copa do Mundo de 2018, bem como apelos mais fortes para  neutralizar o veto de Moscou  no Conselho de Segurança da ONU. Ou outras falácias do tipo (falsa bandeira) armas químicas na Síria . Ou um possível  “cenário Krajina”  lançado pela Ucrânia contra a região de Donbass – na expectativa de que Putin vá se afastar da maneira que Slobodan Milosevic fez.

Aqueles que estão por trás dessa campanha global contra os russos acham que podemos tratar a Rússia como se ela fosse uma potência de menor da magnitude como a Sérvia, Iraque, Líbia ou Síria, ou  mesmo do IrãEles acham que, se continuarmos pressionando, empurrando, empurrando, os russos entrarão em colapso ou recuarão. Eles não podem ver outro resultado aceitável do que remover Putin e devolver a Rússia à condição de estado vassalo da era Yeltsin – um termo que Putin usou em sua entrevista com Oliver Stone. 

Nota de Thoth: Parece também que o ocidente juntamente com Israel (CIA, MI-6-MOSSAD), controlado pelo Deep (Estado Profundo) State, Khazares, não digeriu bem a derrota de seus planos na Síria com a intervenção da Rússia, legalmente apoiando o governo de Assad na luta contra “terroristas” e “rebeldes” (mercenários, contratados, treinados e armados pelo ocidente) para dividir o território da Síria em favor de sua agenda para o Oriente Médio e no melhor interesse de Israel de expandir seu território}

Nota de Jomarion:  Não acreditem na mídia... está propagando mentiras sobre a crise global  ...tudo que estão falando sobre a Síria são mentiras, assim como mentiram sobre a Sérvia ... estão fomentando "falsas bandeiras" e espalhando imagens falsas para os incautos... está acontecendo um “guerra fria mundial” neste momento entre a cabala das trevas (EUA, OTAN, UE) e a Rússia (nação de pleiadianos)

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Fonte1: https://www.zerohedge.com/

Fonte2: www.thoth3126.com.br

Link: https://thoth3126.com.br/campanha-dos-eua-otan-anti-russia-esta-levando-o-planeta-perigosamente-para-perto-de-um-grande-desastre/

Os Anti-Russos

Aqui está a razão real da campanha Anti-Rússia liderada pelos Estados Unidos

GAZPRON – Empresa estatal russa distribuidora de gás natural

O Departamento de Estado dos EUA lançou as “facas” ao se opor à construção do gaseoduto “Nord Stream”, que trará gás russo diretamente da Gazprom (Rússia) para a Europa.
Obviamente, isso coloca em grave perigo de fornecedores de “outras” fontes de energia, como os sauditas que acabam de comprar dezenas de bilhões de dólares em armas para dos Estados Unidos.
De repente, os americanos, passaram a ameaçar todo o negócio francês de construção incluindo a GDF (ENGIE) pois estas construtoras poderiam participar (direta ou indiretamente) da construção deste oleoduto. 

A desculpa foi... "Como muitas pessoas sabem, nós nos opomos ao Projeto da “Nord Stream II”... disse Nauert em  conferência de imprensa.... "Acreditamos que o “Nord Stream II” venha a prejudicar a segurança energética global da Europa... ela iria fornecer a Rússia... uma ferramenta para pressionar os países europeus, em especial,  a Ucrânia.

(Jomarion... Ucrânia: ninho de serpentes da máfia khazariana, com dinheiro de George Soros e apoio da CIA, a Ucrânia tem recebido dinheiro, treinamento e benesses, para facilitar agressões à Russia...uma pesquisa (sobre um futuro referendo) apurou-se que mais de 70% dos ucranianos são favoráveis à amizade/apoio com a Rússia, pois os ucranianos são russos no idioma e na cultura.)

Se a GDF e a EDF (Fido e Kiki) tocarem este projeto, eles estarão para sempre na lista negra dos inimigos dos EUA e  proibidos de fazer negócios no mundo.

Abaixo linhas de gaseodutos russos na Europa

Bem, queridos leitores, na verdade, em caso de guerra, os europeus estão pouco propensos a se juntar para um conflito nuclear contra os russos.

Resumindo... nós nos tornaremos “reféns” dos interesses de norte americanos e sauditas.  

Fonte: Revista de Imprensa por Pierre Jovanovic  -  www.jovanovic.com

Link: https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2018/03/voici-la-vraie-raison-de-la-campagne.html

Jomarion completa... khazarianos (elite das trevas ou cabala) tentou deflagrar um III Guerra a partir da Coreia do Norte, mas não deu certo, as Coreias estão se unindo e juntas estão conversando com a China, então agora eles estão tentando transformar o caso Scripal (um russo traira de seu pais e de seu povo desde a década de 70 e que tem sido “espião” pró Reino Unido) em grande perigo global... uma ameaça perigosissima ao mundo (??)... a cabala Rothchild odeia os russos desde os tempos do Czar Alexandre, que eles tiraram do poder, mataram a família imperial, roubaram tesouros inestimáveis e financiaram a Revolução Bolshevique... khazarianos trevosos “fizeram” as duas guerras mundiais a partir de “motivos” idiotas e manipulados. 

Março 2018

O mecanismo de José Padilha para assassinar reputações

Dilma Roussef - Cineasta propaga 'fake news' na série de TV “O Mecanismo” lançada pela Netflix

O país continua vivo, apesar dos ilusionistas, dos vendedores de ódio e dos golpistas de plantão.  Agora, a narrativa pró-Golpe de 2016 ganha novas cores, numa visão distorcida da história, com tons típicos do fascismo latente no país.

A propósito de contar a história da Lava-Jato, numa série “baseada em fatos reais”, o cineasta José Padilha incorre na distorção da realidade e na propagação de mentiras de toda sorte para atacar a mim (Dilma) e ao presidente Lula.

A série “O Mecanismo”, na Netflix, é mentirosa e dissimulada. O diretor inventa fatos. Não reproduz “fake news”. Ele próprio tornou-se um criador de notícias falsas.

O cineasta trata o escândalo do Banestado, cujo doleiro-delator era Alberto Yousseff, numa linha de tempo alternativa. Ora, se a série é “baseada em fatos reais”, no mínimo é preciso se ater ao tempo em que os fatos ocorreram. O caso Banestado não começou em 2003, como está na série, mas em 1996, em pleno governo FHC.

Sobre mim, o diretor de cinema usa as mesmas tintas de parte da imprensa brasileira para praticar assassinato de reputações, vertendo mentiras na série de TV, algumas que nem mesmo parte da grande mídia nacional teve coragem de insinuar.

Youssef jamais teve participação na minha campanha de reeleição, nem esteve na sede do comitê, como destaca a série, logo em seu primeiro capítulo. A verdade é que o doleiro nunca teve contato com qualquer integrante da minha campanha.

A má fé do cineasta é gritante, ao ponto de cometer outra fantasia: a de que eu seria próxima de Paulo Roberto da Costa. Isso não é verdade. Eu nunca tive qualquer tipo de amizade com Paulo Roberto, exonerado da Petrobras no meu governo.

Na série de TV, o cineasta ainda tem o desplante de usar as célebres palavras do senador Romero Jucá (PMDB-RR) sobre “estancar a sangria”, na época do impeachment fraudulento, num esforço para evitar que as investigações chegassem até aos golpistas. Juca confessava ali o desejo de “um grande acordo nacional”. O estarrecedor é que o cineasta atribui tais declarações ao personagem que encarna o presidente Lula.

Reparem. Na vida real, Lula jamais deu tais declarações. O senador Romero Jucá, líder do golpe, afirmou isso numa conversa com o delator Sérgio Machado, que o gravou e a quem esclarecia sobre o caráter estratégico do meu impeachment.

Serie "baseada em fatos reais" da Netflix conta a história da Lava Jato 

Na ocasião, Jucá e Machado debatiam como paralisar as investigações da Lava Jato contra membros do PMDB e do governo Temer, o que seria obtido pela chegada dos golpistas ao poder, a partir do meu afastamento da Presidência da República, em 2016.

Outra mentira é a declaração do personagem baseado em Youssef de que, em 2003, o então ministro da Justiça era seu advogado. Uma farsa. A pasta era ocupada naquela época por Márcio Thomas Bastos. Padilha faz o ataque à honra do criminalista à sorrelfa. O advogado sequer está vivo hoje para se defender.

O cineasta não usa a liberdade artística para recriar um episódio da história nacional. Ele mente, distorce e falseia. Isso é mais do que desonestidade intelectual. É próprio de um pusilânime a serviço de uma versão que teme a verdade.

É como se recriassem no cinema os últimos momentos da tragédia de John Kennedy, colocando o assassino, Lee Harvey Oswald, acusando a vítima. Ou Winston Churchill acertando com Adolf Hitler uma aliança para atacar os Estados Unidos. Ou Getúlio Vargas muito amigo de Carlos Lacerda, apoiando o golpe em 1954.

O cineasta faz ficção ao tratar da história do país, mas sem avisar a opinião pública. Declara basear-se em fatos reais e com isso tenta dissimula o que está fazendo, ao inventar passagens e distorcer os fatos reais da história para emoldurar a realidade à sua maneira e ao seu bel prazer.

Reitero meu respeito à liberdade de expressão e à manifestação artística. Há quem queira fazer ficção e tem todo o direito de fazê-lo. Mas é forçoso reconhecer que se trata de ficção. Caso contrário, o que se está fazendo não está baseado em fatos reais, mas em distorções reais, em “fake news” inventadas.

Dilma Rousseff - Porto Alegre - 26/03/2018 – Blog “Opera Mundi”

Fonte: https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/49087/o+mecanismo+de+jose+padilha+para+assassinar+reputacoes.shtml

Jomarion...  Vamos espalhar a verdade... deligar a NetFlix de nossas casas... e acordar ... é agora ou agora!

Matthew Ward

Destaques deste artigo:

Água, Clima, Coréias do Sul e Norte, “O EVENTO”, Tiroteios nos EUA, Os Jovens e as Mídias Sociais

Vamos começar aliviando as preocupações de que seu mundo vai ficar sem água potável. O uso de “tecnologia climática” pelos Illuminati-Deep State-Cabala para criar mais áreas de seca (parte de um plano para eliminar a maior parte da população mundial que pretendia que milhões de pessoas morressem de sede), não vai acontecer. 

A manipulação do clima, responsável pelas tempestades selvagens e pela temperatura recorde que atrasou o retorno da Mãe Natureza a um clima moderado globalmente, vai atingir o seu fim junto com todas as outras atividades diabólicas dos Illuminati-Deep State-Cabala.

Meus queridos, sintam-se encorajados pelo progresso dos movimentos de base em muitos aspectos da vida na Terra e sabendo que as tecnologias que os Illuminati-Deep State-Cabala mantiveram escondidas ou maliciosamente usadas estarão entrando no controle de mãos e corações benevolentes para usar abertamente sem recriminação e a favor da humanidade. 

E, quando for seguro para os membros da nossa família espacial se juntarem a você, eles introduzirão tecnologias cujas vibrações transformarão vastos desertos em terras aráveis, restaurarão as florestas tropicais, erradicarão poluentes tóxicos no ar, na água e no solo e curarão os extensos danos causados ​​pela extração de combustíveis fósseis. O corpo planetário de Gaia que outrora foi o “Jardim do Éden” será novamente um paraíso saudável e primitivo.

Pergunta: “Aparentemente, a equipe olímpica norte e sul coreana foi a maneira de Kim Jong Un anunciar publicamente seu interesse em conversar com Moon Jae-in sobre a reunificação das Coreias...  Com a China e os EUA envolvidos, o que você vê saindo dessa reunião de 4 países? ”

O fato de Kim Jong Un querer discutir a reunificação com a Coréia do Sul está diminuindo a tensão que vinha sendo construída na região, mas ainda não foram vistos vários detalhes sobre esse desenvolvimento encorajador.

Independente do que aconteça a curto prazo, as vibrações prevalecentes apoiam e fortalecem a reunificação das duas Coreias e o eventual acordo de todas as nações com armas nucleares para eliminarem os seus arsenais atômicos.

O que diremos sobre o tiroteio na escola em Parkland, Flórida, será claro sem incluir suas perguntas e comentários.  Esta não era uma questão de escolha de contrato de alma para alguém cujas vidas foram perdidas, suas famílias ou outras pessoas que os amam. Em um tiroteio em massa há alguns anos, todos que foram diretamente afetados concordaram com essa experiência para efetuar mudanças que impediriam que outro incidente desse tipo acontecesse em qualquer parte do país; desde então, nenhum acordo de alma coletiva fez parte de qualquer tiroteio em massa.

É claro que você quer que seus filhos estejam seguros na escola, mas armar e treinar professores ou outros funcionários da escola não conseguirá isso. Apontar para a doença (no caso o controle) mental como causa de tiroteios em massa e ignorar a proliferação legal dos tipos de armas que os atiradores usam garante que esses incidentes não terminarão.  Vamos divagar um momento para fornecer informações básicas pertinentes. 

Os Illuminati-Deep State-Cabala, e antes deles outros fantoches das forças das trevas, estiveram na vanguarda da produção de armas, munições e todas as outras máquinas de guerra desde o início. Para assegurar um mercado contínuo ao longo dos séculos, eles doutrinaram a civilização a acreditar que o caminho para a paz é através da guerra e seguir ordens para lutar pela liberdade é patriótico.

E, depois de tomar medidas para garantir a eclosão de guerras civis, internacionais ou mundiais, eles venderam armas para os dois lados dos conflitos que eles mesmos criaram.  As guerras enriqueceram suas empresas de manufatura de armamentos e munições, cumpriram seu plano de eliminar muitos milhões de pessoas do mundo e criaram as baixas vibrações de medo e violência que as trevas precisam para se alimentar e sobreviver.

Depois que as treze colônias se uniram e lutaram contra o domínio dos britânicos para obterem independência do governo empírico real dos EUA, os líderes que surgiram escreveram uma constituição à qual foram acrescentadas emendas ao longo dos anos. Os Illuminati-Deep State-Cabala viram uma oportunidade e a apreenderam – distorceram a intenção da segunda emenda, cuja “milícia bem regulamentada” era a de que os Estados Unidos nascentes tivessem uma força de defesa para proteger sua independência recém-conquistada se a necessidade surgisse.

Para que os cidadãos não perguntem: Quão bem regulamentada é a nossa população civil armada com armas feitas para a guerra ”? os Illuminati-Deep State-Cabala criaram a NRA (National Rifle Association of America), espalharam seus subordinados por toda a organização e fizeram lobbistas doarem generosamente a políticos que citam a Segunda Emenda como o direito legal da população de comprar armas projetadas para os campos de batalha de hoje.

Agora, os estudantes da “Marjory Stoneman Douglas High School” que estão defendendo mudanças nas leis de armas não estão fazendo isso sob os auspícios de qualquer organização liberal ou por causa da pressão de qualquer agência governamental “para que eles possam tirar as armas dos cidadãos cumpridores da lei”.

Tampouco as filmagens foram um “psy-op”. Construir tragédias com “atores contratados” para encenar a ocorrência com o mesmo objetivo – confisco de armas – é outra página do manual de programação  mental das massas dos Illuminati-Deep State-Cabala. É lamentável, mas explicável, que sua influência a esse respeito ainda seja forte – vibrações que estão separando o trigo do joio, de certa maneira, estão trazendo à luz a ferida feita pelas trevas na psique nacional para que ela possa ser curada.

Apoiamos de todo o coração os estudantes em Parkland e todos os que se juntaram a eles em um movimento nacional de segurança que seu governo não pode continuar descontando. Medidas sensatas que serão firmemente combatidas por políticos comprometidos com a ARN antes da promulgação pela demanda pública irão preceder a difundida “cultura de porte de armas” do país, que se esvai na história. Mas seguramente isso está vindo porque o planeta está se movendo em direção a planos de energia onde nenhum tipo de violência pode existir. 

Alguns de vocês perguntaram o que é “O EVENTO” e quando isso acontecerá, e um leitor acrescentou:  “Aparentemente, ele também é conhecido como a Dança Cósmica-Galáctica”.

Embora reconheçamos que isso está relacionado com o ambiente planetário e a ascensão pessoal, portanto, baseia-se no poder do amor, não sabemos a que evento único as fontes dessa informação estão se referindo. Assim, nós lhes diremos o que temos observado dos eventos do seu mundo, que são inumeráveis ​​e, como tudo o mais que existe, são a energia que vibra numa freqüência ou outra, e as reações dos povos.

À medida que a luz na Terra continua se intensificando, eventos como a Convergência Harmônica despertaram muitas pessoas para a “busca da alma” e começaram um caminho para avançar na consciência espiritual e de elevação da consciência. Alguns continuaram nesse caminho sem se desviar independentemente dos eventos que encontraram.

Outros que também começaram com entusiasmo foram desviados do curso devido a algum evento, e depois de um ou dois eventos subseqüentes eles retornaram ao caminho, onde continuaram sua jornada até que algum novo evento os levou a outro desvio; mais tarde, eles experimentaram um evento que os colocou de volta no caminho e assim por diante. Já vimos pessoas que, até entrarem no Nirvana, conscientemente não sabiam que, simplesmente vivendo de maneira divina, tinham percorrido um caminho de crescimento espiritual vitalício.

A reação de toda alma aos incontáveis ​​eventos que afetaram suas vidas tem sido tão única quanto cada um deles é. Nesse sentido, a vida durante este tempo sem precedentes na Terra pode ser pensada como uma dança cósmico-galáctica que todos assistem, uma dança que está acelerando marcadamente e continuará até que toda a sociedade seja Uma e as grandezas da Idade do Ouro possam se desdobrar.

Agora, assim como sempre, vemos almas no caminho iluminado movendo-se em direção àquela Era de Luz, cada uma em seu próprio ritmo. O que nós não vemos é “dançarinos” em primeiro plano, esperando que o resto os alcancem para que a civilização possa experimentar algum evento em massa. Por favor, entenda que nossa perspectiva não diminui de forma alguma a validade das perspectivas dos outros que também estão levando à Era de Luz em que toda a escuridão é vencida e a Luz prevalece em todo o mundo.

Pergunta: “Por favor, pergunte a Matthew sobre a“ evidência incontestável ”de que a Rússia tentou influenciar a eleição presidencial dos EUA. Suas mensagens anteriores afirmavam o contrário.”  

A evidência de que“ trolls ”russos nas mídias sociais poderiam ter influenciado os eleitores é autêntica, mas – e de maneira nenhuma em sua defesa – isso nada teve a ver com o resultado das eleições que elegeram Trump. Como declarado em mensagens anteriores, isso se deveu a um erro técnico cometido pelos servos dos Illuminati-Deep State-Cabala depois que eles manipularam com sucesso as primárias democratas.

Os poucos poderosos no auge dessa sociedade secreta, ou a cabala, conseguiram manter a verdade suprimida, dando assim ao governo uma base para clamar sobre a intromissão da Rússia no processo eleitoral do país. Mas a objeção soa oca.  Os Estados Unidos, os mais controlados pelos Illuminati-Deep State-Cabala de todas as nações democráticas, historicamente têm se auto-empregado em manobrar eleições em numerosos países e em apoiar ou suportar governantes despóticos em outros.

Uma razão, amados irmãos e irmãs, que você se ofereceu para esta vida na Terra foi para ajudar os povos a expor e livrar seus governos da corrupção antiga que ainda está sendo comprada e paga por mentes e corações sombrios.

Pergunta:Com o vício de nossos jovens nas mídias sociais (pelos celulares), não teremos um futuro brilhante, porque as pessoas que deveriam criar um mundo melhor não conseguem tirar os olhos de seus telefones. Existe alguma esperança à vista?”

Absolutamente a esperança está à vista! Um grande número de jovens chegou com consciência espiritual e consciência de quarta densidade. Eles são visionários inteligentes, articulados e empáticos, com a sabedoria de atender à sua intuição e, em grande parte, estão usando a velocidade e a amplitude das mídias sociais para promover seu desejo de criar um mundo melhor.

O uso do celular por muitos outros jovens – e adultos – é menos construtivo, com certeza. Mas, à medida que as vibrações crescentes elevam todas as facetas da vida, a sociedade reconhecerá a superficialidade emocional de usar as mídias sociais para disseminar ou ler trivialidades, propaganda e críticas, e os telefones celulares deixarão de ser apêndices eletrônicos. Mais do que em qualquer outro momento da história registrada da Terra, o futuro é brilhante porque a juventude de hoje, os líderes de amanhã, fará isso!

Com uma boa razão, as vibrações são centrais para todos os problemas abordados nesta mensagem. Quando você pensa em propriedade, “localização, localização, localização” é de extrema importância. A Terra é imensamente mais valiosa do que qualquer peça de sua propriedade e para ela vibrações, vibrações e vibrações são de extrema importância.

Querida família, sua firmeza de permanecer na luz está ajudando os níveis vibratórios da Terra a continuarem aumentando, e isso vai longe, muito além de elevar seu mundo. Tudo em todos os lugares afeta tudo o mais em qualquer outro lugar – as vibrações na Terra vão para o seu sistema solar, para a galáxia e para o universo.

Todas as almas iluminadas honram e apoiam vocês com amor incondicional, a mais alta vibração no cosmos.

Com saudações amorosas de todas as almas nesta estação, Eu Sou Matthew. 

Tradução e ediçãoThoth3126@protonmail.ch

Fonte: www.thoth3126.com.br

Link: https://thoth3126.com.br/agua-o-clima-a-coreia-do-sul-e-do-norte-o-evento-os-jovens-e-as-midias-sociais/

Jo 24.3.18

Snowden: O Facebook é uma "Empresa de Vigilância" que Coleta e Vende Dados dos Usuários

Nova imagem de gigantes tecnológicas como mídia social é o engano final, diz ele.

O denunciante da NSA,
Edward Snowden, tweetou no sábado que o Facebook é uma "empresa de vigilância" que vende os detalhes pessoais de seus usuários, pesando sobre um escândalo envolvendo uma empresa privada que colheu dados da gigante das redes sociais.

"Empresas que ganham dinheiro coletando e vendendo registros detalhados de vidas privadas são descritas claramente como 'empresas de vigilância'", escreveu o ex-contratado da Agência de Segurança Nacional. "Sua nova imagem como" mídia social" é o engano mais bem sucedido desde que o Departamento de Guerra se tornou o Departamento de Defesa".

"Businesses that make money by collecting and selling detailed records of private lives were once plainly described as "surveillance companies." Their rebranding as "social media" is the most successful deception since the Department of War became the Department of Defense." Edward Snowden (@Snowden) 17 de março de 2018

A observação preocupante de Snowden, que foi retweetada mais de 30.000 vezes, vem em meio ao protesto público sobre a revelação de que a Cambridge Analytica, uma empresa privada de análise de dados que trabalhou com a equipe eleitoral do presidente Donald Trump, colheu informações pessoais de mais de 50 milhões de usuários do Facebook sem o conhecimento deles.

O Facebook suspendeu o acesso da Cambridge Analytica à plataforma na semana passada, alegando que a empresa e dois indivíduos que ajudaram a coletar o conjunto de dados maciços haviam enganado a gigante das redes sociais.

"À luz de novos relatórios de que os dados não foram destruídos, estamos suspendendo essas três partes do Facebook, enquanto aguardamos mais informações", disse a empresa. "Tomaremos as medidas necessárias para verificar se os dados em questão serão excluídos de uma vez por todas - e tomaremos medidas contra todas as partes ofendidas".

Comentando um relatório do New York Times sobre a violação de dados sem precedentes, Snowden disse que é o Facebook, e não a Cambridge Analytica, que deveria ser responsabilizado.

"O Facebook ganha seu dinheiro explorando e vendendo detalhes íntimos sobre a vida privada de milhões, muito além dos escassos detalhes que você publicou voluntariamente. Eles não são vítimas. Eles são cúmplices", ele escreveu no Twitter.

O Facebook insiste que os métodos de coleta da Cambridge Analytica não constituíam uma violação formal de dados, porque os usuários consentiram tecnicamente - através das configurações de privacidade labirínticas do site - para que seus dados fossem extraídos.

A Cambridge Analytica pertence ao bilionário do fundo de investimento Robert Mercer, e anteriormente era administrada pelo ex-conselheiro do Trump, Steve Bannon.

Fontes: Infowars: SNOWDEN: FACEBOOK A ‘SURVEILLANCE COMPANY’ THAT COLLECTS AND SELLS USER DATA

https://www.anovaordemmundial.com/2018/03/snowden-o-facebook-e-uma-empresa-de-vigilancia-que-coleta-e-vende-dados-dos-usuarios.html

***********************************************************************************************************************************************

CENSURA NA REDE

Youtube Começa a "Corrigir" Vídeos sobre Teoria da Conspiração

No último ataque à liberdade sobre pensar por si mesmo, a CEO do YouTube, Susan Wojcicki, anunciou que o YouTube começará a "corrigir" vídeos controversos com "fatos" da Wikipédia, um site de propaganda de desinformação completamente desacreditado, administrado por trolls farmacêuticos que rotineiramente demonizam a medicina holística.

"Jimmy Wales e seu exército de trolls liberais determinarão o que é verdade, e tudo o que for longe demais contrariando a narrativa será banido ou censurado", adverte o site Information Liberation. O País de Gales, é claro, é o ex-rei pornô que lançou a Wikipedia como um Ministério da Verdade do "controle de pensamento" para impulsionar a grande ciência charlatã e a propaganda pró-Monsanto.

Agora, o CEO do YouTube, Wojcicki, acredita que os criadores de conteúdo de vídeo que se atrevem a mencionar tópicos de "conspiração", como o mercúrio presente em vacinas, chemtrails ou a agenda de despovoamento globalista, devem ser "corrigidos" com a propaganda da Wikipédia. A patrulha do pensamento está trabalhando no YouTube, proibindo ou censurando todos os vídeos que eles não querem que você veja.

A nova Wikipedia "correções" começará a aparecer em vídeos do YouTube nas próximas duas semanas, disse Wojcicki em um discurso no SXSW. Observe seu discurso duplo enquanto explica como isso vai funcionar:

"Quando há vídeos que estão focados em algo que é uma conspiração - e estamos usando uma lista de conspirações de internet bem conhecidas da Wikipedia - então mostraremos uma unidade de informação complementar da Wikipedia mostrando que aqui está a informação sobre o evento..."

Unidade de informação "Complementar"? O que ela quer dizer é que a patrulha do pensamento do YouTube "corrigirá" o vídeo para garantir que a tecno-ditadura doutrinará adequadamente as mentes dos espectadores com a narrativa oficial (falsa) sobre tudo. Nenhum pensamento independente será permitido em qualquer assunto que importe - mudança climática, federal reserve, vacinas ou ciência - sem ser interceptado e "corrigido" pelos monitores de controle de pensamento do YouTube.

Sim, o 1984 de George Orwell chegou, e é chamado de "YouTube".

YouTube está rapidamente se tornando uma plataforma de controle de pensamento.

Este anúncio feito pela propagandista chefe, Susan Wojcicki, que está se tornando rapidamente o Joseph Goebbels da internet, revela o quão rápido o YouTube está seguindo os passos da China comunista para controlar as percepções e pensamentos de seus usuários.

Todas as chamadas "teorias de conspiração" que serão "corrigidas" pelo YouTube, é claro, são determinadas por líderes radicais de doutrinação... que dominam as plataformas de tecnologia.

Para esses lunáticos totalitários, a ideia de que os russos roubaram as eleições de 2016 é um "fato", mas a ideia de que os experimentos de geoengenharia estão sendo executados para alterar a atmosfera é uma "teoria da conspiração" (embora agora ela seja admitida abertamente pelas universidades científicas como o MIT).

Hoje em dia, a geoengenharia já é admitida abertamente pelos cientistas. Na verdade, eles afirmam que ela é necessária para "salvar o planeta".

Lembre-se da definição real do que é uma "teoria da conspiração": é qualquer coisa que o establishment não quer que você saiba. Simplesmente rotulando agendas reais e engenharia social nefasta, nada além de "teorias de conspiração", os guardiões tecnológicos podem justificar a censura de todos os vídeos, artigos ou sites que as mencionar.

Você se lembra quando toda a mídia disse que os problemas neurológicos de Hillary Clinton eram uma teoria da conspiração? Ou, quanto a todos aqueles anos em que alguém afirmou com precisão que suas TVs estavam espionando você, também foi considerado um lunático? Agora, é de conhecimento comum.

Veja este artigo: Sim, a sua smart TV realmente está espionando você: Documentos vazados revelam que a CIA secretamente transformou as TVs Samsung em microfones que espionam suas conversas.

Apesar da verdade inescapável sobre esses assuntos (e muitos outros mais), de acordo com a patrulha de controle do pensamento no YouTube e Wikipedia, os chemtrails são uma "teoria da conspiração" que precisa ser corrigida, apenas para garantir que ninguém realmente acredite que está acontecendo (mesmo que realmente esteja).

Este movimento descarado executado pelo YouTube demonstra o quão perigoso o Google e o YouTube se tornaram para a sociedade moderna, funcionando como censores tendenciosos de notícias, informações e ciência independente.

É por isso que o YouTube, Google, Facebook e Twitter devem ser parados. Eles devem ser regulados de forma agressiva para parar suas agendas de censura seletiva que visam especificamente o jornalismo independente, a ciência independente e as investigações reais sobre o totalitarismo arrepiante que agora se desdobra em torno de nós.

Fontes:

Natural News: THOUGHT POLICE: YouTube to start “correcting” controversial videos with “facts” from discredited Wikipedia pages run by disinfo trolls

Information Liberation: CEO Susan Wojcicki to 'Fight Conspiracies' on YouTube by Adding Wikipedia Boxes to Videos

Geoengineering: Remember when geoengineering was labeled a “conspiracy theory?” … Now it’s routinely cited in science papers as a strategy for saving the climate

Link:  https://www.anovaordemmundial.com/2018/03/censura-youtube-comeca-corrigir-videos-sobre-teoria-da-conspiracao.html

Os Crimes da Cabala

"O MUNDO ESTÁ PRESTES A DESCOBRIR O QUÃO HORRÍVEL FORAM OS CRIMES DA MÁFIA KHAZARIANA"

 Benjamin Fulford – 19.03.2018

Destaques deste boletim:

... o presidente russo desativou três portais estelares, "que estavam localizados na Síria"... Putin é responsável pelos portais que lá estão e isso é o que realmente irrita a cabala...

...líderes do Ocidente tentaram matar 90% da população mundial com a fabricação e propagação de doenças como SARS, gripe aviária, ebola, etc...

...a cabala está presa na Terra,  já que o portal do CERN foi destruído...

... aço defeituoso foi vendido aos militares dos EUA onde a blindagem dos veículos militares não iriam suportar o impacto de projéteis...

... Google está usando o rótulo de "agente russo", para tentar banir jornalistas e denunciantes que são contra sua agenda de controle mental global...

 

O expurgo na parte superior do cume da estrutura de poder secreta dos EUA está quase completo, o que significa que outro expurgo muito maior, agora, está para ser realizado, de acordo com o Pentágono, CIA e outras fontes.

As principais lideranças da Casa Branca, CIA, NSA, do FBI, Pentágono e de outras agências dos EUA, agora, estão compostas, quase em sua totalidade de chapéus brancos.

Isso significa que um expurgo sistemático, também, é possível das fileiras inferiores.

Como resultado, nos próximos meses, as pessoas irão descobrir o quão horrível foram os crimes perpetrados pela máfia khazariana.

Lembrando que, os chamados líderes do Ocidente, tentaram ativamente matar 90% da população mundial. Foram pegos na fabricação e propagação de doenças como SARS, gripe aviária, ebola, etc. Também, foram pegos tentando causar fome em massa, disseminação de pragas em colheitas e pagando agricultores para cultivar combustível em vez de alimentos.

Também têm muito se esforçado para começar uma Terceira Guerra Mundial.

Estiveram por trás de incidentes de assassinato em massa como o 11.09.2001 e Fukushima.

Está tudo comprovado. Agora, o que vai acontecer é que a maior parte da população mundial irá saber de tudo isso. 
Nos Estados Unidos, cerca de um milhão de pessoas participaram ativamente da trama para matar 90% de seus companheiros americanos e escravizar os sobreviventes, de acordo com a inteligência militar japonesa.

Estes “um milhão” - que pretendem se passar por judeus, muçulmanos ou cristãos evangélicos, etc., mas que adoram ativamente a Satanás - têm procurado refúgio em outros lugares do planeta, mas que, todavia, será em vão.
Também tentaram sair do planeta, de acordo com fontes da CIA e do Pentágono.

"A cabala está presa em terra, já que o portal do CERN foi destruído", disse uma fonte do Pentágono.

"O que dizem sobre o CERN está correto", confirma uma fonte da CIA que tem acesso às bases antrópicas secretas.

"A Terra está em quarentena – ninguém entra e ninguém sai. A cabala khazariana Sionista está presa aqui no planeta e está sendo derrubada", continua a fonte.
Para entender o pavor dos cabalistas, deem uma olhada no vídeo abaixo, do príncipe Bandar bin Khalid, um dos principais conspiradores do 11/09, cometendo suicídio no dia 12 de Março, a fim de evitar enfrentar a justiça, depois que a ele ter sido negado asilo no Reino Unido.

https://baaghi.tv/saudi-prince-bandar-bin-khalid-commits-suicide/
"O príncipe Bandar-Bush foi realmente afastado.

Foi ele, não um sósia, que escorregou numa casca de banana e caiu nos trilhos.

O significado real desta afirmação, é que Bandar foi ajudado em sua tentativa de desafiar a gravidade.

Ele estava mentalmente controlado por algum tipo de droga que alterou sua mente e NÃO haverá autópsia", é como uma fonte da CIA explica o incidente.
Agora, alguns do “ex regime dos Estados Unidos”, também, teve asilo negado pelo Reino Unido e pede proteção ao governo japonês, segundo membros da família real japonesa e fontes da CIA.

Os japoneses foram avisados ​​pelos militares dos EUA para negarem a solicitação.

De qualquer forma, o homem com o qual o “ex regime” estava contando para proteção, o primeiro-ministro khazariano, Shinzo Abe, irá se demitir nas próximas duas semanas.

Vocês são sabedores do aço defeituoso vendido aos militares dos EUA em que a blindagem dos veículos militares não iriam suportar o impacto dos projéteis recebidos. Venderam aço de baixa qualidade e com defeito de fabricação, propositadamente. Bye-bye, Abe".

É o que uma fonte da CIA, na Ásia, tinha a dizer sobre o futuro do protetor Abe.
No entanto, a Sociedade Dragão Branco - SDB, pode oferecer proteção a ele, caso ele concorde em comparecer no Clube dos Correspondentes Estrangeiros do Japão e dizer ao mundo a verdade sobre coisas como o vôo 370/17 da Malásia, quem foi seu pai real, quem o colocou no poder, etc.
Abe, está procurando abrigo, porque todos os que estavam na estrutura de poder dos Estados Unidos e que poderiam protegê-lo, estão sendo demitidos, presos ou mortos.

A última missão do secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, foi ir ao Quênia para dizer ao governo queniano que não desse asilo a Abe, dizem fontes do Pentágono.
Na semana, 
o próprio Tillerson foi demitido por ter concordado com a falsa afirmação da cabala, de que a Rússia estaria usando gás venenoso para matar dissidentes no Reino Unido, dizem as fontes.

A Primeira-Ministra Theresa May, do Reino Unido, o presidente Emmanuel Macron, da França e a chanceler Angela Merkel, da Alemanha, na semana passada, revelaram suas filiações na cabala, acompanhando o último esquema de jogar toda culpa na Rússia.

A verdadeira razão por que Sergei Skripal foi envenenado, foi porque estava prestes a fornecer provas da ligação de Hillary Clinton e o Partido Democrata dos EUA com as tentativas de manchar a imagem do  Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, dizem fontes do FSB russo.
https://theduran.com/the-poisoning-of-sergei-skripal-reads-right-to-hillary-clinton-and-the-dnc/

Enquanto isso, um denunciante do Google, diz que o Google está usando o rótulo de "agente russo", para tentar banir jornalistas e denunciantes que são contra sua agenda de controle mental.
Enquanto isso, a fonte da CIA, acima mencionada e, com o acesso à base da Antártida, tem uma explicação muito mais esotérica para os histéricos ataques contra a Rússia.

Segundo ele, o presidente russo Vladimir Putin desativou três portais estelares, "que estavam localizados na Síria". Putin é responsável pelos portais que estão lá e isso é o que realmente irrita a cabala. Ele não permitirá que esses portais sejam utilizados para que os trevosos possam escapar do Dia do Julgamento", diz a fonte.

Como de costume, com esse tipo de informação do tipo “Arquivo X”, escrevo o que as fontes me informam e deixo aos leitores o discernimento de que isso, realmente esteja acontecendo.

Tudo o que posso confirmar, é que o planeta, definitivamente, está em quarentena.
De qualquer forma, agora que Tillerson e seu homem da mala, Steve Goldstein foram demitidos, o novo Secretário de Estado, Mike Pompeo, armado com conhecimento das operações da CIA, irá supervisionar uma expurgo "ainda maior" do Departamento de Estado.
Fontes do Pentágono dizem que o FBI e o Congresso dos EUA, também, estão investigando atividades criminosas perpetradas pelo Departamento de Estado e seu ex-chefe, John Kerry, acrescentam.

A própria CIA está sofrendo um grande expurgo, agora que está sob o controle militar dos EUA.       "A nova Diretora da CIA, Gina Haspel, é uma temida agente e irá expurgar a facção Bush, neoconservadores e outros traidores", dizem fontes do Pentágono. 

Eis o que um colega da CIA tem a dizer sobre Haspel: "Ela é calma e discreta - não é franca nem boca grande, como dizemos. Seus olhos são muito focados e intensos. Senti nela, uma mulher altamente inteligente que manteve sua missão real para ela mesma. "Esta fonte diz que, provavelmente, ela estará passando seu bisturi nos "sites obscuros" da CIA, que lidam com drogas, contrabando de armas, lavagem de dinheiro e coisas do gênero.

O FBI e o Departamento de Justiça também irão presenciar um expurga de lacaios da cabala, concordam várias fontes. "A demissão do vice-diretor do FBI, Andy McCabe, é apenas o começo, já que as cabeças irão rolar, com uma encomenda da FEMA de 16 mil lâminas de guilhotina", declara ominosamente uma fonte do Pentágono. Presumivelmente, ele estava se referindo às guilhotinas, amplamente, divulgadas e encomendadas pela cabala, presumivelmente para uso contra americanos.

Outro motivo para a raiva contra a cabala entre os militares dos EUA e das agências, é o desaparecimento anual de 800 mil crianças nos Estados Unidos (de acordo com o Centro Nacional de Crianças Desaparecidas e Exploradas).

Numa contrapartida, a China, com quatro vezes a população, tem 20 mil crianças desaparecidas a cada ano, de acordo com o Departamento de Estado dos EUA.

Isso significa que as crianças dos EUA são 160 vezes mais propensas que as crianças chinesas para desaparecerem. Enquanto muitas das crianças desaparecidas são encontradas, muitas desaparecem para sempre.

Existem vários insiders, que testemunharam que tais crianças foram estupradas, assassinadas e comidas por satanistas/cabalistas.
https://youtu.be/b98ch_Pyi-Y

Para acabar de uma vez por todas com essa horrível tomada secreta dos Estados Unidos por uma cabala assassina, os militares dos EUA estão reativando muitos generais e oficiais aposentados para o serviço ativo, dizem fontes do Pentágono.

Entre aqueles que estão de volta ao serviço ativo estão Mike Pompeo, o advogado especial Robert Mueller e muitos outros, dizem as fontes.
Agora, sinais estão surgindo em toda parte, de que os cabalistas khazarianos terão de enfrentar a justiça.

Este escritor  há muito estimulou para uma revelação da verdade e reconciliação no estilo sul-africano, todavia, parece que isso não acontecerá para muitos daqueles no topo desta estrutura de poder secreta, uma vez que seus crimes foram muito horríveis.
Numa nota final, fontes da CIA estão nos dizendo que Elon Musk, da Tesla Motors, é um agente de lavagem de dinheiro do Pentágono.

Isso pode explicar muita estranheza em torno dessa empresa, como os relatórios de várias fontes de que Musk, realmente, estaria atrás da crise do míssil norte-coreano.

Isso significa que o Pentágono, via Musk e a Tesla, usava mísseis nucleares norte-coreanos como uma ferramenta em negociações com a China.

A mais recente, é a notícia de que a Tesla estaria contratando o pessoal do site de notícias satíricas The Onion, para algum tipo de projeto secreto.
https://www.zerohedge.com/news/2018-03-13/not-onion-elon-musk-poaching-onion-staffers-secret-project

Atualmente,  é difícil dizer a diferença entre o que o site The Onion está informando e as chamadas empresas de mídia convencionais, como a CNN, estão relatando.

Talvez o Pentágono esteja planejando finalizar os últimos fragmentos da credibilidade das mídias corporativas dos khazarianos, colocando-as sob o gerenciamento ddos “Cebolas”.

Como diz o ditado, "às vezes a verdade é mais estranha do que a ficção".

Estamos entrando em tempos estranhos, mas que, todavia, parece ser um bom tipo de estranheza.

Autor: Benjamin Fulford 

https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/03/benjamin-fulford-o-mundo-esta-prestes.html

Banco Itaú  - Agiotagem Legalizada

Cliente no Brasil paga em um mês o que no Paraguai se paga em um ano

Carga fiscal e juro bancário anual atraem empresários para o país vizinho

(Jornal do Brasil – Economia)

Cansado de pagar juros mensais de 8,77% a 13,40% (174,34% a 352,12% ao ano) no cartão de crédito Itaú?  Quer pagar bem menos? Que tal, 13,35% ao ano para um cartão da própria bandeira do Itaú, o maior banco privado da América Latina? Pois bem, a situação é muito fácil para quem mora nos estados fronteiriços ao Paraguai. Ou mesmo para qualquer brasileiro, que mora mais distante. Basta uma visita a Foz do Iguaçu.

Além das belezas naturais das Cataratas do Iguaçu, uma simples travessia da Ponte da Amizade pode render boas economias. Não. Não se trata das tradicionais muambas paraguaias. Ou de uma noitada sortuda num dos cassinos do lado de lá da fronteira. Basta uma visita a uma das agência do Banco Itaú em qualquer cidade do Paraguai. 

Lá, o ITAU usa o mesmo “slogan” que bombardeia os telespectadores, diariamente na TV. Só que o “Feito para você”, vira “Hecho para vos”. Tem a mesmo logomarca da @ com o I imaginário no meio. Mas a realidade é muito melhor do que sonha a nossa vã imaginação. 

Os juros que o Itaú cobra dos nossos “hermanos paraguaios” são muito menores do que pagamos por aqui. No Brasil, paga-se em um mês, o que os donos de cartão do Itaú Unibanco pagam em um ano. Ou seja, em um ano, os clientes paraguaios ganham, na conta de juros do cartão, nada menos que 11 meses em relação aos clientes brasileiros. Uma diferença de 161 a 338,77 pontos percentuais, conforme o emissor do cartão dentro da Organização Itaú Unibanco. 

No Paraguai o custo anual do financiamento do cartão de crédito é menor do que 13,35% ao ano. Ou seja menor que a taxa mensal de um dos cartões operados pelo oligopólio do Itaú no Brasil. Conheço um amigo brasileiro que está vivendo de comprar artigos “made in Paraguai” para revender no Brasil. Os ganhos são duplos: nas taxas de juros do cartão e nas pechinchas de qualidade duvidosa... 

Mas terá o Paraguai algum segredo econômico? Além dos juros baixos, uma tributação bem menor que a nossa. Resultado: muitos empresários brasileiros mudaram para lá para produzir e exportar para o Brasil. O país de pouco mais de 6,8 milhões de habitantes (quase igual ao total do município do Rio de Janeiro), tem uma inflação anual na faixa 4% (o Brasil fechou 2017 com 2,95% e deve fechar 2018 entre 3,5% e 4%) e o piso dos juros anuais é de 5,25%.  No Brasil, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) deve reduzir nesta quarta-feira a taxa Selic (o piso bancário brasileiro) para 6,50% ano. 

A economia paraguaia é bem mais modesta do que a brasileira. Seria equivalente à de um estado médio do Nordeste, mas seu grau de endividamento público é bem menor. A dívida pública equivale a 22,8% do Produto Interno Bruto (PIB) do Paraguai. No Brasil, a dívida pública bruta está na faixa de 74% do PIB. 

Um banco por R$ 1 (Sim... um real) 

Vale lembrar que o Itaú Unibanco conseguiu abrir as operações no Paraguai pagando o valor simbólico de R$ 1. A rede de agências do Paraguai pertencia ao antigo Interbanco, que foi criado no país vizinho, nos anos 80 e 90 pelo extinto Banco Nacional. O Nacional foi comprado em 1995 pelo Unibanco pelo valor simbólico de R$ 1. E o Itaú fez uma fusão com o Unibanco (na qual passou a deter quase dois terços da nova instituição líder do mercado brasileiro) no final de 2008, quando a crise financeira mundial atingiu as linhas de crédito externas do banco da família Moreira Salles.  

A concentração bancária que se acelerou no Brasil nos últimos 15 anos, também ocorreu na América Latina. O motivo externo são as exigências de capitalização dos bancos pelo Acordo de Basileia, regulado pelo BIS , o Banco Central dos Bancos Centrais.

Nos últimos anos, o Itaú consolidou sua presença na Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai. Com a fusão entre o Itaú Chile e o CorpBanca, o grupo chegou à Colômbia e ao Panamá.  O ItaúUnibanco tem operações na Europa (França, Alemanha, Portugal, Reino Unido, Espanha e Suíça), nos Estados Unidos (Miami e Nova Iorque), e nos paraísos fiscais do Caribe (Ilhas Cayman e Bahamas), do Oriente Médio (Dubai) e da Ásia (Hong Kong), além de agências em Xangai (China) e Tóquio (Japão). São centros financeiros que facilitam captar recursos para o Brasil a custos mais baixos e ampliar os ganhos de arbitragem nas taxas de juros com as elevadíssimas taxas praticadas no Brasil.

Por Gilberto Menezes Cortes  

Link: https://www.jb.com.br/economia/noticias/2018/03/18/agiotagem-legalizada-2-cliente-itau-no-brasil-paga-em-um-mes-o-que-o-do-paraguai-paga-no-ano/

Fantoches do Japão

"GOVERNO DE FANTOCHES DO JAPÃO É O PRÓXIMO, JÁ QUE OS DOMINÓS CONTINUAM A CAIR"

Benjamin Fulford - 13.03.2018

A derrota final da máfia khazariana é agora visível no horizonte, na  medida em que sua rede de controle mundial continua a desmoronar. Isso está sendo visto mais recentemente em dramáticos eventos políticos na Itália, no Japão, na Coréia e nos EUA. Em breve, também veremos mudanças no Reino Unido, França, Alemanha e Israel, concordam várias fontes. 

Na semana passada, a maior notícia foi o anúncio de um encontro de cúpula, previsto entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o homem forte da Coréia do Norte, Kim Jong-un. Na verdade, os dois líderes já se encontraram secretamente em Novembro passado, de acordo com fontes do Pentágono.

O anúncio público apenas significa que um acordo geral foi alcançado para reunificar a Península da Coréia, digamos assim, disseram fontes da sociedade secreta Asiática. O acordo, que, provavelmente, dará um Prêmio Nobel para Trump, bem como o presidente chinês Xi Jinping, irá garantir que nenhuma força norte-americana possa se deslocar para o norte, além do paralelo 38, numa Coréia unificada, dizem as fontes.

Num desenvolvimento relacionado, a escrava administração khazariana do Primeiro-Ministro japonês, Shinzo Abe, está prestes a ser derrubada. O Ministro das Finanças, Taro Aso, escravo de Rothschild, é esperado renunciar antes que o próprio Abe seja removido, concordam várias fontes. Num visível sinal, isso é iminente, uma vez que a televisão japonesa e os jornais, agora, estão na modalidade  completo de escândalo, relatando como o governo japonês vendeu terras com um enorme desconto para uma escola conectada a Abe, sua esposa, além de uma série de políticos e, logo após, ter mentido sobre isso.

https://www.japantimes.co.jp/news/2018/03/12/national/politics-diplomacy/finance-ministry-admits-to-altering-moritomo-documents-says-references-to-abe-and-wife-were-deleted/#.WqYkz3yRVz8
https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-03-12/japan-finance-minister-under-fire-as-abe-school-scandal-deepens


No entanto, o verdadeiro escândalo é que o regime de Abe estava construindo um laboratório de armas biológicas e uma fábrica disfarçada de escola veterinária em Kake. Isso significa que o regime é culpado de crimes de guerra e não apenas de corrupção. A escola, por sinal, deveria abrir neste mês de abril, todavia, nenhum estudante se apresentou para fazer seu exame de admissão.

Os diretores japoneses de direita, associados ao Imperador dizem que todo o establishment secreto, no Japão, incluindo o Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais, controlados pelos jesuítas (CSIS), voltou-se contra o regime Abe que, portanto, está condenado.

Na semana passada, um membro do gabinete de Abe, que admitiu que seu governo estava prestes a cair, foi enviado para se encontrar com um representante da Sociedade Dragão Branco (SDB), para pedir que regime de fantoches no Japão que pudesse continuar em seus serviços. Também implorou que um membro do gabinete do Abe seja autorizado a se juntar nas negociações em andamento entre militares dos EUA e o governo chinês, sobre o futuro do Japão, com a finalidade de "apenas tomar notas".

No entanto, nem os militares dos EUA, nem os chineses querem ter representantes do regime de escravos de Abe em qualquer lugar perto das negociações, de acordo com as fontes envolvidas. Os militares dos EUA estão furiosos com o establishment japonês porque, recentemente, descobriram que a Kobe Steel sabotou deliberadamente o equipamento militar dos EUA, vendendo o aço defeituoso, dizem fontes do Pentágono e que isso não ficará impune, dizem elas.

Por sua vez, a SDB, disse que o governo japonês (menos Abe e seus colegas) deve concordar com a nacionalização do Banco do Japão, eleições livres e justas e o anúncio de um jubileu, incluindo não apenas o cancelamento de todas as dívidas, mas, também, uma redistribuição única de ativos. Até o lançamento deste relatório, nenhuma resposta formal foi recebida para esta solicitação.

Enquanto isso, nos EUA, os chapéus brancos continuam a ter o seu grande momento. Na semana passada, o maior sinal foi a renúncia do ex-CEO da Goldman Sachs, Gary Cohn, como principal Assessor Econômico de Trump. "A Casa Branca agora está livre da Goldman Sachs", cantou uma fonte do Pentágono. Como resultado da queda de Cohn, Lloyd Blankfein foi forçado a sair como CEO da Goldman Sachs, ressaltou a fonte.

Isso significa que o conselheiro nacionalista de Trump, Peter Navarro, Diretor do Escritório de Comércio e Manufatura Política, agora, é o principal Assessor Econômico da Casa Branca. O anúncio de uma isenção das tarifas de aço e alumínio dos EUA para o Canadá e México, mas não para a UE ou o Japão, mostra o que a política de guerra comercial dos EUA, provavelmente, foi lançada.

Assim como os militares gostam de primeiramente atacar os alvos fáceis, está claro que os guerreiros comerciais estão visando a UE e o Japão, a fim de unificar o Ocidente, antes de se voltarem para a China. É claro que tudo isso é uma negociação que visa obter concessões e que, verdadeiramente, não significa que haja uma guerra comercial.

Na semana passada, outro grande desenvolvimento nos EUA foi quando o Procurador-Geral das Nações Unidas, Jeff Sessions, "finalmente mostrou suas presas com uma ação judiciária contra a Califórnia e a liberação de documentos para o Congresso no que diz respeito ao (Esquema rápido e furioso) sobre Obama, do ex-Presidente Barack. Fontes do Pentágono dizem que, na semana passada, o secretário dos EUA, Rex Tillerson, voou para o Quênia "para impedir Obama de obter asilo".

Enquanto isso, no Reino Unido, fontes do Pentágono, agora, estão dizendo que os "anéis de pedofilia envolvendo a Realeza Britânica em Buckingham e Westminster podem estar ligados a doações do Reino Unido, Austrália e Canadá para a Fundação Clinton, na direção da Rainha". Com certeza, a pedofilia e o comportamento desagradável por uma grande parte da elite do Reino Unido são desenfreados. Veja o link abaixo para de um exemplo recente.

https://www.mirror.co.uk/news//uk-news/britains-worst-ever-child-grooming-12165527

No entanto, este escritor, anteriormente, já havia descoberto que as alegações contra a Rainha em relação à pedofilia, no Canadá, eram operações comprovadas por um membro da família Rockefeller. Os eventos provarão a verdade sobre essas últimas alegações. De qualquer forma, a mudança de regime está chegando ao Reino Unido, já que em 11 de Setembro, Jeremy Corbyn, está pronto para substituir a primeira-ministra Theresa May, insistem fontes da CIA.

Uma mudança de regime também já acontecendo na Itália, onde os partidos anti-UE e anti-establishment ganharam uma maioria nas eleições da semana passada. No entanto, este processo levará alguns meses, na medida em que as negociações continuam, tanto no parlamento como entre as sociedades secretas.

Também, na França, acontece um grande movimento contra o governo escravo Rothschild de Emmanuel Macron, onde um Conselho Nacional de Transição foi estabelecido para substituir o regime.

Eric Fiorile, do Conselho, enviou uma mensagem aos povos do mundo que em parte se lê: "Vou falar com vocês sobre a França atual e real e não a França que, sua mídia, provavelmente tão corrupta quanto a nossa, está mostrando para vocês... Vivemos sob uma ditadura absoluta. Ninguém está seguro em sua própria casa.

Nossos políticos, agora, podem prender qualquer um sem um mandado de prisão e por qualquer motivo. Podem procurar e se aproveitar tudo o que querem nas casas das pessoas. Podem levar e manter alguém sob custódia sem explicações". O Conselho, que está reunindo um forte apoio é atraente pela ajuda às pessoas do mundo.
https://www.conseilnational.fr/international-gbr/

Também, na Alemanha, o antigo regime em torno de Angela Merkel, está apenas apegado ao poder. No entanto, fontes da CIA afirmam que planos estão em andamento para conscientizar a todos de que ela é a filha de Hitler e prometem que seu regime está condenado. As extremamentes bem sucedidas  psy-ops de "Q", insinuam sobre isso com o post: "Quem é Angela Hitler?"
https://qanon.pub/

Porém, o último dominó a cair será Israel. Lá, a polícia israelense está se aproximando do satânico Primeiro-Ministro Benjamin Netanyahu, aparentemente por um escândalo de corrupção. No entanto, Netanyahu é um assassino em massa e um dos principais arquitetos do ataque nuclear e tsunami de 11 de Março de 2011, contra o Japão, em Fukushima. Netanyahu está desesperadamente agarrado ao poder, porque sabe que sua própria vida depende disso. Uma vez que ele e seus companheiros satanistas sejam removidos, o povo judeu, literalmente, estará liberado de milhares de anos da escravidão  Babilônica.

Como de costume, existe muito coisa sobre o que ainda não podemos comentar. Entretanto, basta dizer que as negociações secretas, destinadas a libertar a humanidade estão acontecendo, envolvendo a Rússia, Irã, China e os militares dos EUA.
Desse modo, agora é apenas uma questão de tempo, antes das prisões em massa e tribunais de crimes de guerra, bem como um jubileu e um novo sistema político e financeiro meritocrático, controlado por e para o povo.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte: https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/03/benjamin-fulford-governo-de-fantoches.html

Juizes e Procuradores querem mais

Membros do 1% mais rico, juízes e procuradores, protestam por salário

Juízes federais e procuradores da República vão fazer protestos em seis capitais nesta quinta-feira 15 por melhores salários. Estão indignados porque o auxílio-moradia que recebem terá a legalidade julgada em breve pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Não querem perder a mordomia pois, segundo eles, é uma forma de compensar a falta de aumento de 2015 para cá.

Apesar da estagnação remuneratória, juízes e procuradores pertencem ao 1% mais rico da população. Fazem parte deste grupo aqueles brasileiros que ganham a partir de 27 mil reais mensais. Em 2016, os magistrados federais embolsaram 50 mil reais por mês, em média. A remuneração inicial de um procurador é de 28 mil.

O cálculo de quanto recebe o 1% mais rico é do IBGE, conforme pesquisa de novembro. O ganho dos togados federais consta do último anuário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), de setembro passado. O valor do vencimento mínimo dos procuradores é uma informação do Ministério Público (MP).
O contracheque das duas categorias é generosíssimo quando comparado aos rendimentos dos trabalhadores comuns. Em 2017, foi de 1,2 mil reais a renda média mensal de cada pessoa moradora de um domicílio no País, de acordo com o IBGE.

Idem para a comparação com os aposentados. Dos cerca de 23 milhões de benefícios pagos pelo INSS por mês, 70% são no valor de um salário mínimo. O piso nacional é de 954 reais.

Os juízes estaduais não participarão do protesto. Acham que desafiar o STF pode levar a corte a acabar realmente com o auxílio-moradia, para mostrar quem é que manda. Mas eles não estão com seu privilégio ameaçado, pois o julgamento no Supremo não atingirá o auxílio que recebem.

Os magistrados estaduais também integram o 1% mais rico. Em 2016, seus ganhos mensais médios foram de 49 mil, segundo o CNJ. Em alguns estados, a remuneração é espantosa.

Foi de 95 mil no estado recordista, o Mato Grosso do Sul, onde a renda domiciliar per capita é de 1,2 mil. Em Goiás, o vice-campeão, foi de 70 mil, enquanto a renda domiciliar per capita era de 1,2 mil. Em São Paulo, renda per capita média de 1,7 mil, os juízes estaduais embolsaram 42 mil.

Graças aos gordos contracheques de magistrados e procuradores, o Brasil é o país que mais gasta dinheiro público para manter o sistema de Justiça funcionando. É a conclusão de um estudo de 2015 feito na Universidade Federal do Paraná (UFPR), chamado “O custo da Justiça no Brasil”.

Em 2016, conforme o CNJ, o País gastou 1,4% das riquezas geradas no ano (PIB) com o Poder Judiciário, 84 bilhões de reais. Nos Estados Unidos, a mesma despesa consome 0,14% ao ano. Na Alemanha, 0,32%. Na Argentina, 0,13%. O segundo lugar é da Venezuela, em um distante 0,34%.

E não que aqui haja juízes demais. É salário mesmo, o que explica a despesa recorde. No Brasil há 8,2 magistrados para cada 100 mil habitantes, conforme o estudo da UFPR. Na Alemanha, há três vezes mais (24,7). Em Portugal, mais do que o dobro (19,2). Nos EUA, 10,8.

O MP (Ministerio Publico) é outro campeão de consumo de verba pública. É de 6 bilhões de reais o orçamento deste ano do MP Federal, uma tropa de uns 2 mil procuradores. Fora o gasto nos estados, batalhão de uns 12 mil promotores.

Tudo somado, o custo anual do MP é de cerca de 0,32%, conforme o estudo da UFPR. Na Itália, é de 0,09%. Em Portugal, de 0,06%. Na Alemanha e na Espanha, de 0,02%.

Apesar desta realidade salarial, haverá protesto por mais verba. Atos serão promovidos no início da tarde desta quinta-feira 15 nas cidades de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre e Belém.

A mobilização foi uma iniciativa da Associação dos Juízes Federais (AJUFE), em reação contra o julgamento marcado pelo STF para o dia 22 sobre o auxílio-moradia.

A mordomia foi universalizada em setembro de 2014 por uma liminar do juiz Luiz Fux, do Supremo, em uma ação movida por oito magistrados federais. Valor da regalia: 4,3 mil mensais.

A ideia inicial do presidente da AJUFE , Roberto Veloso, era promover uma greve. Dos 2 mil filiados da entidade, aposentados incluídos, 1,3 mil responderam a uma consulta sobre a ideia, dos quais 81% a favor. Mas depois houve um recuo da Ajufe, que passou a moderar sua posição.

“Com os salários que têm e com o corte de gastos em razão do ajuste fiscal, uma greve do Judiciário por aumentos salariais chega a ser ofensiva”, diz o cientista político Fernando Limongi, professor da USP e pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap). “Os magistrados não têm problema algum em defender seus privilégios e justificá-los como necessários à defesa da liberdade e do bem estar da sociedade. A coisa beira o cinismo.

O corporativismo e a agenda salarial do Judiciário chegaram a tal ponto, que a FGV de São Paulo vai incluir o tema a partir deste ano na pesquisa periódica que faz sobre a percepção dos brasileiros a respeito da Justiça, o Índice de Confiança na Justiça. Uma percepção que já vai mal.

Na última edição, de outubro passado, o Judiciário tinha confiança de 24%. Número perto de instituições mal avaliadas, como partidos e Congresso, ambos com 7%, do que das do topo, Forças Armadas (56%) e Igreja Católica (53%)

E o mais grave, diz Luciana de Oliveira Ramos, coordenadora da pesquisa. A confiança caiu 10 pontos desde 2013. Resultado, diz ela, da maior exposição midiática da Justiça. Ou seja, quanto mais as pessoas conhecem o Judiciário, pior.

“Essa agenda corporativa de querer perpetuar privilégios é um problema. Num país em que muitas pessoas ganham salário mínimo, pagar auxílio-moradia de 4,3 mil reais não tem qualquer cabimento.”

A Associação Nacional dos Procuradores (ANPR) diz que resolveu aderir ao protesto pois defende melhor remuneração para a categoria, não devido ao auxílio-moradia em si. “O Supremo pode acabar com o auxílio que nós continuaremos com manifestações”, afirma o presidente da ANPR, José Robalinho Cavalcanti.

Se o STF derrubar o auxílio dos togados federais, o MP ficará sem argumento para pagar os seus. A mordomia deles foi determinada alguns dias depois da liminar de Fux, com base nesta liminar.

Andre Borrocal

https://www.cartacapital.com.br/politica/membros-do-1-mais-rico-juizes-e-procuradores-protestam-por-salario

14.3.18

Conhecendo aqueles que nos exploram

Santander cobra “mais” dos brasileiros

Enquanto o Brasil vive a sua mais profunda recessão econômica, o oligopólio bancário que atua no Brasil (quatro famílias controlam 60% do mercado) proporcionou ao Santander um crescimento de 42% em 2017, não só por operações de crédito, mas, também, pelos ganhos em taxas e serviços que atingiram o inacreditável valor de R$ 3,8 bilhões.

O Banco Santander, controlado pela empresária espanhola Ana Botin, cobra em empréstimos, até 20 vezes mais de seus clientes brasileiros, quando comparado aos da clientela espanhola... por esse motivo, o Brasil foi o país que mais contribuiu para o lucro mundial do banco espanhol em 2017: foram R$ 10 bilhões, ou cerca de 2,5 bilhões de Euros, que representaram 26% dos ganhos do Santander em de seu lucro global do ano passado.

Enquanto o Brasil vive a sua mais profunda recessão econômica, o oligopólio bancário que atua no Brasil (quatro famílias controlam 60% do mercado) proporcionou ao Santander um crescimento de 42% em 2017, não só por operações de crédito, mas, também, pelos ganhos em taxas e serviços que atingiram o inacreditável valor de R$ 3,8 bilhões.  

Taxas que o cliente, muitas vezes, é obrigado a pagar, sem autorização. Debita-se na conta corrente e depois não tem a quem reclamar. As maiores reclamações no Procon são contra operadoras telefônicas e os bancos. E para desgosto do cliente, nem sempre adianta mudar de banco: como praticamente não existe concorrência, as tarifas são quase iguais entre os quatro maiores bancos do oligopólio. 

Economistas de tendência conservadora, atribuem as escorchantes taxas de juros cobradas pelos bancos, seja para empresas ou pessoas físicas no Brasil, ao alto endividamento do Estado brasileiro. Esta tese não se comprova. O Estado espanhol deve mais que o brasileiro e, nem por isso, empresas e cidadãos espanhóis pagam as taxas que o Santander cobra dos clientes brasileiros. 

Veja a comparação entre a dívida bruta do setor público brasileiro e a espanhola: 

PIB Brasil:  US$ 1,8 trilhão (fonte: FMI); endividamento público/PIB 76%, sendo que que o principal motivo deste índice foi o nível dos juros pagos pelo Tesouro nos últimos dez anos, em média, de 13% ao ano. 

PIB Espanha:  US$ 1,2 trilhão (fonte: FMI); endividamento público/PIB = 100%. A Espanha, mesmo pagando taxas de 2,5% ao ano deve o que o país produz em riquezas, o que motivou a crise de confiança no país que se juntou a Portugal e Grécia como países de alto risco financeiro, com risco de calote.

Os números mostram que o estado espanhol tem uma relação de endividamento/PIB, 30% maior que a do brasileiro e, nem por isso, as empresas espanholas e cidadãos pagam taxas de usura que se praticam no Brasil, principal inibidor do crescimento e do desenvolvimento da economia brasileira. Ao contrário, os ganhos dos bancos refletem o aumento da miséria do país que virou “paraíso dos rentistas”.

Mais ainda: ao contrário do Brasil, que possui cerca de US$ 375 bilhões em reservas, portanto com saldo positivo com relação ao que deve, a Espanha não teria caixa para saldar sua dívida externa, o que mostra fragilidade para todo o sistema bancário espanhol. 

A tese de que as taxas de juros no Brasil são as mais altas do mundo porque o governo é o maior tomador de recursos, não se comprova. Evidência disso é que o déficit fiscal primário do Estado brasileiro aumenta todos os meses, e as taxas de juros praticadas pelo governo Temer caem mensalmente e atingiram o seu menor patamar nos últimos 30 anos: 6,75% ao ano. E tudo indica que cairão em 21 de março para 6,50% na reunião do Copom. 

Mas ainda assim, como a inflação está abaixo de 3% (2,84% no acumulado de 12 meses em fevereiro), o governo do Brasil pratica a segunda taxa real de juros mais alta do mundo para financiar o seu déficit fiscal. Para deleite dos rentistas e bancos brasileiros. Não esquecendo dos fluxos internacionais que nos Estados Unidos e Europa recebem zero de juros, ou como na Alemanha que, ao invés de pagar, cobra dos clientes e poupadores para deixar o dinheiro dormir na conta. 

Hoje, um dos maiores problemas da economia mundial é o excesso de liquidez. Os países industrializados não sabem o que fazer com o estoque de recursos. E, o Brasil, com quase US$ 400 bilhões em caixa, não tem remuneração que ultrapasse 2% ao ano. Mas paga 6,75 % ao ano para financiar sua dívida interna. Em outras palavras, o governo brasileiro joga bilhões no lixo todos os meses somente na diferença entre o que recebe por suas reservas e o que paga para financiar a dívida.

Maus pagadores 

Outra tese para se tentar justificar as taxas de juros praticada pelo oligopólio bancário brasileiro e, neste caso, pelo Santander, seria a alta taxa de inadimplência da clientela brasileira, isto é, correntistas que deixam de pagar seus empréstimos. Novamente, a tese não se comprova. 

Veja a comparação da inadimplência: 

Santander Brasil: 4,5%; 

Santander Espanha: 4,7%. 

El País, o maior jornal da Espanha, destacou que o “lucro do Santander teve aumento de 42% no Brasil, alcançando 2,5 bilhões de euros (cerca de R$ 10 bilhões), o que sustentou 26% dos resultados de 6,6 bilhões de euros da rede em todo o mundo. Na Espanha, os lucros representaram apenas 15% dos ganhos da organização. A segunda filial mais lucrativa foi a do Reino Unido, com 1,5 bilhão de euros, ou 16% do total. 

Operação Zelotes 

Não satisfeito em ter no Brasil a maior rentabilidade de suas operações no mundo, o Santander ainda buscou, em anos recentes, formas não ortodoxas para aumentar seu lucro no país. O instrumento para alcançar esse objetivo é a mesma que originou a lava-jato e foi prática comum entre políticos e empresários brasileiros: a corrupção. 

Reginaldo Antonio Ribeiro, diretor de Planejamento Tributário do Santander, foi denunciado na Operação Zelotes por envolvimento num suposto esquema de corrupção na Receita Federal que teria beneficiado o banco espanhol em R$ 83 milhões em crédito tributários.

O Banco está envolvido em dois processos julgados de forma irregular pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF), do Ministério da Fazenda, em R$ 3,3 bilhões para cada um deles.

O Ministério Público e a Polícia Federal acusam o Santander de ter negociado decisões de membros da Receita Federal.

Por que brasileiros pagam e não reagem? 

O processo do oligopólio bancário no Brasil foi patrocinado e aprovado pelo Estado brasileiro, não importando quem estivesse à frente do governo, seja PSDB e PT, em ambos a concentração do setor foi permitida, e acentuada e concentrada durante os governos PT. 

A solidificação desse oligopólio, proporciona ao espanhol  Santander  a cobrança de taxas de juros que não se justificam sob a luz de qualquer teoria. A usura praticada é incompatível com a realidade de qualquer economia de mercado, e mais grave ainda, por se tratar de uma economia ainda em desenvolvimento como a brasileira. Cabe ainda mencionar que os lucros obtidos à custa do sacrifício das empresas e cidadãos do Brasil, é quase todo remetido à Espanha, onde são distribuídos entre os acionistas do banco. 

Qual o ganho para a sociedade brasileira de ter um banco estrangeiro neste oligopólio? 

Fora a permissividade do estado brasileiro, a Justiça tem sido de certa forma, a única barreira que impede que os bancos continuem a sufocar e a levar ao desespero milhões de famílias brasileiras que, ao serem convidadas a tomar crédito, seja por conta garantida, e/ou cartão de crédito, mal sabem, estão prontas para ficarem “enforcadas” pela força do banco. A Justiça brasileira, acertadamente, vem coibindo esta forma ilegal da usura em contratos de empréstimos.

Renegociação da divida – outra arapuca

Mesmo renegociando, os bancos continuam ganhando. E muito. Se você financiou R$ 1 mil no cartão de crédito e não conseguiu pagar, o Santander depois de três meses começa a enviar propostas de renegociação. Esse é o momento para o devedor pagar o justo. Saiba que o banco nunca perde: após 90 dias de inadimplência, o BC obriga que o empréstimo não pago seja registrado no balanço como prejuízo.

Assim, quando o banco te encaminha para que empresas de recuperação de crédito infernizem tua vida, saiba que o que você deve e for pagar, voltará como lucro ao banco, na reversão das provisões para devedores duvidosos. Levando em conta os juros de 13% ao mês, claro você não aguentou e teve de parar de pagar. Em alguns meses, você já pagou a dívida algumas vezes e ainda segue devendo.

O banco começa então a te cobrar R$ 1 mil, cerca de três vezes mais do que o cliente, na realidade deve (R$ 3 mil) para pagamento em até 60 parcelas. O devedor, considerando seu nome sujo, aceita, sem saber, na maioria das vezes, que está pagando quase 200% do que deve. E, com o acordo, o banco lucra integralmente, o que você vai pagar.

Empresas de cobrança fazem esse serviço “sujo” ganhando até 100% do valor devido. Em outras palavras, a agiotagem legalizada nunca perde um centavo.  Os bancos cobram o que querem, utilizando de sua força de oligopólio, porque os brasileiros, os trabalhadores e empresários não reagem.

Mas o mais grave é que as instituições do Estado, principalmente o Banco Central, não se movem para coibir a prática da usura do oligopólio bancário contra a economia brasileira. 

Fusão Itaú-Unibanco,  Bradesco compra HSBC,  Itaú compra Citibank,  Santander compra ABN-Amro,  Bradesco compra BBVA

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), que deveria regular e impossibilitar a formação de cartéis no Brasil, foi o grande responsável, ao lado do Banco Central, pela formação do oligopólio bancário brasileiro. 

Fonte: https://www.jb.com.br/economia/noticias/2018/03/11/santander-cobra-1791-mais/

Jomarion lamenta: brasileiros estão engordando bancos da cabala escura e lembra que este banco mandou “recado” a seus clientes (no extrato mensal) para não votar na Dilma em 2014 e penso que todo brasileiro consciente deve ter conta bancária apenas no Banco do Brasil ou Caixa Federal.

Cabala, o Jogo Final

"JOGO FINAL DA CABALA, NA MEDIDA EM QUE O TRIBUNAL NUREMBERG II SE INSTALA"

Benjamin Fulford  -  05.03.2018

A facção da máfia khazariana que tentou iniciar a III Guerra Mundial e matar 90% da Humanidade, agora, está em suas últimas pernas, concordam várias fontes.

O sinal mais claro disso, foi uma ordem executiva e um anexo de 636 páginas, publicado em 01 de Março pelo Presidente dos EUA, Donald Trump e pelo Departamento de Defesa, que prepara o caminho para os tribunais no estilo de Nuremberg. 

https://www.whitehouse.gov/presidential-actions/2018-amendments-manual-courts-martial-united-states/
https://www.regulations.gov/document?D=DOD-2017-OS-0032-0003

A essência dessas ordens, foi para que todos os civis dos Estados Unidos estejam sujeitos à justiça militar e que os militares possam contratar peritos jurídicos não militares, para ajudarem nos futuros tribunais, de acordo com fontes do Pentágono.

A seguinte cláusula na página 2 do Anexo 2, é de particular interesse, na medida em que descreve um exercício de jurisdição militar como:

"Um governo que governa temporariamente a população civil em seu território ou uma parte do seu território, através de suas forças militares, uma vez que a necessidade venha a exigir . (Lei marcial)". 

Fontes do Pentágono explicam que "Trump assinou a Ordem Executiva 3/1, para alterar o manual da corte marcial, para obter ajuda civil e preparar o público para os tribunais militares Nuremberg II, da cabala, antes da verdade e da reconciliação".

Parece que, pelo menos, alguns assassinos em massa não vão se sair apenas com um pedido de "desculpas".
Na semana passada, o outro grande movimento do governo Trump, foi o de disparar as primeiras salvas de uma guerra comercial.

A primeira explosão foi um anúncio de que os EUA aplicariam tarifas de 25% e 10%, respectivamente, nas importações de aço e alumínio.
Isso, no mínimo, é estranho, uma vez que o movimento se destina principalmente aos aliados dos EUA.

O Canadá, que apresentou um déficit comercial de US $ 7,7 bilhões com os EUA em 2017, representa 16% e 41%, respectivamente, de importações de aço e alumínio dos EUA.

A China, que teve um superávit comercial de US $ 288 bilhões com os EUA em 2017, representa apenas 2% e menos de 1%, respectivamente, de importações de aço e alumínio dos EUA.

As outras grandes vítimas dessas tarifas planejadas são supostos aliados como: Japão, Coréia do Sul e Brasil.
Também, está claro que este movimento não está conectado aos militares dos EUA.

O secretário de Defesa dos EUA, James Mathis, enviou uma carta ao Departamento de Comércio, observando que os militares dos EUA usam somente 3% da capacidade de fabricação de aço e alumínio dos EUA e que ele estava preocupado com o "impacto negativo dessa medida sobre os nossos principais aliados".

https://www.commerce.gov/sites/commerce.gov/files/department_of_defense_memo_response_to_steel_and_aluminum_policy_recommendations.pdf

Superficialmente, parece que os cowboys, no Trump Commerce Department, estão mais ansiosos para intimidar os países fracos do que lidar com o déficit comercial de US $ 800 bilhões por ano.
Se a luta fosse realmente comercial, então os EUA deveriam adicionar à esta medida,  as tarifas dos equipamentos e máquinas eletrônicas, no valor US $ 262 bilhões que, todos os anos importam da China.

Os cowboys do Comércio não segmentaram a China, porque precisam garantir que esta lhes empreste mais dinheiro para manter a falência dos EUA ao largo.
A verdadeira razão para o ataque do regime Trump contra o Canadá e outros aliados, é que esses países querem ver o governo corporativo americano falido e substituído por um regime completamente diferente.

Lembrem-se de que, os europeus, incluindo o Reino Unido, a Alemanha, a Itália, a Suíça, a França, bem como o Canadá, se separaram dos mafiosos khazarianos que controlavam o sistema financeiro dos EUA, para irem trabalhar com a China em seu AIIB/BAII e, agora na iniciativa One Belt, One Road (OBOR).  A iniciativa OBOR, no valor de US $ 8 trilhões, é cerca de 60 vezes maior que o famoso Plano Marshall.

Agora, os Estados Unidos estão perdendo a ação.
No próximo grande movimento do xadrez geopolítico, a negociação de futuros de petróleo usando Yuan apoiado por ouro, começará na China em 26 de Março.

Isso irá adicionar outro golpe aos controladores financeiros do petrodólar que, agora, controlam apenas os EUA, Japão, Israel e, a Arábia Saudita.

Todas as indicações são de que a Arábia Saudita e o Japão estão prestes a mudarem de lado, então, logo apenas restarão os EUA e Israel.
Fontes da CIA e do Pentágono dizem que o mercado de ações irá quebrar, para falir os remanescentes cabalistas nos EUA e em Israel.

É para preparar o caminho para um novo sistema financeiro, garantido por ativos, para o Ocidente  complementar aquele que a China está prestes a lançar.

Por sua vez, militares dos EUA estão contornando o Departamento de Comércio e abrindo negociações diretas com a China, de acordo com um funcionário do Pentágono envolvido nessas negociações.

Militares dos EUA, estão pensando em negociar suas alta tecnologia, principalmente nos campos da energia e da aeronáutica, em troca do pagamento da dívida e financiamento para a reestruturação total da economia dos EUA e sua infraestrutura, diz a fonte.

Também, existe em andamento, sérios planos para iniciar uma contrapartida Ocidental do projeto chinês OBOR, que criará um boom econômico sem precedentes, diz ela.
Por outro lado, os militares dos EUA receberam promessas de salários e um orçamento maior do resto do mundo, como recompensa  por sua ajuda na limpeza da máfia khazariana.

Dessa forma, são os membros não militares do regime de Trump - aqueles  que poderiam perder seus empregos - que estão usando de ameaças de uma guerra comercial para extorquir dinheiro de aliados dos EUA.

Do mesmo modo, é o pessoal não militar do governo dos Estados Unidos que está por trás das constantes ameaças histéricas de iniciar uma guerra com a Coréia do Norte.

Os militares dos EUA, com razão, dizem que uma guerra com a Coréia do Norte seria um desastre total e estão ativamente trabalhando para garantir que isso nunca aconteça.

Em vez disso, de acordo com a princesa Kaoru Nakamaru, prima do imperador Hirohito e um canal japonês para a Coréia do Norte, os militares dos EUA concordaram em se retirar da Coréia do Sul e permitir a unificação coreana.
A verdadeira razão para a histeria entre certas partes do establishment dos EUA, é claro que não é a Coréia do Norte, mas sim os tribunais militares em vias de destaque, citados no topo deste relatório.

Para se ter uma ideia do tamanho desses tribunais, no momento, existem mais de 18.500 acusações lacradas, um número que é mais de 10 vezes maior do que a quantidade de pessoas relacionadas e levadas a julgamento em Nuremberg, dizem fontes do Pentágono.

Além disso, a lista de "atores malignos" que tiveram seus ativos congelados pelo Departamento do Tesouro dos EUA, com base na ordem executiva do Trump de 21 de Dezembro, agora, está com 1.108 páginas.
https://www.treasury.gov/ofac/downloads/sdnlist.pdf 

Num outro passo, o governo militar dos EUA rebaixou autorizações de segurança de 130 membros do regime Trump, incluindo seu genro Jared Kushner.

Agente do Primeiro-Ministro israelense Benyamin Netanyahu e do Mossad/Chabad  Jared está ficando limitado com a perda de segurança máxima secreta e é alvo de operações de contrainteligência", explicam as fontes do Pentágono. Além disso, ainda, acrescentam:

"Até mesmo, Ivanka [Trump], está sendo investigada pelo FBI, por seus laços com o Mossad/Chabad, enquanto Trump é forçado a colocar o país acima da família e abandonar Ivanka".
Enquanto colocar o país em primeiro lugar, Trump pode, por um longo prazo, ser  mantido a frente de  um regime estável nos EUA, assim como Vladimir Putin e Xi Jinping, respectivamente são na Rússia e na China, dizem as fontes.

Além disso, na medida em que os militares dos EUA se preparam para a meritocracia, "rebaixaram a CIA para um departamento da NSA garantindo total controle militar do aparelho de inteligência", dizem fontes do Pentágono.

Embora a ideia de um governo militar seja alarmante para muitos, fontes militares dos EUA enfatizam que será apenas uma medida provisória, até que os gângsteres sejam removidos do poder e uma saudável governança civil possa ser posta em prática.
Enquanto isso, tem muita coisa acontecendo com as antigas ordens militares e sociedades secretas.

Muito, ainda não pode ser relatado, todavia, pode-se confirmar que negociações envolvendo a Cidade de Londres, os Templários, os Cavaleiros de Malta, ordens militares Russas, Illuminati Gnósticos, Maçons P2 e outros, estão acontecendo. Existe um consenso geral entre eles de que a forma de como estamos administrando este planeta precisa ser fundamentalmente reformada e renovada.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte: https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/03/benjamin-fulford-jogo-final-da-cabala.html

Ideologia "Trans" é Promovida Pelas Grandes Empresas Farmacêuticas

Estas são Apoiadas por Campanhas de Relações Públicas

Ao longo dos anos, temos chamado a atenção para certos fatores ambientais que estão tendo um profundo efeito de flexão de gênero na vida humana e animal.

Mas não pense por um momento que esse ataque é uma consequência não intencional da grande indústria; como sugerem novos relatórios...,

...tudo isso foi pré-planejado como uma forma da indústria farmacêutica obter mais lucros.

Grande parte desse dinheiro está atado no impulso de aceitação e normalização do transgenderismo, que a feminista de Nova York, Jenifer Bilek, admite ser uma conspiração, de modo a canalizar dinheiro para certos grupos de interesses especiais.

Entre estas, estão as empresas farmacêuticas que fornecem hormônios e outras misturas químicas que ajudam o processo de "conversão" de gênero, bem como empresas de cirurgia e outros protagonistas no setor de saúde.

Mais de US$ 400 milhões, diz ela, foram dados por doadores e grupos empresariais para promover a agenda transgênero, que realmente ganhou força nos últimos anos no regime Obama.

O financiamento do pró-transgenderismo não é frequentemente discutido, mas funciona em segundo plano, lubrificando as rodas de maior fluxo de lucros para aqueles que também estão empurrando mais medicamentos e cirurgia para lucrar com as massas.

É por isso que o questionamento do dogma da biologia do gênero - biologia quase se tornou uma ofensa judicial nos EUA politicamente correto, onde não é aceito enunciar fatos sobre a natureza humana.

É também por isso que os responsáveis ​​pela narrativa estão empurrando tanto para qualquer coisa - desde banheiros, chuveiros e vestiários, já que a normalização dessa perversão é a chave para garantir que a indústria farmacêutica obtenha os lucros que tão desesperadamente anseia.

Muitos lideres e homens de negócio, incluindo as empresas farmacêuticas e o governo dos EUA, estão enviando milhões de dólares para causas LGBT,  escreve Bilek, observando que muitos médicos, repórteres, pesquisadores e cirurgiões têm muito medo de se opor a esta agenda perversa.

"Os gastos globais reportados sobre a cultura LGBT agora são estimados em US$ 424 milhões", acrescenta. "De 2003 a 2013, o financiamento divulgado para questões de transgênero aumentou mais de oito vezes, alimentando em três vezes o aumento do financiamento LGBTQ em geral, que quadruplicou de 2003 a 2012. Este enorme aumento de financiamento aconteceu ao mesmo tempo que o transgenderismo começou a ganhar força na cultura americana". As vítimas da programação transgênero recebem pouco ou nenhum desse dinheiro.

O que talvez seja ainda mais perturbador são as vítimas desta campanha maligna que sucumbiram à programação e foram submetidas a cirurgias ou terapias hormonais em uma fútil tentativa de mudar seus gêneros. A máfia LGBT gosta de fingir que levanta fundos para ajudar essas pessoas, mas, como Bilek informa, muito pouco (ou nada) desse dinheiro chega às vítimas LGBT.

Praticamente tudo isso, diz ela, vai para agências governamentais, think tanks de tecnologia e corporações farmacêuticas que estão empurrando uma agenda. E essa agenda é institucionalizar e normalizar o transgenderismo como uma "escolha de estilo de vida", como coloca Bilek.

"Eles estão moldando a narrativa sobre o transgenderismo e normalizando-o dentro da cultura usando seus métodos de financiamento", ressalta.

"Promover diversidade corporal parece ser a questão central, não a disforia de gênero; isso e desmotivar pessoas de sua biologia através de distorções de linguagem, para normalizar a alteração da biologia humana. Institucionalizar a ideologia transgênero faz exatamente isso. Esta ideologia está sendo promovida como uma questão de direitos civis por homens ricos e brancos com enorme influência que se beneficiam pessoalmente de suas atividades políticas".

É importante ter em mente, na próxima vez que alguém tentar dizer-lhe que o transgenderismo é normal, ou que a massa de transgeneros "revelar-se" nos últimos anos,  é apenas um derramamento orgânico de pessoas acreditando que eles finalmente têm a liberdade de "ser eles mesmos".

Na realidade, essas pessoas sofreram lavagem cerebral em um experimento de engenharia social maciço que, como a maioria das outras coisas da vida, está sendo conduzido pela ganância e pelo grande desejo de dinheiro da indústria farmacêutica.

Leia também: [Agenda Gay] Estudo - Personagens Transgêneros Estão Sendo Colocados na TV para Doutrinar o Público

Fontes:

Natural News: INVESTIGATION: “Trans” ideology pushed by Big Pharma and surgery companies backed by $400 million P.R. campaign

Breitbart: Study: Transgender Ideology Powered by $400 Million from Business and Advocates

Natural News: Transgendering children is “child abuse,” warns feminist scholar

https://www.anovaordemmundial.com/2018/03/investigacao-ideologia-trans-e-promovida-pelas-grandes-empresas-farmaceuticas-que-sao-apoiadas-por-campanhas-de-relacoes-publicas.html

 

OSCAR 90 Anos – 2018

Ao vivo na TV para o mundo

Slogan da Academia: 90 Anos de Sonhos

Slogan real: 90 anos de controle mental e interferência negativa na sociedade mundial.

Hollywood  junto com a indústria da musica, degradaram a sociedade ocidental ditando regras, moda, comportamentos e crenças desagregadoras e perigosas.

O cinema americano, representado aqui pelos gestores do Oscar, mais atores e atrizes deslumbrados,  é a cara de uma sociedade arrogante e decaida.

OSCAR DOS TRANSGENEROS

O “Oscar dos Transgeneros” focou-se bastante nos homossexuais, gays e afins... dois filmes com esta temática pleitearam o “melhor filme” além dos diretores, atores, etc.

O lobby e a apologia à ideologia do gênero estavam na boca das atrizes e atores, advertindo que caminhamos para uma sociedade “indiferenciada” onde ninguém será homem ou mulher, pois que isto é uma construção “falsa”.

Esta sociedade aqui defendida é a “sociedade do Anti-Cristo” pois homens e mulheres são deuses e deusas que carregam polaridades importantes para a criação de uma humanidade amorosa e feliz.

Gays e afins estão sendo “usados” e “desrespeitados” por estas forças malignas atuantes da mídia e no entretenimento.

Pesquisa realizada no Reino Unido aponta que a porcentagem de transgeneros não chega a 7%  no mundo todo.  A esmagadora maioria da Humanidade é heterossexual, mas “pessoas comuns” não interessam à mídia.

Quero lembrar que “disruptores endócrinos” tem sido diluídos em milhares de produtos da vida moderna (remédios, vacinas, cosméticos, agua, plásticos) e estão bagunçando a sexualidade... isto é grave e real.

“Alguem” quer uma sociedade globalizada e “transgenero”.  Este “alguém” é um coletivo maligno chamado “cabala escura” que tem usado o cinema para implantar suas agendas satânicas e degradantes.

Este coletivo investe milhões nesta agenda que também quer “normatizar” pedofilia - sexo com crianças – e sabemos onde isto vai dar: trafico, abuso, exploração, prostituição infantil, etc

REMAKES

Remake de “velhos sucessos” para jogar com o emocional do expectador, não funcionou, os remakes foram rejeitados.  Afinal quem aguenta mais um “Star Wars”? ou Blade Runner?

Principalmente quando vemos nos cartazes os atores tampando um olho para fazer tributo aos Illuminati?  Ou com a "borboletra monarca" nos dedos, ou na boca, para mostrar “Olha... eu sou um escravo-monarca a serviço dos Grandes de Hollywood”.

CINEMA PARA CRIANÇAS

Um desenho infantil foi citado e elogiado: “O Poderoso Chefinho”.

Neste desenho eu vi todo tipo de bizarrice, caveiras, símbolos illuminati, símbolos pedofilos, borboleta monarca, pirâmides com olho, e muito mais.  Bebês estranhos e esquisitos  são os “heroizinhos” e a história se passa (pasmem) em Las Vegas – a meca da degradação -  um péssimo lugar para uma criança, mas o Chefinho é um bebe-mafioso que adora tudo isto!

FILME SOBRE O  MEXICO

Este filme notoriamente foi feito para agradar o Mexico (um dos maiores mercados para o cinema de Hollywood).  O filme é focado na “Festa dos Mortos” ou o “Dia das Caveiras”,  um espécie de “carnaval bizarro” que acontece no México anualmente e é muito apreciada pelos illuminatis da mídia.

Esta aberração foi mostrada num dos filmes mais “dark” dos últimos tempos: “007 e o Spectre” (Spectre é o polvo do mal – YALDABAOTH – um predador cósmico que tem imposto à Terra sofrimento, guerras, ameaças e doenças).

Este monstro é manipulado por aqueles que nos dominam e escravizam escondendo de nós nossa real historia e nossa  grandeza.

O Filme sobre o México ganhou uma estatueta... inacreditável!

FILME PARA HUMILHAR A RUSSIA E O PUTIN

Também elogiaram muito o filme sobre o “medico russo” (um traidor de seu pais e de seu povo) que recebeu uma fortuna em dólar (nos EUA)  para eliminar a Russia das Olimpiadas de Inverno  e ainda ironizaram o presidente Putin ao vivo, no ar.

O melhor filme estrangeiro, deveria ser o filme russo “Sem Amor” mas é claro que perdeu para um filme chileno sobre uma "mulher extraordinaria" que era homem.

Muita piada sem graça, palavras chulas, palavrões e conversas idiotas como a de uma artista jovem, dizendo a veterana  Isabella Rosselini, que adorou o filme onde ela urina e defeca na rua... uma lástima!

De vez em quando eles focavam as câmeras no publico do lado de fora, num cinema, vendo a premiação no telão.  A estes destribuiram cestinhas com cachorro quente, refrigerantes e guloseimas industrializadas (porcaria no bom português).

ENCERRAMENTO

Quase no final, mais uma homenagem, com depoimentos fortes, em defesa dos transgeneros e cia e dos “diferentes”. Foi pedido as pessoas para que “desconstruam” suas crenças sobre homens e mulheres...

O “mundo novo” será como comentei acima... uma sociedade de “gente esquisita” e “comportamentos decaidos”... uma sociedade onde tudo pode e tudo é permitido - “A Nova Sodoma” – onde tudo gira em torno de sexo e da beleza fisica, a qualquer preço. Esta parece ser a maior preocupação de Hollywood, um dos braços da sociedade satânica ocidental.

Além de humilhar a Russia e o presidente russo (que não concorda com esta sociedade proposta pelo Ocidente) eles também deram voz e premiação a um cineasta gay do Paquistão, uma forma de humilhar os muçulmanos, então eles não respeitam os “diferentes”.

MENSAGEM FINAL "SUBLIMINAR"

"Nós, aqui presentes nesta festa do Oscar,  somos os legais, bonitos e bacanas do mundo... o que fazemos e pensamos é o certo, sigam-nos!"

Falou-se muito em todos devem ter voz... todos os “diferentes” são normais... todos merecem respeito... menos Putin, os russos, os muçulmanos e Trump – O inimigo nº 1 de Hollywood.

SIM!  Toda indústria do entretenimento está contra o TRUMP pois tudo indica que ele esta ajudando a derrubar a “cabala” a dona da mídia, do entretenimento, do Oscar e de toda a tralha televisiva que está “controlando” a humanidade.

Li na internet que foi o Oscar de menor audiência da historia!

Jomarion  - Blog "Jomarion na Web"

YouTube censura e tira do ar Alex Jones, facilitador e gerente do "Infowars"

*Jomarion... Começa a perseguição aos sites, blogs e canais de divulgação e denúncias sobre as ações execráveis da cabala das trevas... o canal aqui tratado (Alex Jones) é o maior canal dos EUA de noticias verdadeiras e conspirações comprovadas... O Google, agora dono do mundo, está passando pente fino na internet com a desculpa de eliminar “fakes news” e dizer ao povo que só acreditem no que a “Mídia Má Oficial”, a serviço de satanistas, divulgue. Resistir é preciso.*

"Se eles fecharam meu canal, também vão fechar a Internet" desabafou o youtuber.

O canal de Alex Jones no Youtube, o “Infowars”com  2,2 milhões de assinantes foi removido pela plataforma de vídeo Google-owned.

A razão?

Um vídeo em que o anfitrião e gerente de Infowars acusou David Hogg (um dos sobreviventes do tiroteio no Parkland High School em Florida) de ser um ator pago pela CNN e do lobby anti-gun.

Um vídeo visto mais de 200 000 vezes e colocado em primeiro lugar na lista de conteúdos "tendências" do YouTube.

Estes números são certamente o sonho do pequeno animador da “France Inter” Ali Baddou que gentilmente tenta transcrever o caso. Ele trouxe os 33 videos censurados para seu instagram.

Vejam os comentários abaixo:

Tradução: (4 de Março 2018) A rede de noticias de Alex Jones, com milhares de pontos de vista foi "congelado/cancelado/apagado" do Youtube. Fomos informados de que ele será removido amanhã e os 33.000 de vídeo (de denuncias) serão apagados. Acabamos de criar esta nova página se você quiser ver o que o SPLC quer censurar. O novo Canal Youtube para Infowars:  https://www.youtube.com/channel/UCiQFltbX16rtIk10eDP7tsQ

Fonte:  https://blogs.mediapart.fr

LINK: https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2018/03/youtube-vient-de-supprimer-la-chaine-de.html

O Retorno dos Templários

“Templários retornam ao Santuário Interno do Monoteísmo, após um hiato de 711 anos”

Benjamin Fulford – 26 de fevereiro de 2018

Pela primeira vez, desde a Sexta-feira de 13 de Outubro de 1307, os Cavaleiros Templários foram convidados a regressar ao santuário do monoteísmo, de acordo com as fontes da Loja Maçônica P2 e Templários.

Desse modo, uma injustiça de 711 anos de idade, que deu origem à superstição da má sorte relacionada á sexta-feira 13, finalmente, está sendo abordada.

Este, é apenas outro sinal de que estamos experimentando eventos que só podem ser descritos como bíblicos. Lembrem-se de que, em Fevereiro de 2016, as igrejas Romana e Russa terminaram com seu cisma de mil anos.

Será que os cismas Muçulmanos, Judeus e Cristãos estarão no final?  Talvez venhamos a descobrir em breve.
De qualquer forma, agora os Templários irão se fundir com os Cavaleiros de Malta e, isso, "proporcionará acesso dos Templários ao próprio Vaticano", de acordo com Andrew Heim, da Ordem Soberana Militar do Templo de Jerusalém, também conhecido como Templários.

Além disso, os Templários receberão "acesso ao Santuário Interior das religiões abrahâmicas, no Vaticano e à Terra Santa.

Além disso, esta fusão incluirá o acesso ao controvertido “Priorado de Sião” popularizado pela novela/filme de Dan Brown, O Código Da Vinci...”, diz Heim.
Este evento, é apenas o último sinal de uma mudança radical de direção da Civilização Ocidental para longe da guerra e para a paz e o desenvolvimento, de acordo com essas fontes.

Se tudo correr bem, em breve, trilhões de dólares estarão disponíveis, tanto para pagar a dívida do governo dos EUA, quanto para o setor privado, bem como financiar uma massiva campanha para acabar com a pobreza, deter a destruição ambiental e transformar o planeta Terra no paraíso que deve ser, dizem as fontes.

Agora, Isso é falado em público pelos líderes Ocidentais e relatado na mídia corporativa. Lembre-se de que leram isso, aqui primeiro.
https://www.cnbc.com/2018/02/18/us-japan-india-australia-mull-alternative-to-chinas-belt-and-road.html
A Aliança da Terra, que luta para libertar a Humanidade da escravidão da dívida babilônica, também, está vencendo em múltiplas frentes (morte, desaparecimento ou perda de poder de altos membros satânicos cabalistas) em ritmo acelerado.

Por exemplo, fontes da CIA, agora, estão confirmando que Jacob Rothschild foi morto num ataque suicida contra seu helicóptero, em Novembro do ano passado.

e isso for verdade, ele se junta a David Rockefeller, Zbigniew Brzezinski, George Soros e muitos outros líderes do antigo regime em colapso.

Um dos principais satanistas que ainda está no poder, Benyamin Netanyahu, de Israel, está sendo indiciado em múltiplas acusações de corrupção e provavelmente será morto antes que possa testemunhar sobre múltiplos crimes de guerra, como o assassinato em massa no ataque de Fukushima, no Japão.
Com a maioria dos principais cabalistas fora de ação, os níveis mais baixos estão sendo visados. 

É por isso que o magnata de cassinos, Steve Wynn (Weinberg) foi forçado a renunciar, aparentemente por razões de assédio sexual, observa o Pentágono.

Agora, o bilionário Mark Cuban, dono do Dallas Mavericks, “foi exposto por permitir uma cultura misógina corrosiva, podendo ser suspenso e expulso da NBA por vender sua equipe”, dizem as fontes.

Outro senador da cabala, em dificuldades, é a senadora Dianne Feinstein da Califórnia, que não conseguiu obter um aval de seu próprio partido para concorrer à reeleição. 
Fontes do Pentágono e da Loja Maçônica P2, entre outras, dizem que
a remoção dos líderes de primeiro e segundo escalão da cabala, coincide com a crescente evidência de que algum tipo de guerra espacial secreta está sendo travada para libertar este planeta.  Por exemplo, fontes do Pentágono estão dizendo que a “frota espacial da cabala foi destruída em Nevada”.

Um vídeo que, aparentemente, mostra parte desta destruição relatada pode ser assistido aqui: 
https://www.youtube.com/watch?v=PBoRY8BZlco

Além disso, uma base de submarinos em Papua, Nova Guiné foi destruída por armas de energia e, assim, “impediu a configuração da caldeira de Yellowstone”, dizem as fontes.  Esta foi a base, a partir da qual, o ataque nuclear e tsunami de 11 de Março de 2011 foi perpetrado contra o Japão. Um olhar sobre o epicentro do terremoto, nas coordenadas: 6,08 S e 142,70 E, no Google Earth, revela alguns objetos bastante estranhos.

Também, o Reino Unido, que não é conhecido por terremotos, nos últimos 50 dias, experimentou 21 terremotos, onde os sismógrafos apresentam importantes sinais de terremotos artificiais. Fontes do Pentágono dizem que os terremotos foram causados ​​pela destruição em andamento de bases subterrâneas da cabala, no País de Gales e na Irlanda.
https://www.express.co.uk/news/uk/923237/uk-earthquakes-twenty-one-fifty-days-british-geological-survey

Além disso, as autoridades do Serviço de Inteligência Secreta do Canadá dizem que as postagens anônimas de “Q”, agora, sendo vista por 20 milhões de pessoas, fazem parte de uma batalha de inteligência militar contra o estado profundo e diz que o presidente dos EUA, Donald Trump, está se preparando para divulgar o programa espacial secreto. Os artigos nesses links são compatíveis com o que pode ser viso nestes  links.
https://exopolitics.org/president-trump-validates-qanon-how-will-ufo-ssp-disclosure-happen/
https://qanonposts.com/


De volta aqui para a Terra, o último evento de tiroteio em massa, encenado pela cabala nos EUA (Texas) está se transformando num grande desastre para a cabala e seus meios de propaganda, na medida em que a história se desenrola, apesar das tentativas desesperadas da CNN e do Google de censurarem a verdade sobre os atores de crise.

“O ataque de falsa bandeira, na escola predominantemente judaica de Parkland, cujas vítimas, por sinal, não existem, de acordo com registros públicos, foi outra tentativa para o recolhimento das armas dos cidadãos americanos”, de acordo com uma Fonte Judia da CIA.  A fonte explica que não conseguiram encontrar nenhuma certidão de nascimento das supostas vítimas.

“A distração contra o porte de armas por civis retrocedeu, na medida em que corporações como MetLife, Chubb, United Airlines, Delta Airlines e Hertz tentaram esvaziar a  National Rifle Association - NRA , depois do tiroteio de Parkland, podem enfrentar maciços boicotes de proprietários de armas e veteranos militares não NRA, enquanto a NRA ganha, ainda, mais membros“, acrescentam fontes do Pentágono.

Além disso, “num confronto à frívola legislação israelense, o Supremo Tribunal dos EUA, reunido em Rubin, contra o Irã, decidiu por 8 a 0 que as vítimas judias de um atentado suicida em Jerusalém, em 1997, não podem apresentar provas contra o Irã, aproveitando-se de seus artefatos de museu em Chicago”, aponta.


Na guerra financeira, a cabala, também, está perdendo em muitas frentes. A última jogada contra ela, foi a emissão de uma criptomoeda, apoiada por petróleo, pela Venezuela, que já arrecadou US $ 735 milhões para esse país no primeiro dia de pré-venda. “Deve ter sido uma jogada muito inteligente de Maduro, uma vez que está deixando o estado profundo muito nervoso”, apontou uma fonte da CIA.
https://sputniknews.com/world/201802261061987516-menendez-usvenvenuela-petro/


Rússia e Turquia, também, estão se preparando para emitirem criptomoedas, como forma de neutralizar as sanções dos EUA, apontou uma fonte da CIA.  A ASEAN, também está se mudando para nacionalizar os bancos centrais pertencentes a cabala.

A china está iniciando operações de futuros de petróleo com yuan apoiado por ouro, logo em breve o Japão, Israel e parte dos EUA ficarão fora de qualquer forma de controle financeiro da cabala.
Nos EUA, o governo militar continuará batalhando contra a cabala, até que ela seja totalmente derrotada, prometem fontes do Pentágono.

Quando presenciarmos ao anúncio e realização de um jubileu, saberemos que o povo americano finalmente será libertado.  No entanto, agora mesmo, 77 milhões de americanos estão sendo perseguidos por cobradores de dívidas privadas, e sendo colocados em prisões privadas por dívidas tão pequenas quanto  US $ 28, de acordo com a American Civil Liberties Union.

Por que esses cobradores de dívidas não estão presos?  Por que os escravos aprisionados na  rede privada de prisões não estão sendo libertados?
https://www.veteranstoday.com/2018/02/21/thousands-of-americans-jailed-for-debts-chased-by-private-collectors/

Numa nota final, nesta semana, podemos informar que a Sociedade Dragão Branco (SDB) está envolvida em negociações de alto nível com o complexo industrial- militar dos EUA, os Maçons da P2, as sociedades secretas asiáticas, os russos e outros para prepararem o planeta para libertação final do jugo cabala.

Embora, no momento, haja muita coisa que não possamos tornar público, podemos dizer que trilhões de dólares serão disponibilizados para os países Ocidentais para resolverem seus problemas.

Também podemos dizer que não haverá uma moeda mundial única e que não haverá nenhum governo mundial fascista. No entanto, a SDB foi informada de que, sem que a Humanidade alcance a paz mundial, a quarentena no planeta Terra não será levantada.

É por isso que é importante para todo o planeta que a reunificação coreana seja alcançada, acontecendo o mesmo com o conflito israelense/palestino.
Se jogarmos nossas cartas direito, o que irá se desenrolar no próximo ano ou coisa assim, será algo sobre o qual os historiadores irão escrever por milhares de anos.

Temos uma chance muito real de acabar com milhares de anos de escravidão humana e começar uma nova era.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte:  https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/02/benjamin-fulford-26-de-fevereiro-de.html

O   P R O C E S S O

Documentário sobre impeachment de Dilma fica em 3º lugar na premiação do público no Festival de Berlim

Filme 'O Processo', que foi ovacionado durante suas exibições na capital alemã, deve estrear no Brasil em junho; país também foi premiado em outras categorias. O filme sobre o impeachment de Dilma foi um dos favoritos do público em Berlim.

O documentário 'O Processo', da cineasta Maria Augusta Ramos, ficou em terceiro lugar neste sábado (24/02) no prêmio do público na Berlinale, o festival de cinema de Berlim. O filme trata do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e foi ovacionado durante suas exibições no evento.

Em entrevista à Deutsche Welle, Ramos disse não se considerar ativista, mas, sim, uma cineasta. “O processo do impeachment foi muito confuso, muito caótico. Muitos elementos não vieram à tona, ou foram suprimidos para que não viessem à tona, para que não elucidassem as razões da acusação e das denúncias contra a presidente. Para mim era importante retratar essa dinâmica em toda a sua complexidade, possibilitar que essas outras narrativas também viessem à tona. Era importante dar outros elementos ao público, para que ele pudesse refletir sobre esse momento histórico”, disse.

“Acho que um filme, um documentário, não pode ser só a minha visão como ser social e político. Eu não faço filmes para defender uma tese. Se eu soubesse o que dizer, eu diria em duas linhas. Um filme tem que retratar um momento, retratar os argumentos de ambos”, afirmou.

O filme tem previsão de estreia no Brasil em junho.

Fonte: https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/48924/documentario+sobre+impeachment+de+dilma+fica+em+3+lugar+na+premiacao+do+publico+no+festival+de+berlim.shtml

"Não sou ativista", diz diretora de documentário sobre impeachment

Maria Augusta Ramos

O documentário O processo, sobre o impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff, teve sessões lotadas seguidas de aplausos e gritos de "Fora, Temer" desde que estreou, na quarta-feira 21, no Festival de Cinema de Berlim.  

O filme da documentarista Maria Augusta Ramos foi feito com base em mais de 400 horas de material e tem 137 minutos, sem narração nem entrevistas. Ele retrata a tramitação do processo no Senado – a votação na Câmara é o prólogo – e os bastidores da defesa da ex-presidente.

Em entrevista à DW, a cineasta comenta o processo de produção e a recepção do filme, que concorre na mostra Panorama da Berlinale, um dos mais importantes festivais de cinema do mundo.

DW: Você já possui um histórico de produções sobre o sistema judiciário brasileiro (Justiça, Juízo e Morro dos Prazeres). Como veio a decisão de filmar esse momento político?
Maria Augusta Ramos: Primeiro, porque esse momento político é um momento fundamental na história do Brasil. É um momento cujas consequências ainda viveremos por muitos anos. Em segundo lugar, porque eu faço filmes sobre realidades, personagens ou situações que me inspiram e me dão tanto angústia, quanto uma necessidade de compreensão. Eu faço filmes para compreender melhor uma situação e me interessa ver e refletir sobre a sociedade através do sistema judiciário, principalmente o teatro da justiça. O impeachment foi um processo, sim, politico, mas político-jurídico. E a proposta era justamente documentar e refletir sobre esse momento histórico através desse teatro da justiça, através desse processo político-jurídico.

DW:E como O processo pretende ajudar na compreensão deste momento histórico?
MAR: O processo do impeachment foi muito confuso, muito caótico. Muitos elementos não vieram à tona, ou foram suprimidos para que não viessem à tona, para que não elucidassem as razões da acusação e das denúncias contra a presidente. Para mim era importante retratar essa dinâmica em toda a sua complexidade, possibilitar que essas outras narrativas também viessem à tona. Era importante dar outros elementos ao público, para que ele pudesse refletir sobre esse momento histórico. Eu acho que um filme, um documentário, não pode ser só a minha visão como ser social e político. Eu não faço filmes para defender uma tese. Se eu soubesse o que dizer, eu diria em duas linhas. Um filme tem que retratar um momento, retratar os argumentos de ambos.

DW: Mas O processo se concentra na perspectiva da defesa.
Não é que seja a perspectiva da defesa: eu acompanho muito mais os bastidores da defesa porque a defesa me deu esse acesso. Eu tive acesso a reuniões da liderança da esquerda, da minoria que era contra o impeachment. A oposição não me deu esse acesso. Se tivesse dado, eu certamente teria filmado mais. Mas eu acho que era importante, sim, apresentar o argumento da direita, o argumento pró-impeachment. Para expor isso, eu escolhi, por exemplo, o senador
Cássio Cunha Lima, que tem uma lógica de argumentação inteligente, ou que, pelo menos, faz sentido. Também, a advogada Janaína Paschoal, que, independentemente de você concordar ou discordar dela, teve um papel essencial no impeachment. Essas pessoas são ouvidas e contempladas no filme, mas, sem dúvida, eu tive muito mais acesso à perspectiva da esquerda.

DW: E esse acesso foi pleno?
Eu tive um acesso muito bom ao Senado e à defesa. Em poucas exceções foi pedido que a nossa equipe se retirasse. Eu fui a muitas e muitas reuniões, tive praticamente cem por cento de acesso. Claro que nunca é cem por cento, mas também não acho que isso tenha afetado o filme. É importante dizer que eu tive independência total. Em nenhum momento precisei pedir autorização para terminar o filme. O filme foi exibido depois de pronto.

DW: A ausência de narração ou entrevistas é característica de seus filmes, e com O processo não é diferente. Isso pode ser entendido como uma forma de buscar neutralidade?
Eu não acredito em neutralidade, acho que um filme é uma visão de mundo. Meu filme é o meu statement, é a interpretação da minha experiência cinematográfica vivendo e filmando tudo o que aconteceu – filmando e editando. Mas eu também não estou aqui para explicar, especialmente numa situação tão complexa quanto essa. O que eu quero é possibilitar questionamentos. Me interessa documentar a sociedade em que vivemos através da interação entre as pessoas, através dos gestos, dos discursos, muito mais do que alguém falando para mim o que ele acha de si mesmo. Eu acho que um filme tem que mostrar para aquela pessoa elementos dela mesma que talvez nem ela conheça. A câmera é capaz de ver coisas que nós jamais veríamos. Acho que essa é a capacidade infinita da câmera, do cinema que eu tento fazer.

DW: A estreia no festival foi precedida por uma pequena manifestação pró-Lula e Dilma, com cerca de 20 pessoas, próximo ao Palácio da Berlinale, e seguida de gritos de "Fora, Temer" na sala de cinema. Como você vê a recepção do filme em Berlim?
A recepção é maravilhosa, o filme foi aplaudido de pé. As pessoas se comovem porque é algo ainda muito próximo. Nós não sabemos para onde isso vai, e isso é angustiante e doloroso. Quanto ao protesto, eu acho que as pessoas têm direito de expressar a sua preocupação em relação ao que está acontecendo, mas eu não fui ao protesto e ele também não foi organizado por mim. Eu não sou ativista, eu sou diretora de cinema. E o meu statement é o filme. Essa é a minha contribuição para esse momento que estamos vivendo.

https://www.cartacapital.com.br/cultura/nao-sou-ativista-diz-diretora-de-documentario-sobre-impeachment

A Professorinha Armada

Trump propõe liberar fundos para armar e treinar 1 milhão de professores

Medida pretende dissuadir novos atentados, como o que ocorreu na Flórida, na última semana; proposta consiste em criação de bônus para professores que queiram se armar

A Casa Branca sugeriu nesta quinta-feira (22/02) a possibilidade de liberar fundos para treinar e armar até 1 milhão de professores. A medida, segundo o governo norte-americano, serviria para dissuadir novos massacres, como o que ocorreu em uma escola da Florida na última semana.

Durante uma reunião com jornalistas, o presidente Donald Trump defendeu a criação de um “bônus” que seria concedido para a parcela de professores que esteja disposta a participar de um treinamento e “que entendam de armamento”.

Segundo Trump, “10,20,40%” dos professores podem ser qualificados para receber o adicional, especialmente caso sejam militares aposentados. “Eu quero minhas escolas protegidas assim como quero meus bancos protegidos”, afirmou o presidente.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, jornalistas perguntaram à Casa Branca sobre os impactos da aplicação desta medida caso o valor do adicional fosse de, por exemplo, mil dólares por professor – gasto que seria traduzido em 1 bilhão de dólares, caso 40% dos professores passassem a receber o adicional.

“Você realmente acha que é demais para pagar pela segurança das escolas?”, respondeu Raj Shah, vice-secretário de imprensa da Casa Branca. Segundo ele, Trump pretende conversar com membros do Congresso sobre propostas legislativas e orçamentárias para colocar a medida em prática.

Trump também usou seu Twitter para defender a medida. “Eu quero minhas escolhas protegidas da mesma forma que quero meus bancos protegidos”, afirmou o presidente. Segundo ele, “escola sem armas é um ímã para pessoas más”.

Rejeição à ideia

Sobreviventes do ataque na Flórida rejeitaram a ideia de armar professores e defenderam que o problema seja resolvido por meio do endurecimento das leis que regulam o comércio de armas nos EUA. Entre as propostas, está a proibição da venda de fuzis militares e de cartuchos de munição com mais de dez balas.

O professor da Federação Americana de Professores, organização que conta com mais de 1,7 milhão de associados, Rand Weingarten, afirmou que a proposta de Trump é uma “das piores idéias” que ouviu em meio a “uma série de ideias muitas ruins”. A Associação Nacional de Professores também rejeitou a medida. “Educadores precisam estar focados em educar nossos estudantes”, afirmou Lyly Eskelsen García, presidente da instituição.

Na série de mensagens em seu Twitter, Trump também reafirmou que irá pressionar o Congresso para aumentar de 18 a 21 anos a idade mínima para compra de armas. O mandatário também disse que pedirá para um maior reforço para a manutenção de um banco de dados que verifica os antecedentes criminais e saúde mental de possíveis compradores.

A questão da importância no controle na venda de armas no país ressurgiu após um novo massacres. No dia 14 deste mês, Nikolas Cruz, de 19 anos, invadiu a Escola Stoneman Douglas, em Parkland, com um rifle AR-15. Cruz matou 17 pessoas e foi preso em seguida. 

https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/48919/trump+propoe+liberar+fundos+para+armar+e+treinar+1+milhao+de+professores.shtml

Senador se arrepende por impeachment e chama governo Temer de 'quadrilha'

O senador Telmário Mota (PTB-RR) usou a tribuna do Senado Federal nesta terça-feira para pedir desculpa à ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e acusar o governo atual, do presidente Michel Temer (MDB), de ser uma "quadrilha".

Ao reclamar do que considera um descaso com a população de Roraima, Mota afirmou que votar em favor do impeachment de Dilma, em 2016, foi "o maior equívoco" da sua vida, e que tal decisão significou colocar "uma quadrilha" no lugar.

"Infelizmente, cometi o maior equívoco da minha vida. O maior equívoco político da minha vida foi ter votado a favor desse impeachment, porque agora percebo que botei uma quadrilha ali. Quero aqui, de público, pedir desculpas, Dilma, porque você foi a melhor presidenta para o meu Estado. Lamentavelmente, essa quadrilha hoje está sacrificando o meu Estado", disse.

Ainda de acordo com o senador do PTB, um partido da base aliada de Temer, o presidente não vem demonstrando "vontade política" para resolver a crise dos refugiados venezuelanos que não param de chegar à Roraima – só em Boa Vista estima-se que mais de 40 mil venezuelanos estejam na cidade.

"No lugar de atender aos anseios do povo de Roraima, está atendendo a anseios políticos de pessoas que jogam no quanto pior, melhor, lamentavelmente", ponderou Mota.

Aliado da ex-presidente durante o seu governo, o hoje petebista (ele era do PDT) foi o último senador da base aliada da petista no Senado a mudar de posição. Embora tenha dito que Dilma não havia cometido “nenhum crime”, Mota votou a favor do impeachment.

À época, Mota alegou que havia se sentido "traído" pelos planos do PT em lançar uma candidatura própria à prefeitura de Boa Vista. Ele também declarou ter sido pressionado a atender a vontade dos seus eleitores em Roraima.

Fonte: https://br.sputniknews.com/brasil/2018022010577130-telmario-mota-arrependido-impeachment-video/

A Mega Batalha

"ESPERADA UMA MEGA BATALHA FINANCEIRA PARA O FINAL DE FEVEREIRO E INÍCIO DE MARÇO"

Benjamin Fulford – Fevereiro 2018

A batalha secreta pelo planeta Terra, estará entrando numa fase crítica nas próximas semanas, especialmente no âmbito das finanças, onde uma batalha épica de três vias está em pleno ápice, concordam várias fontes.

Nesta batalha, as criptomoedas e o yuan chinês estarão lutando entre si, bem como lutando para substituir o atual sistema privado de moedas de propriedade dos bancos centrais Ocidentais: o petrodólar, Euro e o yen japonês. 

Na maior jogada, a luva foi lançada pelos chineses, enquanto desafia o petrodólar dos EUA, com o anúncio formal de um início em 26 de março para a comercialização de futuros de petróleo com yuans lastreado por ouro.

Fontes da sociedade secreta asiática dizem que o Ano do Cão, que está apenas começando, geralmente traz volatilidade (neste caso presumivelmente nos mercados financeiros) antes que as coisas se estabeleçam numa nova normalidade, na medida em que o ano avança.

Isso significa que os chineses estão prontos para a guerra financeira, uma vez que retornam do feriado do ano novo lunar, desta e da próxima semana. 
https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-02-09/china-ends-25-year-wait-as-yuan-oil-futures-set-to-start-trading

Este movimento chinês contra o petrodólar coincide com a ameaça russa de se retirar do sistema de pagamentos internacionais SWIFT controlado pelo Ocidente.

Uma fonte da CIA na Ásia disse que foi informada por seus homólogos russos que, se a Rússia começar a negociar sem usar as contas comerciais internacionais SWIFT e mudar completamente para o chinês, Sistema de Pagamento Interbancário Transfronteiriço (Cross-Border Interbank Payment System - CIPS), "haverá, pelo menos, uma dúzia outras nações que fariam essa mudança, dentro de alguns dias".

https://www.rt.com/business/418665-russia-banks-ready-shut-swift/ 
https://www.zerohedge.com/news/2018-02-14/russian-deputy-pm-our-banks-are-prepare-survive-without-swift?

Enquanto isso, um agente do Serviço Secreto de Inteligência do Canadá, observa...

"O Primeiro-Ministro Dimitry Medvedev, da Rússia, também, é o CEO da Federação Russa, licenciado para operar desde Londres. Então, se a ordem de se afastar do sistema SWIFT for dada, o dólar dos EUA simplesmente morreria e assistiríamos uma enorme inflação”. O que ele quer dizer com isso, é que o distrito financeiro de Londres e, por implicação, a Comunidade Britânica de 2,4 bilhões de membros, irá se juntar com os russos e chineses, e abandonar o dólar dos EUA. 

Também, há um grande impulso para substituir o petrodólar por uma moeda criptografada dourada que poderia rivalizar com o yuan chinês por influência, de acordo com a Rússia, a CIA, o Pentágono, o governo japonês e outras fontes envolvidas neste projeto, que discutiremos com mais detalhes abaixo.
Esses desenvolvimentos, provavelmente, explicam por que os alto cargos da Loja Maçônica, os controladores do atual sistema dólar/euro/iene, na semana passada, contataram a Sociedade Dragão Branco (SDB) para pedir pela paz.

Haverá mais sobre essas discussões com a P2.  
Também, na semana passada, ex-agente da CIA e fundador da Divisão de Inteligência dos Marines (o pessoal que recentemente invadiu a sede da CIA), Robert David Steele, na semana passada, apareceu no Japão para se encontrar com membros da SDB. 

https://robertdavidsteele.com 

É bom lembrar que os principais generais do regime de Trump, incluindo o Secretário de Defesa Jim Mattis, o Chefe de Gabinete da Casa Branca, John Kelly e o Chefe do Estado-Maior Conjunto Joseph Dunford, eram todos os Generais de Infantaria dos Marines, uma razão para que o momento da chegada de Steele, no Japão, pode não ser uma coincidência.

No Japão, Steele se reuniu com membros de sociedades secretas asiáticas, figuras de poder de extrema direita, membros da Família Real Japonesa e outros. As discussões centraram-se em ideias para uma alternativa ao paradigma econômico ocidental atual. A opinião do Sr. Steele é que o custo real da produção de itens deve ser incluído no custo do produto.

O exemplo que deu, foi como o uso de carcinógenos perigosos usados na produção de smartphones, estariam causando câncer entre os trabalhadores das fábricas de telefones e que o custo desse câncer deveria ser incluído no preço dos telefones. Foi acordado pelas várias partes que certamente o custo da poluição, por exemplo, deveria ser pago integralmente pelos poluidores.

Também,
houve um consenso geral de que o atual sistema de bancos centrais privados está destruindo o planeta e que precisa ser encerrado.

Uma fonte da CIA, de origem asiática, envolvida nas discussões, disse que as nações da ASEAN (Cingapura, Malásia, Tailândia, Brunei, Indonésia, Filipinas, Camboja, Laos, Vietnã e Mianmar) estão se preparando para iniciar o processo, nacionalizando seus bancos centrais. 
No entanto, houve desacordo sobre as criptomoedas.

O representante da sociedade secreta asiática disse que, em Fevereiro de 2017, os chineses tomaram uma decisão de parar de apoiarem criptomoedas, porque temiam que alguma "I.A. trapaceira" pudesse "assumir o controle delas e, assim, assumir o controle da sociedade humana".

No entanto, o representante da sociedade secreta asiática, disse que estava disposto a apoiar a ideia da SDB para uma criptomoeda baseada em ouro, mas apenas se tivesse provas de que o ouro realmente existe.  A SDB prometeu fornecer provas detalhadas aos asiáticos, sob a forma de uma quantidade estatisticamente válida de amostras de núcleo.

Os depósitos de ouro estão localizados em Bougainville, na Indonésia e em outros lugares e não se refere às lendárias cavernas cheias de ouro já extraídas das "Contas de Garantia Globais".  Eles serão extraídos usando uma tecnologia ecologicamente amigável.

De qualquer forma, mesmo as atuais criptomoedas, suportadas apenas por computadores e psicologia humana, amedrontam os proprietários do atual sistema financeiro.

Por exemplo, o Arizona, a Flórida e o Wyoming agora permitem que impostos sejam pagos por meio de criptomoedas, apesar da sua volatilidade. Não demorará muito antes que outros estados façam o mesmo.

Esta poderia ser a razão pela qual Agustin Carstens, gerente geral do Banco de Pagamentos Internacionais (BIS), Banco Central dos Bancos Centrais, declarou em seu primeiro discurso público de 06 de Fevereiro que "se as autoridades não agirem antecipadamente, as criptomoedas poderiam se tornar mais interconectadas com o principal sistema financeiro e se tornarem uma ameaça.

Acima de tudo, o aumento das criptomoedas não devem nos fazer esquecer o papel importante desempenhado pelos bancos centrais como administradores da confiança pública.

Os tokens digitais privados que se disfarçam como moedas não devem subverter essa confiança".
https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-02-06/bis-chief-sees-strong-case-for-intervening-on-cryptocurrencies

BIS, por sinal, é onde a teoria da conspiração atende as chamadas “notícias mainstream”. Publicações como The Wall Street Journal e The Financial Times, estão cheias de artigos sobre pronunciamentos arcanos do BIS que afetam todo o planeta, mas o BIS não é responsável perante nenhum governo na Terra e ninguém os escolheu (você pode obter confirmação chamando o BIS em +41 61 280 8080).

O outro ponto é que, com os mercados de ações fraudulentos, o escândalo Libor, o choque de Lehman, etc., já subverteram a pouca confiança que poucos já tiveram neles.
De qualquer forma, fontes do Pentágono dizem:

"O novo sistema financeiro global está chegando, já que os DUMBs (Deep Underground Military Bases) da cabala, laboratórios, satélites, bases submarinas e outros recursos militares foram destruídos".

Além disso, os preparativos para uma nova moeda pan-africana continuam, agora que "o Zimbabwe está politicamente estável e seu dólar pode se tornar a moeda de reserva para a África, já que o líder da oposição, Morgan Tsvangirai, morreu", dizem as fontes.
Desenvolvimentos como os mencionados acima, em particular, o início do comércio de petróleo com o Yuan apoiado por ouro, são a razão pela qual a Loja Maçônica P2, governantes do antigo sistema petrodólar, estão negociando a paz com a Sociedade Dragão Branco.

À P2, é aconselhável anunciar um jubileu, ou um cancelamento unilateral de toda a dívida mundial, bem como uma redistribuição dos ativos obtidos de forma fraudulenta, como ponto de partida para um novo paradigma financeiro.

Também, foi convidada a instruir suas Nações Unidas, o G7, Banco Mundial e outras subsidiárias para anunciar uma campanha de vários trilhões de dólares para salvar o planeta.

Como parte disso, uma nova agência de planejamento, meritocrática e transparente seria criada para implementar esses planos através de consultas com os povos do planeta Terra.
No momento da redação deste artigo, nenhuma resposta positiva foi recebida da P2, razão pela qual  o processo de remoção permanente de todas as posições de poder irá continuará até a conclusão.

A remoção do poder do arqui-satanista e assassino em massa, Benyamin Netanyahu, agora que ele foi indiciado pela polícia israelense, será o próximo passo nesse processo.

Netanyahu está tentando manter os cidadãos judeus de Israel como reféns, ameaçando uma guerra suicida com o Irã. No entanto, fontes judaicas da CIA, estão dizendo que é inevitável que Netanyahu vá para a prisão e que, "Se o mafioso khazariano Netanyahu for para a prisão, não vai sair vivo".

Parece que os judeus, finalmente, estão percebendo que ainda estão em seu cativeiro babilônico, depois de milhares de anos e que, finalmente, estão prestes a se libertarem.

Neste contexto,
o último "tiroteio" na Flórida parece ter sido uma tentativa de assustar judeus e continuarem com sua submissão.  Vejam o que as fontes do Pentágono disseram sobre isso: "Este não foi um tiroteio comum, mas uma mensagem para a máfia judaica, já que o número de alunos no ensino colegial  do Parkland é de  40% de judeus e que, 5 dos 17 mortos são judeus".

Isso diz muito sobre o estado dos EUA, onde existe uma coisa como "tiroteio comum".  De qualquer forma, esta fonte diz: "Parkland também é o hospital do Texas que recebeu John F. Kennedy, quando ele foi baleado, de modo que esta, também, pode ter  sido uma mensagem para Bush e Israel".

Esta fonte também nos informou que "
o ator anti-Trump, Robert De Niro, poderia ser exposto por ser um cliente de uma rede internacional de prostituição infantil".
A fonte do Pentágono também diz que a NSA já confirmou que o presidente dos EUA, Donald Trump, ganhou no voto popular, com 70 milhões de votos, contra  57 milhões de Hillary Clinton.
Desejamos a Trump o melhor, todavia, ainda é difícil ver como Washington, DC irá evitar uma declaração formal de falência.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte:  https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/02/benjamin-fulford-esperada-uma-mega.html

Macri abre as portas para ocupação militar dos EUA na Argentina

Em diálogo no programa “Contala como quieras” (conte do seu jeito), da emissora La Voz Capital, a jornalista argentina Stella Calloni esclareceu que o cumprimento do acordo que o governo de Maurício Macri firmou com a DEA (agência antidrogas dos Estados Unidos) “viola a soberania nacional”, de maneira alarmante, porque “permite a uma potência que tem um plano estratégico de recolonização de toda nossa região desembarcar militares em território argentino”.

Stella Calloni, especialista em geopolítica internacional, representante de Diálogos do Sul na Argentina, considera “gravíssimo o anúncio da ministra de Segurança da Nação, Patrícia Bullrich, sobre a instalação em Missiones, de uma “task force” com militares estadunidenses para combater o narcotráfico e terrorismo: “Tudo isso é uma encenação dramática de ocupação militar com forças de deslocamento rápido”.

Ela assegurou que “a DEA não só se ocupa do narcotráfico, mas também de inteligência, como foi demonstrado na Bolívia”. Para não deixar nenhuma dúvida, Stella afirmou: “Eu, pessoalmente, visitei as casas de tortura que a DEA manejava em território boliviano”.

Calloni lembrou que possui documentação que prova que nos anos 1980 “foi encontrado, na região boliviana do Chapare, um laboratório de processamento de cocaína que estava sendo operado pela DEA e pela CIA”, e que essa droga era comercializada para obter dinheiro para financiar os mercenários que, na época, combatiam o governo sandinista da Nicarágua, os chamados “Contras”.

Calloni descartou enfaticamente o argumento dos EUA, avalizado pelo governo Macri, de que a guerrilha libanesa Hezbollah possui células operacionais na região da tríplice fronteira: “Até o Bin Laden eles colocaram na Tríplice Fronteira”, recordou ironicamente.

Durante o bate-papo, Calloni repassou uma série de fatos que demonstram a execução de uma estratégia planejada por Washington para manter forças e organismos de controle e espionagem por toda a geografia latino-americana, que encontraram no território argentino campo fértil para seu desenvolvimento a partir da posse do governo de Macri. No áudio que acompanha esta nota, a entrevista completa com a prestigiosa analista aqui.

https://operamundi.uol.com.br/dialogosdosul/macri-abre-as-portas-para-ocupacao-militar-dos-eua-na-argentina/20022018/

Por que as três maiores (revistas) semanais do País (mais uma mensal) estão com a mesma capa?

*Jomarion... pasmem é propaganda do governo Temer para que o povo engula a Reforma da Previdência... estas revistas são contra o Brasil... é Midia Má... não compre, não assine, não apoie!*

A última edição de três das quatro principais revistas semanais brasileiras, Veja, Época e IstoÉ, exibem uma interessante coincidência nas capas... todas tomadas por uma propaganda do governo federal em defesa da reforma da Previdência. A econômica Istoé /Dinheiro também foi às bancas com a capa publicitária.

O anúncio mostra a logomarca do governo federal e traz um aviso de que se trata de uma sobrecapa publicitária, mas páginas nas redes sociais que criticam a cobertura da mídia não pouparam a incrível "coincidência". No anúncio, a foto de um menino e o texto "Reforma da Previdência hoje para ele se aposentar amanhã".

No Facebook, a página Caneta Desmanipuladora, que tem 255 mil seguidores, fez sua postagem na tarde de domingo 18. Vinte horas depois eram 5,2 mil reações e 4,7 mil compartilhamentos.

 No Twitter, a conta @fazamor também repercutiu os anúncios federais.

Quem assina as quatro principais revistas semanais do Brasil recebeu essas capas em casa: pic.twitter.com/QzkTkvw4Ly  18 de fevereiro de 2018

Essa foi apenas mais uma investida publicitária do governo federal em defesa da reforma da Previdência.

Desde meados de 2017 são frequentes as inserções, especialmente na TV aberta, com mensagens a favor da reforma.
Não bastasse, o próprio presidente Michel Temer participou de uma espécie de maratona de entrevistas para abordar o assunto. Entre os entrevistados, Silvio Santos e Ratinho, ambos do SBT. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, também concedeu entrevistas sobre a necessidade da reforma.

No caso de Sílvio Santos, uma brincadeira de Temer saiu pela culatra e virou símbolo dos gastos do governo para aprovar uma reforma rejeitada por quase 100% dos brasileiros: o emedebista entregou uma nota de 50 reais ao apresentador após este fazer uma defesa enfática das mudanças na aposentadoria.

No ano passado, o governo destinou 170 milhões para despesas com comunicação no Orçamento. Entre janeiro e junho, havia executado 100 milhões, incluídos os anúncios em defesa da reforma da Previdência. De acordo com informações veiculadas em dezembro, à época a equipe de comunicação do Planalto planejava outros 72 milhões nos últimos dias para tentar diminuir a resistência da opinião pública e reduzir o temor de sua base de enfrentar as urnas no ano que vem.

Sobre os custos da nova ação publicitária, não é possível estimar o preço. Os veículos de comunicação têm tabelas para seus espaços publicitários, mas elas nunca são levadas ao pé da letra. Os anunciantes costumam obter descontos, mas o governo tende a aceitar reduções menores no valor do que o setor privado. Neste caso, por se tratar de um formato inusual, quase nunca usado pelos veículos, as negociações provavelmente ocorreram caso a caso e envolveram valores também incomuns para os padrões do mercado.

PS de CartaCapital: Crítica contumaz da reforma da Previdência, CartaCapital obviamente não foi brindada com o anúncio. A direção informa que, mesmo se procurada, teria recusado a propaganda, por considerar falsas as premissas que embasam a defesa das mudanças na aposentadoria. Não seria a primeira vez. CartaCapital recusa qualquer publicidade que considere enganosa ou prejudicial aos consumidores e cidadãos.

https://www.cartacapital.com.br/blogs/midiatico/por-que-as-tres-maiores-semanais-do-pais-estao-com-a-mesma-capa

“A humanidade está mostrando sinais de libertação” diz Keanu Reeves

"A raça humana foi escravizada por milhares de anos. Somos mantidos em uma prisão mental por elites sombrias e sociedades secretas que fizeram tudo o que puderam para nos suprimir e nos impedir de alcançar nosso potencial."

"A Matrix é um universo holográfico projetado para nós por aqueles que desejam nos controlar... na verdade, é apenas um filme que é jogado na consciência coletiva, apresentando-se como realidade"

Uma guerra está sendo travada... ela moldará o futuro da existência humana e do mundo que deixaremos para nossos filhos, de acordo com Keanu Reeves, que diz que ele está ‘silenciosamente otimista’ sobre o futuro, porque “a humanidade está mostrando sinais de se libertar da matriz (matrix)”. 

Keanu fez esta declaração enquanto filmava no deserto de Mojave:

A raça humana foi escravizada por milhares de anos. Somos mantidos em uma prisão mental por elites sombrias e sociedades secretas que fizeram tudo o que puderam para nos suprimir e nos impedir de alcançar nosso potencial.

Mas o astro do filme da Matrix, que estava filmando cenas do comercial do Squarespace que foi levado ao ar no Super Bowl, diz que a matrix do mundo real está começando a se libertar. A humanidade está mostrando sinais de libertação da matrix. Que tempo para se estar vivo! Estamos vivendo momentos empolgantes.

Explicando que ele tem estudado textos antigos, incluindo o Vedanta e o Upanixade, aprendendo sobre a natureza da realidade, Keanu disse: 

"Sim, claro, há ainda muitas pessoas interessadas em se manter atualizadas sobre as Kardashians, mas uma significativa parte da população já acordou.  Mais importante ainda, há uma guerra que está sendo travada entre nossos mestres soberanos e aqueles que desejam nos libertar.

O que é a Matrix?

Keanu Reeves diz que a matrix é um universo holográfico projetado para nós por aqueles que desejam nos controlar. A humanidade foi suprimida e controlada dessa maneira por milênios. Pensamos que é real, mas, na verdade, é apenas um filme que é jogado na consciência coletiva, apresentando-se como ‘realidade’.

Keanu Reeves não está sozinho em acreditar que a humanidade tem vivido em uma matrix por milhares de anos.

Algumas das pessoas mais ricas e influentes do mundo estão convencidas de que estamos vivendo em uma simulação de computador. Pelo menos dois dos bilionários tecnológicos do Vale do Silício estão despejando dinheiro em esforços para livrar os seres humanos da simulação em que eles acreditam que estamos vivendo.

Elon Musk acredita que as chances de não estarmos vivendo em uma simulação computacional no estilo Matrix são de ‘bilhões para um’.

Tad Friend escreve para o The New Yorker:

Muitas pessoas no Vale do Silício ficaram obcecadas com a hipótese da simulação, o argumento de que o que experimentamos como realidade é de fato fabricado em um computador.

Dois bilionários da tecnologia chegaram foram adiante e se envolveram secretamente com cientistas para que pudessem nos fazer sair da simulação.

Mas Keanu Reeves acredita que os garotos do Vale do Silício estão levemente errados a respeito de se libertar da matrix.  Ele tem um conselho para os bilionários da tecnologia:

Coloquem suas carteiras de volta nos bolsos. Isso não tem nada a ver com dinheiro ou computadores. É uma mudança espiritual que precisa ocorrer, não um ‘hack‘.

De acordo com Keanu, essa mudança espiritual está ocorrendo. As pessoas estão cansadas de guerras desnecessárias, liderança totalitária e controle autoritário. As pessoas estão acordando para o que é realmente importante na vida.

Eu acho que as pessoas estavam realmente assustadas, o mundo estava terminando até, você sabe, muito recentemente. Sentia-se como se as coisas estivessem fora de controle. Perdemos qualquer esperança de poder nos salvar das forças das trevas do mundo.

Mas apenas abra seus olhos por um minuto e veja o que está acontecendo. É surpreendente. Pessoas como Trump estão levantando o véu em uma surpreendente teia de manipulação interconectada.  Ame-o ou deteste-o, ele está permitindo que a humanidade desperte do sono, e vejam que as mesmas pessoas, as mesmas sociedades secretas, a Nova Ordem Mundial, estão ativamente controlando nossas vidas e suprimindo nossa verdadeira habilidade.

As pessoas estão lentamente acordando. É hora de retomar nosso poder infinito e abrir as portas da prisão mental que fomos incentivados a construir para nós mesmos. Não é uma coisa fácil de fazer, mas é hora de entrar na luz da liberdade.

Fonte: https://verdademundial.com.br/2018/02/a-humanidade-esta-mostrando-sinais-de-libertacao-diz-keanu-reeves/

Um Novo Governo Mundial

"O VATICANO, O PARTIDO COMUNISTA CHINÊS, O IMPÉRIO BRITÂNICO E O PENTÁGONO PLANEJAM UM NOVO GOVERNO"

Benjamin Fulford

Destaques...

*Um avião russo caiu em 11 de Fevereiro, com 71 mortos, para apenas remover um alvo que estava ligado ao “Uranium One” ...o acidente pode ter sido uma retaliação da cabala para uma maior cooperação de inteligências russo/americana...

(Jomarion... como comentei há quatro dias no post "Avião na Frequência 11 cai hoje (dia 11) próximo à Moscou", aqui em BlogNews)

*Coréia do Norte foi controlada pelos Rothschild e a Coréia do Sul por David Rockefeller... agora, que David morreu, não há motivos para manter a península dividida... Coréia do Norte e Coréia do Sul vão anunciar  a reunificação da península coreana...

*A cabala está em pânico total... por não conseguir um acordo com Trump...

* a queda das moedas criptografadas foram parte de um plano para, primeiro saquear e, posteriormente, desligar o sistema financeiro, antes de reiniciá-lo, de acordo com fontes da CIA, na Ásia, ligadas a Rothschild.

O último sinal veio de um acordo firmado entre o Vaticano e o governo chinês para, em conjunto, selecionarem os bispos para a Igreja Católica na China. Embora isso possa parecer uma questão menor, que pertença apenas aos 9 milhões de católicos chineses, realmente, é um acordo para a partilha conjunta de poder mundial, de acordo com fontes  da Sociedade Secreta Asiática  e Maçons da Loja P2.


O acordo significa que cada lado tenha poder de veto sobre quem for selecionado como bispo – o que significa que ambos devem concordar – e este é um modelo para um futuro processo do Oriente/Oeste para selecionar líderes do governo mundial, explicam as fontes. Lembrem-se de que a maioria dos chamados líderes mundiais recebe grandes depósitos em contas bancárias do Banco do Vaticano, quando assumem o poder.

Dizem que eles têm uma escolha entre prata ou chumbo (suborno ou bala). A maioria escolhe a prata. Em outras palavras, a maioria dos “líderes mundiais” exibidos na ONU recebe ordens dos P2 do Vaticano. Assim, um acordo entre o Vaticano e os chineses significa um  acordo entre o Antigo Mundo Ocidental dominado pela Velha Ordem e o Movimento da Nova Era vindo da Ásia.

De acordo com um membro da família real britânica, os chineses, igualmente, podem anunciar que usarão “um Cristianismo com características chinesas”, como sua religião nacional, como parte desse acordo. Numa insinuação de que isso pode ser verdade, o chanceler da Pontifícia Academia das Ciências Sociais, o bispo argentino Marcelo Sánchez Sorondo, insistiu numa entrevista em espanhol com o Insider do Vaticano que “neste momento, são os chineses que, melhor implementam o ensino social católico”.

https://www.rumormillnews.com/cgi-bin/forum.cgi?read=93111

O Império Britânico já apoiou publicamente os planos asiáticos para o governo mundial, através de seus mercados financeiros com os da China, apoiando a campanha de infraestrutura do BAII. Um Cinturão/Uma Estrada (One Belt One Road - OBOR) e apoiando secretamente um yuan lastreado com ouro para substituir o chamado dólar dos EUA.

A Comunidade Britânica, a Igreja Católica e os chineses, são responsáveis ​​pelos destinos de 5 bilhões de pessoas numa população mundial de 7,6 bilhões. Adicione países como Alemanha, Indonésia, Paquistão, Rússia e Irã, cujos governos, também, apoiam este plano, ficando claro que o mundo está indo para uma nova era.

O antigo mensageiro da cabala, Henry Kissinger, esteve viajando secretamente ao redor do mundo, negociando a criação desse governo, confirmam várias fontes. Após o seu encontro anterior com o presidente dos EUA, Donald Trump, em Outubro, Kissinger disse: “A Administração Trump está supervisionando um momento em que a oportunidade de construir uma ordem mundial construtiva e pacífica é muito grande”. Na semana passada, num encontro com Trump, disse que
“algo novo e notável”, surgirá da Administração Trump. 
https://www.dailymail.co.uk/video/news/video-1378417/Henry-Kissinger-calls-Donald-Trump-phenomenon.html

Foi notável o que na semana passada Kissinger disse a Trump: “Coréia do Norte e Coréia do Sul vão anunciar  a reunificação da península coreana, talvez em 24 de Março“, de acordo com uma fonte da família real japonesa que, recentemente, se encontrou com Kissinger. “Coréia do Norte foi controlada pelos Rothschild e a Coréia do Sul por David Rockefeller. Todavia, agora, que David morreu, não há motivos para manter a península dividida”, diz esta fonte.

No caso da unificação coreana, o homem forte da Coréia do Norte, Kim Jong Um, teria um papel cerimonial, semelhante ao do Imperador Japonês, enquanto que a administração diária do governo, seria deixada para políticos e tecnocratas, diz a fonte. As tropas dos EUA permaneceriam onde estão agora – ao Sul do Paralelo 38 – para garantir a continuidade da independência coreana da China, diz a fonte.
Outra questão que Kissinger tratou com Trump foi o Oriente Médio e o destino dos oligarcas khazarianos , disseram fontes do Pentágono. “
A cabala está em pânico total, depois de não conseguir um acordo com Trump” e, então, Kissinger foi rápido em se afastar deles, disseram as fontes.

Uma fonte judaica da CIA e outros, estão dizendo que
o Primeiro-Ministro satanista/israelense, Benyamin Netanyahu, irá renunciar e, depois vai para a prisão por seis meses. “Se o mafioso khazariano, Netanyahu, for para a prisão, não vai sair vivo”, diz a fonte. Netanyahu está sendo removido por estar profundamente envolvido no ataque e assassinato em massa de Fukushima, no Japão e, também, por se opor a uma solução de dois estados com os palestinos, de acordo com esta e outras fontes.
https://www.youtube.com/watch?v=alssten8OvE&feature=youtu.be

Na semana passada, Netanyahu, tentou e falhou uma vez para sair desta situação, tentando iniciar uma guerra com o Irã, bem como outra entre os EUA e a Rússia. Em vez disso, ele perdeu o apoio militar depois que forças armadas israelenses e seus proxies saíram com seus narizes sangrando em várias frentes. 
A cabala, também, está lutando duro para cobrir seus rastros e se livrar de testemunhas, na medida em que um arrastão legal se fecha contra ela por todos os lados.

Nesta frente, fontes do Pentágono dizem: “
Parece que um avião russo caiu em 11 de Fevereiro com 71 mortos para apenas remover um alvo que estava ligado ao Uranium One (dossiê do executivo da Rosatom, Vyacheslav Ivanov)”.

“Ivanov  poderia ter sido silenciosamente eliminado, por isso,
o acidente pode ter sido uma retaliação da cabala para uma maior cooperação de inteligências russo/americana, após uma viagem sem precedentes a Washington, DC de chefes do SVR, FSB e GRU”, dizem as fontes.

Fontes dizem que a família Rothschild, em particular, parece estar tentando encobrir seus rastros. As fontes observaram que “
a propriedade de caça de 13.000 hectares de Rothschild, em Langau, na Áustria, que possuíam desde 1875, foi vendida a um preço de banana, para evitar de ser apreendida pela Ordem Executiva de Trump, de 21/12/2017, uma vez que pode ter sido usada para  a pratica de caça a seres  humanos“. 
“Membros da Realeza também estão apavorados porque caçam e matam crianças, bebem o sangue de bebês e foram vistos realizando sacrifícios com crianças
”, continuaram as fontes.

Além disso, os Rothschilds “podem estar despejando ações na Apache, Chevron, Cisco e outros ativos. Todavia, a culpa por sua conduta criminosa continua”, dizem fontes do Pentágono.
“Um desfile militar pode ser usado para levar a Guarda Nacional a Washington DC, depois das prisões em massa, como uma demonstração de força para proteger Trump e os tribunais militares”, dizem elas, acrescentando que “em uma reviravolta de justiça poética, oficiais demitidos pelo ex regime podem condená-lo por traição“.

Claro que, para que os tribunais militares aconteçam, os salários dos militares terão de continuar a serem pagos. É por isso que a guerra financeira em andamento é tão importante quanto as prisões e assassinatos que estão acontecendo nesta épica luta de poder. Um sinal da intensidade desta batalha foi observado quando os preços das ações iniciaram uma queda recorde, assim como Jerome Powell se tornou o chefe do Conselho da Reserva Federal nomeado por Trump, em 05 de Fevereiro.

A queda das ações e
a queda das moedas criptografadas foram parte de um plano para, primeiro saquear e, posteriormente, desligar o sistema financeiro, antes de reiniciá-lo, de acordo com fontes da CIA, na Ásia, ligadas a Rothschild.

Para garantir que o estouro da bolha das ações não cause problemas para a economia real e para os militares chapéus brancos e agências dos EUA, a Sociedade Dragão Branco e seus aliados estão trabalhando em seu próprio sistema financeiro alternativo para o Ocidente.

Para esta finalidade, ouro suficiente foi garantido para financiar uma resposta do G7 ao projeto OBOR chinês de muitos  trilhões de dólares. Isso incluirá a
construção de um túnel ligando o Alasca à massa terrestre euro-asiática e de túneis ligando o Japão à Coréia e à Rússia. A infraestrutura dos EUA em decomposição, será totalmente modernizada. Outros projetos, incluem planos para a transformação de desertos e regiões árticas em áreas verdes, repovoamento dos oceanos com peixes e colonização de outros planetas. Haverá também um projeto de vários trilhões de dólares para encontrar uma cura para todos padecimentos e doenças, incluindo a própria morte.

Claro que, as pessoas do planeta terão a maior escolha quanto ao tipo de futuro que estaremos construindo. Agora, que estamos sendo libertados dos vínculos invisíveis da escravidão por dívida dos bancos centrais privados, todos podemos começar a vislumbrar que tipo de futuro desejamos construir juntos. Então, pedimos aos nossos leitores que comecem a imaginar um mundo ideal e a encontrar planos para ir daqui até lá.
Por fim, os lutadores do planeta estão fazendo seu trabalho e se certificando de que os bons sejam os vencedores. Os mansos estão prestes a herdar a Terra. 

Autor: Benjamin Fulford 

https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/02/benjamin-fulford-o-vaticano-o-partido.html

“Eles” não podem ler seus pensamentos! É mesmo?

... a manipulação do sistema nervoso pelos Campos Eletromagnéticos dos Monitores... está acontecendo... seu estado emocional pode ser alterado... pulsando os campos EM (eletromagnéticos) ao seu redor em dispositivos eletrônicos como telas de TV e monitores de computador ... celulares já fazem isso...

A Tecnologia de Controle Mental está muito além do que sabemos. E, graças a certos insiders, denunciantes e pesquisadores, o que já sabemos é realmente assustador. A conspiração mundial é tudo sobre CONTROLE, e controlar sua mente é um dos seus objetivos finais. Isso não significa apenas controlar o fluxo de informações em sua mente (através da censura, propaganda e meios subliminares). 

Isso significa, literalmente, controlar o que você pensa e sente, implantar pensamentos e sonhos em sua mente subliminarmente (então você nunca saberá o que está acontecendo) e até mesmo apagar suas memórias ou implantar falsas lembranças. O estado atual da tecnologia de controle mental é uma arma altamente perigosa e, nesta fase, a melhor coisa que podemos fazer é nos tornar mais conscientes disso.

A Onda Lilly

Vamos começar com a onda Lilly (nomeada pelo Dr. John C. Lilly, que trabalhou nos Institutos Nacionais de Saúde dos EUA em áreas incluindo implantes de cérebro em golfinhos). Nesta  discussão com Jeff Rense, o Dr. Patrick Flanagan  revela que foi amigo de Lilly. De acordo com Flanagan,  Lilly “desenvolveu tecnologias para ignorar o mecanismo do cérebro humano que resiste à programação”.  

Por acaso, Lilly descobriu mais tarde que havia sinais provenientes da rede elétrica (com  formas onduladas de ondas ultra-sônicas) usando sua própria invenção, a onda Lilly, que havia sido armada (como praticamente tudo).

Flanagan também afirma que algumas de suas próprias invenções foram suprimidas, tomadas e usadas para fins de controle mental contra o público. O artigo  The Lilly Wave And Psychotronic Warfare afirma:

“A “onda Lilly” é um pulso elétrico bi-fásico que estimula os neurônios do cérebro a ressoar a uma certa freqüência, de modo que a onda Lilly tenha a capacidade de controlar os padrões de ondas cerebrais do cérebro. No entanto, existe uma forma muito mais avançada e um propósito amplamente desconhecido e suprimido no uso da Lilly Wave. 

As moléculas de água dentro do cérebro podem ser induzidas para ressoar a uma freqüência desejada, fazendo com que os elétrons que compõem as tensões elétricas dos cérebros também ressoem na mesma freqüência.

Não é um requisito, como é entendido pela maioria dos cientistas, implantar eletrodos para fazer com que as moléculas de água dos cérebros sejam induzidas para uma certa freqüência, também pode ser realizada por qualquer forma de onda que possa penetrar no crânio e causar o arrastamento das moléculas de água do cérebro humano. Por exemplo, as ondas de rádio emitidas a uma freqüência de 40hz, direcionadas para o cérebro de pessoas, encaminharão as moléculas de água para um grau de 40hz e, assim, o resto dos elétrons dos cérebros ressoará em tal freqüência.

Desta forma, é possível estimular e controlar os padrões de onda dos cérebros de forma remota, com eletromagnetismo e também ondas acústicas … em breve, a Lilly Wave será melhor descrita como uma ressonância específica das moléculas dos cérebros”.

Apagar memórias reais … e implantar falsas

Melissa e Aaron Dykes da Truthstream Media lançaram alguns vídeos informativos nos últimos 1-2 anos sobre o tema geral do controle mental. Este vídeo revela como os cientistas dizem que agora podem apagar memórias (e implantar outras, falsas). Este vídeo expõe o que os controladores de Davos estavam planejando e discutindo (em 2016) para o futuro – mapeamento cerebral.

É algo do tipo mostrado no filme Minority Report (com Tom Cruise) que está ocorrendo dia a dia, com a tecnologia avançando rapidamente para decodificar seu cérebro. Isso significa decodificar exatamente o que você está pensando e sentindo, bem como o que você acabou de fazer (por exemplo, assistiu um filme):

“… podemos reconstruir os objetos e as ações do filme... no seu cérebro … pensamentos e sentimentos que você pode não verbalizar, ou talvez não queira verbalizar... eles podem deixar uma assinatura em seu cérebro, e nós podemos ser capaz de decodificar isso … se pudermos chegar ao ponto exato... você pode ter uma vontade … e não suspeitar de ter seu cérebro decodificado … não há proteção legal que possa ser concedida a você … “

Um dos palestrantes continua a dizer que agora não existem conceitos ou proteções legais, como a privacidade mental ou a liberdade cognitiva. Este é o lugar onde a discussão já aconteceu há mais de 1 ano!

Hendricus Loos e Hulu

Em outro vídeo, a Truthstream Media expõe as patentes de um certo Hendricus G. Loos. Uma das suas patentes (Patente US 6.506.148 B2 a partir de 2003) é intitulada “Manipulação do Sistema Nervoso pelos Campos Eletromagnéticos dos Monitores”. Ele detalha como seu estado emocional pode ser alterado modificando (pulsando) os campos EM (eletromagnéticos) ao seu redor – em dispositivos eletrônicos como telas de TV e monitores de computador ... os celulares já fazem isso. Loos escreve:

“Portanto, é possível manipular o sistema nervoso de um sujeito através de imagens exibidas em um monitor de computador ou aparelho de TV próximo”.

Duas coisas devem ser observadas aqui. Em primeiro lugar, tudo isso pode ser feito de modo  subliminar sem que você saiba e perceba conscientemente. Em segundo lugar, a ideia de sinais de RF pulsados ​​é exatamente o que os medidores inteligentes estão fazendo para destruir sua saúde. Os campos EM pulsados ​​são especialmente perigosos para o campo energético humano – e os controladores NWO sabem disso. Como a grade 5G e IoT contribuirão com tudo isso?

Curiosamente, alguns sugeriram que a empresa de TV Hulu obteve o nome de Hendricks Loos. Hulu lançou seu anúncio de vídeo com Alec Baldwin detalhando como eles produzem programas que transformam os cérebros das pessoas em uma geleia para criar cérebros que sirvam de alimento para alienígenas. Apenas uma coincidência, tenho certeza.

Ex-agente da CIA revela a extensão chocante da tecnologia de Controle Mental: Voz de Deus, OIW, sonhos forçados e consciência da colméia cibernética.

Se o que foi coberto até agora te provocou um choque, isso ainda não é nada. Veja esta  apresentação de 2016 do Dr. Robert Duncan (ex-agente da CIA, insider de Black Ops e especialista em controle mental que trabalhou em vários projetos de tecnologia de controle mental). Duncan está literalmente tremendo de nervosismo ao dar o discurso, provavelmente porque ele sabe que a informação que ele está deitando fora é tão sensível que poderia matá-lo. 

Ele revela como cada indivíduo pode ser mapeado na rede de controle mental das agências de inteligência, porque cada ser humano tem uma assinatura de ressonância única. Ele confessa que ele trabalhou no desenvolvimento de uma arma de controle da mente conhecida como a “Voz de Deus”, que possui 4 técnicas diferentes que podem canalizar vozes nas cabeças das pessoas. 

Depois que uma pessoa é submetida à Voice of God – Voz de Deus, elas podem ser facilmente controladas através de técnicas de PNL (Neuro Linguistic Programming), porque seus processos de pensamento foram acessados e interceptados.

A “Voice of God” faz parte de uma matriz de armas mais ampla conhecida como OIW (Offensive Information Warfare). Foi usado na Guerra do Iraque contra os soldados iraquianos – as vozes ficaram encurraladas em seus cérebros comandando-os a se renderem (dizendo algo como “Solte suas armas, este é Allah que determina”). Duncan revela que os sonhos podem ser pirateados de fato. Isso é especialmente insidioso, uma vez que as pessoas acreditam que os sonhos são sua criação privada. 

Embora ele admita a existência desses sonhos forçados ou sonhos induzidos, ele afirma que não pode dizer qual organização é responsável por projetá-los. No entanto, um bom palpite seria a DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency), que está empurrando para a nossa civilização o conceito da agenda do transhumanismo

A DARPA tem participado de todo tipo de atividades de controle mental, como por exemplo, criar uma Mente Cibernetica de Colmeia  que combina “soldados, escaneadores brainwave EEG, câmeras de 120 megapixels e múltiplos computadores que usam algoritmos cognitivos de processamento visual … para melhorar significativamente a detecção de ameaças às capacidades do Exército dos EUA”.

Uma Rede de Tecnologia de Controle Mental Secreta está sendo configurada ao nosso redor sem percebermos

O acima é apenas um trecho do que está lá fora, e isso, por sua vez, é apenas uma fração do verdadeiro estado da tecnologia de controle mental (escondido em projetos militares de orçamento negro). É inegável que uma grade de controle mental-emocional está sendo configurada ao nosso redor, usando a rede elétrica e dispositivos eletrônicos (Tvs, celulares, computadores, etc…) para transmitir e influenciar subliminarmente sobre nossas mentes.

Alguns podem argumentar que essa tecnologia pode ser usada para o bem, mas vamos ser realistas. Esta tecnologia de controle mental possui a capacidade clara e inerente para ser explorada de forma horrivelmente manipuladora como todas as demais tecnologias desenvolvidas pelo homem.

Controlar as memórias das pessoas atinge o coração do que significa ser um SER humano: para poder ter suas próprias experiências, sentir todas as emoções envolvidas nelas (incluindo tristeza, alegria, felicidade, etc) e aprender com próprios erros. Apagar memórias é semelhante a apagar a sua identidade... É o senso de quem você é. 

É como o entupimento químico que muitos medicamentos farmacêuticos sintéticos produzem. É como o soma do Brave New World de Huxley, uma metáfora para todas as substâncias disponíveis para nos fazer ignorar, negar e esquecer a dor, em vez de enfrentar e lidar com as dificuldades que enfrentamos no dia a dia.

Para aqueles interessados sobre o que é liberdade real, certamente esse assunto deve assumir a importância primordial como seu foco de pesquisa. É difícil subestimar o perigo extremo que esta tecnologia representa para a nossa liberdade.

Fonte: https://freedom-articles.toolsforfreedom.com/

“O medo é a emoção predominante das massas que ainda estão presas no turbilhão da negatividade da estrutura de crença da (in)consciência de massa. Medo do futuro, medo da escassez, do governo, das empresas, de outras crenças religiosas, das raças e culturas diferentes, e até mesmo medo da ira divina. Há aversão e medo daqueles que olham, pensam e agem de modo diferente (os que OUVEM e SEGUEM a sua voz interior), e acima de tudo, existe medo de MUDAR e da própria MUDANÇA.”  (Arcanjo Miguel).

A MATRIX - o SISTEMA de CONTROLE...  “A Matrix é um sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando despertar.

(Jomarion sugere este pequeno vídeo:  https://youtu.be/H-SHUd6IXb8)

Tradução e edição...  Thoth3126@protonmail.ch

Fonte2: www.thoth3126.com.br

LINK: https://thoth3126.com.br/eles-nao-podem-ler-seus-pensamentos-e-mesmo/#more-61641

 

Nazistas e Satanistas

“NAZISTAS SE ALINHAM COM OS DRAGÕES BRANCOS, NA MEDIDA EM QUE SATANISTAS ISOLADOS CONTINUAM EM SUA LUTA ATÉ A MORTE"

Benjamin Fulford  -  05.02.2018

Na semana passada, um importante acordo de paz foi alcançado em negociações que, literalmente, aconteceram sob a luz da Super Lua/Lua de Sangue/Lua Azul, num determinado país asiático, de acordo com fontes presentes.

Como resultado disso, a facção nazista do complexo  industrial militar mundial concordou em se alinhar com o lado iluminado da Força. 
Assim, num futuro próximo, a tecnologia nazista, notadamente de antigravidade e de velocidade hipersônica (Mach 20+), será disponibilizada para a "população de superfície" do planeta, dizem as fontes.

Um dos participantes nas negociações foi um parente próximo do almirante Richard Byrd, famoso na exploração da Antártida, que frequentemente visitou as bases nazistas da Antártida, então, esse é o verdadeiro negócio, pessoal. Teremos mais detalhes no final deste relatório.
Além disso, um acordo entre as partes, até então opostas, na Ásia, foi alcançado, que permitirá o desenvolvimento e uso pelos chapéus brancos de grandes depósitos de ouro em Bougaineville, Indonésia e em outros lugares, dizem as fontes.  

No caso de Bougaineville, significa que o Rei David Pei II bem como seus oponentes, agora, estão a bordo. O ouro será usado para lastrear uma moeda criptografada, a ser em breve anunciada, que será usada para financiar um projeto de desenvolvimento Ocidental, em escala semelhante ou maior que o projeto da China, de um Cinturão e de uma Rodovia em andamento.
Enquanto isso, nos Estados Unidos, o expurgo de satanistas khazarianos, em todos os níveis de governo, está se acelerando. De acordo com fontes do Pentágono, "o discurso de Trump no Estado da União, deu a luz verde para o expurgo do estado profundo do governo dos EUA com o código de ativação: ‘Convoco o Congresso para capacitar cada secretário do gabinete com a autoridade para recompensar bons trabalhadores e para remover funcionários federais que prejudicam a confiança pública ou falham com o povo americano’".
Nos EUA, o grande alvoroço da mídia em torno do lançamento de um memorando da  FISA sobre o FBI, que realizou uma operação de vigilância politicamente motivada na campanha eleitoral de Donald Trump, em 2016, foi histérico, porque sua publicação "oficial", realmente, permite o início das paralizações do Estado Profundo. O artigo no link abaixo, mesmo que seja do site satírico, The Onion, realmente, é muito verdadeiro.

https://politics.theonion.com/fbi-warns-republican-memo-could-undermine-faith-in-mass-1822639681

O alvoroço sobre o  memorando foi para distrair a atenção das divulgações em andamento, muito mais importantes, acerca do assassinato em massa, protagonizado pelo complexo médico/farmacêutico.   Aqui, o Dr. Robert Gallo, um dos chamados co-descobridores do vírus do HIV, veio para frente e admitiu que foi forçado a criá-lo para "acabar com a raça africana", segundo fontes da CIA e outras.
https://pinvibe.com.ng/forced-create-hiv-virus-secret-weapon-wipe-african-race-dr-robert-gallo-finally-speaks/
https://www.youtube.com/watch?v=HgiMqgjS-zM&feature=youtu.be

Em reação, na semana passada, os chapéus brancos militares e das agências dos EUA destruíram os laboratórios biológicos e derrubaram os satélites da cabala, na guerra civil não declarada nos Estados Unidos, disseram fontes do Pentágono.
Uma fonte do Pentágono, envolvida numa incursão
em uma base subterrânea de cabala, diz que descobriram "pessoas em jaulas, todos os tipos de híbridos genéticos humanos/animais, pessoas deliberadamente contaminadas com patógenos e muitos outros horrores".

A entrada da base foi fechada para evitar a fuga de lideranças da cabala, disse a fonte. 
Cada vez mais,
relatórios credíveis de esterilizações em massa usando vacinas, também, estão agora sendo divulgados, onde o mais recente informa que cerca de 500.000 homens e mulheres, no Quênia, foram esterilizadas à força, pelo que lhes foi dito se tratar de "vacinação contra o tétano". 
https://www.blacklistednews.com/article/63453/pharma-co-has-license-suspended-as-vaccine-blamed-for-sterilization-of-500000-women-html
https://mobile.nation.co.ke/news/Church-faults-State-over-lack-of-cooperation-on-vaccine-testing/1950946-3222120-155xq1n/index.html

A indústria do câncer, também, está sob ataque, pela disseminação deliberada de substâncias cancerígenas em produtos de uso diário para, em seguida, envenenar com radiação e produtos químicos tóxicos, para assassinar suas vítimas. 
Recentemente, um membro da Sociedade Dragão Branco (SDB) foi picado com uma agulha venenosa, contaminada com um vírus cancerígeno. Quando foi consultar com médicos canadenses, que provavelmente eram fantoches involuntários, foi-lhe informado de que teria que começar imediatamente seções de quimioterapia e de radiações.

Em vez disso, usou  terapia nutricional e máquinas Rife para eliminar completamente o câncer,  para surpresa dos médicos que achavam que seria o momento para “vender para ele” radiação e produtos químicos.
Incursões na American Medical Association e nos arquivos da família Rockefeller são recomendados, antes, que  tenham a chance de destruir a evidência desse assassinato em massa por câncer.

De qualquer modo, as prisões em massa desses assassinos estão em andamento. O memorando no link abaixo mostra que os militares dos EUA estão procurando empreiteiros para construir instalações para 13.000 prisioneiros e 5.000 guardas em Guantánamo, Cuba.
https://www.neco.navy.mil/synopsis/detail.aspx?id=485890

Militares dos EUA, também, convocaram um tribunal militar de 12 membros, sob a guarda dos Marines, que está trabalhando nos bastidores para "enviar muitos para a forca por crimes de sedição e traição", dizem fontes do Pentágono. É por isso que Trump lançou o memorando da FISA não assinado e assinou uma ordem executiva que mantém as instalações da Baia de Guantánamo aberta, dizem as fontes.
"Numa ação sem precedentes, mais memorandos serão divulgados, juntamente com um relatório do Inspetor Geral do Departamento de Justiça que irá esmagar o estado profundo", continuam as fontes. "O Congresso tem um milhão de documentos e Trump pode desclassificar e liberar todos eles para bombardear os Democratas e o estado profundo", acrescentam.
As tentativas de matar os Congressistas envolvidos no lançamento do documento com um descarrilamento de trem engendrado não causaram óbitos, graças ao que as fontes do Pentágono admitem "parecer ser uma intervenção divina".
De qualquer maneira,
a luta contra a cabala ainda não acabou...  observem como ela respondeu ao lançamento do memorando da FISA... com queda de 666 pontos no Índice Dow Jones.

Ela vai usar seu controle sobre os computadores do sistema bancário para tentar fechar o sistema financeiro nos próximos meses, dizem fontes da CIA.  Isso significa que planos de contingência devem ser elaborados para manter as pessoas da América supridas com alimentos, combustível e necessidades básicas, para o caso dos computadores financeiros e caixas eletrônicos serem desligados. Porto Rico foi apenas um aperitivo.
Além disso,
haverá mais uma tentativa combinada de iniciar uma 3ª Guerra Mundial, dizem fontes do FSB russo.

O site do DEBKA, vinculado ao Mossad e múltiplos meios de comunicações do Oriente Médio, dizem que existe uma possibilidade muito real de guerra envolvendo Israel, a se desenrolar nos próximos dias. Espera-se que comece no Líbano e na Faixa de Gaza, dizem as fontes. No entanto, as fontes da SDB confirmam que todas as tentativas de disparar armas nucleares serão neutralizadas.
Além disso, de acordo com documentos e artigos enviados por Nina Sidorova, da Southern California Tenants Association,
os Rothschilds já tomaram a decisão de encerrar seu "Projeto Israel". Em vez disso, movimentaram pessoal, dinheiro e armas essenciais para a Ucrânia, onde  planejam estabelecer uma "Nova Khazaria".   
Neste ponto, a SDB, gostaria de assegurar a todos os cidadãos de Israel que sua segurança será assegurada, não importando o que possa acontecer nos próximos dias, semanas e meses.
Por outro lado, agora, que os Nazistas concordaram em sair do esconderijo e se juntarem à família humana, simplesmente, não existe nenhum poder militar que apoie mais projetos de genocidas khazarianos. Os Nazistas, agora, são administrados por uma geração que está em seus 30 anos e que não tem experiência ou envolvimento nos horrores da Segunda Guerra Mundial. Por essa razão, eles não têm motivos para se esconderem. 
De acordo com a fonte mencionada acima, os Nazistas, realmente, não se esconderam. No mundo real, a maioria de seus líderes que não foram presos no final da Segunda Guerra Mundial, também, não foram para a Antártida ou mesmo para a América do Sul. Em vez disso, foram para a Espanha, que ainda era administrado por um governo fascista, após o fim da guerra. Muitos permaneceram na Espanha, outros se mudaram para Cuba e Nevada, entre outros lugares. A infame Área 51 e outras bases, em Nevada, são, principalmente, bases de testes da tecnologia aeroespacial nazista avançada, de acordo com essa fonte e que, agora, será compartilhada com a população em geral, diz a fonte.
As bases nazistas na Antártica, segundo essa fonte, são muito menores e menos significativas do que muitos acreditam. Ela diz que a desinformação sobre gigantescas bases nazistas na Antártida foi deliberadamente criada pelos nazistas, para manter os caçadores nazistas fora de sua trilha. A realidade é que encontraram cavidades quentes sob o gelo, criadas por fontes termais vulcânicas, mas que a água não era potável.
Esta fonte, umas das principais
fontes da CIA na Ásia, também, confirma as alegações do governo chinês de que, a Coréia do Norte é uma colônia secreta dos EUA. "A liderança norte-coreana fala melhor o Inglês do que a maioria dos americanos", diz ela. A Coreia do Norte foi usada como justificativa para a venda de armas no Leste Asiático e como uma desculpa plausível para iniciar uma guerra. A unificação da península coreana, agora, é possível, acrescenta, confirmando o que dizem as fontes da Sociedade Secreta Japonesa Corvo de Três Pernas.
Várias fontes confirmam que não haverá um único anúncio de que uma nova era tenha começado, mas sim uma enxurrada de eventos, na medida em que estivermos vendo seu desdobramento diante de nossos olhos, que resultará num planeta totalmente diferente, muito mais saudável e feliz. Um processo, inegavelmente, já começou.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte:https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/02/benjamin-fulford-nazistas-se-alinham.html

F A C E B O O K

'Pornografia infantil, violência, você tem que estar preparada para tudo': o relato de uma moderadora do Facebook

Revisores de conteúdo do Facebook se deparam com imagens fortes de violência e pornografia infantil.

"O que mais tem é pornografia", diz Sara Katz, ao se lembrar dos oito meses em que trabalhou como moderadora do Facebook.   "A agência foi muito direta sobre o tipo de conteúdo que veríamos e o quão chocante era, portanto sabíamos o que estávamos enfrentando", declara.

Katz se refere a uma agência de “moderadores humanos” com sede na Califórnia, nos Estados Unidos, contratada pelo Facebook e outras empresas. Ela (Sara) trabalhou com isso em 2016.  A tarefa de Katz consistia em revisar as queixas sobre conteúdo inapropriado que chegavam dos usuários do Facebook.

Não era uma tarefa tranquila. "Davam para a gente cerca de um minuto por publicação, para decidir se era spam e tinha que ser apagado. Às vezes, apagávamos a conta associada à postagem também", explica.

"A gerência não gostava que trabalhássemos mais que oito horas por dia, e revisávamos uma média de 8 mil publicações por dia, mil por hora." Katz diz que "aprendeu bastante" no período, mas destaca que, se tivesse que descrever o trabalho com uma só palavra seria, "extenuante".  Sarah Katz trabalhou durante oito meses moderando conteúdo impróprio do Facebook . 

Imagens Ilegais

"Definitivamente você tem que estar preparado para ver qualquer tipo de coisa em apenas um clique. As imagens chegam de repente, sem aviso prévio", diz.  A que mais a impactou foi uma fotografia que sugeria pornografia infantil. "Era de um menino e uma menina. O menino tinha uns 12 anos, e a menina, oito ou nove. Eles estavam de frente um para o outro, sem calça", descreve. "Parecia que um adulto estava dizendo a eles o que fazer. Foi muito perturbador, principalmente porque dava para ver que era real."

Publicações que se repetem

"Muitas dessas publicações explícitas circulavam continuamente. Víamos passar por seis contas distintas ao longo do dia, mas era difícil achar a fonte original", se lembra.  Katz diz que, na época em que fazia o monitoramento de publicações, não havia para os funcionários serviços de aconselhamento e ajuda psicológica. "Pode ser que hoje exista, não tenho certeza", afirma.

Ela reconhece que, se tivessem oferecido esse tipo de apoio em 2016, ela certamente teria aceitado a ajuda.  "Definitivamente te advertem, mas ser alertado e ver são duas coisas diferentes", destaca.

Atualmente, existem mais de 7 mil moderadores de conteúdo do Facebook .  "Alguns pensam que podem lidar com a situação, mas acabam vendo que não conseguem, porque a realidade é pior do que esperavam."

Violência gráfica

Katz avalia que os moderadores acabam se tornando, muitas vezes, "bastante insensíveis" com o tempo. "Não diria que é mais fácil (ver imagens violentas e de pornografia), mas você se acostuma", explica. "Obviamente havia muito mais pornografia genérica entre adultos, o que não era tão perturbador."

Em alguns casos, as fotografias incluíam animais. "Tinha uma imagem com um cavalo que circulava com frequência", recorda. E também apareciam muitas cenas violentas. "Lembro de uma publicação em que arrancavam a cabeça de uma mulher", conta.  "Parte do corpo dela estava no solo, e a outra metade, o torso, numa cadeira", descreve.

"A política era mais rigorosa para a eliminação de pornografia que para violência gráfica."

Notícias falsas

"Creio que as notícias falsas pegaram o Facebook de surpresa", diz Katz. "Durante a campanha para as eleições dos Estados Unidos era algo que estava fora do radar, ao menos durante o tempo em que eu trabalhei ali."

"Realmente não me recordo de ter escutado muito o termo 'fake news'", assegura.

"Circulava uma grande quantidade de artigos que eram denunciados pelos usuários, mas não me lembro de os gerentes pedirem que verificássemos se os fatos correspondiam à realidade", conta.

Embora tenha tido contato com algumas imagens perturbadoras, em geral, o trabalho de moderador era "monótono", diz ela. "Realmente você acaba se acostumando a identificar o que é spam e o que não é. Simplesmente, a atividade se converte numa monotonia de cliques."

Perguntada se recomendaria o trabalho, ela é taxativa: "Se você puder fazer qualquer outra coisa, eu diria que não".

A resposta do Facebook

Facebook diz que os revisores desempenham papel crucial para garantir segurança nas redes sociais e diz que se preocupa com o bem-estar da equipe.  A BBC encaminhou o relato de Katz ao Facebook. Em resposta, um porta-voz da empresa disse: "Nossos revisores desempenham um papel crucial para fazer do Facebook um local seguro e aberto".

A rede social reconheceu que o trabalho de moderador "pode ser muito desafiador". "Queremos assegurar que (os moderadores) estejam devidamente respaldados."  "Por isso, oferecemos capacitação regularmente, assessoramento e apoio psicológico a todos os nossos empregados e a todos os que trabalham para nós por meio de nossos sócios", completou.

O Facebook também disse que, embora use inteligência artificial sempre que possível, existem mais de 7 mil pessoas que revisam conteúdo da rede social. "Cuidar do bem estar deles é uma verdadeira prioridade nossa."

(Jim Taylor – BBC)

https://www.bbc.com/portuguese/geral-43024740

Ex Piloto da CIA afirma: Lua tem cerca de 250 milhões de habitantes!

Você pode achar que é ridículo contemplar a idéia de que a Lua poderia abrigar até cerca de 250 milhões de habitantes de diferentes raças, mas não é. 

Embora isso não seja uma “verdade aceita”, aqueles que examinaram o tema sabem que estranhas anomalias cercaram a Lua por décadas. “A contemplação sem investigação é o auge da ignorância”, uma citação atribuída a Einstein e é válida aqui.

UM PILOTO BEM CONHECIDO DA CIA AFIRMA QUE A LUA TEM 250 MILHÕES DE CIDADÃOS

(Fonte: Arjun Walia)

Se você realmente faz alguma pesquisa independente, você pode ficar bastante chocado com o que você vai encontrar, especialmente quando se trata da credibilidade das fontes.

Já em 1970, dois membros bem respeitados da Academia Soviética das Ciências, Michael Vasin e Alexander Shcherbakov, criaram uma hipótese sugerindo que a Lua é uma nave espacial criada por seres extraterrestres desconhecidos.

Avanço rápido até hoje, e temos ex-membros de alto escalão das forças armadas e agências de inteligência dos EUA compartilhando seus conhecimentos em relação a coisas estranhas que estão acontecendo na Lua. Alguns exemplos estão listados nos artigos abaixo.

Tomemos, por exemplo, Timothy Good, um dos principais pesquisadores mundiais de OVNI, que já deu palestras em universidades, escolas e muitas organizações, incluindo o Instituto de Ciências do Laboratório Médico, o Royal Canadian Military Institute, a Royal Geographical Society, a Royal Naval Air Reserve Branch, The House of Lords All-Party UFO Study Group, e as sociedades Oxford e Cambridge Union.

Timothy Good diz que um ex-membro do MI6 revelou sua conversa com Neil Armstrong em uma conferência da NASA, quando confirmou que havia “outras” espaçonaves na Lua quando a Apollo 11 desembarcou em 1969. Armstrong também confirmou que a CIA estava atrás do movimento de encobrimento do fato. Ele também aborda mais detalhadamente sobre isso nesta conferência de 2013.

O Dr. John Brandenburg, o vice-gerente da Clementine Mission to the Moon, que fazia parte de um projeto espacial conjunto entre a Organização de Defesa de Mísseis Balísticos (BMDO) e a NASA, também fez algumas revelações fascinantes. A missão descobriu (em 1994) que existe água nos pólos da Lua... a Missão Clementine tinha uma agenda ulterior:

“A Missão Clementine foi uma missão de reconhecimento fotográfico, basicamente, para verificar se alguém (que não conhecíamos) estava construindo bases na lua... e... eles estavam  expandindo-as? . . . De todas as imagens que vi da lua que mostram estruturas possíveis, a mais impressionante é a imagem de uma estrutura recto-linear de uma largura de milhas. Isso parecia incontestavelmente artificial, e não deveria estar lá. Como alguém na comunidade de defesa espacial, olho em qualquer estrutura da Lua com grande preocupação, porque não é nossa, não há como construir uma coisa assim.  Isso significa que “alguém” está lá em cima”.

A citação acima vem do documentário, “Aliens on the Moon”.

Aqui está uma palestra interessante que Brandenburg deu em relação a estranhas anomalias que foram encontradas também em Marte. Você pode ler mais sobre isso em detalhes aqui .

Os membros da Society For Planetary SETI Research (SPSR)  já  publicaram recentemente um artigo no Journal of Space Exploration  sobre certas características do outro lado (o lado oculto) da lua que aparecem na cratera Paracelsus C. Intitulado “Image Analysis of Unusual Structures on the Far Side of the Moon in the Crater Paracelsus C,” (Análise de Imagem de Estruturas incomuns no Lado Oculto da Lua na Cratera Paracelsus C), que  argumenta que essas características podem ser de origem artificial, o que significa que alguém, além de um ser humano da Terra, as construiu e as colocou lá. Sugere que a vida também possa estar contida na lua.

Tenha em mente que há um lado inteiro da lua que nunca podemos ver (o lado oculto), a menos que usemos sondas. Um  novo estudo  publicado no  Journal of Space Exploration  intitulado “The Mounds of Cydonia: Elegant Geology, or Tetrahedral Geometry and Reactions of Pythagoras and Dirac? (Os Montes de Cydonia:geologia elegante, ou geometria tetrahedrica a Reações de Pitágoras e Dirac?).

Adicionou-se a esta evidência já robusta, outras apontando para “intervenções de superfície artificial” em Marte. O artigo também menciona que ele acrescenta à evidência que já existe, uma outra evidencia que apontou fortemente para as intervenções artificial na superfície do planeta vermelho.

Então você vê, você não está louco se você ver uma manchete acima e realmente a considerar...

O Oficial da CIA

Seu nome é John Lear e é herdeiro de uma grande companhia aérea dos EUA. Ele voou mais de 160 tipos diferentes de aeronaves em mais de 50 países diferentes. Ele possui 17 registros de velocidade mundial nos jatos Lear Jet e possui todos os certificados aéreos emitidos pela Federal Aviation Administration. O Sr. Lear foi enviado em missões em todo o mundo para a CIA e outras agências governamentais.

Um ex-candidato ao cargo de senador do estado de Nevada, ele é o filho de William P. Lear, designer e criador do avião Lear Jet e fundador da Lear Siegler Corporation. Lear ficou interessado no assunto de OVNI durante 13 meses depois de conversar com o pessoal da Força Aérea dos Estados Unidos que testemunhou um pouso de OVNI em Bentwaters AFB, perto de Londres, na Inglaterra e três pequenos (Greys) alienígenas caminharam até o Wing Commander.

Em um vídeo, ele mostra várias imagens e descreve estruturas, tecnologias, estruturas urbanas e estrada na Lua. O estudo mencionado anteriormente publicado no Journal of Space Exploration também menciona algo nesta linha. Na leitura ligada acima por Brandenburg, ele descreve o mesmo em Marte.

O que é fascinante é o fato de que muitas de suas informações realmente corroboram e combinam com outros testemunhos de denunciantes e insiders, bem como os estudos que dão mais atenção a estruturas estranhas na lua que parecem ser de origem extraterrestres.

(Jomarion sugere o video capturado do History Channel: https://youtu.be/X9L0Q71tUFw)

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Fonte1: https://www.collective-evolution.com/

Fonte2: www.thoth3126.com.br

Link: https://thoth3126.com.br/ex-piloto-da-cia-afirma-lua-tem-cerca-de-250-milhoes-de-habitantes/

10.2.2018

Centro de Pesquisa suíça afirma que o “Conselho de Relações Exteriores” controla o discurso da mídia tradicional

Link da imagem   https://swprs.files.wordpress.com

O Centro de Pesquisa suíça afirma que o Conselho de Relações Exteriores controla o discurso da mídia tradicional.

Julian Assange (Wikileaks) twittou um gráfico de propaganda do Centro de Pesquisa da Suíça (SPR), com uma pesquisa e informações sobre a propaganda geopolítica nos meios de comunicação suíços que ilustram a forte influência exercida pelo Conselho de Relações Exteriores sobre a história dos meios de comunicação americanos entregues para o público americano e mundial.

Segundo o relatório da Swiss Research (em grande parte desconhecido para o público em geral) muitos executivos de mídia e grandes jornalistas de quase todos os grandes meios de comunicação americanos têm sido membros do influente Conselho de Relações Exteriores (CFR). Vejam o twitte do Julian Assange.

Fundada em 1921 como uma organização privada e bipartidária com o lema - "despertar a América para as suas responsabilidades globais" - o CFR e seus cerca de 5.000 membros de elite, por décadas moldaram a política externa e o  discurso público dos Estados Unidos para assunto. Como explicado tão bem, por um membro do Conselho, o objetivo era de fato estabelecer um império mundial, mesmo que fosse "benevolente".

O membro do conselho interino é Robert Kagan, co-fundador do Projeto para o Novo Século Americano (PNAC), ele é  marido de outro membro do CFR -  Victoria Nuland -  ex-secretária assistente de Estado dos Assuntos Europeus do Departamento de Estado Eurasiano, durante o segundo mandato do presidente Obama.

O Projeto para o Novo Século Americano, ou PNAC, foi fundado em 1997. Entre os seus apoiantes, estavam três ex-oficiais republicanos que trabalhavam na administração Clinton: Donald Rumsfeld, Dick Cheney e Paul Wolfowitz.

Em cartas abertas aos líderes do Congresso e ao Clinton GOP no ano seguinte, o grupo tramou a queda do regime de Saddam Hussein implantando uma política norte-americana agressiva no Oriente Médio, incluindo o uso da força para derrubar Saddam.

E em um relatório pouco antes das eleições de 2000, que tiraria  Bush ao poder, o grupo previu que a mudança seria lenta a menos que houvesse "um evento catastrófico e catalisador, como um novo Pearl Harbor". Este evento teve lugar em 11 de Setembro de 2001.

Naquela época, Cheney era vice-presidente, Rumsfeld era secretário de Defesa e Wolfowitz era seu vice no Pentágono.

Na manhã seguinte ao 11 de setembro - antes mesmo de saber quem estava por trás dos ataques - Rumsfeld insistiu em uma reunião de gabinete que Saddam deveria ser "o alvo principal da primeira rodada de terrorismo", de acordo com Bush em guerra. Victorya Nuland foi a principal responsável para as atividades do Departamento de Estado Americano durante o golpe que depôs o presidente ucraniano, Viktor Yanukovych. Na verdade, uma chamada de telefone que teve lugar entre Nuland e Embaixador do EUA na Ucrânia, Geoffrey Pyatt,

Um ex-editor do Washington Post, Richard Harwood, em uma coluna intitulada "classe dominante de Jornalistas", descreveu o Conselho como " uma instituição líder para Estados Unidos”. Harwood escreveu:

"A participação de jornalistas no Conselho, seja qual for sua opinião, é um reconhecimento do seu papel ativo e importante nos assuntos públicos e a sua ascensão na classe dominante dos EUA... não basta analisar e interpretar a política externa dos Estados Unidos... eles ajudam a fazê-la ... eles fazem parte desta instituição, quer se goste ou não, compartilhando valores e visões de mundo ".

Fonte das Imagens:  https://swprs.files.wordpress.com

https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2018/02/le-centre-de-recherche-suisse-allegue.html#more

 

Os Illuminati e o controle da mídia mundial

Até um tempo atrás a proprietária do jornal The Washington Post era Katherine Graham (Grupo Bildeberg, Comissão Trilateral e CFR). O Los Angeles Times, O The New York Times, o The Wall Street Journal e as principais cadeias de televisão dos Estados Unidos são controlados por membros de sociedades secretas modernas.  Conrad Black, diretor do Grupo Hollinger, membro do grupo Bildeberg é proprietário de vários jornais e revistas no Canadá, Estados Unidos, Inglaterra e Israel entre outros países. Segundo David Icke, o proprietário último de todos esses jornais são os Serviços Secretos Britânicos, que criaram e ainda controlam a CIA.  Podemos concluir que  vivemos sob véu do engano dos mentores da Nova Ordem Mundial Illuminati.  (Jose Domingos)

https://exateus.com/2015/11/02/os-illuminati-e-o-controle-da-midia-mundial/

Empresas brasileiras irão aceitar pagamento com a Moeda Digital Petro, diz ministro venezuelano

José Vielma Mora, no entanto, não revelou quais empresas aceitarão a criptomoeda Petro que foi criada em dezembro de 2017. O ministro do Comércio Exterior da Venezuela, José Vielma Mora, anunciou nesta terça-feira (06/02) que um conjunto de empresas brasileiras manifestou sua intenção de vender alimentos à Venezuela e receber o pagamento com a moeda digital Petro.  Mora, no entanto, não disse quais empresas brasileiras aceitarão a criptomoeda.

No programa Dando e Dando, transmitido na Televisora Venezolana Social (Tves), o ministro recordou que o Petro é a primeira criptomoeda que possui respaldo financeiro do governo (5.342 milhões de barris de petróleo do campo número 1 do bloco Ayacucho, no Cinturão de Óleo de Orinoco.

Mora indicou que com a criação da moeda, a Venezuela poderá amenizar o bloqueio financeiro e comercial que foi imposto pelo governo dos Estados Unidos e dos aliados norte-americanos (Jomarion... este é o pais do Anti-Cristo, sempre pronto a prejudicar uma democracia impondo miséria aqueles que já são pobres), uma vez que facilitará o acesso a novas formas de financiamento e de comércio internacional.

A criptomoeda venezuelana foi criada em dezembro de 2017. A oferta inicial da moeda digital Petro se realizará até que as 82 milhões e 400 mil unidades disponíveis para venda se esgotem. A pré-venda começa no dia 20 de fevereiro e consistirá na criação e venda de um token (recurso digital), que será comercializado pela plataforma Ethereum, caracterizada por ser descentralizada.

Em três de dezembro do ano passado, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, criou o Petro e o Observatório Blockchain, que representa a base institucional, política e jurídica para o lançamento da criptomoeda no país, e é considerada a plataforma de software líder no mundo para compra e venda de ativos digitais.

https://operamundi.uol.com.br/conteudo/geral/48825/empresas+brasileiras+irao+aceitar+pagamento+com+moeda+digital+petro+diz+ministro+venezuelano.shtml

Algoritmos no Controle

Nove algoritmos que podem estar tomando decisões sobre sua vida, sem você saber

Algoritmos já estão presentes em diversas áreas de sua vida. Um vídeo que mostra o médico David Dao sendo removido de um voo da United Airlines em um aeroporto de Chicago, nos Estados Unidos, viralizou em abril passado.

O episódio gerou prejuízos à imagem da empresa americana, cuja tripulação queria que Dao cedesse seu lugar a um funcionário para que ele fosse ao destino do voo, Louisville, para render a equipe local. Mas quase nenhuma das críticas tratou de um elemento crucial do ocorrido: a necessidade de retirar o médico do voo foi decidida por uma máquina, mais especificamente por um programa de computador.

É exemplo clássico de como esses programas, conhecidos como algoritmos, estão tomando decisões que afetam nossas vidas, muitas vezes sem que a gente sequer saiba disso.

Especialistas já manifestaram sua preocupação com a falta de transparência no uso de sistemas de inteligência artificial nesta tomada de decisões. Mesmo assim, seu uso está se popularizando:  um algoritmo já pode decidir se você será escolhido para uma entrevista de emprego ou se conseguirá um empréstimo, com quem você se relacionará e até mesmo quanto tempo de prisão um criminoso "merece".

Reunimos a seguir alguns exemplos de como sua vida já pode estar sendo afetada por algoritmos.

1. O computador decide se você fará ou não uma entrevista de emprego

Currículos são cada vez mais descartados sem sequer passar por mãos humanas. Isso porque as empresas estão empregando sistemas automatizados em seus processos seletivos, principalmente na análise de centenas de milhares de inscrições.  Nos Estados Unidos, estima-se que mais de 70% dos candidatos sejam eliminados antes de serem avaliados por pessoas. Para as companhias, isso economiza dinheiro e tempo, mas alguns questionam a neutralidade dos algoritmos.

Em um artigo na revista Harvard Business Review, Gideon Mann e Cathy O'Neil argumentam que esses programas não são desprovidos de preconceitos humanos, então, isso pode levar a decisões tendenciosas por parte da inteligência artificial.

2. Quer dinheiro emprestado? Seu perfil na rede social pode afetar isso

Historicamente, quando alguém pede dinheiro a uma instituição financeira, a resposta vai depender da análise das chances do empréstimo ser pago, com base na proporção entre a dívida e a renda desta pessoa e seu histórico de crédito. Não é mais assim: agora, algoritmos reúnem e analisam dados de múltiplas fontes, que vão desde padrões de compra a buscas na internet e sua atividade em redes sociais.

O problema é que esse método usa informações coletadas sem o conhecimento ou colaboração de quem pede o dinheiro. Também há uma questão em torno da transparência do código do algoritmo e seu comportamento tendencioso.

3. Um algoritmo pode te ajudar a achar um amor, mas pode não ser quem você espera

Não é uma surpresa que sites de namoro usam algoritmos para identificar duas pessoas compatíveis. É um dos seus principais apelos para o público, na verdade.

Mas a forma como isso é feito não é muito clara, especialmente após o eHarmony, um dos principais deste mercado, ter revelado no ano passado que fez ajustes na preferências de seus clientes para aumentar suas chances de encontrar um par ideal, algo que pode incomodar quem perdeu tempo para respoder às 400 perguntas necessárias para se ter um perfil no site.

Mas até mesmo em alternativas como o aplicativo Tinder, em que as variáveis são bem menos complexas (geografia, idade e orientação sexual), as combinações não são tão simples assim.

Quem usa o serviço recebe uma nota secreta sobre o quanto essa pessoa é "desejável", calculada para "permitir melhores combinações", segundo o Tinder. A fórmula é mantida em segredo, mas os executivos da empresa por trás do aplicativo já indicaram que o número de vezes que o perfil de alguém é curtido ou rejeitado tem um papel crucial sobre isso.

4. Um programa pode determinar se você é viciado em drogas e se conseguirá contratar um plano de saúde

O mal uso de medicamentos e drogas é a principal causa de mortes acidentais nos Estados Unidos, e especialistas com frequência se referem a esse problema como uma epidemia.

Para lidar com isso, cientistas e autoridades estão se unindo em projetos baseados em dados. Recentemente, no Estado do Tennessee, nos Estados Unidos, a operadora de planos de saúde Blue Cross e a empresa de tecnologia Fuzzy Logix anunciaram a criação de um algoritmo para analisar nada menos do que 742 variáveis e, assim, avaliar o risco de um comportamento abusivo com medicamentos.

Isso levantou uma questão ética: os dados analisados incluem o histórico médico e até mesmo o endereço residencial. O argumento a favor desse tipo de intervenção é que isso pode salvar vidas e mitigar prejuízos ao sistema de saúde - viciados em opioides têm, por exemplo, 59% mais chances de serem usuários de alto custo.

O mercado de inteligência artificial em saúde deve crescer de US$ 670 milhões (R$ 2,13 bilhões) em 2016 para quase US$ 8 bilhões (R$ 25,4 bilhões) até 2022, segundo um estudo feito pela consultoria MarketsandMarkets, e essa previsão foi feita antes do anúncio de que a gigante do varejo Amazon entrará neste mercado.

Acredita-se que o uso de algoritmos e da inteligência artificial nesta área deve tornar a tomada de decisões mais eficiente e reduzir o número de erros humanos.

5. Eles determinam até se um filme será feito

Essa não é a primeira vez que alguém dirá que Hollywood tem uma fórmula para produzir sucessos. Mas é diferente do processo baseado na experiência e instinto de produtores ao selecionar um roteiro ou elenco.

Algoritmos são usados para analisar não só as chances de um filme ir bem nas bilheterias, mas também quanto dinheiro ele fará. Esse serviço é oferecido por várias empresas, e Paramount, Universal e Warner Bros, alguns dos principais estúdios de Hollywood, contratam essas consultorias.

Além de comparar um novo filme com uma base de dados de produções passadas, esses serviços afirmam que podem detectar o impacto de mudanças na história e até mesmo entre os atores.

6. Algoritmos influenciam em quem você vota e quem será presidente

Em uma época em que dados tornaram-se mais importantes do que empatia e carisma no mundo da política, algoritmos são cruciais para candidatos em busca de votos.

Não foi só a retórica de Barack Obama que impressionou em sua ascensão rumo à indicação do Partido Democrata para disputar a Presidência dos Estados Unidos em 2008, mas também seu uso desta tecnologia.  A campanha de Obama mirou incessantemente nos eleitores indecisos, usando uma série de informações para individualizar ao máximo os perfis do eleitorado.

Quase dez anos depois, Emmanuel Macron (Jomarion... apontado por muitos sensitivos como o AntiCristo) conseguiu uma vitória inesperada na França com uma estratégia similar - algoritmos ajudaram a identificar distritos e bairros que eram os mais representativos do país como um todo. Isso ajudou a guiar sua equipe na realização de 25 mil entrevistas usadas para estabelecer as prioridades e estratégias de sua campanha.

7. A polícia usa algoritmos para prever se você será um criminoso

O sistema de vigilância da China sobre seus 1,3 bilhão de habitantes é bem conhecido, mas parece haver espaço para expandi-lo. O governo anunciou em 2015 o desenvolvimento de um sistema capaz de "prever crimes" com base em dados pessoais, como o histórico médico e entregas de compras. Grupos de direitos humanos acusaram as autoridades chinesas de violar a privacidade dos cidadãos, dizendo que o real propósito do sistema é monitorar dissidentes.

A China não é, no entanto, o único país a usar algoritmos para prever crimes: o policiamento baseado em dados é aplicado nos Estados Unidos há mais de uma década, e algumas forças de segurança britânicas começaram em 2012 a usar softwares de mapeamento e previsão de crimes.

O programa é bem simples em comparação com algo como o mundo retratado pelo filme Minority Report (2002): dados sobre os tipos de crimes, sua localização, data e hora geram um mapa identificando as áreas onde eles provavelmente voltarão a ocorrer.

Segundo uma pesquisa do centro britânico Royal United Services Institute for Defence and Security Studies, algoritmos podem ter até dez vezes mais chances de prever a localização de um crime futuro em comparação com o policiamento comum.

No entanto, um destes sistemas, o PredPol, usado pela polícia da Grande Manchester, no Reino Unido, gerou uma polêmica. Pesquisas mostraram que ele criava uma distorção em que policiais eram enviados para os mesmos bairros repetidamente, independentemente das reais taxas de criminalidade nestas áreas.

8. Um computador pode te mandar para a prisão

Juízes em ao menos dez Estados americanos estão tomando decisões em casos criminais com a ajuda de um sistema automatizado chamado COMPAS, baseado em um algoritmo de análise de risco para prever a probabilidade de uma pessoa cometer um novo crime. Um caso famoso nesse sentido ocorreu em 2013, quando um homem chamado Eric Loomis foi condenado a sete anos de prisão por fugir da polícia e dirigir um carro sem a permissão do dono no Estado de Wisconsin.

Antes de a sentença ser proferida, autoridades apresentaram uma avaliação, feita com base em uma entrevista com Loomis e informações fornecidas pelo algoritmo sobre sua probabilidade de reincidência - o resultado indicava que ele tinha um "alto risco de cometer novos crimes".

Seus advogados questionaram a condenação usando vários argumentos, entre eles que o COMPAS foi criado por uma empresa privada e que informações sobre o algoritmo não foram reveladas. Também afirmaram que os direitos de Loomis foram violados, porque a avaliação levava em conta fatores como gênero e raça.

De fato, uma análise de mais de 10 mil casos na Flórida ao longo de dois anos, publicado em 2016 pela ONG ProPublic, mostrou que a previsão de alto risco de reincidência era mais comum para negros do que para brancos.

9. Eles podem influenciar seu dinheiro

Esqueça as imagens de pessoas gritando na bolsa de valores com telefones nos ouvidos. Transações no mercado de ações estão se tornando cada vez mais um produto de cálculos feitos por algoritmos, que são mais rápidos do que qualquer humano e compram e vendem papéis em questão de segundos.

Defensores desta tecnologia afirmam que uma máquina é imune à volatilidade emocional do mercado e investe mais racionalmente. Isso, no entanto, foi questionado em 2010, quando algoritmos foram apontados como os culpados pelo crash que fez desaparecer temporariamente do mercado de ações americano US$ 1 trilhão.

Um relatório do banco JP Morgan estimou que, em 2017, investimentos com base em algoritmos ou fórmulas computacionais responderam por quase 90% do volume de transações com ações nos Estados Unidos.

Fonte:  https://www.bbc.com/portuguese/geral-42908496

Jomarion pede... usem o celular somente para se comunicar com familiares e amigos... não instalem aplicativos... vocês não precisam de aplicativos pra nada... não permitam que a I.A. domine sua vida... ficaremos reféns dela se dermos o consentimento... I.A. é controle total... já está acontecendo... saiam do Facebook e evitem o Google e o WhatsUp a todo custo... avisem os mais jovens e os ingênuos de plantão... não façam o novo RG digital no celular... não façam biometria no Banco (sabiam que não é obrigatório?)... desconfie das “novidades” digitais são tralhas e armadilhas... não compre celular com banda 5G e reconhecimento de iris (é controle total)... vamos reagir e facilitar “O Evento”... ele está próximo!

Condenação sem Provas  -  Degradação do Judiciário 

Dalmo Dallari

Jornal do Brasil - Sociedade Aberta

"É inaceitável que julgador coloque em 1º lugar preferências políticas. Foi isso que o TRF4 fez"

O Estado Democrático de Direito é ostensivamente negado e deixa de ser uma realidade quando o Poder Judiciário, contrariando seu papel constitucional de guarda da Constituição e garantidor do Direito e da Justiça, decide arbitrariamente, condenando sem que tenham sido apresentadas provas objetivas comprovando a culpa do acusado.

Como tem sido ressaltado por eminentes teóricos do Direito, o conceito de Estado de Direito, como complemento necessário do Estado Democrático, foi uma conquista da humanidade. Com efeito, é de fundamental importância que o comando do poder político seja democrático, expressando a vontade e dando prioridade aos interesses reais da maioria dos governados.

Mas para que isso tenha clareza e eficácia é absolutamente necessária a ordem jurídica, que estabelece direitos e obrigações e define os meios para garantia e efetivação dos direitos de todos, sem exclusões e discriminações. A formalização dessas exigências caracteriza o mais avançado constitucionalismo, sendo oportuno lembrar que a Constituição brasileira de 1988 tem sido reconhecida e exaltada em eventos jurídicos e políticos como das mais democráticas do mundo. 

Essa característica fundamental do novo constitucionalismo tem o seu reconhecimento no dispositivo da Constituição basileira que estabelece como primeira competência do Supremo Tribunal Federal a « guarda da Constituição ». Esse dispositivo deixa mais do que evidente a correlação do político com o jurídico, ou seja, o relacionamento necessário do direito com a política.

As decisões políticas são, necessariamente, também jurídicas, mas, por outro lado, as decisões jurídicas têm, também, implicitamente, um conteúdo político. Na literatura jurídica mais recente aparece um questionamento entre as expressões « politização do Judiciário » e « judicialização da política ».

Na realidade, existe uma conjugação necessária da política com o direito ou vice-versa, pois assim como o político não pode ignorar o direito ou opor-se a ele, o jurista, seja qual for seu campo especifico de atuação, estará sempre atuando no campo político, influindo sobre ele. Por esse motivo, não pode ser aceita a atitude do julgador que se afasta dos padrões fundamentais do Direito visando a consecução de objetivos políticos. Isso se aplica tanto aos Juízes de primeira instância e das instâncias superiores quanto aos Ministros do Supremo Tribunal Federal. 

Por todas essas razões, é inaceitável a atitude do julgador que ao participar de uma decisão judicial coloca em primeiro lugar, como diretriz para a decisão, suas convicções e preferências políticas, ignorando, ou mesmo contrariando frontalmente, os preceitos jurídicos consagrados na Constituição e na legislação vigente. Pois foi isso, precisamente, o que fez o Tribunal Regional Federal da 4a. Região, o TRF-4, no julgamento de Lula, como tem sido claramente demonstrado por eminentes juristas, em análises objetivas e muito claras, confrontando os argumentos invocados pelos julgadores com os princípios e as normas fundamentais de Direito, expressamente consagrados na Constituição e na legislação penal brasileiras.

Uma análise merecedora de destaque, por seu conteúdo e também pela experiência e grande autoridade de seu autor, foi feita pelo eminente Magistrado Sílvio Luís Ferreira da Rocha, Professor da Faculdade de Direito da Universidade Católica de São Paulo e com rica experiência como Juiz Titular da 10a. Vara Criminal Especializada em Sistema Financeiro e Lavagem de Dinheiro.

Em magnífico artigo publicado no portal « Justificando » no dia 25 de Janeiro, o preclaro Professor e Magistrado ressalta, de início, aspectos de extrema relevância a respeito das normas e teorias jurídicas da área Criminal, fazendo em seguida a crítica, serena e objetiva, de aspectos fundamentais do julgamento do ex-Presidente Lula pelo TRF-4.

O ponto de partida de sua análise é a lembrança de um requisito básico para a correção e a legitimidade das decisões, assim exposta: « Dentre a exigência de assegurar-se, no contexto de um sistema democrático, um julgamento justo a todos os acusados, está a de condenar-se alguém, em especial no âmbito penal, apenas quando estiver certa a ocorrência de um crime e comprovada por provas, isenta de qualquer dúvida razoável, a sua autoria, coautoria ou participação. »

Em seguida, tecendo considerações sobre os meios de convencimento do julgador, faz uma ressalva de extrema relevância : « É certo que existe o sistema de persuasão racional, no qual o Juiz tem o dever de fundamentar sua  decisão, indicando os motivos e as circunstâncias que o levaram a admitir a veracidade dos fatos em que se baseou a decisão ». Entretanto, observa em seguida, « esse sistema de persuasão racional não se contenta somente com a produção de uma motivação clara e coerente, mas exige mais, como a existência efetiva de fatos confirmada pela análise crítica de todas as provas disponíveis ». 

Quanto a esta exigência, pode-se dizer que, na decisão do TRF-4, foi feita uma distorsão da teoria alemã geralmente identificada como de « dominio do fato », que, numa aplicação errônea, dispensaria a exigência de provas objetivas.  Na realidade, essa teoria não serve de base para fundamentar a responsabilidade penal simplesmente pela posição hierárquica de quem poderia ter dado determinada ordem.

Pela teoria do domínio do fato esse pode ser um dos elementos a serem considerados, mas complementado pela prova de que o superior hierárquico praticou, efetivamente, o ato que está sendo questionado. O que se exige  é a comprovação efetiva de fatos, confirmada por elementos constantes do conjunto acusatório. Ora, a denúncia de que haveria,  por parte dos empresários, a oferta ou promessa de vantagens indevidas a funcionários públicos para determiná-los a praticar, omitir ou retardar ato de ofício seguido da aceitação de promessa ou do recebimento de vantagens indevidas pelos funcionários, abrangendo diferentes Diretorias e órgãos públicos federais, teriam um comando superior e comum, que seria precisamente o Presidente Lula, que além de Chefe do Governo era também líder de uma das principais legendas políticas envolvidas, não foi comprovada.

A única base para essas afirmações são os depoimentos de acusados, por meio de delações premiadas, o que, obviamente, está longe de configurar a existência de elementos concretos de prova. 

Com base no exame dos elementos reunidos pela acusação e analisando a atitude dos julgadores, o professor e magistrado Sílvio Luís Ferreira da Rocha destaca que nenhum dos empresários ou agentes públicos que fizeram delações ou declarações mencionou o Presidente Lula e conclui pela inexistência de comprovação para fundamentar uma condenação, que foi decidida sem que houvesse provas, voltando a lembrar que « o sistema pautado pela persuasão racional ou livre convencimento motivado do juiz exige a existência de fatos, confirmada pela análise crítica de todas as provas disponíveis ».

Além dessa valiosa análise do julgamento que resultou na confirmação da condenação do ex-Presidente Lula, outros juristas eminentes também publicaram depoimentos, fazendo a análise dos aspectos fundamentais do julgamento e externando sua opinião sobre o desempenho dos julgadores e sobre questões jurídicas fundamentais ligadas a esse julgamento e merecedoras de especial consideração.

Uma particularidade que deve ser ressaltada é que nenhum jurista fez declarações ou publicou qualquer depoimento manifestando concordância com a decisão condenatória ou sustentando a regularidade do julgamento. Ao contrário disso, deixaram clara sua convicção de que a decisão foi antijurídica e injusta, pois houve uma condenação sem prova.

Nas manifestações contrárias à forma de julgamento e às conclusões, alguns dos analistas observaram que a prática de indicar nomes para o preenchimento de determinados cargos é de conhecimento público, sendo que em muitos casos, as nomeações são feitas envolvendo acordos com partidos ou com aprovação prévia de outras instâncias, como o Congresso Nacional.

Cabe lembrar aqui que essas consultas e buscas de influência ocorrem, inclusive, na designação de magistrados para órgãos superiores do Judiciário, como é de conhecimento geral, sendo muito anteriores ao período do governo Lula. Além disso, alguns delatores falaram na existência de uma « conta-corrente », para sustentar que isso, que é uma prática corrente, também ocorreu quando Lula era Presidente, mas nenhum deles indicou bancos, valores e outros meios de movimentação de tais recursos, ou seja, não foi sequer indicado um elemento concreto de prova. Quanto a esse aspecto, pode-se dizer que os julgadores ignoraram ou fingiram ignorar que o Supremo Tribunal Federal já afirmou claramente, em mais de uma ocasião, que « a mera palavra dos delatores não serve isoladamente como prova para condenar ninguém ».

É oportuno assinalar que essa prática, que o TRF-4 está criminalizando ao condenar Lula não com provas, mas com um ataque direto a atividades de caráter político-administrativo, são prerrogativas inerentes ao cargo de Presidente da República. Sarney, Collor e Fernando Henrique nomearam para cargos de diretoria muitas vezes ouvindo reivindicações de várias origens, assim como se beneficiando de financiamento privado para suas campanhas e as de seus partidos.

A par disso, pode-se ainda acrescentar que nenhum elemento concreto de prova foi obtido ou juntado aos autos, resultando disso uma condenação sem prova , por isso mesmo ilegal e injusta. E deve-se assinalar ainda que o aumento da pena imposta ao ex-Presidente Lula para mais de oito anos pelo crime de corrupção passiva só ocorreu para evitar a prescrição retroativa. Com esse aumento da pena o processo continuará em aberto até o momento da inscrição de candidatos para a próxima eleição presidencial, fazendo supor que o objetivo final imediato tenha sido criar obstáculos para a candidatura de Lula à Presidëncia da República.

Aí está, em síntese, o que foi o julgamento da TFR-4 que culminou com a condenação de Lula. Outros aspectos negativos poderiam ser apontados, mas o que aqui foi exposto é suficiente para deixar evidente que houve uma decisão manifestamente contrária ao Direito e à Justiça e, por essa razão, degradante para o Judiciario.

Dalmo de Abreu Dallari – Jurista

https://www.jb.com.br/sociedade-aberta/noticias/2018/01/27/condenacao-sem-prova-degradacao-do-judiciario/

Sweet Jesus

O Marketing Perturbador de Uma Rede Popular de Sorvetes

Jomarion... satanismo pesado e óbvio derramado sobre milhares de crianças... com apoio de mídia e comerciais...

O marketing envolvendo a Sweet Jesus baseia-se em simbolismo satânico misturado com imagens de crianças em situações assustadoras e questionáveis.

Os dois símbolos (abaixo) , usados pela empresa, também são uma parte importante do visual da Igreja de Satanás.

Para aqueles que dizem: "A cruz invertida não é satânica, mas é a Cruz de São Pedro (li isso na Wikipédia) digo que NÃO... Neste contexto, é satânico. As missas negras satânicas são todas sobre a inversão de símbolos cristãos para representar uma filosofia diametralmente invertida.

O símbolo do relâmpago também prevalece no satanismo. Provavelmente, ele se originou da passagem da Bíblia onde Jesus diz: "Vi Satanás caindo como um raio do céu".

Esses dois símbolos (obviamente satanicos) compõem o logotipo da Sweet Jesus.

O logo da Sweet Jesus também está em seus copos:

Cruz invertida, relâmpago, pirâmide, globos  oculares. Lembra da época quando tomar um
 sorvete não era um ritual satânico?

"Coma... como se fosse sua última ceia"

 Referência à passagem bíblica da última ceia de Jesus e o sorvete na forma de um grande falo!

Outros anúncios combinam os símbolos do cristianismo com insinuações sexuais sutis

"Deixe a Sweet (relâmpago) e a  (cruz invertida) Jesus entrar na sua boca"...

Taça das abominações

"O amor é paciente, o amor é amável" é o início de um verso bíblico popular. Esse trecho é seguido no anúncio por "mas você não pode lamber, então quem se importa". O palito do sorvete é colocado de maneira fálica. Existem símbolos satânicos no cálice.

Tábuas da Lei

Este anúncio cita o mandamento sobre o uso do nome do Senhor em vão... seguido de símbolos satânicos na tábua do mandamento.

Sweet Jesus também criou anúncios envolvendo crianças. E eles são muito assustadores, e não assustadoramente divertidos. Eles confirmam que não se trata simplesmente de ser "da hora"... há uma conexão com o lado mais sombrio e sinistro da elite oculta: recrutar crianças.

Usando as Crianças

A maioria do marketing envolvendo a Sweet Jesus é sobre fotos do estilo de revista de moda envolvendo crianças e sorvete. Pode-se pensar: "Bem, isso é normal o bastante, certo? As crianças adoram sorvete. "Mas essas imagens envolvem crianças de maneira assustadora. Na melhor das hipóteses, as fotos "adultizam" as crianças. Na pior das hipóteses, elas as sexualizam.

O Menino Marinheiro

Este garoto está vestido como um marinheiro e está fazendo todos os tipos de coisas de adultos: fumando, usando tatuagens, bebendo café numa xícara com um logotipo satânico, mas, o mais importante, por que o menino tem um olho ferido? Abuso infantil?

A Menina assustadora

Esta foto é muito assustadora. Em primeiro lugar, tudo isso é uma 
reminiscência do mundo horrivelmente explorador de desfiles infantis. Esta
 garota loira é assustadoramente semelhante a JonBenet Ramsey - a estrela 
mirim que foi assassinada de forma selvagem em circunstâncias bizarras. 
Para tornar as coisas ainda mais perturbadoras, a menina tem orelhas 
de coelho - não muito diferentes das coelhas da Playboy.

No Instagram da empresa observamos os comentários... uma pessoa
 pergunta "referência a pedofilia?"... e outros respondem... "com certeza."

Marina Abramovic

Marina Abramovic, satanista, segura os chifres de uma cabra... Significado oculto poderoso e maléfico.. também significa poder com Baphomet... esta artista do mal inspira as imagens acima mostradas!

Canibalismo

Essa garota tem uma "coroa" feita do que parece ser chifres. Parece que ela tem sangue em sua mão e também está chupando seu polegar.

Doações cheias de intenções

O pessoal da Sweet Jesus doando para o "Sick Kids"... Não antes de ensinar as crianças a fazer o "chifre do diabo", a mão chifrada.

Conclusão

Associar a aos coisas ao "diabo" não é novidade. No entanto, Sweet Jesus faz muito mais. Não se trata apenas de "imagens da hora", trata-se de uma cultura inteira que está perfeitamente alinhada com a elite oculta.

Como visto em artigos anteriores neste site, uma agenda principal da elite oculta é a normalização do poderoso simbolismo satânico, que se baseia na corrupção e inversão de símbolos cristãos. Mas essa é apenas a superfície dela. O marketing de Sweet Jesus também implica sutilmente na corrupção e profanação de crianças. É aí que as coisas deixam de ser "da hora" e a cabeça feia do mal aparece, e não há nada de doce nisso.

Fonte: The Vigilant Citizen

Outra Fonte: https://danizudo.blogspot.com.br/2018/02/sweet-jesus-o-marketing-perturbador-de.html

“Jogos Vorazes” para tempos difíceis Cinco lições

(CartaCapital)

A trilogia “Jogos Vorazes”, de Suzanne Collins (Editora Rocco), conta a história de Katniss, uma habitante do 12º distrito de Panem. Lá, a Capital manda e os 12 distritos obedecem, e uma vez por ano os Jogos Vorazes acontecem: uma espécie de reality show em que um morador de cada distrito, chamada “tributo”, é enviado para uma arena onde todos lutam por sua vida. O sobrevivente e vencedor ganha dinheiro e glória. Apesar de se passar um mundo fantástico, a distopia traz algumas verdades parecidas demais com a nossa realidade.

1) O mundo é dividido em classes

A base da trilogia usa aquilo que Marx falou há muito tempo: o mundo é dividido em classes sociais. No universo de Collins, as classes são claras e bem divididas no formato de distritos - no nosso mundo, as coisas não são tão óbvias assim, embora a analogia siga perfeita. Os primeiros distritos, como o 1, o 2 e o 4, seriam as classes altas que não detêm os meios de produção: são ricos, podem desfrutar de uma vida boa, porém ainda precisam se dobrar à Capital. Como nossa classe média assalariada, acreditam em grande parte que são livres da dominação e que tudo que têm veio por mérito próprio: as amarras sociais são invisíveis a eles e o individualismo reina. Do outro lado do espectro, aos distritos 11 e 12 (as classes mais baixas) estão disponíveis para os trabalhos mais arriscados, que eles aceitam por precisar de comida para sobreviver. 

2) O entretenimento e a alienação são uma arma poderosa

Para os cidadãos do Capital, os Jogos Vorazes nada mais são que um entretenimento como o Big Brother é para nós. Para o resto do distrito, o acompanhamento do programa é obrigatório e tem uma função parecida com os programas de “Quinze Milhões de Méritos” (o segundo episódio da primeira temporada de Black Mirror). Inserindo ideias de honra e da possibilidade de libertação, eles criam um sistema flexível o suficiente para permitir que alguns poucos indivíduos oprimidos consigam subir de nível, criando uma noção mentirosa de que só depende de você - assim como na nossa sociedade, em que gente como Oprah Winfrey e Barack Obama são utilizados com frequência como um argumento burro de que não existe mais racismo no mundo. Também se faz uso de propaganda política para uma demonização do extinto distrito 13, o único que foi contra o Capital e fez uma revolução.

3) A meritocracia é uma mentira

A Arena onde acontecem os jogos passa por uma premissa falsa: de que lá, todo mundo é igual lutando por sua própria vida. Seria o experimento perfeito para a meritocracia. Mas, assim como no mundo real, não é bem assim. Os distritos mais ricos criam suas crianças com treinamentos constantes para que eles se tornem tributos fortes e resistentes, chegando aos jogos com grandes possibilidades de vencer: por isso, para eles, os jogos são motivo de honra.

Já para os distritos mais pobres, que mal sobrevivem dentro do seu próprio mundo, ir para a Arena é uma sentença de morte. Por isso, as vantagens dos ricos sobre os pobres começam desde antes dos jogos. Lá dentro, se tornam ainda mais discrepantes: o jogo começa com uma Cornucópia onde estão armas, alimentos e muitas ferramentas úteis de sobrevivência para qualquer competidor, de forma que, quando chegam lá, os mais corajosos vão lutar pelos suprimentos.

Os sem privilégios que quiserem garantir alguns desses bens são convidados a participar de uma batalha sangrenta da onde dificilmente sairão vivos. Caso virem as costas, estão abandonando qualquer chance de garantir um pouco da segurança fornecida pelos presentes da Cornucópia.

Isso mata a única vantagem dos distritos mais pobres: eles sabem sentir fome, eles sabem passar dias com restrição de água, comida, sono, conforto. Os Jogos Vorazes, que deviam ser jogos de sobrevivência, perdem a essência para quem garante todo o conforto proporcionado pelos presentes adquiridos. Como Rue e Katniss sabiamente concluem no primeiro livro, “o problema é que eles não estão famintos”. 

4) Quem manda no mundo é menos de 1% da população

O Capitol detém os meios de produção e, por isso, é ele que manda no mundo. Os oito indivíduos mais ricos do mundo tem o equivalente de dinheiro do que 50% da população mais pobre - e isso não é um dado do livro, mas do mundo real. O resto de nós, mesmo quem metaforicamente participa dos distritos mais ricos, não têm nenhum poder. 

5) Se a educação não é libertadora, o sonho do oprimido é ser opressor

A frase de Paulo Freire encontra eco no fim da trilogia, quando se decide fazer uma última edição dos jogos com as crianças do Capitol. Katniss, a protagonista, reflete: “Foi assim que aconteceu? Setenta e cinco anos atrás? Será que um grupo de pessoas sentou e votou para começar os Jogos Vorazes? Houve dissidência? Alguém pediu misericórdia e foi vencido pelo clamor pela morte das crianças dos distritos? (…) Todas aquelas pessoas que eu amo estão mortas e nós estamos discutindo os próximos Jogos Vorazes em uma tentativa de parar de desperdiçar vidas. Nada mudou. Nada vai mudar.” 

Por Clarissa Wolff

https://www.cartacapital.com.br/blogs/a-redoma-de-livros/cinco-licoes-de-201cjogos-vorazes201d-para-tempos-dificeis

Tensões entre Illuminati

"TENSÕES ENTRE AS FAMÍLIAS ILLUMINATI AGORA QUE GOVERNO CORPORATIVO DOS EUA COMEÇA A VER SEU FIM."

Benjamin Fulford

Destaques

1... um míssil lançado de um submarino da cabala, foi interceptado antes de atingir o Havaí... residentes do Havaí receberam advertência em seus telefones celulares... logo depois foi informado que o alarme era falso... mas na  verdade não foi... foi uma tentativa da "cabala" de jogar a culpa do ataque à Coréia do Norte e usá-lo como um gatilho para a tão desejada 3ª Guerra...

2... em março será o início do grande desenrolar financeiro...  o Dow Jones provavelmente chegará 30 mil em meados de março... este é o número necessário para drenar totalmente todos os ativos líquidos remanescentes da população... um evento correrá... o plugue será puxado da tomada e o colapso será posto em movimento.

3... depois do plugue ser puxado... a moeda lastreada em ouro (da Rússia, China, Índia e Indonésia) ... estará online...

4... o terremoto e o tsunami no Haiti foram causados por armas nucleares colocadas no fundo do mar por um submarino da cabala... bem como o ataque similar, em Fukushima, em 11 de Março de 2011...

As tensões globais estão aumentando visivelmente, agora que o governo corporativo dos EUA, financiado por petrodólares, em 18 de Janeiro enfrenta o início das operações de comércio de petróleo em yuan respaldado por ouro, ao mesmo tempo que o prazo de pagamento é 31 de Janeiro.

Um sinal dessa tensão extrema surgiu na semana passada, quando "um míssil lançado de um submarino da cabala, foi interceptado antes de atingir o Havaí e o submarino foi afundado", dizem fontes do Pentágono.

Os meios de comunicações, em todo o mundo, informaram que os residentes no Havaí receberam a seguinte advertencia em seus telefones celulares:

"AMEAÇA DE MISSIL BALÍSTICO AO HAVAÍ, PROCURAR ABRIGO IMEDIATAMENTE, ESTE NÃO É UM TREINAMENTO"

Mas,  logo depois disso, foi informado que o alarme foi falso.

Na verdade, não foi – este foi uma tentativa da "cabala" de jogar a culpa do ataque à Coréia do Norte e usá-lo como um gatilho para largamente desejada 3ª Guerra Mundial, segundo fontes da CIA.

O ataque foi seguido por um aumento nos terremotos e atividade vulcânica que "potencialmente pode ​​ser resultante de ataque às bases submarinas no Chile, Peru, Papua, Nova Guiné", continuam as fontes do Pentágono.

O oficial da Agência de Inteligência de Defesa dos EUA, Paul Laine, certa vez, disse a este escritor que existem numerosas bases submarinas americanas e que, agora, essas bases parecem estar sob ataque sistemático.

Enquanto este relatório estava sendo escrito, uma pessoa que afirma ser "Sua Alteza Real (HE HRH) Ernest Rauthschild, o real Primeiro-Ministro dos Estados Unidos da América do Norte" entrou em contato com este escritor... afirmando que "os galácticos" estavam chegando para fazer valer sua reivindicação.

Forneceu uma extensa documentação para respaldar suas reivindicações mostradas nos links abaixo, sem maiores comentários, além de observar que o endereço fornecido é apenas um escritório virtual, em Washington,  DC. 

https://www.slideshare.net/ICJ-ICC/2017-usna-divinagracia-treaty

https://www.slideshare.net/ICJ-ICC/royal-pcijicjicc-notice

https://www.slideshare.net/ICJ-ICC/decision-of-the-royal-icjicc-court
https://avalon.law.yale.edu/18th_century/fr-1782.asp

Deixando "galácticos" e "bases submarinas" de lado, há muita coisa acontecendo “aqui e agora” na esfera geopolítica visível. Na semana passada, isso ficou especialmente evidente na tensão entre o governo militar dos EUA, representado por Donald Trump e grande parte do resto do mundo. 

Fontes do Pentágono dizem:  "A guerra contra soldados de cabala MS-13 [gang salvadorenha] se intensificou, quando Trump prendeu os líderes do MS-13 no Nordeste dos Estados Unidos, pondo fim ao status temporário de proteção de 200.000 salvadorenhos e ele pode fazer o mesmo com 60.000 hondurenhos". 

Além disso, "Trump confiscou todos os documentos incriminatórios classificados da Biblioteca Presidencial de Obama, para ajudar o Departamento de Justiça a derrotar todo o regime de Obama", continuam as fontes.

"Depois do expurgo saudita e estadunidense, o expurgo da UE começa com a morte do líder globalista [ex-comissário da UE e presidente da Goldman Sachs], Peter Sutherland", continuam. 
As fontes também dizem que "Trump está rechaçando Londres, enquanto se dirige para Davos, para uma volta da vitória".

No entanto, está claro que qualquer "volta de vitória" seria muito prematura. Tanto as fontes da CIA na Ásia, bem como as fontes da família Rothschild nos EUA, dizem que em março... será o início do grande desenrolar financeiro". 
A fonte da CIA explicou o seguinte:
"O Dow Jones provavelmente chegará 30 mil em meados de março. Este é o número necessário para drenar totalmente todos os ativos líquidos remanescentes da população.  Um evento ocorrerá, o plugue será puxado da tomada e o colapso será posto em movimento. Esta ondulação se transformará num tsunami global... Este é o plano atual.

"A fonte acrescentou:"  O que vem depois do plugue ser puxado em algum momento em Março é que a moeda lastreada em ouro (da Rússia, China, Índia e Indonésia) em conjunto estará online".  Esta fonte da CIA, também, indica que a investigação da Fundação Clinton pelo regime de Trump, "globalmente abrirá uma grande lata de minhocas", uma vez que muitos governos estrangeiros doaram para ela.

https://sputniknews.com/analysis/201801111060682477-clinton-foundation-foreign-governments/
Não pode haver dúvidas de que a Fundação Clinton foi culpada do desfalque em massa, especialmente no Haiti.  Fomos informados pela Agência de Inteligência de Defesa dos EUA que o terremoto e o tsunami no Haiti foram causados por armas nucleares colocadas no fundo do mar por um submarino da cabala.

A investigação em curso do FBI sobre a Fundação irá  levar a esse fato e, a partir daí, levará ao ataque similar, em Fukushima, em 11 de Março de 2011.
No entanto, para mostrar o quanto complicado isso tudo é, evidências completamente documentadas, mostram que a trilha de Fukushima levará à loja maçônica P2 e as pessoas em Davos, onde Trump estará dando sua "volta da vitória”.
Além disso, a fonte continuou:

"Trump pode censurar a rainha e a realeza moralmente falidas pela promoção da mistura da raça negra/branca ao genocídio da raça branca, com as núpcias do bastardo Harry com a mestiça negra, Meghan Markle, enquanto, Andrew, que tem voado com Jeff Epstein para a Lolita Island, pode subir para o topo da lista de pedófilos da UE ".
Esta declaração, sem dúvida, reflete opiniões generalizadas entre muitos europeus e americanos europeus.

Este tipo de visão tem se inflamado num segundo plano como resultado de anos de excessiva correção política que sufocou o verdadeiro debate sobre conexões entre coisas como raça, etnia, crime e realização social.  Por exemplo, é um fato que as taxas de criminalidade são muito maiores em certos bairros povoados quase que exclusivamente por afro-americanos do que em áreas povoadas por europeus americanos.

Fingir que isso não é verdade ou, culpá-los de injustiça histórica não irá resolver o problema.
Ao mesmo tempo, atacar cegamente Trump como sendo racista (de acordo com alguns) por se referir a países africanos de "latrinas", ignora o fato de que a África permanece extremamente pobre e subdesenvolvida em relação ao resto do mundo.

https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_African_countries_by_GDP_(PPP)_per_capita
Além disso, amigos meus africanos e afro-americanos relataram que há tanto ou mais racismo contra eles na Ásia, do que já experimentaram em países europeus e que por isso, essa seria uma simplificação excessiva para rotular esse problema como "supremacia branca".
Na medida em que os países asiáticos e ocidentais negociam um mundo mais inclusivo, o problema da África precisa ser honestamente analisado.

Muito provavelmente, se os africanos recebessem um preço justo por seus recursos, eles, como os sauditas, teriam um desenvolvimento e uma modernização extremamente rápida. 
Em todo caso, para reabrir este debate de uma forma mais construtiva, gostaria de usar o exemplo dos tomates. Existem mini tomates, tomates gigantes e tomates de cor de laranja, de modo que existem diferenças genéticas.

Ao mesmo tempo, se você tomar dois tomates geneticamente idênticos e plantar um em condições ideais de luz solar, fertilizantes, etc., irá obter uma planta enorme com centenas de tomates.  Pegue a mesma semente e coloque em condições muito precárias o que resultará numa planta atrofiada que produzirá apenas um único tomate.

Então, minha visão é que antes das pessoas discutirem genes e racismo, eles devem se certificar de que cada humano na Terra tenha um ambiente que lhes permita florescer. 
No passado da Inglaterra, haviam garotas de programa que tiveram muitos filhos de diversos pais.

Esses "bastardos" cresceram em circunstâncias empobrecidas e viriam a se tornar parte de uma subclasse auto perpetuada de criminosos e viciados.  Esta subclasse foi amplamente abolida através de muitas medidas, como casas de trabalho, proibições de prostituição, etc.

Talvez Donald Trump, para evitar acusações de racismo, poderia pedir aos trabalhadores afro-americanos de classe média para lidarem de maneira semelhante com o guetos semelhantes de subclasses (muitos dos quais são geneticamente 70% ou mais europeus em ascendência) que agora é responsável por uma quantidade desproporcional de crimes nos EUA.

Percebemos que abrimos uma lata de minhocas com essas divagações preliminares, mas, às vezes, colocar uma tampa sobre coisas controversas não levará a uma solução e esse tipo de debate foi sufocado por muito tempo.
Em qualquer caso, voltando à situação geopolítica, podemos ver nossa fonte no governo militar dos EUA chamando o Reino Unido, França, Alemanha e Suécia como inimigos.

Isso nos faz pensar exatamente que amigos eles ainda têm.
A resposta pode ser fornecida pelo amigo e vizinho mais próximo dos EUA, o Canadá.  O governo do Canadá, nesta semana, convocou uma reunião de cerca de 20 países em Vancouver para "discutir a Coréia do Norte".

Entre eles estão a Inglaterra, os EUA, a França, a Alemanha, a Índia, a Tailândia, a Coréia do Sul, o Japão e outros países que lutaram contra a Coréia do Norte, China e Rússia durante a Guerra da Coréia. No entanto, a Coréia do Norte é apenas uma história de capa.

A reunião desses países visa realmente discutir sobre a China e seus planos iminentes de uma moeda lastreada com o ouro para substituir o sistema formado pelo dólar Ocidental dos EUA, o Euro e o yen japonês.

O Canadá, ao contrário dos EUA, tem tido muito sucesso em receber pessoas de todo o mundo e todo tipo de origens étnicas/culturais/raças para viverem e trabalhar em conjunto, com sucesso e em harmonia.

Pode ser que a discussão real em Vancouver, esta semana, seja sobre quem ou o que, em breve, irá substituir o governo corporativo dos EUA e qual será sua postura de negociação com os chineses e seus aliados.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte:  www.sementesdasestrelas.com.br

Ninguém viu, mas Temer entregou Alcântara para os EUA

Nos próximos dias, Temer ​ deverá entregar as chaves da base espacial de Alcântara, no Maranhão, para os patrocinadores do golpe de Estado no país. O acordo envolvendo a base, dizem, já está acertado com os Estados Unidos, nas condições deles, consolidando um vergonhoso gesto de traição aos interesses nacionais. Nos anos noventa, com Fernando Henrique Cardoso​ , um acordo barrado no Congresso Nacional chegava ao extremo de impedir o acesso de brasileiros às dependências da base.

Em novembro, depois de privatizar o “espaço sideral” nacional, e comprometendo ainda mais a Defesa Nacional, o governo patrocinou exercícios militares com participação dos EUA na Amazônia. Com explícito interesse nesse tema, depois de quase um ano sem dar bola para os golpistas, Trump recebeu Temer e os presidentes da Colômbia e do Peru, em jantar na Casa Branca. Não por acaso, os dois países vizinhos participam das manobras conjuntas na região amazônica​.

Sob o disfarce de “exercícios humanitários”, os EUA avançam no plano de implantação de bases militares na Amazônia, assim como já fez no Peru. Mais do que mirar na Venezuela e suas reservas de petróleo, a ação aposta em ocupar militarmente o Brasil e a América do Sul, comprometendo a soberania dos países sobre a região. À medida, soma-se ao corte de verbas orçamentárias que reduziu à metade o efetivo do Exército Nacional nas fronteiras do país.

Em artigo recente, o ex-chanceler Celso Amorim ​(o melhor de todos – PHA) ​questionou o objetivo das manobras militares e o que elas implicarão na prática. “A presença de forças extrarregionais, entendidas como não sul-americanas, em exercícios militares sempre foi vista com bem fundamentada cautela, se não mesmo desconfiança, por nossas Forças Armadas”, disse ele. Amorim lembra ainda que “o Brasil, em diversos governos, sempre foi muito prudente nesse particular”.

A cautela, no entanto, parece ter sido abandonada pelo general Sérgio Etchegoyen, rendido à ultrapassada tese do falido mundo unipolar sob comando dos EUA. Nos anos setenta, defendendo a abertura de relações com a China, o então presidente General Ernesto Geisel já questionava a ideia da submissão unilateral aos norte-americanos. Em resposta aos militares da linha-dura, Geisel respondeu perguntando se pretendiam tornar o Brasil uma colônia dos Estados Unidos.

Ao contrário das pretensões golpistas, o Brasil precisa afirmar-se com soberania para cumprir com sua vocação de grande potência, como definiu o general Villas Bôas. Isso não se faz comprometendo o território nacional, as nossas fronteiras ou entregando o patrimônio público, como defendeu Pedro Parente ​sugerindo que a privatização da Petrobras seria um “beijo no mercado”. Independente das vontades e dos interesses particulares de plantão, os brasileiros se levantarão em defesa da soberania, do Estado Nacional e do futuro do país.

https://verdademundial.com.br/2018/01/ninguem-viu-mas-temer-entregou-alcantara-para-os-eua/

Ex-agente da CIA afirma:

Estado Profundo Quer Remover Trump da Presidência

O presidente não pode ser controlado e está lutando contra o governo das sombras, diz o denunciante
O presidente Trump está abalando o Estado Profundo de tal maneira que eles pediram que as mídias corporativas o ataquem sem parar, de acordo com o ex-oficial da CIA, Kevin Shipp.

"Donald Trump está questionando o Estado Profundo e o governo das sombras", disse Shipp em entrevista ao USAWatchdog no domingo.

"Ele está balançando esse lugar para a esquerda e para a direita. A mídia está aterrorizada com isso. Seus editores estão dizendo para atacá-lo exatamente como eles estão atacando-o por dentro. É um jogo sujo porque eles querem que ele seja retirado".

Shipp elaborou a infra-estrutura do Estado Profundo e aparatos do governo das sombras dentro do governo para explicar como eles podem agir atrás de um presidente em exercício, sem supervisão.

"Eu estabeleço diferenças entre o "Estado Profundo" e o governo das sombras. O governo das sombras são as agências secretas de inteligência que têm tal poder e sigilo que agem mesmo sem o conhecimento do Congresso", afirmou.

"Há muitas coisas que eles fazem impunemente. Depois, há o "Estado Profundo", que é o complexo industrial militar, todas as corporações industriais e seus lobistas, e eles têm todo o dinheiro, poder e ganância que dão todo o dinheiro aos senadores e congressistas. Então, eles estão conectados, mas eles são realmente duas entidades diferentes. É o governo das sombras. . . especificamente, a CIA, que está indo atrás de Donald Trump. A CIA está aterrorizada que algumas das suas relações sejam expostas. Se as relações forem expostas, isso poderia comprometer toda a organização".

Shipp surgiu anteriormente da obscuridade para denunciar o Estado Profundo em setembro, advertindo que a CIA e a NSA são o "núcleo" central do governo das sombras que pode manipular o presidente e as decisões políticas, e que tem o poder de iniciar guerras, tortura, iniciar golpes e cometer ataques de bandeira falsa.

Fontes:

Infowars: EX-CIA AGENT: DEEP STATE ‘TERRIFIED’ OF TRUMP, ‘WANT HIM TAKEN OUT’

Zero Hedge: High-Ranking CIA Agent Blows Whistle On The Deep State And Shadow Government

https://www.anovaordemmundial.com/2018/01/ex-agente-da-cia-estado-profundo-quer-remover-trump-da-presidencia.html#more

Ex-agente da CIA explica como intervenção do FBI nas eleições de 2016 passou despercebida

Sputnik

Ex-agente da CIA, Ray McGovern, divulgou recentemente um relatório contando como o FBI - e não a Rússia - interferiu nas eleições presidenciais nos EUA em 2016. Em entrevista à Sputnik, ex-analista da inteligência estadunidense contou por que é tão difícil mudar a opinião dos norte-americanos quanto a este assunto.

De acordo com o artigo de McGovern, publicado no portal  Consortiumnews.com  a inteligência interna dos EUA, FBI, durante 18 meses realizou uma campanha para denegrir o candidato à presidência, Donald Trump, apoiando a outra candidata, Hillary Clinton.  Como prova, o ex-agente da CIA cita a correspondência do agente do FBI, Peter Strzok, com sua colega e namorada, especialista em direito Lisa Page, em que, entre outras afirmações, Strzok diz poder usar sua influência para "proteger o país" de Trump.

Além disso, McGovern lembra que o FBI, apesar de seu poderio tecnológico, nunca apresentou provas confiáveis da intervenção de Moscou nas eleições norte-americanas.  Comentando seu artigo revelador, o ex-agente da CIA explicou à Sputnik Internacional por que os norte-americanos continuam acreditando na "intervenção russa".

A razão principal é que a cobertura geral atribui a culpa por tal intervenção nas eleições à Rússia, sendo o artigo revelador de McGovern o único que contradiz a ideia prevalecida.  "É muito difícil mudar a opinião e acreditar em algo muito diferente, mesmo que seja, como neste caso, baseado em prova documental", explicou.

A correspondência revelada pelo Departamento de Justiça mostra que os altos funcionários do FBI, inclusive o chefe da contrainteligência, queriam assegurar que Trump não vencesse as eleições ou, caso vencesse, que eles poderiam afirmar que foram os russos que o ajudaram a chegar ao poder, detalhou McGovern.

E essa visão prevalece agora na mídia norte-americana. Em outras palavras, o povo norte-americano não se dá conta do que está acontecendo na verdade, porque a mídia mostra uma perspectiva unilateral e imparcial das coisas, afirma.

https://br.sputniknews.com/americas/2018011610290405-fbi-intervencao-eleicoes-presidenciais-eua/

GABRIEL RL (Sementes das Estrelas)

ENTREVISTA CONCEDIDA À DISCLOSURE NEWS - ITALIA

... o Presidente Putin, aliado dos Pleiadianos, queria saber o paradeiro da Arca (da Aliança)  e estava a sua procura para mantê-la protegida, pois ele tinha recebido informações de pessoas espiritualizadas próximas, acerca da importância dela e dos riscos que corre, nas mãos da Cabala... ele foi informado pelos próprios Pleiadianos que a Arca já estava segura, com a Resistência...

A equipe da Página de Internet italiana “Disclosure News Italia”, (vide aqui, https://www.disclosurenews.it/ ), que é uma página com bastante afinidade com a proposta do Sementes das Estrelas, enviou-nos algumas perguntas interessantes. Gabriel RL respondeu-as de acordo com os três pilares - ética, moral e espiritual - que inspiram seu trabalho e com a orientação das Altas Esferas de Luz que o acompanham. Essa entrevista foi traduzida para duas línguas. Vide abaixo:

ENTREVISTA CONCEDIDA À DISCLOSURE NEWS - ITALIA - 10.01.2018 – GABRIEL RL

1. Temos informações de 4 (quatro) Merlins na História da Terra. Um foi Saint Germain como consta na declaração do Cobra. A mesma fonte diz que agora existe um que está encarnado na Itália. Você pode confirmar essas informações? Se puder. Esse Merlin vivo ainda não sabe qual é a sua missão. Você pode sugerir uma maneira para ele saber?

GRL: A informação que tenho é que houve 1 (um) Merlin, e esse é o mesmo Saint Germain. Agora, certamente, que existem muitos magos semelhantes a ele, Merlin, e com algumas características semelhantes. Agora acontece também que Saint Germain, quando Merlin, tinha vários discípulos e os formou na ética e amorosidade de sua magia, o que em um futuro eles seriam representantes da força de Merlin na Terra. Então, há alguns discípulos dele encarnados hoje carregando a mesma magia que ele carregava. Alguns estão conscientes disso, outros não. Entre os que posso citar, um é o que está na Irlanda, e permitirá que sua Magia seja vista quando sentir apropriado. Não por acaso, tem como mentor Saint Germain.

2. Estamos vendo diferentes opiniões sobre a tecnologia Keshe, qual é sua? Alguém disse que essa tecnologia reage em relação à consciência do usuário. Você já ouviu alguma coisa sobre isso?

GRL: Keshe é uma alma que está tentando introduzir uma tecnologia avançada. Ele mesmo sabe que não será muito fácil devido à pressão externa negativa daqueles que ainda querem manter o velho sistema. Sim, a tecnologia dele está em um nível realmente elevado e a consciência que interage com essa tecnologia, sem dúvida, precisará estar em uma frequência mais compatível.

Keshe está sendo assessorado por Pleiadianos e Arcturianos, e ainda que ele não esteja completamente consciente disso, a tecnologia que está lhe sendo dada para que ele a entregue à humanidade vem sendo construída em um "espaço quântico", o que a torna muito mais especial e acessível apenas para almas bem intencionadas. Sim, ele já, conscientemente, desenvolveu certos aparelhos que só funcionam quando a pessoa está em uma consciência elevada. 

3. Ouvimos falar sobre o Ouro Lily 125. Você tem alguma informação se isso é verdade ou não? Se souber, ele tem propriedades atemporais, ou seja, é capaz de alterar o tempo?

GRL: Não ouvi falar sobre isso ainda. Mas algo que sei que pode alterar o tempo é um Momentum. Momentum é um acúmulo de forças/energias que permite a manifestação de alguma coisa específica. Sendo assim, permite que o tempo seja alterado. Não sei se compreendi bem a sua pergunta, peço desculpas, se não.

Portanto, quando você ancora um Momentum, você tem uma força suficientemente grande para alterar também o tempo. Por exemplo, ir ao passado projetando sua consciência, e alterar alguma coisa lá. Eu mesmo já fiz isso e alterei algumas coisas o que, imediatamente, reverberaram positivamente "aqui". Recentemente, recebi também uma mensagem do Ashtar na qual ele fala sobre Momentum: https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/01/ashtar-os-programas-de-alma-do-cosmico.html

4. Alguém disse que a Arca da Aliança está em algum lugar abaixo das Filipinas e que o Arco Astral está no Monte Fitz Roy, na Patagônia. Suas fontes poderiam dizer se isso é verdade?

GRL: A Arca da Aliança, que é uma antiga replicadora, foi para as mãos da cabala por um tempo. (Se quiserem saber mais sobre replicadores, vejam no “buscador”, na lateral do meu blog digitando apenas "Replicadores"). Agora a cabala não tem mais a Arca. Ela estava escondida em um túnel subterrâneo e foi transportada para o Movimento de Resistência. Antes disso, o Presidente Putin, aliado dos Pleiadianos, queria saber o paradeiro da Arca e estava a sua procura para mantê-la protegida, pois ele tinha recebido informações de pessoas espiritualizadas próximas acerca da importância dela e dos riscos que corre, nas mãos da cabala. Mas ele foi informado pelos próprios Pleiadianos que a Arca já estava segura, com a Resistência.

Quanto ao Arco Astral, a única informação que recebi é que está seguro, com um mago interno. Acredito que seja na Terra Interna. Exatamente na região Monte Fitz Roy, na Patagônia. Lá há uma entrada para Terra Interna. A entrada é protegida por 3 (três) magos brancos. 

5. Alguém disse que se as Forças da Luz, tanto na Terra como nos Céus, não conseguirem a Libertação do Planeta em 10 anos, todo o assunto passará para as mãos da Federação Astral Interestelar, seres da 25ª Densidade. Isso ressoa com você? Qual é a sua visão?

GRL: Em poucas palavras: Vamos conseguir! Cabe a cada um de nós intencionar para que seja logo. A meu ver, todo apoio da Luz já está presente, neste momento. Não apenas seres da 25ª dimensão, mas também da 32ª dimensão. Portanto, é IMPOSSÍVEL que não consigamos. IMPOSSÍVEL! A linha de tempo onde não conseguimos não existe mais, assim como não existe mais uma linha para terceira guerra mundial, ainda que alguns humanos teimem em dizer que sim. Não! Não existe a possibilidade de não conseguirmos!

Muito grato pela oportunidade!

Meu Amor e Bênçãos a todos da equipe do Disclosure News! 

Gabriel RL - Sementes das Estrelas

Revisão de texto: Solange Yabushita 

https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/01/gabriel-rl-entrevista-concedida.html

O Furor da Vacina

Essa é para aqueles que não aguentam mais ouvir nos noticiários sobre a febre amarela (dos macacos) e nas vacinas (para os humanos)... mais uma “armação” para drenar dinheiro para as farmacêuticas... mais um crime contra a Humanidade!

Fenômeno "Furor da Vacina" pode explicar o Aumento Global de Raiva, Violência e Insanidade

Quase todos concordam que os níveis de raiva, violência e insanidade testemunhados em todo o nosso mundo são os mais altos que já vimos em nossas vidas.

Algo está fazendo as pessoas enlouquecerem, dos agitadores da Universidade da Califórnia, em Berkeley, que querem assassinar os oradores conservadores, à raiva generalizada, ao ódio e aos apelos à execução do Presidente Trump pelos esquerdistas insanos.

(Jomarion... a humanidade está sob controle via TV, celular e outras mídias... Pulsos Eletro Magneticos (PEM) se intensificaram e estão “insuportáveis”... é proposital... a cabala escura acuada e pressionada a se retirar do planeta intenciona destruir e matar, o que puder, antes de se retirar por completo. Ver ultimo boletim do Benjamin Fulford aqui: https://jomarion.webnode.com/news/bf-confronto-final/

O que poderia estar causando este aumento acentuado de raiva, violência e loucura que estamos testemunhando agora?  Uma coisa que sabemos com certeza é que os metais pesados causam danos cerebrais. A exposição ao chumbo, ao alumínio e ao mercúrio é conhecida por causar não apenas danos cerebrais, mas até mudanças comportamentais que tendem a um comportamento mais "animalista" nos seres humanos.

Mas, Isso não é debatido (nem divulgado ao grande publico). A literatura científica é cheia de dezenas de milhares de estudos sobre os metais pesados, e muitos desses estudos se concentram no declínio cognitivo e danos cerebrais. Pesquise science.naturalnews.com para qualquer metal pesado (ou leia HeavyMetals.news ) para ver milhares de estudos, ou pesquise no site PubMed.

Vetores de exposição a metais pesados ​​incluem alimentos, água e vacinas

Uma vez que percebemos que os metais pesados ​​causam danos cerebrais, é razoável tentar compreender os vetores de exposição a esses metais. Os alimentos, a água e as vacinas são todos os vetores primários da exposição a metais pesados, sendo as vacinas mais potenciadas porque são injetadas nos tecidos do corpo em vez de serem ingeridas oralmente pelo trato digestivo.

O CDC confirma que as vacinas são ainda deliberadamente formuladas com alumínio, mercúrio e outros ingredientes tóxicos. Quer provas? Você pode facilmente ver esta ficha informativa da página do CDC agora (CDC: Ingredients of Vaccines - Fact Sheet ), , a qual lista o alumínio, formaldeído, mercúrio, GMS, antibióticos e outros ingredientes tóxicos sendo formulados em vacinas. O CDC ainda insiste: "Para descobrir quais os aditivos químicos presentes em vacinas específicas, solicite ao seu médico ou farmacêutico para uma cópia da bula da vacina, a qual lista todos os ingredientes presentes na vacina e discute quaisquer reações adversas conhecidas".

Em outras palavras, não há dúvida de que as vacinas contêm metais pesados.

Também não há dúvida de que esses metais pesados ​​são neurotóxicos. Isto é irrefutavelmente estabelecido na literatura médica. Qualquer um que discuta contra isso está mentindo ou é cientificamente analfabeto.

O único debate real é: Esses metais pesados ​​prejudiciais ao cérebro podem estar causando danos cerebrais suficientes para levar à violência generalizada, insanidade e irracionalidade?

Essa é a teoria de trabalho de "Ira causada pela vacina". No momento, isso é apenas uma teoria. Não temos evidências científicas suficientes para provar essa teoria, mas merece muito mais estudo porque está enraizada em uma avaliação racional dos efeitos prejudiciais sobre o cérebro causados ​​por elementos tóxicos (alumínio e mercúrio).

Você não acha fascinante que a sociedade tenha se alarmado com o chumbo presente na água em Flint, Michigan, enquanto permanece completamente alheia ao mercúrio nas vacinas dadas a crianças em todos os lugares?

UM EXEMPLO DE BULA DE VACINA

De acordo com o site da Sanofi Pasteur, a vacina influenza trivalente (fragmentada e inativada) com as Cepas 2017 - Hemisfério Sul - é composta por:

Cepas de Myxovirus influenzae, propagadas em ovos embrionados de galinha, contendo antígenos equivalentes à:
A/Michigan/45/2015 (H1N1)pdm09 - cepa análoga
(A/Michigan/45/2015, NYMC X-275)
A/Hong Kong/4801/2014 (H3N2) - cepa análoga (A/Hong
Kong/4801/2014, NYMC X-263B)
B/Brisbane/60/2008 – cepa análoga (B/Brisbane/60/2008, tipo
selvagem)
Timerosal (conservante)
Solução Tampão
Os componentes da solução tampão PBS a pH = 7,2 são: cloreto de sódio, cloreto de potássio, fosfato de sódio dibásico, fosfato de potássio monobásico e água para injeção.
Resíduos de Fabricação: Formaldeído, Triton-X-100 (octoxinol-9), Neomicina, Ovalbumina.
Segundo recomendação da OMS para a temporada de 2017 do hemisfério sul, cada dose de 0,25mL da vacina contém:
Cepas de Myxovirus influenzae, propagadas em ovos embrionados de galinha, contendo antígenos
equivalentes à:
A/Michigan/45/2015 (H1N1)pdm09 - cepa análoga
(A/Michigan/45/2015, NYMC X-275)
A/Hong Kong/4801/2014 (H3N2) - cepa análoga (A/Hong
Kong/4801/2014, NYMC X-263B)
B/Brisbane/60/2008 – cepa análoga (B/Brisbane/60/2008, tipo
selvagem)
Timerosal (conservante)
Solução Tampão
Os componentes da solução tampão PBS a pH = 7,2 são: cloreto de sódio, cloreto de potássio, fosfato de sódio dibásico, fosfato de potássio monobásico e água para injeção.
Resíduos de Fabricação: Formaldeído, Triton-X-100 (octoxinol-9), Neomicina, Ovalbumina.

Como já relatamos anteriormente, , o timerosal era o conservante presente em vacinas para alergia antes de 2000, e ainda é usado em vacinas contra a gripe... apesar de ter sido proibido em outras vacinas em 2000... ainda é usado em vacinas em países do terceiro mundo.

Qual é a maneira mais fácil de levar um corpo de criança a entrar em choque anafilático e criar alergias alimentares graves para o resto de sua vida?

Injete proteínas intactas de amendoim, ovos e produtos lácteos (caseína) diretamente no tecido muscular do lactente 36 vezes antes da idade de 18 meses.  Quando o alimento normal torna-se extremamente tóxico para as crianças, os pais devem rever a forma como esses ingredientes específicos foram introduzidos nos corpos de seus filhos, e quais outros “vestígios” de perigosos cancerígenos, antibióticos, adjuvantes, emulsionantes, conservantes, aditivos, agentes de cerveja, transportadores e “estimulantes da resposta imune” estão sendo injetados no corpo repetidamente sem nenhuma razão lógica.

As vacinas nunca foram comprovadamente seguras ou eficazes; apenas estudos feitos pelos próprios fabricantes, os quais foram posteriormente comprovados fraudulentos, alterados e distorcidos, que são publicados, a fim de enganar o público dizem isso.

Você realmente sabe o que está presente na maioria das vacinas? Você já leu os ingredientes, advertências, reações e os efeitos colaterais documentados sobre uma vacina inserida? Aqui está um resumo dos ingredientes mais perigosos das vacinas para sua comodidade:

1. Cloreto de sódio:  Aumenta a pressão arterial e inibe a contração muscular e o crescimento.

2. Proteína do ovo: As vacinas são preparadas com ovos (certamente não orgânicos). Podem conter hormônios de crescimento, antibióticos e a bactéria salmonela.

3. Timerosal: Um mercúrio neurotóxico que causa o autismo: Há 25 mcg em uma vacina média contra a gripe, e o limite de segurança da EPA é de 5 microgramas, mas as crianças que são vacinadas simultaneamente com vacinas múltiplas recebem mais de 10 vezes o limite de segurança de mercúrio em um dia.

4. Formaldeído: Fluído altamente cancerígeno usado para embalsamar cadáveres. Classificado como um dos compostos mais perigosos para a saúde humana; pode causar danos ao fígado, problemas gastrointestinais, deformação reprodutiva, dificuldade respiratória e câncer.

5 - Neomicina: Este antibiótico é utilizado para evitar que os germes cresçam em culturas da vacina. A neomicina provoca reações alérgicas em algumas pessoas. Ela também pode ser encontrada na SRC e as vacinas contra a pólio (IPV).

Enquanto a grande mídia – em grande parte financiada por corporações farmacêuticas – continua ridiculamente afirmando que qualquer ligação entre o autismo e as vacinas é uma “teoria da conspiração“, a ligação, na verdade, acaba por ser evidência baseada em fatos.

Vacinas contra a gripe dadas às crianças contém mais de 50.000 ppb de mercúrio

Conforme você lê tudo isso, lembre-se que eu, pessoalmente adquiri e testei as vacinas contra a gripe para o mercúrio em meu laboratório – agora chamado CWC Labs – via instrumentação ICP-MS.  Esses testes revelaram que as vacinas contra a gripe contêm mais de 50.000 ppb de mercúrio – mais de 25.000 vezes o limite de mercúrio presente na água potável da EPA.

Qualquer pessoa que acredita que injetar crianças com mercúrio não tem consequências biológicas ou está delirando ou é cientificamente analfabeto. O mercúrio é um dos elementos mais tóxicos conhecidos pela ciência moderna, e ele provoca danos neurológicos em todas suas formas (acetato de metilo, orgânico, inorgânico e elementar).

O Timerosal ( explicado pelo site Health Advice):

O timerosal derivado do Metilmercúrio presente em vacinas está agora bem estabelecido que é uma toxina mitocondrial em células cerebrais humanas.  Existem dezenas de pesquisas científicas e estudos sobre os efeitos adversos do timerosal, incluindo anormalidades gastrointestinais e irregularidades do sistema imunológico.

O timerosal é metabolizado (convertido) no tóxico e “prejudicial” metilmercúrio. E, por sua vez, o prejudicial metilmercúrio é metabolizado (convertido) em um mercúrio mais prejudicial, tóxico a longo prazo e “inorgânico”, que é retido pelo tecido corporal.

O mercúrio “inorgânico” é o produto final do metabolismo do mercúrio. Os grupos sujeitos ao metilmercúrio confirmam que a via metabólica para o mercúrio no corpo humano e animal consiste na redução/conversão do metilmercúrio prejudicial em um mercúrio mais prejudicial e “inorgânico”, o qual é preso ao tecido, e tóxico a longo prazo. Assim, tanto a substância de origem (metilmercúrio) e sua conversão/redução em mercúrio inorgânicos são encontrados.

Com base nos resultados publicados pelo Dr. Paul King, a via metabólica para o mercúrio orgânico envolve a conversão de Etilmercúrio (Timerosal) em “metilmercúrio” e, em seguida a redução adicional de “metilmercúrio” em mercúrio inorgânico.

Objetivamente falando, o CDC (a Anvisa dos EUA) é um malicioso grupo de frente, que executa anti-ciência charlatã para a indústria das vacinas. Como parte da sua atividade criminosa, ele há muito tempo insistiu que o conservante timerosal (que contém 50% de mercúrio) presente nas vacinas não está ligado ao autismo. Mas documentos secretos de outrora, que foram forçados agora a serem revelados pelo CDC, provam que a agência sabia que o timerosal causa autismo, mas deliberadamente escondeu a evidência do público exatamente da mesma forma como a EPA escondeu a verdade sobre envenenamento por chumbo no abastecimento público de água em Flint, Michigan.

Os sintomas relacionados com a intoxicação cerebral por mercúrio incluem: o desenvolvimento tardio de andar e falar para as crianças, falta de memória e atenção, redução na linguagem e motricidade fina e habilidades espaciais visuais. Isso é muitas vezes identificado como demência, autismo, TDAH, Parkinson, depressão, enxaquecas, e mais.

Composição da Vacina para a febre amarela

De acordo com o site Vacinas.org  a composição da vacina contra a febre amarela é composta por: 

Vírus vivos atenuados, derivados da linhagem 17D, cultivados em ovos embrionados de galinha além da linhagem vacinal atenuada, sacarose e glutamato como estabilizadores. (no Brasil, utiliza-se a vacina produzida na Fundação Oswaldo Cruz – Bio Manguinhos).... mais... Liofilizados: aminoácidos essenciais, incluindo fenilalanina, aminoácidos não essenciais, cloridrato de arginina, sacarose, trealose di-hidratada, sorbitol, trometamol e ureia

Glutamato: o glutamato é utilizado para estabilizar algumas vacinas contra o calor, luz, e de outras condições ambientais. Ele é conhecido por causar reações adversas e é encontrado na vacina contra a catapora. 

Vacinas Contra Hepatite B - Composição e apresentação

Há dois tipos de vacina contra hepatite B: a de primeira geração contém partículas virais obtidas do plasma de doadores do vírus, inativadas pelo formol; a de segunda geração é preparada por método de engenharia genética e obtida por tecnologia de recombinação do DNA (ácido desoxirribonucleico).

As duas vacinas utilizam hidróxido de alumínio como adjuvante e o timerosal como conservante. O PNI recomenda atualmente apenas o uso da vacina recombinante, isto é, a obtida por engenharia genética.

As vacinas recombinantes licenciadas atualmente são produzidas a partir de leveduras (levedura de padeiro), nas quais se introduziu um plasmídio contendo o gene AgHBs. Contêm cinco a 40mg/ml de antígeno (AgHBs), adsorvidos em hidróxido de alumínio, utilizando-se o timerosal como conservante. 

Vacina Contra Difteria, Tétano e coqueluche (DTP)

Composição e apresentação:

A vacina tríplice DTP contém toxoide diftérico, toxoide tetânico e Bordetella pertussis inativada em suspensão, tendo como adjuvante hidróxido ou fosfato de alumínio, sendo apresentada sob a forma líquida em ampola ou frascoampola com dose única, ou frasco-ampola com múltiplas doses.

Vacina Contra difteria e tétano (dT)

Composição e apresentação

A vacina dupla contém toxoide diftérico e toxoide tetânico, tendo como adjuvante hidróxido ou fosfato de alumínio. É apresentada sob a forma líquida em ampola com dose única ou em frasco-ampola com múltiplas doses. Há dois tipos de vacina dupla: vacina dupla do tipo infantil (DT) e vacina dupla do tipo adulto (dT).  A vacina dupla do tipo infantil (DT) contém a mesma concentração de toxoide diftérico e de toxoide tetânico presente na vacina tríplice (DTP), enquanto a dupla do tipo adulto (dT) contém menor quantidade de toxoide diftérico.

Vacina Contra o tétano (TT)

Composição e apresentação

A vacina contra tétano é constituída pelo toxóide tetânico (TT), tendo como adjuvante hidróxido ou fosfato de alumínio e sendo apresentada sob a forma líquida em ampola com dose única ou em frasco-ampola com múltiplas doses.

Em 2017 e agora em 2018 quando as vacinas contra a gripe, febre amarela e dengue foram amplamente divulgadas pelo governo e pela mídia, é onde vemos uma agenda sendo forçada sobre a população.

Fontes:

Natural News: “VACCINE RAGE” phenomenon may explain global increase in anger, violence and insanity

Natural News: What's really in vaccines? Proof of MSG, formaldehyde, aluminum and mercur

CDC: Ingredients of Vaccines - Fact Sheet

Notícias Naturais: Evidência Esmagadora: Como as Vacinas Causam Hipersensibilidade do Sistema Imunológico e Causam Alergias Extremas, Autismo e Morte

Health Advice: CDC forced to release documents showing they Knew Vaccine Preservative Causes Autism

Fonte deste:  https://www.anovaordemmundial.com/2017/05/o-fenomeno-furor-da-vacina-pode-explicar-o-aumento-global-de-raiva-violencia-e-insanidade.html

 

O Confronto Final se Aproxima

"A GUERRA FINANCEIRA PODE SE INTENSIFICAR PARA MACIÇOS ATAQUES DE PEM, NA MEDIDA EM QUE O CONFRONTO FINAL SE APROXIMA"

Benjamin Fulford – 08.01.2018

Várias fontes concordam que a guerra em andamento pelo controle do sistema financeiro e, portanto, do futuro do planeta, está chegando a um crescente perigoso.

Mais importante ainda é que os militares dos EUA, na semana passada, distraíram a atenção mundial com uma falsa disputa entre o presidente dos EUA, Donald Trump e seu conselheiro, Steve Bannon, ao usar o SpaceX  para lançar seu satélite secreto Zuma, disseram fontes do Pentágono. 
https://www.chicagotribune.com/news/nationworld/science/ct-spacex-secret-satellite-20180107-story.html
Este satélite, capaz de gerar Pulsos Eletromagnéticos (PEM)... (Jomarion lembra que o PEM afeta o cérebro coletivo da Humanidade deixando as pessoas instáveis, agressivas e surtadas!)...  foi lançado na medida em que se aproxima o prazo de pagamento da divida do governo dos EUA (31 de Janeiro) e será usado com foco contra a Coréia do Norte, dizem as fontes.

A Coréia do Norte é um alvo perfeito para um ataque PEM, este é claramente uma ameaça velada aos “controladores suíços” donos do satélite construído na China.
Observem que o governo oculto o cidental se utiliza dos movimentos de corpos celestes para cronometrar eventos geopolíticos importantes, em 31 de Janeiro acontecerá a primeira combinação de uma super lua azul com um eclipse lunar em 150 anos.

Deixando eventos celestiais de lado, o sistema de petrodólares dos EUA, no momento, está em perigo mortal, uma vez que os principais exportadores de petróleo (Rússia, Venezuela e Irã) estão vendendo petróleo sem usar o sistema dólar. As tentativas da agência dos EUA de mudança de regime no Irã e na Venezuela falharam até agora (Jomarion... acrecente-se aqui perseguição constante e ridícula à Rússia).

Outros grandes exportadores de energia, como o Catar e a Indonésia também estão pensando ignorar o petrodólar. Além disso, a Rússia acabou de duplicar sua capacidade de exportação de petróleo para a China em 01 de Janeiro, com um novo oleoduto.
O Paquistão também causou um sério golpe no antigo sistema, anunciando que usará o yuan chinês para seu comércio, enquanto expulsa 1,4 milhões de afegãos além de convidar a China para construir uma base militar em seu território.

Isso significa que a renda da heroína do Afeganistão pode estar ameaçada (o petrodólar é descrito como o petro/narco/dólar), sendo um grande golpe para o antigo sistema.
Com esse cenário, a China está considerando 18 de Janeiro, como a data de início das negociações de futuros do petróleo em yuan e ouro chineses.

É por esse motivo que as fontes do Pentágono estão falando sobre um ataque de pulso eletromagnético, enquanto fontes da CIA estão dizendo, como relatado na semana passada, que uma porta traseira (backdoor), será usada para "tirar o sistema financeiro do ar".

Neste contexto, também vale a pena notar que esta semana, um petroleiro iraniano se incendiou na costa de Xangai. Muito provavelmente, esta seria uma advertência velada para os chineses, por parte do complexo militar e industrial dos EUA, para que saibam que ainda podem cortar grande parte da energia da China.

Em outras palavras, estão dizendo aos chineses que recuem da substituição unilateral do antigo sistema financeiro, até que se chegue a um acordo final sobre o novo.
Enquanto isso, nos EUA, as principais fileiras da máfia khazariana, adoradora de satanás, foram dizimadas.

Os “chapéus brancos” estão aprisionando os principais pedófilos europeus e mafiosos khazarianos e levando-os para a base militar dos EUA, na Ilha de Diego Garcia, dizem fontes do Pentágono.
Julian Assange, agora, se encontra sob custódia militar dos EUA e já forneceu informações processáveis para os  chapéus brancos, militares e agências dos EUA.

Por exemplo, agora, estão usando Navy Seals para rastrear, "pelo menos, sete navios transportadores de contêineres, para parar com o tráfico de pessoas", dizem fontes do Pentágono.
Na campanha contra a escravidão de humanos (perpetrada por khazarianos) o segundo episódio da minissérie da BBC, "McMafia", mostrou que mulheres russas e da Europa Oriental foram traficadas para Israel através do Egito.  

Imediatamente após a transmissão do programa, o Egito prendeu 75 pessoas envolvidas no tráfico de seres humanos. Além disso, na semana passada, o mentor criminoso israelense, Moshe Harel, foi preso por administrar uma rede mundial de tráfico de órgãos humanos.
https://www.arabnews.com/node/1220266/world
Também acontece um grande ataque contra os fundos de hedge khazarianos e seus operadores, observam fontes do Pentágono.

Essas fontes observam que 10 khazarianos, inclusive o executivo dos Fundos de Hedge Bridgewater Associates, Bruce Stainberg, foram “mortos num acidente de avião, na Costa Rica”.

O ex-chefe do FBI, James “Comey”, costumava trabalhar para a Bridgewater, todavia, essa pode ser uma mensagem para os banqueiros obscuros e seus investidores, acrescentam.
“Os ataques aos fundos de hedge e ao dinheiro sujo israelense continuam, enquanto que o velho Och Ziff e o executivo Michael Cohen (acusado de fraude na África) estão ligados ao sancionado bilionário israelense, Dan Gertler”, continuam as fontes.
Enquanto isso, nos EUA, o Presidente Donald Trump dissolveu a comissão de fraude eleitoral, depois que seu trabalho resultou em mais de 10.000 acusações seladas que, agora, estão sendo autuadas, dizem elas.
O “Uranium One” de Hillary Clinton, a Fundação Clinton e os escândalos dos e-mails, estão sendo relatados na maioria dos principais meios corporativos de comunicações, agora, que uma investigação oficial foi formalmente anunciada pelo FBI e pelo Departamento de Justiça.

“Depois de queimar arquivos e computadores em sua casa de Nova York, Hillary pode ser enforcada por traição”, dizem fontes do Pentágono.
Na verdade, Hillary e muitos outros possivelmente serão acusados de “assassinato em massa” e não apenas por traição.

Se essa investigação for real, irá levar às armas nucleares submarinas, utilizadas na costa do Haiti, para desencadear um terremoto e um tsunami naquele país.

Isso, por sua vez, finalmente chamará a atenção popular para o ataque nuclear, assassinato em massa e tsunami de Fukushima, contra o Japão e que, inevitavelmente, levará ao expurgo, há muito aguardado, de políticos escravos e seus mestres fantoches khazarianos.
Como já relatamos há muito tempo,
o ataque de Fukushima, no Japão, foi parte de um plano dos Rothschilds e seus mestres suíços sujos e ocultos, para mudar seu quartel general asiático de Tóquio para a Coréia do Norte.

Logo a seguir, o primeiro-ministro Naoto Kan afirmou publicamente que foi obrigado a evacuar 40 milhões de pessoas de Tóquio para a Península da Coréia na seqüência desse "desastre".
Num sinal de quão profunda é a toca de coelho, um livro japonês, recentemente publicado, afirma que o imperador japonês Hirohito, era de fato, um Marechal de Campo no Exército Britânico, durante a Segunda Guerra Mundial.

Membros da família Rothschild, no passado, afirmaram que o papel japonês na Segunda Guerra Mundial, foi roubar ouro da Ásia, a fim de garantir o contínuo controle khazariano do sistema financeiro mundial.
Entretanto, uma fonte que afirma representar "o lado benevolente da família Rothschild", enviou um diagrama com a instrução "siga o coelho branco"... neste diagrama eles afirmam que o Vaticano e o Catolicismo são a chave para o entendimento de tudo.
De qualquer forma, um líder asiático, que está profundamente ligado com a máfia khazariana, o primeiro-ministro da Malásia, Najib Razak, está se preparando para fugir, segundo as fontes da CIA e do MI6 na Ásia.

https://www.bloomberg.com/news/articles/2018-01-07/malaysian-opposition-picks-92-year-old-mahathir-to-fight-najib "
A última frase é a linha do golpe: 
Najib ainda não comentou publicamente a nomeação de Mahathir...  O primeiro-ministro está programado para visitar a Arábia Saudita esta semana.
Meu contato do MI-6 na Malásia, disse que Najib está tentando obter asilo na Arábia Saudita e que  pode não voltar para a Malásia.

O foco está sobre ele, pois desviou mais de US $ 5 bilhões da Malásia e todos os que conhecem estão cientes disso.
Lembro que Najib está envolvido num escândalo de fundos desaparecidos, envolvendo a Arábia Saudita e o Goldman Sachs.

Também é uma pessoa-chave de interesse nos voos desaparecidos da Malaysian Air Flights, 370 e 17.
É improvável que Najib encontre algum abrigo na Arábia Saudita, uma vez que  o regime não está mais sob o controle de seus antigos parceiros criminosos, que foram expurgados.

Os militares dos EUA, agora, controlam, de fato, a Arábia Saudita.
Também poderia tentar buscar abrigo na Ucrânia, mas é improvável que o governo criminoso e khazariano de lá, seja viável por muito mais tempo.

Isso porque a maioria dos países da Europa Oriental, que ajudaram a provocar a Rússia, está se afastando do projeto fascista da Ucrânia.

Isto pode ser visto na rejeição, por parte de 16 países da Europa Oriental, do plano para importação de milhões de jovens muçulmanos solteiros.

Também pode ser visto no fato de se voltarem para o Oriente, no projeto de infraestrutura de uma estrada, um cinturão Eurasiano.
Na Alemanha (antigo bastião do projeto da EU) os nacionalistas estão aumentando e, novamente, exigindo independência, após 70 anos de governo de ocupação.

Angela Merkel, a pessoa mais graduada na linhagem khazariana no poder no Ocidente, foi informada para renunciar pelos anti linhagem Illuminati Gnósticos.

Lembrem-se de que o regime que Merkel representa, tem gerido tão mal a Alemanha que a taxa de natalidade alemã despencou e a sobrevivência de longo prazo do povo alemão em si, está em perigo.
Agora que as interpelações de altos khazarianos europeus começaram, ela não poderá mais se apegar ao poder por muito mais tempo.

Muitas pessoas já desapareceram da sede da UE em Bruxelas.

Pessoas também estão sumindo do radar na Itália e na Suíça.
No Ocidente, uma revolução está se desdobrando diante de nossos olhos... Vamos ver quanto tempo irá demorar, antes da loja P2 e do Papa Francisco negociarem a rendição.

Autor: Benjamin Fulford 

Revisão de Texto: Jomarion  

Fonte: https://www.sementesdasestrelas.com.br/2018/01/benjamin-fulford-guerra-financeira-pode.html

 

 

Brasil à Venda

Jomarion indica esta leitura e pede que divulguem...  é necessário entender o que foi o golpe de 2016 e o que está acontecendo no Brasil neste momento, governado à revelia por um presidente ilegítimo e golpista. Acordar é urgente... e preciso!

A destruição das empresas estatais

 

(Carta Capital)

Se o governo, em qualquer dos seus níveis, resolver desapropriar uma propriedade particular para realizar um empreendimento público qualquer, como uma estrada ou uma obra viária, o cidadão que sofre a desapropriação tem uma série de direitos e garantias.

No Estado de Direito, o ordenamento jurídico tutela o proprietário privado no seu enfrentamento contra o poder público com garantias que devem ser cumpridas em um processo de desapropriação. A própria indenização é uma dessas garantias, expressa desde as primeiras declarações de direitos das revoluções liberais.

Não há, no entanto, nenhuma garantia ou proteção jurídica aos cidadãos quando o governo decide transferir ao setor privado determinados bens da coletividade, como uma empresa estatal, a prestação de um serviço público ou a exploração de um bem público. Ao contrário. A privatização é considerada uma opção absolutamente livre e legítima para ser adotada, sem qualquer tipo de contestação.

A expropriação dos bens privados, por sua vez, é quase um tabu. A mídia exalta os privatizadores e condena aqueles que ousam estatizar, nacionalizar ou recuperar bens públicos transferidos inadequadamente aos privados. Para aqueles, o paraíso da boa governança e o aplauso do “mercado”. Para estes, o inferno do populismo (ou bolivarianismo, a depender do caso) e da reprovação unânime dos meios de comunicação de massa.

O que ninguém diz é que, ao privatizar uma empresa estatal ou qualquer parcela do patrimônio público, o governo expropria a população de bens públicos que são de sua titularidade. Simples assim. Na privatização, o governo age do mesmo modo que na expropriação. Da mesma forma que desapropria uma propriedade privada, na privatização o governo aliena a propriedade pública. O problema é que o proprietário privado pode contestar e tem garantias, o povo não.

Todo processo de privatização é uma expropriação de bens que deveriam integrar permanentemente o patrimônio público, decidida por uma autoridade política que exerce o poder temporariamente (e, no Brasil pós-golpe de 2016, ilegitimamente). No processo de privatização, o governo não vende o que é dele. Na privatização, o governo vende o que pertence a todos nós. E sem nos consultar a respeito.

Podemos ilustrar a situação com o exemplo citado pelo jurista italiano Ugo Mattei: autorizar que um governo venda livremente os bens de todos para fazer frente às suas necessidades contingentes e conjunturais de política econômica é tão irresponsável quanto consentir, no plano familiar, que o porteiro venda os bens de maior valor da casa, como a prataria, o carro ou os eletrodomésticos, para suprir suas necessidades particulares, como viajar nas férias ou pagar uma dívida particular.

O governo é um administrador fiduciário, ou seja, atua apenas sob mandato. Não pode dispor dos bens públicos ao seu bel-prazer. Ele (governo) não é proprietário das empresas estatais, mas apenas seu gestor.
Os bens públicos não são facilmente recuperáveis.
Os investimentos de imensas quantias, aplicadas de forma planejada no longo prazo, o sacrifício de milhões de brasileiros não pode ser dissipado para cobrir um déficit conjuntural nas contas públicas.

O Brasil necessita de uma infraestrutura complexa, capaz de articular as várias regiões do País. A prestação dos serviços públicos de energia e comunicações precisa ser acompanhada de preços básicos relativamente uniformes e instalações interligadas, para que não se excluam regiões e setores inteiros da possibilidade de participar do mercado interno e do mercado internacional.

Possuímos empresas estatais globais de grande tamanho, com capacidade técnica, financeira e organizacional para operar tanto no País quanto no exterior, dotadas de um sistema de planejamento estratégico e que se responsabilizaram por grande parte da nossa infraestrutura e do desenvolvimento tecnológico.

Em vez de dotar essas empresas de maior capacidade operacional e reforçar o controle público e a transparência sobre seus recursos, o atual governo golpista, seguindo os passos dados durante a privataria tucana de Fernando Henrique Cardoso, optou por desmontá-las, cortar seus investimentos e desestruturar suas finanças, a fim de justificar a sua privatização.

A venda dessas empresas estatais significa a desestruturação do sistema energético integrado, fundamental para a manutenção de um mercado interno de dimensões continentais e uma inserção internacional competitiva, não subordinada. A fragmentação das empresas estatais substitui, na maior parte dos casos, o monopólio estatal pelo monopólio ou oligopólio privados, além de romper com o planejamento estratégico e integrado da rede de serviços básicos e com um sistema interligado de tarifas cruzadas.

Um exemplo é o da venda de ativos da Petrobras, que não contribui para reduzir o nível de endividamento da estatal. Ao contrário, na medida em que vende ativos ela reduz sua capacidade de pagamento da dívida no médio prazo e desestrutura sua cadeia produtiva, em prejuízo à geração futura de caixa, além de assumir riscos empresariais desnecessários.

O atual plano de negócios da Petrobras tem viés de curtíssimo prazo e ignora a essência de uma empresa integrada de energia que usa a verticalização em cadeia para equilibrar suas receitas, compensando a inevitável variação do preço do petróleo, de seus derivados e da energia elétrica, característica essencial para minimizar os riscos empresariais. Na medida em que a estatal é fatiada, o agente privado tende a buscar o lucro máximo por negócio, majorando os custos ao consumidor, o que restringe o crescimento do mercado interno.

A Casa da Moeda também não escapará do programa de privatização

É aterrador o que ocorre com a infraestrutura de gasodutos. Atividade tipicamente monopolista, as redes incorporam um enorme investimento histórico da Petrobras, estando integradas à empresa pela própria natureza do serviço que prestam. Não obstante, o Conselho de Administração da empresa aprovou a venda de 90% da sua maior e mais lucrativa malha, a Nova Transportadora do Sudeste (NTS), responsável pelo escoamento de 70% do gás natural do País, que será entregue a um grupo de investidores estrangeiros liderados por uma empresa canadense.

Vamos deixar de lado o fato de ter sido uma venda juridicamente nula, dada a ausência de licitação pública, como determinam o Plano Nacional de Desestatização e o artigo 29 da Lei nº 13.303, de 30 de junho de 2016, que não incluem a venda de ativos de uma estatal como caso de dispensa de licitação pública. O transporte do gás natural será monopolizado por uma multinacional.

Não só a Petrobras, como qualquer outra empresa que produzir petróleo no País, será obrigada a pagar o preço que o grupo estrangeiro exigir, pois não existem outros gasodutos na região. Isso ganha contornos ainda mais graves, se levarmos em conta o crescimento da produção de gás natural, com a exploração do pré-sal, cujas principais jazidas estão justamente no Sudeste.

O desmonte do setor elétrico brasileiro, com a anunciada privatização da Eletrobras, compromete também de forma definitiva nossa soberania energética, componente essencial da soberania econômica nacional. O Estado deve tomar decisões autônomas sobre a produção e destino dos seus recursos energéticos, planejando o seu desenvolvimento e evitando a dependência tecnológica e de fatores externos para a produção de energia.

Desse modo, o controle estatal sobre as fontes de energia consiste em um eixo central de um projeto democrático, no qual a política macroeconômica esteja a serviço dos interesses nacionais.

O povo brasileiro deve deixar claro àqueles grupos econômicos, especialmente estrangeiros, que desejam adquirir o patrimônio nacional a preço vil, bem cientes da ilegitimidade absoluta do governo Temer, que terão de devolver o que compraram sem qualquer direito a indenização assim que um governo legítimo, eleito diretamente pelo povo, e garantidor dos verdadeiros interesses nacionais, assumir o poder e restaurar a democracia entre nós.

Empresas e investidores, nacionais ou estrangeiros, que adquiriram, depois do golpe de 2016, recursos do povo brasileiro estão cometendo um crime. Os preços pagos são incompatíveis com o mercado e a situação institucional e política não é exatamente daquelas que inspiram confiança ou segurança.

O que ocorre com os ativos da Petrobras e outros bens estatais estratégicos (fala-se, além da Eletrobras, na privatização dos Correios, da Casa da Moeda, de satélites etc.) deve ser equiparado ao crime de receptação. Um bem público foi subtraído do patrimônio público de forma ilegal, muitas vezes até sem licitação, e vendido a preço vil.

A empresa compradora obviamente sabe o que está adquirindo e a que preço. Não há nenhum terceiro de boa-fé envolvido nesse tipo de negócio. A saída democrática para o impasse do desmonte das empresas estatais brasileiras é uma só: quanto privatizarem, tanto reestatizaremos.

Autor: Gilberto Bercovici - Professor titular de Direito Econômico e Economia Política da Faculdade de Direito da USP

https://www.cartacapital.com.br/revista/984/a-destruicao-das-empresas-estatais

Rússia educa seus cidadãos contra o corrupto Sistema Financeiro Ocidental

A TV russa expõe a Elite da NWO - Nova Ordem Mundial – e os Rothschilds, visando educar os seus cidadãos

**Jomarion lembra que os Rothschilds financiaram a Revolução Russa de 1917 (eles se gabavam de ter feito a Revolução Russa comprando e treinando menos de 30 russos) ... também assassinaram a Familia Imperial Romanov em 1918... Rothschild (pai) declarou na Europa ( final do século 18) que odiava a Russia e mataria um a um os membros da familia do Czar Alexandre... o ódio se dava por conta do Czar não ceder as investidas desta nobreza negra em seu país e não autorizar que os “bancos” dessa elite se instalassem na Rússia...**

O governo russo de Putin procura advertir seu povo da ameaça do globalismo da elite que quer derrubar o governo russo para controlar o país, roubar seus imensos recursos naturais e da manipulação do ocidente (EUA-Europa) para criar uma NWO-Nova Ordem Mundial

A TV russa expõe a Elite da NWO-Nova Ordem Mundial-Rothschilds visando educar os seus cidadãos a respeito da nova ordem mundial

“Eis o que eu farei aos da sinagoga de Satanás, aos que se dizem judeus (Rothschild), e não o são (são Khazares), mas mentem: eis que eu farei que venham, e adorem prostrados a teus pés, e saibam que eu te amo. Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra. Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa” (Apocalipse 3:8-11).

As redes de TV russas estão educando sua audiência, as pessoas de seu país sobre os Rothschild e a ameaça de seu excessivo poder global, principalmente na área de serviços financeiros internacional.  O presidente russo, Vladimir Putin, está “preparando” o seu povo para enfrentar a elite que visa implantar uma NWO-Nova Ordem Mundial enquanto o país se prepara para se separar do sistema bancário global controlado pela Cabala, Illuminati, Elite das trevas em um sistema controlado pelos Rothschild. 

Esses programas da TV russa visam educar os cidadãos sobre a história do FMI e do sistema de “bancos centrais” controlados pelos Rothschild e por que o globalismo é uma ameaça para a nação russa, devido ao seu tamanho e recursos naturais, sempre muito visada pela NWO.

Essa atitude é um forte contraste com o Ocidente, onde os principais meios de comunicação controlados pelos representantes da elite estão constantemente espalhando propaganda enganosa pelas gargantas abaixo do público. Não é de admirar que a elite ocidental dominante esteja tão interessada em demonizar a Rússia.

O site “Zero Hedge” informa : Putin está preparando seu povo para se divorciar completamente do sistema bancário internacional e começará seu próprio sistema financeiro, com uma plataforma nacionalista, com a circulação de uma moeda apoiada por milhares de toneladas de ouro e alianças crescentes com a Europa, a China e as nações do BRICS, do Oriente Médio e vários países emergentes.

Uma grande tentativa de trazer a Rússia sob o calcanhar dos elitistas da NWO-Nova Ordem Mundial pode resultar no maior cisma que o sistema de finanças global já viu. Então o que virá à seguir? Segundo um insider dentro da Rússia, o país já desenvolveu e implementou com sucesso uma rota financeira alternativa, caso seja excluído dos sistemas bancários internacionais, de acordo com um relatório recente.

 

No que diz respeito às sanções ocidentais impostas à Rússia, de longe a maior vulnerabilidade do país esta no seu setor bancário, que para o pior está vinculado com a banca internacional. Se a Rússia deseja manter o status quo, não há muito o que pode ser feito sobre essa dependência. Mas, pouco depois das sanções terem sido anunciadas em 2014, Moscou preparou-se para o pior cenário: ser cortado do sistema Worldwide Interbank Financial Telecommunication (SWIFT).

Em termos leigos, o sistema SWIFT permite transferências financeiras internacionais rápidas e (supostamente) seguras. Em cinquenta anos, quando você pode usar seu cartão de débito do “Bank of America” na Lua (por uma taxa baixa de 2.000 rublos da lua), será por causa do SWIFT ou de um sistema similar a ele. Existem duas questões em torno do SWIFT e o  “corte” para a Rússia:

1. É provável que aconteça?

2. A Rússia está preparada para isso?… 

Vídeo divulgado na TV da Rússia sobre a manipulação financeira dos ROTHSCHILD:  https://youtu.be/-thgfil1P3g  -  (legendas em inglês)

Retirar a Rússia dos sistema SWIFT seria um desastre. De acordo com Nowotny, tal movimento “nós veríamos como muito problemático porque talvez possa prejudicar a confiança dos demais países em todo o sistema”, disse o governador do banco central da Áustria a repórteres … Claro, isso não impediu a Europa e Washington de ameaçar desligar o sistema SWIFT do plug.

Autor: Jay Greenberg

Fonte: https://www.neonnettle.com/

Tradução e edição...  Thoth3126@protonmail.ch

www.thoth3126.com.br

Amigos leitores

As três matérias abaixo explicam porque a "cabala das trevas" está perseguindo Trump pela mídia e redes sociais... inclusive o lançamento do livro "Fogo e Fúria"  para ridicularizar Trump,  faz parte de uma mega campanha difamatória contra o presidente que está pressionando a elite khazariana/satânica neste momento... tudo é para desviar a atenção da verdade que está nos artigos abaixo! Jomarion

Uma Tempestade se Aproxima

(Trump desarma a cabala khazariana)

Nota do Autor:  Passaram-se 11 meses desde o lançamento do nosso último relatório. Este fato não deve ser considerado como refletindo nosso desengate da batalha global. Pelo contrário, temos estado muito ocupados nos bastidores da luta em curso para expor todos os membros da cabala e restaurar a ordem na nossa República (os EUA). O presidente Trump é uma bola de demolição, sua própria existência na Casa Branca causou pânico e consternação nas fileiras da Cabala e aos seus Mestres, provocando a própria família judaica-khazar-sionista, os Rothschilds que vieram a publico, critica-lo...

UMA TEMPESTADE SE APROXIMA

Aqueles fracos sons que você andou ouvindo .. desde a mudança da longa influencia da Cabala e a mudança do regime controlado na Arábia Saudita... da determinação  do Reino Unido de sair da União Europeia através do Brexit... dos  rumores sobre a exposição nos meios de comunicação dos corruptos controlados pela CIA (Operation Mockingbird ) nos EUA... da saída do FBI e do DOJ (Depto de Justiça) de agentes da Cabala... e as acusações à Corte Federal dos EUA... O ruído que você andou ouvindo .. da exposição atual e contínua dos predadores sexuais em Washington DC, na mídia e na satânica Hollywood (as redes de pedófilos estão próximas de serem completamente expostas) … são os ruídos e estridência ouvidos desde os alicerces das linhagens satânicas europeias apoiadas por aliados da Cabala começando a se quebrar e ruir completamente.

O presidente Trump é uma bola de demolição, sua própria existência na Casa Branca causou pânico e consternação nas fileiras da Cabala e aos seus Mestres, mesmo provocando que a própria família judeu khazar sionista, os Rothschilds, virem publicamente criticar Trump. 

O significado de Jacob Rothschilds falando abertamente sobre o presidente Trump “ameaçando destruir a NWO – Nova Ordem Mundial”, Lynn Forester de Rothschild com suas queixas constantes no Twitter sobre Trump e David “Plastiki”, Rothschild tweetando sobre as leis de armas dos EUA, é prova de que as linhagens dos judeus khazares da Europa estão preocupadas com a perda do seu controle com punho de ferro sobre o poder mundial. Para eles, até sair em público e falar abertamente é sinal de seu desespero e de eles estarem perdendo o controle.

Dia 16 de fevereiro de 2012

Este é o dia histórico em que Lord David Noel James, Baron James of Blackheath dirigiu-se à Câmara dos Lordes no Reino Unido e expôs a fraude de US$ 15 Trilhões perpetrada pelo Federal Reserve-FED (Bco Central dos EUA) com a assistência da “Homeland Security” para criar dinheiro surgindo do nada (Fiat Money) e transferi-lo para a conta da Pureheart Investments, LTD na Europa. 

Na época, os US$ 15 Trilhões representavam cerca de 150% da dívida total dos EUA. Para a Cabala, este era apenas mais um esquema criminoso, sempre fazendo de tudo para que ninguém a impedisse de continuar a perpetrar fraudes contra os  contribuintes dos EUA.

O governo do Reino Unido não fez nada e o (marionete) governo dos EUA ficou ainda mais em silêncio sobre o assunto. Barack Obama, um queniano de nascimento,  foi cúmplice dessa fraude bem como o Congresso e os juízes da Suprema  Corte dos Estados Unidos  (SCOTUS). Mas, como bem diz o ditado: “As galinhas voltarão para o galinheiro”

Como sempre, há mais nessa história, muito mais. Isso envolve os suspeitos habituais: o Conselho da Reserva Federal de Nova York e o Tesouro dos EUA são cúmplices de uma fraude de proporções épicas. Na realidade, a fraude começou 6 anos antes, quando um contrato do programa de comércio da Reserva Federal foi consumado com um investidor particular da Indonésia.

A Tempestade se aproxima

Se você olhar para o horizonte, você pode ver a formação de nuvens negras de tempestade. O barulho distante do trovão pode ser ouvido e logo, os céus se abrirão e a chuva cairá em lençóis. A limpeza está prestes a começar. 

Mas não se engane, será uma tempestade de proporções épicas, gerada NÃO pelo HAARP ou pelas máquinas meteorológicas controladas pela Cabala, mas pelos Patriotas e chapéus brancos nos EUA e em todo o mundo.

No texto do relatório dos “White Hats” (nºs 34, 35 e 36) colocamos nossos leitores em aviso sobre a próxima exposição da gigantesca fraude de US$ 15 Trilhões. Considere este como um aviso.

Uma tempestade está chegando e precisamos de toda a sua ajuda para colocar esses fatos nas mídias sociais (Twitter, Facebook e outros) bem como em blogs e grupos sociais de onde você faça parte.  TODOS precisam saber. O tempo é tudo.

“Para nos proteger contra a nossa derrota isto está em nossas próprias mãos, mas a oportunidade de derrotar o inimigo é providenciada pelo próprio inimigo”.  (Livro “Da Arte da Guerra” pelo autor Sun Tzu).

Edição:  Thoth3126@protonmail.ch

Fonte: www.thoth3126.com.br

Página: https://thoth3126.com.br/uma-tempestade-se-aproxima/#more-60030

 

Khazares em Guantanamo

Guantánamo pronta para receber prisioneiros khazares e membros de alto nível do “Deep State”

Um novo relatório do Ministério da Defesa da Rússia que circula no Kremlin afirma que o governo de Trump está se preparando para transferir para o campo de detenção de Guantanamo Bay (Base dos EUA localizada em Cuba) um número desconhecido de cidadãos norte americanos “do alto escalão de governos anteriores“ que serão presos por inúmeras acusações.

Isto com base em interceptação de sinais de inteligência  (SIGINT/ELINT) acumulada no ano passado pela Signal Communications Trops (SCT) realizando missões de treinamento na República de Cuba e também auxiliados pelo Serviço de Inteligência Estrangeira (SVR).

A Base americana de Guantánamo em Cuba está pronta para receber prisioneiros americanos de “alto nível”, khazarianos e membros do Deep – Governo Oculto – State, como os Clinton, os Bush, e outros.

A vice-ministra da Defesa da Rússia, Tatiana Shevtsova, pode confirmar que existe um ” alto nível de confiança” de que o governo do presidente Donald Trump está se preparando para transferir para o campo de detenção de Guantanamo Bay (Base dos EUA localizada em Cuba) um número desconhecido de cidadãos norte americanos “de alto escalão de governos anteriores” já detidos e em preparação para os julgamentos por crimes cometidos...  serão julgados por um Tribunal Militar dos EUA – o incidente histórico mais próximo disso foi o julgamento dos nazistas de Nuremberg de 1945-46.

Os julgamentos de Nuremberg foram realizados para condenar criminosos nazistas alemães por inúmeros crimes de guerra – e também, como se viu em 1945, agora estão vendo  centenas de policiais militares do Exército dos Estados Unidos altamente treinados e especializados sendo levados para Cuba para supervisionar esse processo. 

De acordo com este relatório, em 11 de abril de 2017, o SCT, ao realizar missões de treinamento de rotina em Cuba, interceptou um número invulgarmente grande de comunicações criptografadas que emanavam entre a Base Naval de Guantánamo (Cuba) e a Base Aérea de Luke (Arizona) – imediatamente após o que eles fizeram um pedido aos analistas de contra-inteligência do SVR para uma decriptação – com o SVR, por sua vez, informando ao SCT que essas comunicações estavam sendo conduzidas entre a Comissão Militar de Guantánamo (que detém os tribunais militares dos EUA ) e o Procurador Geral de Justiça dos EUA Jeff Sessions .

Em 11 de abril de 2017, este relatório também diz que o SVR informou à SCT que as Sessões do Procurador Geral estavam na Base da Força Aérea de Luke para “realizar/conduzir”  reuniões com vários comandantes da Guarda Nacional do Exército do Arizona (AZ ARNG) – com o maior tempo sendo ocupado com os comandantes do 850º Batalhão da Polícia do Exército dos EUA – que contam com cerca de 800 militares altamente treinados e especializados da Polícia Militar do Exército dos EUA.

Desde o seu início em 11 de abril de 2017, este relatório continua, as interceptações do SCT russo de comunicações entre a Base Naval de Guantánamo e a Base da Força Aérea de Luke continuaram sem precedentes – com a maior quantidade de comunicações acontecendo  em 7 de julho de 2017 – e foi a data em que o staff do Procurador Geral e do Vice-Procurador Geral Rod Rosenstein fizeram uma visita sem aviso prévio à Base Naval da Baía de Guantánamo – e cujas reuniões naquela data incluíram os comandantes do 850º Batalhão da Polícia do Exército que haviam sido levados para lá no dia anterior.

O tipo específico de interceptações de comunicação apontadas pela SCT ocorrendo entre a Base Naval de Guantánamo e a Base Luke Air Force Base, detalhadas neste relatório, foram  transmissões criptografadas de vídeo via satélite transmitidas pela taxa normal de 59,94 quadros por segundo – e cuja quantidade de transmissão sugeriu (para os analistas do SVR russo) que essas transmissões de vídeo estavam sendo usadas para dar instruções em sala de aula para equipes da Polícia do Exército dos EUA.

As forças especiais do Batalhão de Polícia Militar do Exército dos EUA altamente treinadas e especializadas foram enviadas da Luke Air Force Base para Guantánamo em 29 de dezembro de 2017.

Foi de “importância vital” a presença do Secretário de Defesa, o General Mattis, em visita sem precedentes a base de Guantánamo, diz o relatório, em 29 de dezembro de 2017...  foi quando o presidente Trump ordenou de repente que todo o 850º Batalhão da Polícia do Exército se deslocasse imediatamente da Base da Força Aérea de Luke para a Base Naval da Guantánamo na ilha de Cuba.

Com o centro de detenção de Guantánamo, hoje ocupado com apenas 41 detidos, mas com capacidade de manter cerca de 800 prisioneiros, este relatório observa que o presidente Trump está ordenando repentinamente que um número tão grande de forças da polícia militar dos  EUA exija mais uma explicação sobre o porquê dessa movimentação – e que o SVR diz que pode ser encontrado na mesma atividade súbita da secreta IBC Airways – de quem, após o mandato do presidente Trump ordenar a transferência de soldados do 850º Batalhão da Polícia Militar  imediatamente para Guantánamo, anunciou, em 29 de dezembro de 2017, que está aumentando seus vôos para a Base Naval de Guantánamo para três vezes por semana – o que sugere muito a antecipação da chegada de uma inundação de novos prisioneiros – provavelmente incluindo até os advogados americanos que defendem seus clientes (membros do Deep State-Governo Oculto, do Partido Democrata, judeus khazares, envolvidos em satanismo, corrupção, pedofilia, etc) traidores dos EUA que serão presos em breve futuro.

Autor: Sorcha Faal

Tradução e edição:  Thoth3126@protonmail.ch

Fonte Primária: https://www.whatdoesitmean.com/

Fonte Secundária: www.thoth3126.com.br

https://thoth3126.com.br/guantanamo-pronta-para-receber-prisioneiros-americanos-de-alto-nivel-khazares-e-membros-do-deep-state/#more-59863

Contagem regressiva para a chegada de uma Nova Era

A batalha em andamento pelo controle do planeta Terra e sua humanidade está chegando ao fim...  enquando as bases militares e os bastiões subterrâneos da Máfia Khazariana (Cabala) caem...  informou a WDS-White Dragon Society (Sociedade do Dragão Branco) da China. No entanto, ainda há algumas  tarefas difíceis de última hora na “corrida de cavalos” acontecendo entre Oriente e Ocidente... com as recentes decisões e atos do presidente Donald Trump... O futuro do nosso planeta e da nossa espécie está em jogo. …

A contagem regressiva para a nova era começa com bases subterrâneas da Cabala sendo subjugadas

A grande batalha por concluir é aquela sobre “quem” controlará o processo de criação e distribuição da riqueza material e da abundância (moeda) que é a verdadeira fonte de poder neste planeta. Dito de outra forma, o que está em jogo é o processo de decidir o que nós, como espécie, queremos fazer no futuro.  Com pouco menos de um ano da presidência de Trump, é um bom momento para tomar nota de que, apesar de seu nome, ele não é a único segurando os trunfos neste jogo de poker de alto nível do mundo.

Quando o dólar dos ESTADOS UNIDOS transformou-se na “moeda do planeta” após a segunda guerra mundial, ele era garantido pelo ouro e pelo GDP (PIB) dos EUA, que era do valor de 50% do (PIB) do mundo. Agora, o chamado dólar norte-americano é apoiado por nada (os EUA não têm mais ouro) e o PIB dos EUA, medido pelo FMI, é de apenas 15,6% do PIB mundial, numa base de paridade de poder de compra (real). Além disso, os EUA eram a maior nação credora do mundo no final da Segunda Guerra Mundial e agora é a nação mais endividada na história deste planeta (Quase US$ 21 trilhões de dólares).

Em contraste, a China agora controla 17,9% do PIB mundial, tem muito ouro e é a maior nação credora do mundo. Os membros do Banco de Investimento de Infra-Estrutura Asiático (AIIB, na sigla em inglês) recentemente criado e liderado pela China, atualmente com mais de 100 países, controlam cerca de 80% do PIB mundial, enquanto os Estados Unidos e seus estados aliados (OTAN e Japão) controlam menos de 20%. Isso significa que, se a China e seus aliados asiáticos e ocidentais (BRICS) quiserem se apropriar do controle do sistema financeiro mundial, terão sucesso.

No entanto, o complexo industrial militar dos EUA tem algumas cartas na manga para jogar, muitas delas ligadas ao seu projeto SSP-Secret Space Program  (Programa Espacial Secreto) e programas de alta tecnologia. O governo Secreto/Oculto que controla os EUA está se preparando para mostrar algumas dessas cartas, incluindo tecnologia por trás das 6000 patentes existentes e mantidas em segredo, que, de acordo com a Academia de Ciências dos EUA, foram suprimidas por razões de “segurança nacional”, dizem funcionários do Pentágono...

A verdadeira questão, que muitos de nós queremos saber a resposta, é de quando esses segredos serão revelados.  Existem duas realidades separadas no planeta, uma envolvendo a colonização do espaço e o desenvolvimento de alta tecnologia, em todas as áreas e uma realidade (completamente manipulada) limitada à Terra, mas prestes a se fundir em uma só quando os segredos forem revelados (Disclosure Project) e a caixa de pandora for aberta.

Há muitas provas, mesmo para os mais intransigentes e incrédulos entre nós, de que a versão oficial oferecida pelo establishment da cabala escura está cheia de buracos, contradições e segredos... A SDB da Ásia exigirão saber (e receberão as respostas) sobre coisas como o “porque da exploração espacial tripulada da Lua,  pela NASA,  de repente parou na década de 1970? Vários acidentes aconteceram desde então... e alguns veículos de exploração tripulados, foram destruídos ao tentar deixar a órbita terrestre.

Agentes da SDB (Sociedade do Dragao Branco) foram informados (por fontes das agências de inteligência com níveis de depuração muito acima do presidente dos EUA, um fantoche da elite da Cabala) que o planeta foi colocado em quarentena porque algumas entidades muito perigosas se refugiaram aqui depois de perderem uma guerra espacial intergaláctica. Essas entidades estão se rendendo e liberando a população de reféns do planeta neste processo, dizem essas fontes.

Se o que essas pessoas estão dizendo é verdade, então em um futuro próximo as forças galácticas benevolentes abrirão um buraco de minhoca na Antártida e permitirão que a população da superficie tenha contato com o Universo exterior.  Talvez seja por isso que alguns “importantes” religiosos, políticos e cientistas do planeta estiveram visitando recentemente a Antártica, inclusive o russo Vladimir Putin .

ANÚNCIO IMINENTE DA EXISTÊNCIA DE RUÍNAS DE CIVILIZAÇÃO FUTURÍSTICA ENCONTRADA NA ANTÁRCTICA.

Muitos ficaram ponderando a importância das recentes visitas a Antártida de funcionários e indivíduos proeminentes de governos que oferecem explicações intrigantes para as suas viagens para lá. Em 9 de Novembro, o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, pousou na Antártica, durante o pico da eleição presidencial dos EUA.

O fato de os EUA terem confinado todos os seus porta-aviões aos seus portos de origem, pela primeira vez desde a Segunda Guerra Mundial, pode ser um sinal de que algo grande está para acontecer. Se assim for, podemos esperar algum tipo de anúncio impactante sobre a Antártida em breve. Isso soa estranho para muitos de nós... e não há dúvida  que uma guerra em níveis ocultos e de alto nível, está ocorrendo na superfície deste planeta.

Por um lado, há uma abundância de provas, que sustentariam em qualquer tribunal de direito internacional ou de julgamento de crimes de guerra, que a (pseudo) “liderança” política do mundo ocidental está envolvida em assassinatos em massa. Não precisamos ir muito longe na história, vamos até mesmo ignorar as centenas de milhões de pessoas mortas no século 20 e basta olhar para os acontecimentos desde o ano 2001. Desde então, temos tido um regime nos EUA que ignorou completamente o direito internacional e usou o terror e o assassinato em massa para manipular seus próprios cidadãos e os de outros países para uma guerra sem fim e sem fronteiras.

Esta última campanha de terror começou com os “pseudos ataques terroristas” de 11 de setembro de 2001 (911), às torres gêmeas do WTC em New York. Desde então, o governo americano invadiu países do Oriente Médio e assassinou centenas de milhares, senão milhões de pessoas. Também tem espalhado armas biológicas como HIV, SARS, criou o ebola, a gripe aviária, etc., numa tentativa de iniciar uma pandemia de extermínio em massa da população global.

A liderança ocidental também usou seu controle do sistema de emissão do dólar para tentar criar fome em massa, subornando os fazendeiros para produzir cereais que gerem combustível em vez de alimentos. Eles também manipularam e provocaram terremotos e tsunamis, contra o Haiti, Indonésia, Japão, etc. Isto é assassinato em massa e pode estar diretamente ligado a pessoas como George Bush Jr., Bill e Hillary Clinton, David Rockefeller (já falecido), etc…

Suas táticas de guerra-terror-psicológica (Psyops) são desprezíveis e desesperadas... são também um sinal do pânico profundo que essas pessoas estão mostrando neste momento. Basta dar uma olhada na patética tentativa de tentar descarrilhar a presidência de Donald Trump afirmando, sem qualquer evidência, que a “Rússia” interferiu nas eleições dos EUA. Essa tentativa de destituir Trump da presidência falhou completamente.

Seus falsos atentados “terroristas” (falsas bandeiras) com caminhões na França, Alemanha, Israel e por último na Inglaterra também não estão produzindo os resultados desejados. As pessoas tornaram-se imunes ao antigo teatro de rua (muitas vezes incluindo o assassinato real de pessoas) para manipular as massas... são os ataques de bandeira falsa rotineiramente expostos como tal, em poucos minutos após serem anunciados e sempre com o “terrorista” deixando carteira de identidade/passaporte (sempre um muçulmano) no local do pseudo-ataque.

Isso ocorre porque este regime perdeu o poder, graças à vitória das forças armadas e dos agentes White Hats (chapéus brancos) da agência por trás de Trump. Foi prometido, e esperamos que aconteça, um julgamento dos crimes de guerra da Cabala, após Trump tomar o poder das mãos dos marionetes desta elite do mal. A SDB, por sua vez, se contentaria com um Comitê de Reconciliação.

Há também outras operações de limpeza em curso na presidência de Trump. “As mais profundas (ocultas) bases militares subterrâneas da cabala serão destruídas na medida que eles recusam anistia e os acordos estão encerrados”, afirmam as fontes do Pentágono sobre o estado atual do jogo. Também “as armas nucleares de Nova York foram desarmadas e uma secção subterrânea de transportes em Vancouver foi demolido”, dizem as fontes.

A conferência de Paris, realizada em janeiro de 2016, também está sendo convocada para impor uma solução ao Estado  de Israel (o último reduto da máfia Khazariana) e usará sanções para forçar o regime sionista a “fazer a paz”... o mundo está farto das birras israelenses e de crimes contra a humanidade, observam.

Voltando à “corrida de cavalos” em sua reta final, a facção do complexo industrial militar ocidental está tomando duas táticas em relação aos asiáticos. Em um nível, eles estão buscando uma aliança cristã com a Rússia, a Europa, as Américas e as partes cristãs da África para estarem em pé de igualdade com os asiáticos. Em outro nível, eles apoiam a criação de uma nova arquitetura mundial meritocrática, democrática e transparente, que assegure que os grupos criminosos internacionais como a máfia Khazar nunca mais sejam autorizados a fomentar a guerra, o terror, a fome e o sofrimento da humanidade neste planeta.

No geral, uma vez que tenha terminado de remover os criminosos de dentro de suas fileiras, o complexo industrial militar ocidental oferecerá seu poder tecnológico e militar dos seus programas secretos a serviço da humanidade como um todo, disseram fontes do Pentágono e agências de inteligência. E assim, na medida que o ano de 2017 termina,  teremos uma Nova Era começando... . Vamos torná-la uma nova Idade de Ouro.

Fonte: www.thoth3126.com.br  

Página: https://thoth3126.com.br/contagem-regressiva-para-a-chegada-de-uma-nova-era/

Revisão: Jomarion

Ex-executivo do Facebook declara:

As Mídias Sociais Estão "Destruindo a Sociedade"

O ex-executivo do Facebook, Chamath Palihapitiya, recentemente compartilhou suas fortes opiniões sobre as mídias sociais em um discurso na Stanford Graduate School of Business. Em 2007 Palihapitiya tornou-se vice-presidente do Facebook para o crescimento do usuário. Ele agora sente uma "tremenda culpa" pela construção de uma empresa que verdadeiramente "destrói a sociedade".

"Eu acho que criamos ferramentas que estão rompendo o tecido social de como a sociedade funciona", diz Palihapitiya. Seu conselho para as pessoas agora é fazer uma "pausa difícil" de todas as plataformas de redes sociais. As mídias sociais, em geral, aproveitam os pontos fracos da psicologia humana. Os círculos de feedback de curto prazo das redes sociais são projetados para gerar níveis de dopamina nos cérebros do usuários e, portanto, viciam os usuários a breves explosões de satisfação e sentimentos de aceitação e admiração de curta duração.

O Facebook é particularmente um terreno fértil para o comportamento narcisista e está criando uma cultura sobre si mesmo. Em vez de falar e ouvir, os usuários geralmente fazem suposições com base em desinformação e parcialidade pessoal, o que, em última instância, destrói o discurso e a compreensão civil.

Em vez de aproveitar o tempo em torno de uma fogueira, fazer longas caminhadas ou andar de bicicleta com familiares e amigos, mais pessoas passam seu tempo dentro de casa, atrás de uma tela, interagindo com símbolos de "joinha" e "likes", entre outras atividades de cliques que distorcem as relações humanas reais.

Empresas de vários países, ideologias e grupos políticos colocam anúncios e memes no Facebook que se alimentam das emoções de dados demográficos selecionados dos usuários do Facebook. Os temas políticos e baseados em crenças tornam-se ferramentas divisórias que definem imagens e reputação das pessoas. Os truques divisivos destroem a cooperação do mundo real ao espalhar informações erradas e estereotipando a identidade das pessoas.

Ele diz que os manipuladores são muito capazes de usar o Facebook para fazer com que outras pessoas façam o que eles querem. Um dos exemplos que ele deu incluiu uma mensagem falsa sobre sequestros no WhatsApp. O hoax levou ao linchamento de sete pessoas inocentes na Índia.

Palihapitiya se junta a um crescente coro de ex-funcionários do Facebook que não usam o site e admitem as maneiras enganosas da empresa. O ex-diretor de produção do Facebook, Antonio Garcia-Martinez, admitiu que o Facebook reside na sua capacidade de manipular e influenciar seus usuários com base nos dados coletados sobre eles. O investidor do Facebook, Sean Parker, agora se opõe a todas as mídias sociais porque as empresas como o Facebook só conseguem bons resultados porque "exploram a vulnerabilidade da psicologia humana".

Embora existam muitos bons usos para sites de redes sociais, é fácil cair nas armadilhas intencionalmente projetadas para manter você no site por mais tempo. Muitos usuários tornam-se viciados na adrenalina da dopamina de obter mais "likes". Outros sentem que as mídias sociais lhes dá uma voz mais ampla e constantemente procuram aqueles que concordam e encorajam os comentários. Quando os likes e o apoio não aparecem, os usuários não recebem a dose que seu cérebro se baseia. Este fato simples da psicologia humana alinha o cérebro para procurar atenção. 

Usuários com pouca inteligência emocional usarão o site para estimular mais atenção, simpatia ou admiração. Os pressupostos e os argumentos frívolos que resultam dos altos e baixos da psicologia humana explorada, em última instância, mudam as perspectivas das pessoas um sobre o outro na vida real, causando problemas que se mostram desproporcionais e mais traições.

Com todos os avisos sobre o lado negro das redes sociais dos ex-funcionários do Facebook, é imperativo que os usuários reduzam o tempo gasto nas mídias sociais. Para manter uma mente saudável e evitar ser manipulado, os usuários devem usar as plataformas de redes sociais apenas para fins produtivos ou não usá-las definitivamente.

Fontes:

Natural News: Former Facebook exec: Social media is “ripping society apart”

Blacklisted: FORMER FACEBOOK EXEC SAYS SOCIAL MEDIA IS RIPPING APART SOCIETY

The New York Times: A War of Words Puts Facebook at the Center of Myanmar’s Rohingya Crisis

Fonte em português: https://www.anovaordemmundial.com/2017/12/ex-executivo-do-facebook-as-midias-sociais-estao-destruindo-a-sociedade.html

 

As privatizações de Temer boicotam a economia do País

Com medidas contra o País, Michel Temer tem entregado, um por um, nossos patrimônios.

No leilão de setembro, o governo federal vendeu quatro hidrelétricas pertencentes à Companhia Energética de Minas Gerais para empresas estrangeiras. A privatização das usinas da CEMIG  rendeu 12,12 bilhões de reais, apenas 65,5% do lucro da empresa nos últimos sete anos e meio (18,5 bilhões). Negócio da China, literalmente, para o State Power Investmente (Spic), grupo chinês que levou uma das quatro usinas, a de São Simão, por 7,18 bilhões de reais.

O desmonte do setor elétrico servirá de modelo para a venda da Eletrobrás. Uma de suas consequências será a elevação do custo da tarifa de energia, e para as empresas um lucro maior que o triplo do preço de venda, rendendo cerca de 40 bilhões de reais. Chineses, italianos e franceses enxergaram a capacidade de investimentos, rentabilidade e viabilidade do setor elétrico no País. O governo, que deveria ser o maior interessado no fornecimento de energia, parece ter ficado cego.

Ao retomar as estratégias fracassadas do PSDB dos anos 1990, Temer e o seu PMDB planejam entregar setores estratégicos. Descobriu-se recentemente que a Caixa Econômica Federal será um dos próximos alvos no balcão de negócios montado por Henrique Meirelles e sua equipe. Temer pretende anunciar a privatização da Caixa no fim do ano, conforme informação divulgada em um site corporativo do Rio de Janeiro.

Não podemos assistir calados à entrega de um banco 100% público, por meio de esquemas e negociatas que só prejudicam a economia do País. A Caixa possui a liderança absoluta na concessão de crédito habitacional no Brasil, e é responsável pelo pagamento de bilhões de reais em benefícios e programas sociais aos brasileiros. Além de ter um papel fundamental no pagamento de direitos dos trabalhadores, do programa Minha Casa, Minha Vida, de benefícios da Previdência, entre outros.

É mais uma ameaça à soberania nacional, à nossa autonomia econômica. Não vamos ficar inertes diante dessas vendas, das privatizações sem sentido. Nós, como oposição a esse governo golpista, sem escrúpulos e sem visão de futuro, devemos resistir e lutar contra essas medidas criminosas, tanto no Congresso Nacional quanto na Justiça. 

Temos repetido constantemente que Temer e seus aliados ignoram propostas que poderiam mudar a situação de crise em que o Brasil se encontra. Entre as medidas, a taxação das grandes fortunas, uma reforma tributária voltada para quem ganha mais, a cobrança de dívidas de bancos e empresas que possuem débitos volumosos com a União. 

Não tenham dúvidas, o saldo dos investimentos feitos pelos grupos estrangeiros, que avançam no setor elétrico e petroleiro, será cobrado do consumidor. E nós, brasileiros, também sairemos perdendo no desenvolvimento socioeconômico, na geração de energia,  nos tornando cada vez menores no cenário mundial.

O papel do País é de protagonismo em suas áreas estratégicas e é por isso que precisamos parar com o desmonte patrocinado pelo ilegítimo governo Temer

Zeca Dirceu - Deputado federal pelo PT-PR

https://www.cartacapital.com.br/economia/as-privatizacoes-de-temer-boicotam-a-economia-do-pais

Jomarion... a EMBRAER também está sendo “negociada” neste momento!

"O Efeito Lúcifer"

Estrela do K-Pop Jonghyun é encontrado morto aos 27 anos em “aparente suicídio”

... Jonghyun é uma das várias estrelas sul-coreanas que tiraram a própria vida numa idade jovem... em 2009, a atriz Jang Ja-Yeon se suicidou enforcada... Ela deixou uma nota de suicídio explicando como ela foi espancada e forçada a entreter e fazer sexo com vários diretores de programas de entretenimento, CEOs e executivos da mídia...várias outras celebridades se suicidaram, incluindo o cantor e ator Park Yong Ha, o modelo Daul Kim e a atriz Jeong Da Bin...

Vocalista do famoso grupo K-Pop SHINee, enviou mensagens de texto preocupantes para sua irmã pouco antes de ser encontrado morto em Seul.

Kim Jong-Hyun, mais conhecido pelo seu nome artístico Jonghyun, foi encontrado inconsciente em um hotel residencial no luxuoso distrito de Gangnam, em Seul, no dia 18 de dezembro. Mais tarde, ele foi declarado morto em um hospital próximo. A polícia correu para o apartamento de Jonghyun depois de receber uma chamada de emergência de sua irmã afirmando que ele enviou uma série de mensagens de texto preocupantes.

De acordo com relatórios locais, a mensagem final de Jonghyun para sua irmã foi: "Tem sido muito difícil. Por favor, deixe-me ir. Diga a todos que foi muito difícil para mim. Este é o meu último adeus".

Os investigadores encontraram pedaços de carvão queimados em uma frigideira dentro do apartamento de Kim, levando-os a acreditar que ele morreu de intoxicação por monóxido de carbono.

Jonghyun era uma figura proeminente no K-Pop. Ele foi o principal vocalista do grupo SHINee (que foram apelidados de "Príncipes do K-Pop") por mais de uma década. Jonghyun mais tarde lançou uma carreira solo em 2015 e publicou um livro intitulado "Skeleton Flower". A última aparição pública de Kim foi em seu show solo chamado "Inspired", no dia 10 de dezembro em Seul.

Em 2010, o vídeo "Lucifer" do grupo SHINee já indicava que o K-Pop estava infiltrado pela agenda da elite oculta. A música descrevia os cantores "sob o feitiço de Lúcifer". Um verso da música descreve exatamente o destino das estrelas K-Pop presas em uma indústria opressiva:

"Sinto que me tornei um palhaço preso num castelo de vidro". Diz a musica...

Kim foi obrigado a  fazer o sinal do "um olho" ao longo de sua  carreira, indicando que ele estava a serviço da elite oculta. Abaixo...  ele está na capa da revista OhBoy! em 2016.

Jonghyun e o antigo grupo SHINee fazendo o sinal do "um olho". (Jomarion... crianças, adolescentes e jovens explorados pela industria satânica e maligna da musica que não se contenta mais com o “gado jovem Ocidental” e agora se espalha por países asiáticos, os novos vassalos do Anti-Cristo)

Jonghyun assinou contrato com a “SM Entertainment”, uma empresa coreana que muitas vezes foi acusada de abusar e explorar artistas K-Pop

(Jomarion... abusadores e pedófilos, que infestam esta indústria illuminati que mata o futuro de jovens ingenuos)

No vídeo "Peek-A-Boo" lançado recentemente, as meninas do “Red Velvet” (Veludo Vermelho)  sacrificam um entregador de pizzas em um ritual oculto. Esse  seria uma prenúncio da morte de Jonghyun?

(Jomarion... SIM, com certeza, estas pessoas praticam barbaridades e mandam "recado" para a Mídia Má)

A SM Entertainment divulgou uma declaração dizendo:

"Esta é a SM Entertainment. Lamentamos ser portadores dessa notícia trágica e dolorosa. No dia 18 de dezembro, o cantor Jonghyun do grupo SHINee nos deixou repentinamente. Ele foi descoberto inconsciente numa residência em Cheongdam-dong, Seul e foi levado às pressas para um hospital próximo, mas foi declarado morto. Nossa tristeza não pode se comparar com a dor de sua família, que teve que dizer adeus a um filho e um irmão, mas passamos muito tempo com ele, e os membros do SHINee, junto com a equipe da SM Entertainment, estão todos de luto e profundamente chocados. Jonghyun gostava de música mais do que qualquer outra pessoa e ele era um artista que fazia tudo para executar o seu melhor no palco. 
É de partir nosso coração ter que trazer essa notícia para os fãs que amaram muito Jonghyun. "Por favor, abstenham-se de informações sobre rumores e especulações para que a família do falecido possa honrá-lo em paz." De acordo com o desejo da família, o funeral será realizado em secreto com seus parentes e colegas de companhia". 

Jonghyun é uma das várias estrelas sul-coreanas que tiraram a própria vida numa idade jovem. Em 2009, a atriz Jang Ja-Yeon se suicidou enforcada. Ela deixou uma nota de suicídio explicando como ela foi espancada e forçada a entreter e fazer sexo com vários diretores de programas, CEOs e executivos da mídia. Várias outras celebridades se suicidaram, incluindo o cantor e ator Park Yong Ha, o modelo Daul Kim e a atriz Jeong Da Bin.  A morte de Jonghyun aos 27 anos faz dele a mais recente adição ao infame clube dos 27, o grupo de cantores ​​que morreram aos 27 anos. O Clube dos 27 inclui Jimi Hendrix, Janis Joplin, Jim Morrison, Kurt Cobain e Amy Winehouse. Quase todos morreram em circunstâncias bizarras.

Fonte: The Vigilant Citizen  

Outra Fonte: https://danizudo.blogspot.com.br/2017/12/estrela-do-k-pop-jonghyun-e-encontrado.html

Agenda Gay para Crianças

Marvel, Barbie e Disney: Todos Agilizam a Agenda Gay sobre Crianças e Adolescentes

Além de destruir os EUA, uma das coisas em que os “liberais” se tornaram bastante bons é aproveitar os ícones de Hollywood e da infância para promover sua agenda radical de justiça social.

Uma maneira muito furtiva de promover seus valores e princípios desequilibrados, semelhante à forma como as empresas usam a colocação de produtos para anunciar casualmente suas marcas em filmes e programas de televisão. Em vez de dizer "comprar Coca-Cola" ou "tornar-se um progressista liberal", a estratégia é, em vez disso, ter o ator principal bebendo casualmente uma Coca-Cola em uma das cenas, ou ter dois pais em um show infantil que, por acaso, são homossexuais. 

(Jomarion...estratégica usada pela  Rede Globo em todos os seus programas, principalmente nos canais GNT e Globo SAT). 

Este tipo de doutrinação ideológica sutil e consistente está causando uma enorme quantidade de dano aos jovens dos Estados Unidos e forçando-os a crescer em um mundo que se baseia mais na fantasia do que na realidade.

A nova série de super-heróis “Runaways”, por exemplo, é uma mistura cheia de princípios duvidosos de justiça social e valores da Elite Global...  porque Deus me livre um programa de televisão atual que não contenha algum tipo de propaganda liberal.

A produtora Stephanie Savage estava entusiasmada com a ideia de ter uma série de super-heróis enraizada em valores “progressivos” quando lançou a ideia para Marvel: "Eu amo todo o humor, adoro os personagens femininos fortes, amo os grandes suspenses no final de cada questão, a diversidade dos personagens. Para mim, a série parece tão contemporânea e, tão nosso mundo, que estávamos tão esperançosos que a Marvel estaria aberta a isso".

Runaways apresentará a primeira relação lésbica na tela entre duas das principais personagens femininas da série. Além disso, a personagem Arsênica (Gert Yorkes) é descrita como um "garota revoltada" que está pronta, disposta e capaz de "desmantelar o patriarcado".  Arsênica também é crítica da "religião organizada", que ela considera a mais "opressora para as mulheres" do que qualquer outra instituição.

(Jô... arsênica/o também é um veneno mortal)

Se, por algum motivo, isso não é suficiente para convencê-lo de que Runaways não é mais do que uma série de propaganda liberal (libertinagem), em um dos episódios, Arsênica aparentemente critica sua irmã adotada por "reforçar a masculinidade hegemônica enquanto marginaliza a identidade das mulheres" depois que ela faz algo tão horrível e controverso como tentar entrar para uma equipe de dança.

Estamos absolutamente certos de que esta série não foi produzida por Barack Obama ou Hillary Clinton?

Tão preocupante quanto perturbador é ver séries que estão sendo desenvolvidas com a intenção de lavagem cerebral de nossos filhos, realmente não deveria surpreender que a Marvel desejasse adotar uma série como Runaways. Afinal, a Marvel é de propriedade da Disney, e a Disney nunca foi tímida quando se trata de promover progressivismo para crianças.

(Jô... sobre a MARVEL: Em “Dr. Estranho” há cenas onde o personagem paga tributo a Beionce (mulher decaida e abominável) como a maior cantora do mundo e debocha do monge que “nunca ouviu falar da tal”... Dr Estranho também passeia no espaço interdimensional com a “borboleta monarca” no dedo, um perfeito alienado/boboca)

 Série “Andi Mack” da Disney Channel

Em outubro, a série Andi Mack do Disney Channel introduziu os telespectadores em seu primeiro “enredo gay”. De acordo com o site Breitbart News, o jovem personagem masculino chamado Cyrus luta para chegar a um acordo com o fato de que ele é sexualmente atraído por um amigo do sexo masculino, ao mesmo tempo em que tem uma nova namorada ao seu lado. Como se não fosse ruim o suficiente, Cyrus tem apenas 13 anos. Certamente parece que a Disney concorda em viver em um mundo onde os meninos adolescentes experimentam e desenvolvem atrações sexuais por outros meninos adolescentes, sem absolutamente nenhuma sensação de como isso é moralmente errado.

A Disney tem empurrado a agenda homossexual há anos. Em 2012, o Disney Channel  lançou uma campanha publicitária  com um jovem cineasta falando contra o bullying. Claro, a rede não pode deixar de focar um pouco nas "duas mães" do menino, bem como no segmento "Deixe sua Marca". As campanhas anti-bullying são certamente necessárias em muitos casos, mas o fato de a Disney escolher promover as mães lésbicas do cineasta mostra o quão empenhada a rede está em avançar a agenda “liberal”.

(Jô... sobre a Disney: O ultimo grande sucesso infantil da franquia - “A Bela e a Fera” -  é baseado num conto antigo sobre “abuso infantil” SIM o monstro horrendo é pedófilo e abusador de menininhas, acorde meu povo e pesquisem...)

Barbie e sua camiseta "Love Wins"

 

Tão doce e inocente como a famosa boneca infantil, Barbie, não está a salvo da praga da justiça social que envolve a sociedade americana. Na tentativa de aumentar as vendas e promover o liberalismo, a empresa de fabricação de bonecas Barbie, Mattel, está lançando uma boneca, cuja a camiseta tem em letras estampadas nas cores do arco-íris a frase, "Love Wins" (O Amor Vence)... frase usada com frequência pelos liberais e ativistas LGBT para promover a ideia de casamento gay, homossexualidade e transgênero como norma.

A questão que devemos fazer é simples: qual é o próximo passo?

O Pernalonga um dia vai se revelar homossexual?

Tom e Jerry eventualmente vão anunciar que eles foram um casal gay durante todos esses anos?

Existe alguma parte da sociedade americana que não será afetada pela agenda homossexual? Embora apenas 1,6% dos adultos americanos se identifiquem como gays ou lésbicas, enquanto 96,6% são heterossexuais?

Quão mais loucas as coisas podem ficar?

A coisa irônica sobre tudo isso é que, embora os “descolados”  gostem de se chamar de "progressistas" e que estão ajudando a transição dos EUA para uma era mais tolerante e aceitável, eles realmente não representam progressos. Imbutir nas crianças pequenas ideias de que o homossexualismo e o transgenderismo são inteiramente naturais, não é um sinal de que os EUA estejam avançando, é um sinal de que os EUA estão, no mínimo, regredindo. Para combater essa doutrinação, os pais têm que intensificar e ensinar aos seus filhos valores reais e princípios verdadeiros.

Blog “A Nova Ordem Mundial”

https://www.anovaordemmundial.com/2017/12/marvel-barbie-e-disney-todos-agilizam-a-agenda-gay-sobre-criancas-e-adolescentes.html

Leia também no mesmo blog:

Acampamento de Verão Transgênero Está Matriculando Crianças a Partir de 4 Anos

BBC Acha que a Pedofilia é Apenas Outra "Orientação Sexual" Semelhante a ser Gay ou Transgênero

Fontes Originais:

News Target: Corporate America goes bonkers: Marvel, Barbie, Disney all push deranged left-wing agendas onto children and teens

Truth Revolt: More Marvel Wokeness: SJW Superheroes in Hulu’s ‘Runaways’

Life Site: Disney Channel introduces homosexual teen character, pushes LGBT agenda

CNS News: Barbie Promotes LGBT Agenda With 'Love Wins' T-Shirts

BITCOIN

Evidência Aponta que o Bitcoin é uma Operação Psicológica Criada Pela NSA para Lançar uma Moeda Digital no Mundo Inteiro

Qual a ligação entre o Bitcoin e a Marca da Besta? Você respondeu, nenhuma? Então, pense de novo. A moeda digital pode abrir portas para o controle totalitário da Nova Ordem Mundial

Dez passos para a cripto-tirania  (Jomarion o “Império do Anti-Cristo”)

O "grande plano" dos globalistas (e como isso envolve o Bitcoin)

Em resumo, aqui está um possível plano dos globalistas para aproveitar o controle total sobre a oferta de dinheiro, a poupança, a fiscalidade e as transações financeiras do mundo, enquanto escravizam a humanidade.

1) Implantar o Bitcoin criado pela NSA para deixar o público animado sobre uma moeda digital.

2) Preparar silenciosamente uma criptografia controlada globalista para tomar seu lugar. (JP Morgan, ou qualquer outro)

3) Iniciar uma operação de falsa bandeira maciça e de escala global que bloqueie os mercados globais da dívida e envie as moedas fiduciárias por água abaixo. (ou Hoax de invasão alienígena ou ainda a “ameaça coreana")

4) Culpar qualquer inimigo conveniente é politicamente aceitável (Coreia do Norte, "os russos", "os homenzinhos verdes" ou o que quer que seja necessário...).

5) Permitir que a pirâmide de dívida monetária entre em colapso e queime até que o gado fique desesperado (ou seja, desespero do estilo venezuelano com as pessoas comendo em latas de lixo).

6) Com grande alarde, anunciar uma substituição de criptografia apoiada pelo governo para todas as moedas fiduciárias e posicione os governos mundiais como o SALVADOR da humanidade. Permita que o público desesperado troque suas moedas fiduciárias pelas moedas criptográficas oficiais.

7) Fornecer dinheiro e criminalizar a propriedade de ouro e prata por cidadãos particulares. Tudo em nome da "segurança", é claro.

8) Criminalizar todas as criptografia “não oficiais” do Bitcoin, quebrando seu valor praticamente da noite para o dia, e canalizar todo mundo para a criptografia do governo mundial, onde a NSA controla o blockchain. Isso pode ser facilmente alcançado culpando o evento de falsa bandeira (veja acima) em alguma nação ou grupo que se diz ter sido "financiado pelo Bitcoin, a moeda criptografada utilizada pelos terroristas".

9) Exigir RFID embutidos ou identificadores biométricos para todas as transações, a fim de "autenticar" as atividades da moeda digital criptográfica no mundo todo. A Marca da Besta torna-se realidade. Ninguém pode comer, viajar ou ganhar salário sem receber a marca.

10) Uma vez que o controle absoluto sobre a nova moeda digital de um mundo for alcançado, armar o blockchain rastreado pelo governo para rastrear todas as transações, investimentos e atividades comerciais. Confiscar uma porção de todo a criptografia sob o pretexto de "tributação automatizada". Em uma emergência, o governo pode até mesmo anunciar taxas de juros negativas onde suas participações diminuem automaticamente a cada dia.

**********************************************************************************************************

Com tudo isso realizado, os globalistas podem agora implementar o controle totalitário absoluto sobre todos os aspectos da vida privada, impondo "apagões" financeiros para aqueles indivíduos que criticam o governo. Eles podem implementar deduções automáticas por infrações de trânsito, impostos sobre placas de veículos, impostos na internet e milhares de outros impostos opressivos inventados pela burocracia. Com as deduções automáticas administradas pelo governo, os cidadãos não têm meios para deter o confisco incontestável de seu "dinheiro" por burocratas totalitários e seus lacaios do estado profundo.

Eu suponho que os leitores que chegam a este artigo estão bem informados o suficiente para não ter que entrar na história dos cambistas globais e seu desejo por uma moeda mundial. (Se você ainda não entende o objetivo do império bancário globalista e o próximo colapso projetado do sistema de moeda fiduciária, você já está muito desatualizado.)

Com isso como ponto de partida, agora está se tornando cada vez mais evidente que a moeda Bitcoin pode ser uma criação da NSA e foi lançada como uma experiência de "normalização" para familiarizar o público com a moeda digital. Uma vez que isso seja estabelecido, as moedas de aceitação pública serão obliteradas em um colapso projetado da dívida (veja abaixo a sequência dos eventos), em seguida, substituída por uma criptografia aprovada pelo governo com rastreamento de todas as transações e carteiras digitais pelos governos ocidentais do mundo.

Os matemáticos da NSA detalharam o "dinheiro digital" há duas décadas.  Que evidência apoia essa noção? Primeiro, dê uma olhada neste documento intitulado...

Como ficar rico com a criptografia do dinheiro eletrônico anônimo

Este documento, lançado em 1997 - sim, há vinte anos - detalhou a estrutura geral e a função da criptografia do Bitcoin.

Quem criou o documento? Tente não ficar chocado quando você souber que foi escrito por "criptógrafos matemáticos do Escritório de Pesquisa e Tecnologia de Segurança da Informação da Agência de Segurança Nacional".

A NSA, em outras palavras, detalhou os elementos-chave do Bitcoin muito antes de o Bitcoin ter surgido. Grande parte do protocolo Bitcoin está detalhado neste documento, incluindo técnicas de autenticação de assinatura, eliminando falhas de criptografia através de autenticação de transações e vários recursos que suportam anonimato e transações não rastreáveis. O documento até descreve o risco aumentado de lavagem de dinheiro que é facilmente realizado com criptografia. Ele também descreve "hashing seguro"  como sendo "livre de colisões de ambos os lados".

Embora o Bitcoin adicione a mineração e um sistema compartilhado de autenticação de transação de blocos entre pares a esta estrutura, é claro que a NSA estava pesquisando moedas criptografadas muito antes que os usuários diários já tivessem ouvido falar sobre o termo. Note-se, também, que o nome da pessoa responsável pela fundação Bitcoin é Satoshi Nakamoto, que tem a reputação de ter reservado um milhão de Bitcoins para ele próprio. Milhões de postagens e tópicos on-line discutem a possível identidade do Satishi Nakamoto, e alguns posts até afirmam que a NSA prova a identidade de Satoshi. No entanto, outra explicação provável é que Satoshi Nakamoto é a NSA, o que significa que ele está trabalhando para a NSA, e que é um personagem de marionete criado pela NSA para o propósito de toda essa grande experiência.

A NSA também escreveu o hash criptografado usado pela Bitcoin para garantir todas as transações

Além do fato de que a NSA criou um documento técnico sobre moeda criptografada muito antes da chegada do Bitcoin, a agência também é o criador do hash SHA-256 sobre o qual depende toda transação do Bitcoin no mundo.

O site “The Hacker News” explica: 

A integridade do Bitcoin depende de uma função hash chamada SHA-256, a qual foi projetada pela NSA e publicada pelo National Institute for Standards and Technology (NIST). e...

"Se você supõe que a NSA fez algo para o SHA-256, o qual nenhum pesquisador externo detectou,  você obtém habilidade, com ação credível e detectável, eles poderiam ser capazes de forjar transações. O que é realmente assustador é que alguém encontra uma maneira de encontrar colisões no SHA-256 muito rápido sem brute force ou usando muito hardware e depois assumindo o controle da rede." disse Matthew D. Green, cientista da criptografia da “Universidade Johns Hopkins”.

Em outras palavras, se o hash SHA-256, o qual foi criado pela NSA, na verdade, tem um método de backdoor para quebrar a criptografia, isso significaria que a NSA poderia roubar Bitcoins de todo mundo sempre que quiser. (Chame-o de "Dia Zero".) O mesmo artigo, escrito por Mohit Kumar, conclui misteriosamente: "Ainda hoje é muito cedo para chegar a conclusões sobre o Bitcoin. Possivelmente, ele foi projetado desde o primeiro dia como uma ferramenta para ajudar a manter o controle dos suprimentos monetários do mundo".

E, com essa afirmação, Kumar certamente se deparou com o objetivo maior em tudo isso: conquistar o controle da oferta monetária mundial à medida que o sistema de moeda fiduciária se desmorona e é substituído por uma moeda digital de um mundo controlado por globalistas.

Acha que a criptografia é à prova de balas? Pense de novo…

Para você que acha que a criptografia da moeda digital é segura e à prova de balas, considere parte de um artigo do site The Hacker News

O ataque permite que um invasor extraia a chave secreta criptográfica de um sistema analisando o padrão de utilização da memória ou as saídas eletromagnéticas do dispositivo que são emitidas durante o processo de encriptação.

Note, importante, que este é um sistema de criptografia de 1024 bits. A mesma técnica também é tida  para poder decifrar a criptografia de 2048 bits. Na verdade, as camadas de criptografia são decifradas diariamente por hackers inteligentes. Algumas dessas camadas de criptografia estão alimentando várias criptografia no momento. A menos que você seja um matemático de alto nível, não há nenhuma maneira de saber com certeza se qualquer moeda de criptografia é realmente não hackeável.

Na verdade, cada moeda criptografada torna-se obsoleta com a invenção da computação quântica em grande escala. Uma vez que a China conseguir construir um computador quântico de 256 bits, ele pode efetivamente roubar todos os Bitcoins no mundo (além de roubar a maioria dos segredos nacionais e cometer outro caos global à vontade).

Como você se sente sobre seu Bitcoin agora?

Jomarion anexa um crop circle recente e interessante:

Fontes:

Natural News: Evidence points to Bitcoin being an NSA-engineered psyop to roll out one-world digital currency

Bitslog: The Well Deserved Fortune of Satoshi Nakamoto, Bitcoin creator, Visionary and Genius

Bittox: How the NSA identified Satoshi Nakamoto

The Hacker News: Bitcoins - Secured by NSA designed Encryption or Backdoored?

The Hacker News: Researchers Crack 1024-bit RSA Encryption in GnuPG Crypto Library

https://www.anovaordemmundial.com/2017/12/evidencia-aponta-que-o-bitcoin-e-uma-operacao-psicologica-criada-pela-nsa-para-lancar-uma-moeda-digital-no-mundo-inteiro.html

BITCOIN II

Especialista russo revela quem pode estar por trás do bitcoin e seu verdadeiro papel

br.sputniknews.com

Criptomoedas estão dando o que falar em 2017; o preço do bitcoin aumentou mais de 2.000% e muitos falam em verdadeira revolução no mundo financeiro. Entretanto, o economista Valentin Katasonov disse à Sputnik Brasil que o bitcoin está preparando a humanidade para mudanças sem precedentes.

Em 2017, o mercado de criptomoedas bateu numerosos recordes e se tornou um dos temas mais discutidos na mídia. No entanto, para o economista e professor da Universidade de Relações Internacionais de Moscou (MGIMO) Valentin Katasonov é apenas um passo para a criação da moeda global única.

Ele lembrou o projeto denominado “Utility Settlement Coin” (USC)  (moeda digital) que foi lançado há um ano pelas empresas financeiras UBS, BNY Mellon, Deutsche Bank, Santander e NEX. Os bancos multinacionais Barclays, CIBC, Credit Suisse, HSBC, MUFG e State Street se uniram à iniciativa em agosto. (Jomarion...bancos a serviço da cabala das trevas)

"Em 2018, eles planejam lançar a moeda digital chamada Utility Settlement Coin. Devem ajustar a sua circulação com as instituições correspondentes, incluindo a Reserva Federal [FED - Banco Central norte-americano] e o Banco Central Europeu. Não posso excluir que os bancos nacionais europeus, como Bundesbank [banco central alemão] e Banco Central da Itália também participem disso", explicou o economista.

"Esses bancos estão certos de que os reguladores financeiros aprovarão o projeto. Para mim, é evidente que ele foi lançado a pedido dos bancos centrais.

Os bancos fazem declarações diferentes em relação às criptomoedas: às vezes eles querem proibir o seu uso, às vezes afirmam que as moedas digitais têm potencial e que vão estudá-las. Tais declarações servem de cortina de fumaça para ocultar planos reais – a criação da moeda global única", disse Katasonov.

De acordo com o especialista, a ideia da moeda global não é nova. Ele lembrou um artigo intitulado "Um mundo, uma moeda" publicado na revista norte-americana The Economist em 1988. No artigo era explicado que, por volta de 2018, o mundo estaria usando uma única moeda, denominada “Phoenix”.

"Li esse artigo: o seu autor não é indicado, tudo é vago e impreciso. É claro que é um artigo encomendado, levando em consideração que a revista pertence à família Rothschild, foram os Rothschild que o encomendaram", opinou o professor.

Para Katasonov, apesar de o dólar norte-americano ser considerado por muitos como a divisa global, na realidade não desempenha esse papel por existir outras moedas usadas em pagamentos internacionais (euro, libra esterlina, iene japonês e franco suíço). Quanto à nova moeda global, trata-se da divisa que com o tempo substituirá todas as moedas nacionais e até regionais, como o euro.

"O mesmo algoritmo foi aplicado durante a criação do euro. Nos anos 70, no âmbito da União Monetária Europeia, foi introduzida Unidade de Conta Europeia [ECU, na sigla em inglês], usada nas transações internacionais. Depois entrou em vigor o euro: em 1999 em forma não material [transferências, cheques] e em 2002 em notas e moedas. A abolição das moedas nacionais ocorreu até 2003. Todo o algoritmo levou apenas 25 anos", disse o economista.

O projeto atual da moeda global é patrocinado pelos maiores bancos centrais do mundo, entre eles estão a Reserva Federal dos EUA, Banco da Inglaterra, Banco Central Europeu, Banco do Japão e o Banco Central da Suíça. (Jomarion... Bancos que lideram as transações mundiais a favor da elite global que tem levado o mundo a bolsões de miséria insolúveis). Seria uma espécie da Reserva Federal atual, que, por sua vez, é composta por 12 bancos de reserva regionais. Em algum momento os atuais bancos centrais se tornariam apenas divisões regionais do "Banco Central Global".

"Quem se beneficiaria? Os donos do dinheiro. Trata-se dos acionistas principais da Reserva Federal. Mas os donos do dinheiro querem se tornar donos do mundo. Por isso eles estão criando a moeda digital global, emitida pelo Banco Central Global", disse ele.

De acordo com o especialista, "as criptomoedas atuais como o bitcoin ou ethereum é uma preparação psicológica para o mundo sem cédulas no qual todas as pessoas se encontrariam em um “campo de concentração eletrônico-bancário".

"No campo de concentração eletrônico-bancário existiria controle muito rigoroso. Agora há um controle rigoroso nas contas bancárias, mas uma parte das transações – transações com cédulas – está fora de controle. Quando forem eliminadas as cédulas, a liberdade desaparecerá", afirmou Katasonov.

Segundo o economista, o bitcoin é uma chama destinada a preparar as pessoas para o mundo sem cédulas e distrair a sociedade dos eventos importantes que estão fora da atenção da mídia internacional. Para ele, o lendário criador do bitcoin - Satoshi Nakamoto - não existe na realidade, é um protótipo, provavelmente, da inteligência norte-americana.

"Os donos do dinheiro são pessoas pacientes. Agem pouco a pouco, testando através dos projetos-piloto seus algoritmos para no futuro realizar seu projeto mais importante", concluiu o economista.

AFP 2017/ Justin TALLIS

https://br.sputniknews.com/economia/2017121810096540-katasonov-bitcoin-fed-criptomoeda/

Guerra no Governo Oculto

"A GUERRA CIVIL NO ESTADO PROFUNDO OCIDENTAL SE INTENSIFICA COM DETENÇÕES EM MASSA EM WASHINGTON DC E INCÊNDIOS NA CALIFÓRNIA"

Benjamin Fulford - 11.12.2017

Destaques:

*... existem fortes evidências de que armas de energia dirigida como lasers, estão sendo usadas por facções opostas na Califórnia, concordam fontes do Pentágono e NSA...

* ... no dia anterior a 11 de Setembro, Rumsfeld também disse que US $ 2,3 trilhões desapareceram do orçamento do Pentágono.. agora o Departamento de Defesa está sob uma "auditoria sem precedentes para reduzir o desperdício, fraude, abuso e a recuperação de trilhões perdidos no "Estado Profundo" (Deep State)...

*... khazarianos que possuem os bancos centrais, viram sua impressão de dinheiro... criar bolhas nos mercados de ações e títulos... por isso que grande parte desse dinheiro quente... está fugindo para moedas criptográficas, como Bitcoin...

*... o proprietário de Jerusalém é o Vaticano...

*... países que possuem ouro físico, como Rússia, China, Índia e Indonésia são contra a Bitcoin. Aqueles que não têm ouro, como o Japão e os EUA, correm para apanhar bitcoins...

A luta de poder e a guerra civil não declarada no topo do governo secreto ocidental se intensificaram radicalmente, durante, a semana passada, com detenções em massa de mafiosos khazarianos nos Estados Unidos e em outros países, afirmam múltiplas fontes. Também havia uma declaração do presidente dos EUA, Donald Trump, reconhecendo Jerusalém como a capital de Israel, num movimento que não é o que parece. Iremos discutir esse assunto mais adiante.

Porém, em primeiro lugar, precisamos olhar para os eventos extremamente incomuns que aconteceram na Califórnia. Atualmente, os cidadãos desse estado devem se sentir como os ilhéus das Ilhas Salomão durante a Segunda Guerra Mundial, quando os japoneses e os americanos lutaram em suas terras. Agora,
existem fortes evidências de que armas de energia dirigida como lasers, estão sendo usadas por facções opostas na Califórnia, concordam fontes do Pentágono e NSA.

"A situação está febril, já que o incêndio de Bel Air, em Los Angeles, apontam para a base subterrânea de Getty Center, enquanto o incêndio em San Diego aparentemente visa a Base de Camp Pendleton, da Marinha dos EUA", observa o Pentágono. Surgiram vídeos que mostram o que parecem ser raios laser que vindos do céu e desencadeiam incêndios. Além disso, os edifícios estão sendo completamente destruídos pelo fogo, enquanto as árvores aos seus lado estão intactas.
https://www.metabunk.org/unburned-trees-next-to-burned-down-structures-as-evidence-of-secret-energy-weapons.t9168/
O que estamos presenciando é a perseguição de membros de uma facção khazariana, na Califórnia, que, sistematicamente, tem sacrificado e torturado crianças, além de comer sua carne, dizem fontes da Sociedade Dragão Branco - SDB. Entendemos que isso seja tão horrível que se torna muito difícil para muitos de nós acreditar. Alguns leitores escreveram afirmando que um artigo que citamos na semana passada, no qual o diretor/ator de Hollywood, Mel Gibson, fala sobre as elites de Hollywood que comiam carne de bebê era desinformação. É verdade que não confirmamos isso com Mel Gibson. No entanto, as chamadas organizações de notícias tradicionais como o The New York Times, agora, estão relatando que o Departamento de Justiça dos EUA está investigando a organização eugênica Planned Parenthood, por vender carne es órgãos de bebês abortados.
https://www.breitbart.com/big-government/2017/12/07/justice-department-launches-federal-investigation-planned-parenthood/

Os satanistas khazarianos que realizam tais atividades nos governaram por tanto tempo que se sentem seguros ao publicamente exibirem seus símbolos em todo o mundo. Por exemplo, o edifício do Banco do Japão (BOJ), construído em 1882, possui um escudo familiar sobre o portão principal e nas suas entradas laterais. Como você pode ver nas fotografias abaixo, a crista pertence as famílias reais khazarianas.

Os dois leões são marcas heráldicas conhecidas como o Leão de Judá, que significa que as pessoas que exibem essa marca afirmam ser descendentes do Rei Davi. A marca no meio é o Olho de Hórus, o mesmo que vemos no topo de uma pirâmide nas notas de 1 dolar - US 1. Em outras palavras, o Japão é administrado a partir da sede mundial satanista khazariana em Zug, na Suíça.

Por sinal, a família real japonesa, usa o crisântemo como marca registrada, então, essa marca não é dela. Um porta-voz do BoJ disse: “Nossa posição oficial é que não sabemos qual o significado desse escudo”.

Apesar da negativa do BoJ, existem muitas evidencias de que o Japão tenha sido uma colônias sionista khazariana desde 1863. A informação mais recente vem de fontes do Pentágono que dizem que:”
Embora muitos equiparam o homem foguete (Kim Jong-Un) = Fat boy (nome da bomba atômica lançada sobre Hiroshima), o verdadeiro homem foguete é Elon Musk da Space X, que foi financiado pelo ex regime americano para armar a Coréia do Norte”. Não é de admirar que o site de informações/desinformações do Departamento de Informações ligado ao Mossad israelense, DEBKA, se vangloria, toda vez que o representante khazariano da Coréia do Norte lança algum míssil ou detona alguma arma nuclear.

Esta evidência aparece agora porque o ex-Secretário de Defesa dos EUA, Donald Rumsfeld, “virou as mesas”, depois de ter ter encontrado evidencias de que uma empresa em que ele fazia parte do conselho de administração, forneceu à Coreia do Norte a tecnologia necessária para produzir Plutônio, um ingrediente essencial das armas nucleares, dizem fontes do Pentágono.

Acrescentaram que “Rumsfeld foi um capitão da Marinha e a sua mudança radical juntamente com o ex-oficial da marinha (Procurador Especial Robert Mueller) acabaria com o projeto de evasão do ex-Vice-Presidente Dick Cheney, Bush e Israel do 11 de Setembro de 2001 e outros crimes, dizem as fontes”


No dia anterior a 11 de Setembro, Rumsfeld também disse que US $ 2,3 trilhões desapareceram do orçamento do Pentágono. Bem, agora o Departamento de Defesa está sob uma "auditoria sem precedentes para reduzir o desperdício, fraude, abuso e a recuperação de trilhões perdidos no "Estado Profundo" (Deep State), dizem as fontes.

O Congresso também está sob pressão para aprovar legislação para auditar o Conselho da Reserva Federal. Para ajudar a fazer isso acontecer, o Congresso e o Senado dos EUA estão experimentando um expurgo que já envolvem mais de 30 congressistas e senadores. Foi-lhes comunicado para se demitirem ou irem para a prisão. As recentes demissões do senador Al "Pervertido" Franken e dos congressistas John Convers e Trent Franks, "em breve, serão seguidas por muitas outras", dizem as fontes.

Também, está acontecendo um expurgo contínuo na administração de Trump. "Este é o final da facção de Jared Kushner, como um globalista “Goldmanita” infiltrado... a informante de Jared, (a principal conselheira de Trump) Dina Powell, que está fora da Casa Branca afirma que o Goldmanita Gary Cohn (acessor de Trump) é o próximo", acrescentaram as fontes.

"O próprio Kushner pode ser acusado de atuar como agente não registrado de Israel e outras violações, já que é difícil para Trump despedir seu próprio genro", dizem fontes do Pentágono.

A incursão dos Marines, no dia 18 de Novembro no QG da CIA, também, pôs fim à Operação Mockingbird, uma vez que
os meios de comunicações corporativos como: The Washington Post, The New York Times, Bloomberg, ABC, CNN e outras, foram forçados a emitir correções e desculpas, geralmente, por suas histórias anti-Trump. Agora, também, são obrigados a denunciar a verdade sobre coisas como a venda de carne de bebês pela Planned Parenthood.

A propósito, esclarecendo sobre o ataque da Marinha ao QG da CIA, o que, agora, ouvimos é que os fuzileiros navais foram implantados numa demonstração de força, em duas bases aéreas, "situadas, cerca de 180 milhas de distância" da sede da CIA, em Langley. Isso foi suficiente para convencer a CIA permitir que a Inteligência da Marinha entrasse no complexo e confiscasse os computadores, dizem as fontes. Como resultado, um expurgo do Departamento de Justiça, dos tribunais e do FBI já começou, dizem fontes do Pentágono.

Em qualquer caso, estrategistas do Pentágono dizem que sua abordagem para derrubar a elite é totalmente militar. Isso significa que começaram a cortar seus postos de escuta (como a CIA) e derrotar as tropas de baixo nível. No caso dos khazarianos, isso significava acabar com os obscenos gângsteres MS-13, pedófilos de baixo nível e criminosos similares e que, essas pessoas foram forçadas a apontar quem eram seus mandantes.

Todos esses movimentos parecem ir contra o reconhecimento de Trump, que na semana passada anunciou que Jerusalém era a capital de Israel. Isso levou muitas pessoas ao redor do mundo a pensar que Trump, afinal, fosse um agente sionista. No entanto, fontes do Pentágono dizem que este foi "um movimento calculado para incitar o ódio global em relação a Israel, a fim de acabar com a camarilha khazariana". As mesmas fontes indicam que os EUA, ainda se recusam a reconhecer a cidade de Jerusalém em passaportes, mapas e documentos oficiais.

"A transferência da Embaixada dos EUA para Jerusalém NÃO acontecerá. A implementação real da ordem de Trump não é válida por seis meses. Muito irá acontecerá até Maio de 2018 ", de acordo com uma fonte da CIA. Esta fonte da CIA, que é judaica, afirma que, até hoje, "o proprietário de Jerusalém é o Vaticano".

A loja maçônica P2, que controla o Vaticano, claramente é algo grande e seguro. Quando visitei sua sede, eles me disseram que planejaram seus grandes eventos de engenharia social coincidentes com os movimentos dos corpos celestes. Nessa frente, estamos no meio de um ciclo de três super luas. O primeiro foi em 03 de Dezembro. Os próximos dois são 01 de Janeiro e 31 de Janeiro. 31 de Janeiro será uma super lua, uma lua azul em que, também, acontecerá um eclipse lunar. Este é também o prazo limite para os pagamentos do governo dos EUA. 

Numa conjectura de que, se os khazarianos ainda controlarem grande parte do sistema financeiro, é a redução de todos os pagamentos de salários dos militares dos EUA e do resto do pessoal do governo, nessa data e, os chapéus brancos das agências dos EUA poderão querer organizar algum tipo de plano de contingência.

A outra coisa a se ter em mente é que, enquanto, no mundo, a atividade mais caótica, agora, está nos EUA. A UE pode estar prestes a alcançar um novo surto de turbulência. Militares chineses e russos estão preparados para recuperar os campos de petróleo da Líbia das mãos de mercenários contratados por facções francesas, britânicas e italianas da máfia khazariana. O resto da África pode seguir (esta mudança de mãos). Os militares dos Estados Unidos esperam por esse acontecimento, uma vez que, sem o petróleo líbio e os recursos africanos a custo de centavo por dólar, a UE e o euro podem enfrentar graves turbulências financeiras.

Além disso, ao falar sobre o sistema financeiro, os
khazarianos que possuem os bancos centrais, viram sua impressão de dinheiro finalmente criar bolhas nos mercados de ações e títulos. É por isso que grande parte desse dinheiro quente, agora, está fugindo para moedas criptográficas, como Bitcoin e, então seu valor dispara. Essa pode ser uma bolha, todavia, bolhas podem crescer várias vezes antes de estourar.

Mesmo que a bolha venha a estourar, a longo prazo, as moedas criptografadas representam uma melhoria técnica e provavelmente substituirão grande parte da atual arquitetura financeira. Também é interessante notar que países que possuem ouro físico, como Rússia, China, Índia e Indonésia são contra a Bitcoin. Aqueles que não têm ouro, como o Japão e os EUA, correm para apanhar bitcoins. O fato é que ninguém pode comer bitcoins, da mesma forma que, também, não pode comer ouro. 

E, no final do dia, a Sociedade Dragão Branco espera que essas duas facções sejam forçadas a reconhecer que a principal moeda é a própria vida. No momento, a vida na Terra está sob ataque e a humanidade precisa se unir para salvar o planeta.

Autor: Benjamin Fulford 

Fonte primária: https://benjam20infulford.net  e  https://benjaminfulford.typepad.com

Fonte secundária: https://conspireplanet.blogspot.com.br/

www.sementesdasestrelas.com.br/2017/12/benjamin-fulford-guerra-civil-no-estado.html

 

Economista norte-americano afirma:

Dólar está com os “dias contados” como moeda mundial

br.sputniknews.com

A rapidez com que o dólar norte-americano deixará de ser a principal moeda mundial dependerá das ações do presidente dos EUA Donald Trump, afirmou o economista.

A longa hegemonia do dólar como a principal moeda mundial pode ser destruída em breve, disse o especialista em sistemas monetários globais Barry Eichengreen. Se assim for, ficará equiparado ao euro ou ao yuan chinês.

Recentemente Eichengreen, que publicou – junto com economistas do Banco Central Europeu – o livro "Como funcionam as moedas globais: passado, presente e futuro", analisou as reservas dos bancos centrais de 1910 a 1970.

O especialista afirmou que a teoria de que existe apenas uma moeda que domina o comércio mundial não é certa e explicou que as três moedas principais são obrigadas a compartilhar o protagonismo. Além disso, ele considera que o yuan chinês poderia se posicionar como a moeda principal se o governo chinês adotar as reformas adequadas neste campo.

Eichengreen, que também é professor de economia na Universidade da Califórnia, declarou que o tempo que levaria para o colapso do dólar como moeda mundial dependerá das ações realizadas pelo presidente dos EUA Donald Trump e que isso acontecerá "mais cedo que tarde", informou o portal Quartz.

Moedas como o franco francês ou o marco alemão também tiveram relevância internacional, além da libra esterlina no período anterior à Primeira Guerra Mundial, mas "a ausência de alternativas permitiu que o dólar se aproximasse da monopolização do papel de moeda internacional na segunda metade do século XX", afirmaram os economistas.

Quanto ao Bitcoin, Eichengreen opinou que apesar de a moeda virtual ser um meio de pagamento mais eficaz, não é uma boa reserva de valor.

© Sputnik/ Oleg Lastochkin

https://br.sputniknews.com/economia/2017121310061401-economista-dolar-bitcoin-yuan/

Você Precisa Saber... A Mídia não vai mostrar

Entenda como o Brasil dará perdão fiscal de R$ 576,75 bilhões às petroleiras estrangeiras

Sputnik - Brasil

Apenas nos próximos três anos, o Governo Federal poderá deixar de arrecadar R$ 576,75 bilhões caso o Senado confirme a decisão da Câmara e aprove a Medida Provisória 795 - que estabelece regras de tributação especiais para as petroleiras estrangeiras.

A MP foi editada por Michel Temer (PMDB) sob a justificativa que era necessária para tornar os leilões de campos do pré-sal mais atrativos. Com os benefícios fiscais, o leilão teria mais interessados.

Toda essa movimentação aconteceu de maneira relativamente despercebida — até o jornal “The Guardian” publicar que o Governo britânico fez lobby em favor de suas petroleiras.

A Sputnik explica quatro pontos-chave para entender a MP 795.

Como funciona a exploração de petróleo no Brasil?

Por mais de quatro décadas, o petróleo brasileiro foi uma exclusividade da Petrobrás. O monopólio começou em 1953, quando o então presidente Getúlio Vargas criou a empresa, e foi até 1997, quando Fernando Henrique Cardoso assinou a Lei do Petróleo.

A legislação abriu o mercado nacional de pesquisa, exploração, produção e refino de petróleo e gás natural para empresas estrangeiras.

Entre indas e vindas legislativas, existem dois modelos de exploração de petróleo de maneira privada no Brasil hoje:

Concessão: o petróleo é explorado por uma empresa que assume os riscos de pesquisa e de investimentos. Essa empresa passa a ser a proprietária do petróleo que extrai. Em contrapartida, o Estado recebe pagamentos na forma de royalties.

Partilha: o petróleo é dividido entre Petrobrás e as outras empresas envolvidas na iniciativa — que ficam com uma porcentagem da produção determinada por contrato. Até o final de 2016, a Petrobrás era obrigada a ser a operadora dos campos de pré-sal e ter um mínimo de 30% de participação em todas as operações. Mas essa situação foi alterada por uma lei aprovada pelo Congresso Nacional.

O modelo de partilha foi utilizado no leilão de oito áreas do pré-sal realizado no final de novembro. Foram arrematadas seis delas, o que rendeu um bônus de assinatura de R$ 6,15 bilhões — uma quantia essencial para garantir a manutenção da meta fiscal.

A participação da Petrobras neste campos varia entre nenhuma até 80%.

Como foi lobby das petroleiras estrangeiras?

A preocupação das petroleiras britânicas com os impostos e as regras de utilização de material nacional foi transmitida pelo ministro de comércio do Reino Unido, Greg Hands, em três reuniões em março de 2017 com o secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Paulo Pedrosa.

Pedrosa garantiu que as preocupações britânicas estavam sendo transmitidas ao Governo brasileiro. Temer editou a MP 795 em agosto.

O teor das reuniões entre Hands e Pedrosa foi descoberta por meio de uma correspondência diplomática obtida pela ONG Greenpeace através da lei de transparência britânica.

Após a publicação do relato, Pedrosa afirmou à imprensa nacional que a conversa com Hands foi uma "discussão normal entre representantes de dois países".

O que é um benefício fiscal?

Benefício fiscal é regime de impostos diferenciado, com descontos, utilizado para fomentar algum setor da economia que o Estado deseja incentivar. Trata-se de uma ferramenta utilizada por vários países do mundo.

O professor do Instituto de Economia da Unicamp Francisco Lopreato esclarece que o uso de benefícios fiscais não é uma novidade no Brasil, já que a prática é utilizada desde os governos da ditadura civil-militar (1964-1985) para incentivar a indústria nacional.

 Lopreato, entretanto, esclarece que a MP de Temer é diferente:

"O uso desses incentivos fiscais com o setor petroleiro não tem nada a ver com a indústria nacional. Não tem nada a ver com uma proposta de alavancagem do setor industrial como uma forma de expandir o crescimento industrial e do país. Pelo contrário, os incentivos fiscais vão reduzir a atividade do setor industrial brasileiro porque favorecem a importação de vários produtos, não só os sofisticados como também os mais simples", afirmou Lopreato em entrevista exclusiva à Sputnik Brasil.

Como fica a indústria nacional?

Outro ponto alterado por Temer é a suspensão de impostos para importação de equipamentos utilizados pelas petroleiras para a exploração de petróleo em solo nacional.

As empresas estrangeiras vão deixar de pagar imposto de importação, IPI, PIS-importação e COFINS-importação para os equipamentos utilizados na exploração de petróleo. Caso eles não sejam utilizados dentro de quatro anos, a cobrança será feita com juros.

Até mesmo produtos de baixo valor agregado, como materiais de embalagem, terão isenção de impostos.

A medida recebeu críticas da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ):

"O setor já está praticamente sem serviço, devido à falta de encomendas e à redução dos investimentos da Petrobras. Então, a tendência é que sucumba caso equipamentos que têm similar nacional possam ser importados sem impostos", afirmou o presidente da ABIMAQ, José Velloso, em entrevista à Folha de Pernambuco. 

Luiz Pinguelli Rosa, professor de planejamento energético da UFRJ, também não concorda com a isenção de impostos. Para ele, a isenção deveria atingir equipamentos específicos e não ser ampla da maneira como está desenhada atualmente.

"[A nova regra] impede que os recursos de produção de recursos sejam internalizados, novamente atendendo aos interesses das empresas estrangeiras. São atividades industriais que não vão ser mais feitas no Brasil, mas sim em outros países. É uma atuação totalmente contrária aos interesses brasileiros", afirmou o professor da UFRJ em entrevista exclusiva à Sputnik Brasil.

Já o professor do Instituto de Economia da Unicamp Francisco Lopreato acredita que Temer desempenha uma "não política” industrial.

Sputnik/ Laura Korobkova

https://br.sputniknews.com/sputnik_explica/2017120710017275-perdao-fiscal-temer-petroleiras-estrangeiras-mp-675-lobby-bilionario/

Sergio Moro Hostilizado em Coimbra

"A palestra do juiz federal Sérgio Moro em Portugal foi marcada por protestos. Os muros da Universidade de Coimbra, uma das mais tradicionais do país, foram pichados por estudantes brasileiros e portugueses com frases contra Moro."

A palestra estava marcada para a tarde desta segunda-feira (5 de dezembro). A participação dos interessados custa dez parcelas de R$ 850 e confere o direito a uma série de jantares que correm paralelamente ao evento. O evento é chamado “Accountability, Compliance, Boa Governança e Princípio Anticorrupção".

Por meio de cartas abertas, a Esquerda Brasileira em Coimbra (EBRAC) e a Associação dos Pesquisadores e Estudantes Brasileiros em Coimbra (APEB/Coimbra) afirmaram que "não é condizente com os princípios da Universidade receber um juiz que contribuiu de forma decisiva para o golpe de estado no Brasil".

Pichação em muro da Universidade de Coimbra

AS CARTAS: Confira a íntegra das cartas emitidas contra a presença do juiz no evento

Carta da APEB

Às Diretorias do Instituto IUS Gentium Conimbridge e do Instituto Internacional de pesquisas e estudos jurídicos em liberdades civis fundamentais,

A Associação dos Pesquisadores e Estudantes Brasileiros em Coimbra (APEB/Coimbra) se pauta pela defesa dos direitos fundamentais de todos os cidadãos. Apesar de reconhecer que o combate à corrupção constitua uma tarefa inerente ao próprio princípio republicano, a APEB/Coimbra entende que tais atribuições das autoridades estatais não podem jamais serem utilizadas como pretextos para práticas arbitrárias que resultem em prejuízos aos direitos humanos.

Nesse intuito, a Associação questiona a coerência da escolha do magistrado Sérgio Fernando Moro para palestrar sobre temas como transparência e combate a corrupção em um curso cujos organizadores são institutos de pesquisa que defendem os direitos humanos e as liberdades civis. Tendo em vista que os métodos de atuação no processo judicial adotados por Sérgio Moro são contestados justamente no Comitê de Direitos Humanos das Organizações das Nações Unidas, a APEB/Coimbra manifesta a sua perplexidade com a escolha desse personagem para participar no evento que trate de tais temáticas na qualidade de conferencista.

Zelando pelos interesses da comunidade acadêmica brasileira na cidade de Coimbra e representatividade democraticamente a nós conferida.

APEB/Coimbra.

Carta da EBRAC:

CARTA ABERTA AO JUIZ SÉRGIO MORO

A Esquerda Brasileira em Coimbra (EBRAC), coletivo plural constituído por brasileiras e brasileiros residentes nesta cidade, vem a público manifestar descontentamento com a presença do juiz Sérgio Moro no curso "Transparência, Accountability, Compliance, Boa Governança e Princípio Anticorrupção", que acontece entre os dias 4 e 7 de dezembro de 2017. A participação do magistrado no evento – realizado por Gentium Conimbrigae, instituto de Direitos Humanos da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, e pelo Instituto Internacional de Pesquisas e Estudos Jurídicos em Liberdades Civis Fundamentais – demonstra uma contradição com o próprio tema do curso e também com as causas defendidas pelos organizadores.

Nós entendemos que o juiz Sérgio Moro tem negligenciado preceitos constitucionais e liberdades básicas às/aos acusados, tanto no Brasil como na Europa. São inúmeros os exemplos de violação de direitos fundamentais, como o da ampla defesa e do devido processo legal, a presunção da inocência e a garantia do sigilo telefônico dos cidadãs e cidadãos. Além disso, a atuação do magistrado nos processos relativos a Lava-Jato demonstra motivações político-partidárias do juiz nas suas decisões.

Durante seu trabalho, Moro ignorou o princípio da imparcialidade, adotando condutas inadmissíveis como a divulgação de escutas de conversas privadas obtidas de maneira ilegal, como o "vazamento" da conversa da presidenta Dilma Roussef com o ex-presidente Lula da Silva, com um claro intuito de desestabilização de um governo democraticamente eleito por mais de 54 milhões de eleitores.

 A autorização de conduções coercitivas fora do previsto em lei e a utilização de coação para obtenção de acordos de delação premiada tornaram-se prática corrente no seu modo de atuar. Por fim, Moro adotou uma postura inquisitorial ao longo de todo o processo, agindo ao mesmo tempo como juiz e acusador.

Diante desses fatos, é notório que o juiz Sérgio Moro não tem legitimidade para representar a Justiça Brasileira falando sobre combate à corrupção e transparência, pois o magistrado utiliza métodos ilegais e ilegítimos, tanto no Brasil como na Europa. A EBRAC ressalta que não se combate corrupção violando direitos constitucionais.

Coimbra, 04 de dezembro de 2017.

https://www.jb.com.br/pais/noticias/2017/12/05/moro-e-alvo-de-protestos-na-universidade-de-coimbra/

Magistrado da USP processa Janaina Paschoal

O chefe do Departamento de Direito Penal, Medicina Forense e Criminologia da USP, Salomão Shecaira, entrou com uma ação judicial por difamação contra a professora e advogada Janaina Paschoal , uma das autoras do processo de impeachment contra a ex-presidente Dilma Rousseff.

Em setembro, Janaina protestou em sua conta no Twitter por não ter sido classificada para o concurso de professor titular do departamento. Na época, ela afirmou, na rede social, que Shecaira tinha "relação estreita" com o primeiro colocado no concurso, o professor Alamiro Velludo.

Janaina também acusou Velludo de plágio, por ter copiado ideias da tese de um doutorando, Leandro Sarcedo. E que Shecaira, que foi orientador de mestrado e doutorado de Sarcedo, foi conivente com o fato de que Velludo, candidato no concurso de professor, apresentou ideias de outra pessoa e não sofreu nenhuma punição ou perda de pontos no concurso.

Em outubro, em entrevista ao Estado de S.Paulo, Janaina disse que entraria com recurso para anular o resultado final do concurso: "Não tenho como negar a perseguição, não é só política. É maior do que isso, é de valores mesmo (...) Eu já sabia que não teria a menor chance de ganhar pelas questões políticas, eu já esperava ser reprovada. Eles me veem como uma conservadora”.

Advogada disse que professor de banca examinadora de concurso foi conivente com plágio.

Abaixo algumas manchetes sobre “Janaina, A Louca”

"Musa do impeachment", Janaina Paschoal vai inspecionar banheiros

 Janaína envia mensagens a Trump para que EUA interfiram na Venezuela

Fala de Janaina Paschoal sobre ataque de Putin ao Brasil gera piadas na 'web'

Aos médicos, o discurso da líder da oposição, Janaína Paschoal

FONTE: https://www.jb.com.br/pais/noticias/2017/12/01/chefe-do-departamento-de-direito-da-usp-processa-janaina-paschoal-por-difamacao/

Estão entregando o Brasil

Câmara aprova benefício de R$ 1 trilhão às petrolíferas que atuam no país

*Jomarion... até 2014 tínhamos a 8ª maior empresa de petróleo do Mundo -  a Petrobras -  que foi alvo de “armação das elites corporativas” para parecer corrupta e incompetente (mentiras e manipulações) para desvalorizar suas ações... com o “golpe infame” que o país sofreu, o setor petroleiro fundamental e estratégico para nosso país está sendo desmontado para servir a interesses econômicos das corporações iluminatti – cabala escura!

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira uma medida provisória de incentivo às grandes empresas petrolíferas que atuam no Brasil, trata-se de isenções que podem atingir a marca de R$ 1 trilhão de recursos que o país deixará de arrecadar. (Jomarion... um presente de Natal para corporações estrangeiras!)

De autoria do deputado federal Júlio Lopes (PP-RJ), o projeto cria um regime especial de importação de bens a serem usados na exploração, no desenvolvimento e na produção de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos, além de propor uma solução para litígios tributários relacionados ao Imposto de Renda incidente sobre afretamento de embarcações e plataformas flutuantes.

Na prática, bens importados por petrolíferas que permanecerão no país ficarão isentos de alguns impostos, como o Imposto de Importação (II), o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), o PIS/Pasep-Importação e a taxa Cofins-Importação.

O texto-base aprovado permite que, a partir de 2018, empresas de petróleo e gás deduzam na apuração do lucro real e da base de cálculo da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) os valores aplicados em atividades de exploração e produção. Também passa a ser dedutível do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da CSLL o gasto com a compra de máquinas e equipamentos.

Outro benefício para as empresas petrolíferas em atuação no Brasil é a suspensão de tributos na importação ou na compra no mercado interno de matérias-primas, produtos intermediários e materiais de embalagem a serem usados para fazer um produto final decorrente das atividades de exploração de petróleo.

As petrolíferas ainda poderão parcelar débitos de 2012 a 2014 com os cofres públicos brasileiros, anteriores ao estabelecimento das alíquotas para disciplinar a isenção do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) no afretamento de embarcações. No total, com o parcelamento e a desistência das multas, a renúncia fiscal do governo federal será de R$ 11,14 bilhões em 2018.

Bate-boca sobre medida "Mishell"

Contudo, o montante é muito maior quando considerados todos os benefícios. Enquanto a base governista alega que a medida provisória vai incentivar a indústria nacional e tornará os campos de exploração atrativos para o mercado internacional, a oposição afirma que o projeto aumenta a crise fiscal e afeta a indústria nacional.

"O que prevalece aqui é o interesse de todas grandes empresas petroleiras do mundo, que são aquelas que irão ganhar com esta medida provisória, que pode trazer prejuízos tributários da ordem de R$ 1 trilhão", disse a deputada Maria do Rosário (PT-RS), citada pela Agência Câmara.

A petista ainda ironizou a medida, a qual deveria se chamar "Mishell", como uma "homenagem perversa" à petrolífera anglo-holandesa e a outras empresas estrangeiras do setor que, segundo ela, serão beneficiadas pela proposta.

Já o deputado Júlio Lopes ressaltou que o projeto moderniza a legislação brasileira e ajudará o país a recuperar parte do tempo perdido após a transição da exploração do pré-sal para o regime de partilha, que, segundo ele, levou o Brasil à "paralisação total de suas prospecções e explorações".

Além da arrecadação, o Brasil tende a perder empregos gerados pelo conteúdo nacional e as proteções ambientais no setor, segundo o deputado Leo de Brito (PT-AC), que relembrou a notícia do jornal britânico The Guardian que cita o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho. Segundo o jornal, o ministro do Comércio do Reino Unido, Greg Hands, pressionou o governo brasileiro para obter vantagens às empresas petrolíferas BP, Shell e Premier Oil.

"Trata-se de R$ 1 trilhão, com impacto não apenas para a União, mas também para Estados e municípios. E nós estamos falando de isenção de Imposto de Renda, que faz parte da base de cálculo dos fundos de participação de Estados e municípios", sentenciou o deputado André Figueiredo (PDT-CE).

Tomaz Silva/Agência Brasil (Portal Sputnik)

Ler na integra: https://br.sputniknews.com/brasil/201711309970192-camara-isencao-petroliferas/

Rússia quer lançar Internet independente para os países do BRICS

O Conselho da Defesa russo pediu ao governo para desenvolver uma infra-estrutura independente da Internet para os países dos BRICS. Este, continuaria a operar, em caso de problema de conexão global.

Uma Internet independente para garantir o mais alto grau de segurança

O projeto foi anunciado pelo Conselho da Defesa russo, durante uma reunião em outubro, de acordo com o RBK diario  russo em sua edição de 28 de Novembro. De acordo com o jornal, o Conselho encarregou os Ministérios de Comunicações e Relações Exteriores da Rússia para iniciar uma discussão a respeito com os outros países dos BRICS (Brasil, Índia, China e África do Sul) antes de 1º de Agosto. Este prazo foi estabelecido por Vladimir Putin em pessoa.

Isto será especialmente criado para estes cinco países, será um sistema de servidores duplicadores DNS, com controle independente ICANN, IANA e VeriSign ( regulamentação da Internet corporativa)  e capaz de servir as necessidades dos usuários dos paises do BRICS sem falhas específicas ou influências", de acordo com o documento citado por RBK.

"O monopólio dos países ocidentais para realizar operações ofensivas no ciberespaço  representam uma séria ameaça para a defesa da Rússia. O domínio dos EUA e alguns países da UE em termos de regulamentação da Internet é persistente ", diz o documento.

A Rússia, já ha alguns anos,  está à procura de independência do sistema global de servidores DNS, intermediários de todas as conexões de Internet. Em 2014, o Ministério russo de Comunicações realizou um exercício maciço no qual ele simulou a "desconexão" súbita da Rússia. O sistema auxiliar de servidores DNS foi bem sucedido garantindo o funcionamento contínuo da rede no interior do país.

Alguns exercícios simulando uma emergência por Moscou, que não prevêm a possibilidade de desconexão intencional foram realizados. "A separação da Rússia a partir da Internet global é obviamente fora de questão", disse sobre o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov. "Mas em vista de uma certa imprevisibilidade das ações de nossos parceiros nos EUA e Europa, devemos estar prontos para enfrentar qualquer situação", garantiu.

Fonte:  https://francais.rt.com

Página do artigo: https://alalumieredunouveaumonde.blogspot.com.br/2017/11/la-russie-veut-lancer-un-internet.html

“A Noite das Facas Longas”

Google Lança Colossal Campanha de Censura na Calada da Noite

A gigante tecnológica lança a "Noite das Facas Longas" digital em resposta à presidência de Trump
O Google agora está "revisando as afirmações" dos artigos de notícias do Infowars, incluindo links para sites de "verificação de fato" (de esquerda ou conspiração) Exemplo: quando as pessoas buscam por Alex Jones ou Infowars.

A opção de biografia do Google para Alex Jones, a qual é mostrada com resultados de pesquisa relacionados, agora tem uma aba "Reivindicações Revisadas" que exibe um título do Infowars e um artigo associado do site Politifact e/ou Snopes.com que questiona a notícia.

O problema é que esses sites de "verificação de fato" não são tão imparciais como eles afirmam e geralmente estão alinhados com os interesses do establishment, particularmente aqueles do Vale do Silício que queriam Hillary Clinton na Casa Branca.

"A maioria dos 'verificadores de fato' são apenas jornalistas liberais que procuram provar sua narrativa preconcebida", escreveu Kelly Riddell, do Washington Times. "Eles escolhem a dedo as declarações para 'verificar o fato' e depois decidem quais dados apoiar."

"As estatísticas podem ser manipuladas - para cada estudo que sai do Brookings Institute, a Heritage Foundation pode ter um contra argumento, dependendo da metodologia e pesquisas utilizadas. Além disso, muito do que eles decidem 'verificar o fato' é, na melhor das hipóteses, algo subjetivo. Nada que possa ser fixado com dados incontestáveis​​".

Em suma, a "verificação de fato" é um jornalismo de opinião que finge ser uma espécie de objetividade elevada, como James Taranto, do Wall Street Journal, afirmou tão eloquentemente. O público em grande parte concorda; a maioria dos eleitores não confiou na "verificação de fato" do ciclo de notícias da mídia durante a campanha presidencial, de acordo com uma pesquisa.

A maioria dos eleitores acreditam que as organizações de notícias têm preferidos quando se trata de declarações de verificação de fatos dos candidatos, mas esse ceticismo é muito mais forte entre os eleitores que apoiam Donald Trump do que aqueles que apoiam sua rival Hillary Clinton,” afirmou o estudo. "Um novo relatório e pesquisa online nacional Rasmussen descobriu que apenas 29% de todos os prováveis eleitores americanos ​​confiam na verificação dos comentários dos meios de comunicação na mídia".  "Sessenta e dois por cento (62%) acreditam que as organizações de notícias desviam os fatos para ajudar os candidatos que eles apoiam".

A última campanha de desinformação do Google é uma "Noite das Facas Longas" digital, destinada àqueles que rotineiramente compõem os pontos de discussão do establishment, e provavelmente foi concebido após Clinton perder as eleições presidenciais de 2016.

Mas as elites já perderam; já passamos no ato irrevogável, em que as pessoas preferem pensar por si mesmas, tomando pedaços do ciclo de notícias - removendo a desinformação do establishment no processo - para formar sua própria análise, em vez de simplesmente terem suas "opiniões" guiadas por sites de "verificação de fato".

Fontes:

Infowars: GOOGLE LAUNCHES COLOSSAL CENSORSHIP, DISINFORMATION CAMPAIGN UNDER COVER OF NIGHT

The Washington Post: Eight examples where ‘fact-checking’ became opinion journalism

Daily Mail: EXCLUSIVE: Facebook 'fact checker' who will arbitrate on 'fake news' is accused of defrauding website to pay for prostitutes - and its staff includes an escort-porn star and 'Vice Vixen domme'

Página deste artigo: https://www.anovaordemmundial.com/2017/11/google-lanca-campanha-de-censura-colossal-na-calada-da-noite.html

É importante derrotar as Elites do Atraso

Leonardo Boff - Jornal do Brasil

... o atual golpe jurídico-parlamentar de 2016, que injustamente apeou do poder a Presidenta Dilma Rousseff... não precisou mais de cassetetes e de tanques. Bastou aliciar as elites endinheiradas, as 270 mil pessoas (menos de 1% da população) que controlam mais da metade do fluxo financeiro do país, associadas aos meios massivos de comunicação, claramente golpistas e anti-populares...

O Brasil ocupa uma posição importante no cenário geopolítico mundial. É a sétima economia do mundo, controla o Atlântico Sul e está voltada para a Africa. Esta área, na estratégia do Pentágono (que cuida do sul, pela segurança do Império norte-americano), estava a descoberto. Havia aí um país, chamado Brasil, chave para a economia futura, baseada na ecologia, que tentava conduzir um projeto de nação autônomo e soberano, mas aberto à nova fase planetária da humanidade. Precisava ser controlado.

Por mais críticas que se faça e se tenha que fazer ao PT, com ele ocorreu algo inédito na história política do país. Alguém do andar de baixo conseguiu furar a blindagem que as classes do poder, da comunicação e do dinheiro, por séculos, montaram, para minimizar ao máximo políticas públicas em benefício de milhões de empobrecidos.

O mote era: políticas ricas para os ricos e políticas pobres para os pobres. Assim estes não se rebelariam. A verdade é que as elites endinheiradas nunca aceitaram um operário, eleito por voto popular, a chegar ao poder central. É fato que elas também se beneficiaram, pois a natureza de sua acumulação, uma das mais altas do mundo, sequer foi tocada.

Mas permanecia aquele espinho dolorido: ter que aceitar que o lugar supostamente deles, fosse ocupado por alguém vindo de fora, sobrevivente da grande tributação, imposta aos pobres, negros, indígenas, operários durante todo o tempo da existência do Brasil. O nome de seu horror é Luiz Inácio Lula da Silva.

Agora esta elite despertou. Deu-se conta de que estas políticas de inclusão social poderiam se consolidar e modificar a lógica de sua abusiva acumulação.

Como é conhecido pelos historiadores que leram e leem a nossa história a partir das vítimas, como é o caso do mulato Capistrano de Abreu, do acadêmico José Honório Rodrigues e do sociólogo Jessé Souza entre outros, diferente da história oficial, sempre escrita pela mão branca, todas as vezes que as classes subalternas ergueram a cabeça, buscando melhorar a vida, esta cabeça foi logo golpeada e os pobres reconduzidos à margem, de onde nunca deveriam ter saído.

A violência nas várias fases de nossa história foi sempre dura, com prisões, exílios, fuzilamentos e enforcamentos ao revoltosos e particularmente com referência aos  pobres e negros, estes últimos centenas deles assassinados ainda neste ano.  

A política de conciliação das classes opulentas, à revelia dos reclamos populares, sempre detiveram o poder e os meios de controle e repressão. E o usaram vastamente. 

Não é diferente no atual golpe jurídico-parlamentar de 2016 que injustamente apeou do poder a Presidenta Dilma Rousseff.  O golpe não precisou mais de cassetetes e de tanques. Bastou aliciar as elites endinheiradas, as 270 mil pessoas (menos de 1% da população) que controlam mais da metade do fluxo financeiro do país, associadas aos meios massivos de comunicação, claramente golpistas e anti-populares, para assaltar o poder de Estado e a partir daí fazer as reformas que os beneficiam absurdamente.

O Brasil ocupa uma posição importante no cenário geopolítico mundial. É a sétima economia do mundo, controla o Atlântico Sul e está voltada para a Africa. Esta área, na estratégia do Pentágono (que cuida do sul, pela segurança do Império norte-americano), estava a descoberto. Havia aí um país, chamado Brasil, chave para a economia futura, baseada na ecologia, que tentava conduzir um projeto de nação autônomo e soberano, mas aberto à nova fase planetária da humanidade. Precisava ser controlado.

A Quarta Frota que fora suspensa em 1950 voltou a partir dos anos 90 a ser ativada com todo um arsenal bélico, capaz de destruir qualquer país oponente. Ela vigia especialmente a zona do pré-sal, onde se encontram as jazidas de petróleo e de gás, as mais promissoras do planeta.

Consoante à própria estratégia do Pentágono, bem estudada pelo recém falecido Moniz Bandeira e denunciada nos EUA por Noam Chomsky, era decisivo desestabilizar os governos progressistas latino-americanos, desfigurar suas lideranças, desmoralizar a política como o mundo do sujo e do corrupto e forçar a diminuição do Estado em favor da expansão do mercado, o verdadeiro condutor, creem eles, dos destinos do país. Pertence a esta estratégia difundir o ódio ao pobre, ao negro e aos opositores deste projeto entreguista.

Pois este é o projeto atual das elites do atraso (no dizer de Jessé Souza). Não pensam num projeto de nação, preferem uma incorporação, mesmo subalterna, ao projeto imperial. Aceitam, sem maiores reticências, a sua recolonização para serem meros exportadores de commodities para os países centrais.

Argumentam: para que termos uma indústria própria e um caminho próprio para o desenvolvimento, se tudo já está construído e montado pelas forças que dominam o mundo?

O capital não tem pátria, apenas interesses no Brasil e em qualquer parte do mundo. Estas elites do atraso colocam-se decididamente do lado do Império e de seus interesses globais.

Atrás do vergonhoso desmonte dos avanços sociais com o propósito de transferir a riqueza da nação e dos pobres para os já super-ricos, estão estas vorazes elites do atraso. Estão reconduzindo o Brasil às condições do século XIX até com trabalho semelhante ao escravo.

Bem intuía, pesaroso, Celso Furtado no entardecer de sua vida, que as forças contrárias à construção do Brasil como nação forte, vigorosa e ecumênica, poderiam triunfar e destarte interromper o nosso processo de refundação do Brasil. Basta ler seus dois livros:  Brasil: a construção interrompida (1993) e o outro O longo amanhecer (1999).

Nas próximas eleições devemos derrotar democraticamente estas elites do atraso, porque querem implacavelmente acabar de desmontar o Brasil social, pois não mostram nenhum interesse pelo país e pelo povo, apenas como oportunidade de negócios.

Se por nossa infelicidade, triunfarem, poderão levar consigo outros países latino-americanos para o mesmo caminho fatal. Teríamos sociedades altamente controladas, ricas por um lado e paupérrimas por outro, tremendo com medo da violência que fatalmente surgiria como está efetivamente surgindo com a polícia militar fazendo a obra repressiva dos militares no tempo da ditadura civil-militar de 1964.

Então, seríamos ainda positivamente cordiais?

* Leonardo Boff é articulista do JB on line.

https://www.jb.com.br/leonardo-boff/noticias/2017/11/26/e-importante-derrotar-as-elites-do-atraso/

WeChat ou Wei Shin

A rede social chinesa que já vale mais do que o Facebook  E, por que você não a conhece

O chefe da Tencent, Ma Huateng, passou a "valer" mais do que os fundadores do Google, de acordo com o ranking da revista Forbes

O valor de mercado da maior empresa de rede social da China, a Tencent Holdings, superou o do Facebook, que hoje possui mais de 2 bilhões de usuários ativos. É a primeira vez na história que uma companhia asiática vale mais do que US$ 500 bilhões.

A empresa é proprietária do WeChat, um aplicativo que agrega a possibilidade de pagamentos online e a troca de mensagens instantâneas e que se tornou extremamente popular na China nos últimos anos. No Brasil, a ferramenta é relativamente desconhecida. Além do aplicativo, a Tencent Holdings também possui franquias de jogos online, como os sucessos mundiais League of Legends e Honour of Kings.

O executivo Ma Huateng já é mais rico do que os fundadores do Google, os americanos Larry Page e Sergey Bin, de acordo com a Forbes. A revista avaliou a fortuna do chinês em US$ 48,3 bilhões nesta terça-feira, o que faz dele o nono homem mais rico do mundo.

A avaliação de Ma Huateng no ranking da Forbes subiu depois do anúncio de que ele levaria os serviços de pagamento do WeChat para a Malásia no próximo ano.

A empresa também tem participação na Snap, a companhia por trás do Snapchat, no aplicativo de carona Lyft e na fabricante de carros elétricos Tesla.

Espera-se ainda que a Tencent Holdings leve o jogo Honour of Kings para os Estados Unidos. O jogo permite que os jogadores paguem para aprimorar as roupas dos personagens. Críticos na China acusam o jogo de ser viciante.

Resistências ao aplicativo fora da China

Tencent Holdings se junta agora a um grupo de companhias americanas das quais você provavelmente já ouviu falar: Apple, Amazon e Microsoft.

Aproximadamente um bilhão de pessoas - ou metade da população chinesa - utilizam todos os meses o app WeChat, ou "wei shin" como ele chamado na China. O que começou como uma plataforma de mensagens, agora permite que você pague suas compras, chame um táxi, invista, peça comida... e a lista de possibilidade do aplicativo continua.

WeChat tem 1 bilhão de usuários na China

Tencent espera exportar esse fenômeno chinês. A Malásia é a primeira da fila de espera pelo sistema de pagamento.

Mas tem se mostrado difícil para a Companhia fazer com que as pessoas de fora da China adotem o WeChat. De acordo com o analista Robin Brant, correspondente de política da BBC em Shangai, o problema não está só no hábito das populações de outros países que já tem aplicativos de preferência.

Parte da resistência decorre do fato de que a empresa concordou há muito tempo a censurar conteúdo na China - e no exterior - seguindo as determinações do governo chinês.

Também há preocupações sobre segurança, porque, ao contrário de outros apps de troca de mensagens, as comunicações no WeChat não são criptografadas.

https://www.bbc.com/portuguese/geral-42058100

Youtube perde contratos publicitários milionários por comentários de pedófilos em milhares de vídeos

YouTube pierde millonarios contratos publicitarios por comentarios de pedófilos en miles de vídeos

RT (Russia Today) em espanhol  actualidad.rt.com

Entre las empresas que han retirado sus anuncios están ADIDAS, HP, MARS  y Deutsche Bank.

Importantes marcas de todo el mundo han retirado su publicidad de YouTube debido a que sus anuncios en la plataforma aparecían junto a contenidos con tendencias pedófilas, informa Bloomberg.

Entre las compañías que han suspendido los contratos se encuentran gigantes como Adidas, Mars, Deutsche Bank, Cadbury, HP y Diageo. El argumento de las marcas es que YouTube, Google y Alphabet no han podido monitorear eficazmente su servidor de videos y dar garantías de que sus anuncios no acabarán apareciendo junto a contenidos inadecuados u ofensivos.

Anteriormente el diario británico Times reportó que en YouTube existe publicidad de compañías junto con videos de menores con poca ropa que atraen cientos de comentarios de pedófilos.

"Estamos asombrados y consternados de ver que nuestros anuncios han aparecido junto a contenidos inapropiados y explotadores. Esto se encuentra en severo contraste con quiénes somos y en qué creemos. Hemos tomado la decisión de suspender inmediatamente toda nuestra publicidad en YouTube y Google a nivel mundial", anunció Mars en un comunicado.

https://actualidad.rt.com/actualidad/256030-youtube-perder-publicidad-companias-comentarios-pedofilos

Empresas Malignas dominam o Globo

Facebook bloqueia doação de US$200 mil dólares para vítimas de terremoto no Irã

Jomarion... confirmando ser uma empresa das trevas alinhada à cabala escura e governo dos EUA

“Citando as sanções dos EUA contra Teerã, o Facebook teria bloqueado uma soma de US$ 200.000 levantada em uma campanha on-line lançada por um médico iraniano com sede nos EUA para ajudar as pessoas atingidas pelo terremoto da província de Kermanshah no Irã.

Quando Tohid Najafi leu pela primeira vez que um devastador terremoto de magnitude 7,3 atingira seu país natal, o Irã, ele não perdeu tempo.  Médico residente em Detroit nos Estados Unidos, Najafi rapidamente configurou uma página no Facebook para arrecadar dinheiro para as famílias das vítimas e os sobreviventes do desastre de domingo.

O terremoto matou pelo menos 450 pessoas e feriu mais de 7.000 no Irã e no vizinho Iraque. Cerca de 15 mil casas foram destruídas, deixando cerca de 70 mil pessoas sem residência.  Vendo a extensão do dano, Najafi reuniu na segunda-feira os 65 mil membros de seu grupo online, persas americanos, para ajudar.

Ele estabeleceu uma meta por US$ 110.000 no mês que vem e esperava que no primeiro dia ele conseguisse levantar até US$ 15.000.  Mas quando ele acordou na manhã seguinte, os doadores on-line já haviam desabafado em mais de US $ 80.000. Na quarta-feira, a soma levantada superou US $ 200.000.

“Fiquei muito surpreso”, disse Najafi a Al Jazeera, dizendo que ele tinha dúvidas sobre atingir seu objetivo na hora – arrecadar dinheiro online é uma “coisa nova” entre a comunidade iraniana-americana, disse ele.

Mas sua alegria durou pouco…

No primeiro dia de seu esforço, Najafi recebeu uma mensagem do Facebook informando-lhe que os fundos “não serão divulgados”, até que o site de mídia social receba dele a autorização necessária do Departamento de Tesouraria dos Estados Unidos.  Na quinta-feira, para o desânimo de Najafi, o Facebook tirou sua página de angariação de fundos, dizendo que “os arrecadadores de recursos pessoais não são elegíveis para receber fundos para organizações sem fins lucrativos”.

Ton Muller  -  https://verdademundial.com.br/2017/11/facebook-bloqueia-doacao/

Google quer domínio mundial

Google News esconderá notícias do RT e Sputnik - Mídias da Russia

O serviço para visualização e busca de notícias Google News passará a esconder as matérias do canal russo RT e da Sputnik para luta contra a "propaganda russa".

Foi isso que comunicou o portal VICE, citando o diretor-executivo da empresa Alphabet, Eric Schmidt, da qual Google Inc. faz parte.

Durante um fórum de segurança internacional na cidade canadense Halifax, ele assinalou que o Google deseja confrontar a "divulgação de desinformações". A empresa está desenvolvendo um sistema de avaliação de sites de notícias segundo o ranking interno da fonte. Schmidt frisou que esta política afetará primeiramente o RT e a Sputnik.

"Não desejamos bloquear sites. Não é nosso estilo de trabalho. Não sou a favor da censura, mas, sim, do ranking", afirmou o chefe-executivo.

Anteriormente, o Departamento de Justiça dos EUA   incluiu  o RT America na lista de agentes estrangeiros, enquanto muitas outras mídias estrangeiras, tais como BBC britânico, CCTV chinês, o canal francês France 24, estação de rádio Deutsche Welle, não entraram na lista das empresas que alegadamente estariam propagando ideais de seus países em território norte-americano.

A editora-chefe do RT e da Sputnik, Margarita Simonyan, afirmou que o canal de televisão está escolhendo entre o registro e o processo penal, e deu parabéns à "liberdade de expressão norte-americana e a todos que acreditam nela ainda".

(Sputnik/ Aleksei Nikolsky)

https://br.sputniknews.com/mundo/201711219889147-rt-sputnik-noticias-google-eua-censura/

Deputado russo diz que ação do Google contra RT e Sputnik é ‘bombardeio e agressão direta’

O parlamentar russo Andrey Svintsov comentou a declaração do diretor-executivo da empresa Alphabet, Eric Schmidt, sobre o atual processo de diminuir a propagação do canal RT e da agência Sputnik na busca do Google.News.

"A distribuição da busca é muito simples de configurar. Tem um gerente que pode ajustar manualmente a categoria da distribuição. É muito fácil de administrar, e o Google, além de outros mecanismos de busca, fazem essa configuração", disse o vice-presidente do Comitê da Política de Informação, Tecnologias da Informação e Comunicação, Andrey Svintsov, em entrevista ao canal RT.

"O fato de que eles tenham tomado a decisão de isolar os sites da RT e Sputnik da categoria de mídia na busca significa que eles encontraram uma forma para pressionar nossos canais e agências, não permitindo que pessoas comuns em todo o mundo ao buscar um ou outro tema encontrem nossas mídias, que publicam seus artigos nos sites. Este é um golpe muito potente", acrescentou.  

Segundo ele, tal restrição pode diminuir as visitações aos sites em até dez vezes.  

O parlamentar frisou que esta ação "remove completamente qualquer referência a essas mídias do mecanismos de busca". 

"Nós, como deputados, devemos pensar sobre o fato de que, possivelmente, teremos que restringir alguns sistemas de busca e o Google, além de algumas redes sociais pertencentes a esses grupos na Rússia. Esta é uma forma aberta de guerra de informação que já se desencadeou. É um bombardeio, uma agressão direta", concluiu Svintsov.

Anteriormente, o diretor-executivo da empresa Alphabet, Eric Schmidt, da qual Google Inc. faz parte, afirmou que no atual momento está sendo realizado um trabalho para diminuir a propagação do canal RT e da agência Sputnik na busca do Google.News. 

(Sputnik/ Yevgeny Biyatov)

https://br.sputniknews.com/mundo/201711219896050-rt-sputnik-guerra-midia-eua-russia/

Putin promete retaliação após medidas restritivas contra a Sputnik e RT nos EUA

Vladimir Putin disse que Moscou responderá de forma recíproca às ações dos EUA em relação aos meios de comunicação russos, incluindo a agência de notícias Sputnik e o canal RT. Ele acrescentou que as autoridades dos EUA escolheram o caminho do "encerramento real dos meios de comunicação russos" nos EUA.

"Seria cômico se não fosse tão trágico, como dizem os russos", observou Putin, dizendo que os EUA se promovem como líderea dos valores democráticos no mundo. "Não há democracia sem liberdade de expressão. O ataque à nossa mídia nos EUA é um ataque à liberdade de expressão, claramente".

Putin enfatizou a falta de provas de que a mídia russa se envolveu na campanha eleitoral presidencial dos EUA em 2016, acrescentando que "não pode haver tal prova".

"[A mídia russa colocou] cerca de US $ 100.000 em publicidade, enquanto outros meios de comunicação da mídia dos EUA alocaram milhões para os anúncios. Isso é apenas incomensurável. E [a publicidade russa] foi considerada como perigosa e está sendo interpretada como alguns intromissão."

Os meios de comunicação russos estão sob uma pressão elevada nos EUA em meio a uma investigação sobre a interferência presumida de Moscou em eleições presidenciais de 2016. Até agora, o Twitter bloqueou anúncios de contas da RT e Sputnik, citando a interferência nos assuntos domésticos EUA. Além disso, o Departamento de Justiça dos EUA exigiu que a RT se inscreva como agente estrangeiro até 13 de novembro.

https://br.sputniknews.com/russia/201711119814316-putin-retaliacao-sputnik-rt-eua/

Um “réptil gigante” é o “auditório do Papa”no Vaticano

(Jomarion...Grande Salão do Vaticano escancara quem manda lá)

Quando percebi pela primeira vez a verdadeira magnitude que o projeto do Auditório do Papa no Vaticano revela, fiquei chocado. Apesar de 10 anos de pesquisa sobre a Elite, o Oculto, Illuminati, Satanismo, Consciência, e tudo o mais, isso ficou como algo que eu apenas tive que escrever para continuar informando aos buscadores da verdade. (diz Joe Martino)

SEGREDOS OBSCUROS NA ARQUITETURA DO AUDITÓRIO DO PAPA NO VATICANO (UM RÉPTIL GIGANTE)

Você já ouviu falar do Auditório do Papa? Também conhecido como " Paulo VI Audience Hall" ou o “Hall of the Pontifical Audiences” ele está parcialmente na Cidade do Vaticano e parcialmente em Roma, Itália. Nomeado com o nome do Papa Paulo VI e construído em 1971 pelo arquiteto italiano Pier Luigi Nervi, ele acomoda 6.300 pessoas e contém uma estátua de bronze chamada La Resurrezione, desenhada por Pericle Fazzini.  Tudo isso parece bastante direto até agora, mas vamos mergulhar no que faz esse edifício ser tão estranho/bizarro.

Método de construção e o “design”

O prédio foi projetado com concreto armado pelo conhecido arquiteto Pier Luigi Nervi. Nervi é conhecido por projetos simples e práticos que são fortes e feitos para durar. A simples curvatura do edifício pode parecer despretensiosa do lado de fora, mas essa é a primeira parte do que começaremos a explorar sobre este edifício, e eu prometo a você, quando chegarmos ao fim, você verá o que eu estou procurando demonstrar e onde quero chegar.

Dê uma olhada na imagem externa do prédio abaixo e compare sua forma com a imagem de uma serpente. Observe o formato geral – costas largas, estreitas, frente arredondada, olhos no meio, narina na frente e parte superior curva.

As janelas

Como você já pode começar a perceber na imagem acima, há duas janelas em ambos os lados do prédio que se assemelham aos olhos. Eles são feitos de vitrais e situam-se a meio caminho do comprimento do edifício em ambos os lados.  No centro da forma do olho, você começa a ver uma fenda que pode parecer um olho de réptil. Se ainda não está convencido, o que é compreensível, continue lendo. Talvez olhar para uma janela por conta própria não é o mais claro, então vamos dar uma olhada em ambos juntos agora.

Escamas e Presas

Os olhos, as escamas na testa, as duas presas…. esta claramente visível... de repente, começamos a ver as coisas tomando forma aqui – dois olhos reptilianos, olhando para você enquanto observa o palco em conjunto com o que parece ser duas presas de uma serpente.

Dê uma olhada novamente na imagem ao lado   -  o que você percebe no centro? Está o que parece ser uma estátua no meio e depois em ambos os lados, duas presas afiadas e pontudas. O telhado e os lados do prédio também se assemelham a escamas.

A seguir estão mais  imagens para dar uma ideia das escamas.  Agora vamos puxá-lo um pouco mais para que possamos realmente ver o que estamos olhando. Na imagem acima, preste atenção a todo o edifício e o layout do palco, ao lado da imagem de uma cobra. Os olhos, a forma, as escamas, os colmilhos (as presas), a aparência do réptil … está tudo lá.

A estátua de La Resurrezione (Ressurreição)

No meio do palco, uma estátua de Cristo nasce de um apocalipse atômico.  Foi projetado por Pericle Fazzini e posto em prática em 1977.  Dê uma olhada abaixo. Você percebe alguma coisa sobre a cabeça de Jesus?

É difícil de ver pela frente, mas quando você vê a estátua dos lados, onde os convidados da igreja se sentam, torna-se surpreendentemente claro:  ambos os lados da cabeça de Jesus se parecem com a cabeça de uma serpente.

Pense nisso por um momento: se apenas um lado da estátua dava a impressão de uma cabeça de uma serpente, poderíamos evitar isso como coincidência, mas quando parece assim de todos os ângulos, e todo o edifício se parece com uma serpente também, torna-se muito mais difícil ignorar o que estamos vendo.

A Ressurreição vista pelo lado esquerdo

Deve-se começar a perguntar se isso foi propositalmente projetado para parecer dessa maneira. O pensamento, a ideia, a intenção e o planejamento que entraram nisso devem ter sido imensos. A realidade é que existe uma razão óbvia para essas imagens.

A grande pergunta

Você pode estar perguntando qual é a razão desse design neste projeto. Por que esse edifício foi construído de tal forma que o Papa parece estar falando de dentro da boca de um réptil? Se você não está fazendo essa pergunta, simplesmente está fechando os olhos. Não é que a evidência não está presente, é que você está escolhendo não vê-la. 

Existem sete peças separadas que compõem o símbolo da serpente ou do réptil. Se fosse uma ou duas, entenderia seu ceticismo – até três. Mas quando sete peças se juntam tão lindamente, tão perfeitamente, você sabe, sem sombra de dúvida, que foi intencional.

Independentemente disso, sei  que o que estou dizendo pode ser difícil de aceitar, mas todas as verdades difíceis passam por fases – risada e ridículo, aceitação parcial e, finalmente, aparecem evidentes para a população mais consciente. Eu acredito que estamos nos aproximando do terceiro estágio quando se trata de entender quem realmente governa e tem influência sobre o nosso mundo, e é por isso que esse simbolismo da serpente existe e é usado aqui.

Pesquisas demonstram que existe um Estado (Deep State) Profundo  que governa em grande parte o nosso mundo (um grupo de pessoas que não são americanos, europeus, russos, canadenses, etc.) e que estão além e acima de qualquer identidade nacional, e controlam o mundo. Foi dito também,  há muito tempo,  que existe uma influência/presença extraterrestre. 

Mas não de todas as raças de ETs, mas de uma em particular, os reptilianos. Nem todos os reptilianos são desertores do coração, mas um grupo importante deles, aliados a grupos de humanos, operam para as forças das trevas, e tem trabalhado juntos para influenciar e dominar este planeta.

Eu entendo que isso parece “muito louco”, mas realmente penso nisso. Há mais evidências para a realidade dos ETs do que qualquer um poderia imaginar. Há uma série de evidências para um Estado profundo controlar todas as coisas de nossas vidas. É possível que estas duas realidades estejam ligadas? Novamente, não estou dizendo que todos os ETs ou mesmo todos os reptilianos sejam “maus” mas sim,  alguns ou mesmo muitos deles são! E estão trabalhando com os  governos da Terra.

Mesmo  funcionários do próprio governo declararam estar bem cientes da existência de ETs, mas simplesmente não dizem isso ao público (conforme revelado pelo ex-ministro da Defesa do Canadá, Paul Hellyer).

Paul Hellyer disse: “Então eles decidiram fazer uma investigação e eles investigaram por três anos, e eles decidiram que, com absoluta certeza, que quatro espécies, quatro espécies diferentes, pelo menos, estavam visitando este planeta há milhares de anos”.

O conhecimento que os governos têm sobre  ETs é imenso, e os denunciantes e insiders revelaram isso muitas vezes, com muita documentação por trás deles. Você pode assistir o documentário de Steven Greer, Unacknowledged no Netflix para saber mais sobre isso.

A influência dos reptilianos sobre a teoria do Estado profundo não é nova e pode ser encontrada em muitas tradições e culturas. Mas foi popularizado pelo trabalho de David Icke que, compreensivelmente, recebeu a pecha de ridículo por isso. Independentemente disso, milhões seguem e acreditam em seu trabalho. Eu sugiro ler mais sobre essa teoria aqui.

Por que tanto simbolismo é usado

Em um evento na Califórnia chamado “Contact In The Desert”, nós entrevistamos David Wilcock, um investigador de longa data do oculto e do secreto. Durante a entrevista, ele mencionou que os membros da Elite / Illuminati acreditam que devem transmitir suas intenções à humanidade para, em essência, obter nossa permissão para promulgar o que eles desejam fazer.

Isso se manifesta como rituais durante eventos esportivos de massa,  em simbolismos encontrados em toda sociedade (moda) bem como na indústria do entretenimento, cinema (Hollywood) e música.

Quando você começa a considerar o que o Salão de Audiência do Papa realmente diz, fica claro que o Papa está falando do interior da boca da serpente. Ele está na frente da boca e fala as palavras da Elite para todos aqueles que o ouvem e seguem. A Elite está dizendo à humanidade através do simbolismo que é isso que está acontecendo.

O poder dos símbolos e seu uso pela magia negra praticada pela Elite

Foi dito e proposto por muitos pesquisadores e teóricos da conspiração que o catolicismo da igreja de Roma, entre a maioria das outras religiões, é usado para controlar as massas ignorantes.  Embora as histórias religiosas possam conter alguma verdade e transmitir mensagens úteis, seu objetivo geral é levar as pessoas a um relacionamento com o espírito/entidades (Jomarion – Arcontes)  que estão no comando.

 

A culpa, o julgamento e a ira que existem dentro das religiões são projetados para nos controlar, para tirar nosso poder pessoal, pra drená-lo. Devemos também perceber que essas religiões são impuras e que estamos fechando os olhos para isso já a muito tempo. Veja o que aconteceu com o encobrimento dos escândalos de abuso sexual de crianças do Vaticano  por exemplo.

Não estou pedindo que você acredite em tudo o que está sendo dito aqui, mas não estou sugerindo que você comece a rir... muito pelo contrário. Há fatos aqui que podem ser explorados, mas é preciso passar pela pesquisa e reflexão.

Há claramente algo muito intencional acontecendo aqui ... não se gastam milhões para projetar e construir uma serpente muito óbvia dentro de um edifício de propriedade do Vaticano, sem um forte motivo e uma oculta intenção.

Faça sua própria pesquisa sobre o tema “reptilianos”, as linhagens sanguíneas da Elite e os simbolismos como este desta matéria. Veja como será o resultado para você. Permita que sua mente esteja aberta para conectar os pontos... não despreze algo porque não soa como a “vida cotidiana” indica que deveria ser.

Autor Joe Martino  -  https://www.collective-evolution.com/

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Fonte secundária: www.thoth3126.com.br

Página: https://thoth3126.com.br/um-reptil-gigante-como-o-auditorio-do-papa/

“Belo Sun”

Ouro do rio Xingu, no Brasil, vai para o Canadá

“É o maior empreendimento de mineração de ouro a céu aberto do país e deverá retirar 50 toneladas de ouro no prazo de 12 anos. Um prazo curtíssimo”, e será tudo enviado para o Canadá,   constata o pesquisador. Segundo ele, a empresa canadense Belo Sun “tomou posse dos antigos garimpos Grota Seca, Galo e Ouro Verde, que existem às margens do rio Xingu desde os anos 1940."

Entrevista especial com Rogério Almeida

Rogério Almeida concedeu entrevista, por e-mail,  à “IHU On-Line”.

Rogério Almeida é graduado em Comunicação Social pela Universidade Federal do Maranhão e mestre em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido pela Universidade Federal do Pará, com a dissertação intitulada Territorialização do campesinato no sudeste do Pará, a qual foi laureada com o Prêmio NAEA/2008. Atualmente leciona na Faculdade de Tecnologia da Amazônia.

CONFIRA A ENTREVISTA:

IHU - Em que consiste a atividade da Belo Sun e desde quando a empresa atua no Brasil?

Rogério Almeida – Tomei conhecimento da existência da Belo Sun no Brasil agora, em visita às comunidades da Vila da Ressaca e da Ilha da Fazenda, que serão impactadas pelo projeto da hidrelétrica de Belo Monte, na Volta Grande do Xingu, no território do município de Senador José Porfírio.

Conforme o Relatório de Impacto Ambiental – RIMA apresentado à Secretaria de Meio Ambiente do Pará – SEMA, trata-se de uma subsidiária brasileira da “Belo Sun Mining Corporation”, pertencente ao grupo “Forbes & Manhattan Inc.”, um banco mercantil de capital privado que desenvolve projetos de mineração em todo o mundo.

A Belo Sun passa a integrar a aquarela de grandes corporações de mineração que operam no estado do Pará, competindo com a Vale, a norte americana Alcoa, a suíça Xstrata, a francesa Imerys, a Reinarda, subsidiária da australiana Troy Resourses, a norueguesa Norsk Hydro e a chilena Codelco.

IHU - O que é o projeto Belo Sun?

RA - É o maior empreendimento de mineração de ouro a céu aberto do país e deverá retirar 50 toneladas de ouro no prazo de 12 anos. Um prazo curtíssimo. Localiza-se numa região que já será profundamente impactada pela usina hidrelétrica de Belo Monte. A Belo Sun tomou posse dos antigos garimpos Grota Seca, Galo e Ouro Verde, que existem desde os anos 1940.

Isso por si só já provoca estranheza num cenário marcado pela desordem fundiária, onde a maioria das terras é tutelada pela União. Ali vivem os povos indígenas Juruna e Arara e outros povos isolados, além de lavradores, extrativistas e pescadores que já sofrem com a espoliação e a expropriação promovidas pela hidrelétrica de Belo Monte.

O futuro das pessoas que moram na Volta Grande do Xingu é incerto pelo conjunto de impactos que os dois projetos irão produzir. A mineração do ouro usa cianeto, dragas e dinamite, e deixará uma montanha de resíduos ali. Externalidades negativas (ou seja, a destruição completa da natureza) é uma matriz da mineração.

O projeto aprofunda ainda mais a condição econômica da Amazônia como uma grande província exportadora de recursos naturais. Uma colônia baseada em commodities. Há perto de 500 pedidos de prospecção protocolados junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM somente na Volta Grande do Xingu, e, desse total, 228 possuem foco no ouro.

IHU - Como está ocorrendo a exploração de minério no Pará?

Rogério Almeida – O minério é o principal item da balança comercial do estado, responde por quase 100% do Produto Interno Bruto – PIB. Em todo o território existe minério, de seixo a ouro. O ferro da província de Carajás, explorada desde a década de 1980, continua sendo o principal. O estado é duplamente saqueado, por conta da renúncia fiscal da Lei Kandir (lei complementar federal nº 87, de 13 de setembro de 1996). Ela desobriga as empresas de recolher o Imposto de Circulação de Mercadoria e Serviço – ICMS dos produtos primários e semielaborados. Literalmente fica somente o enorme buraco e a destruição total do meio ambiente.

Após o esgotamento dos recursos minerais explorados, sobra somente a destruição total do meio ambiente

Ao longo dos anos da mineração em Carajás, os péssimos indicadores socioeconômicos não sofreram alteração. A fronteira agromineral consolidou o sul e o sudeste do Pará como os que mais desmatam, mais assassinam camponeses na luta pela terra no Brasil, e com municípios nos primeiros lugares entre os mais violentos do país e de vulnerabilidade para a população jovem. Nenhum município (Pará) tem renda per capita que alcance um salário mínimo por mês. O município vizinho da mina de Carajás, Curionópolis, tem a renda per capita de R$ 108,15, quase a mesma da pequena Palestina do Pará, R$ 106,64.

IHU - Quem são os garimpeiros da Vila da Ressaca? Como eles atuavam antes da entrada da Belo Sun no Pará?

RA - Conforme informações da cooperativa dos garimpos da Vila Ressaca, são perto de 600 garimpeiros. Eles trabalham em condições marcadas pela precariedade, sem vínculo empregatício. Ficavam somente com 20% do ouro encontrado. O “patrão”, o dono do local da exploração, bancava com máquinas e combustível o processo, e ficava com 80%.

IHU - Em que consiste o conflito deles com a Belo Sun?

RA - Há seis meses os garimpeiros estão impedidos de operar nas antigas áreas. Eles explicitam que perderam a principal fonte de renda. A vila, hoje, tem um aspecto de cidade fantasma. As áreas foram negociadas com a Belo Sun, como falei antes, num ambiente marcado pela ilegalidade fundiária.

IHU - Qual é a proposta de reassentamento das famílias da Vila Ressaca, Galo e Ouro Verde, feita pela Belo Sun?

RA - Em documento formal a empresa afirma que promoverá o reassentamento de mil famílias. No entanto, na Ressaca e na Ilha da Fazenda, que ficam bem próximas, o clima é de incerteza e insegurança. As populações já socializam a desordem que a hidrelétrica de Belo Monte provoca. É ali que o Xingu terá a sua vazão reduzida em perto de 80%. É um impacto absurdo e tem implicações no deslocamento das pessoas, nas fontes de recursos que a natureza possibilita. As pessoas não sabem informar sobre o reassentamento. Parte da Ressaca é de projeto de assentamento da reforma agrária.

IHU - Qual a atual situação da exploração mineral em Carajás?

RA - Carajás vivencia uma grande inflexão com o desenvolvimento do maior projeto de mineração da Vale ao longo dos seus 40 anos de vida, o Projeto de Mineração da Serra Sul (S11D), localizado no município de Canaã dos Carajás, e que vai explorar ferro. O S11D desponta no cenário atual como uma representação do Grande Carajás no século XXI.

Um novo Carajazão, como o foi a primeira versão da década de 1980. O mesmo consiste em profundas alterações nos cenários econômicos, sociais e políticos em Carajás, que compreende desde a mina até o porto, em São Luís, no Maranhão, pressionando reservas ambientais, vilas, territórios ancestrais e projetos de assentamentos rurais. O S11D encontra-se nos limites dos municípios a sudeste do Pará, Canaã dos Carajás e Parauapebas.

Com o projeto, a mineradora vai incrementar a produção de ferro em 90 milhões de toneladas por ano, mas com capacidade de dobrar a produção. O mercado asiático tem sido o destino do minério de ferro de excelente teor das terras dos Carajás, em particular a China e o Japão. A previsão é que a usina inicie as operações até 2016. A iniciativa, que inclui mina, duplicação da Estrada de Ferro de Carajás – EFC, ramal ferroviário de 100 km e porto, está orçada em US$ 19,5 bilhões.

Os recursos estão distribuídos da seguinte forma: a logística consumirá US$ 14,1 bilhões; US$ 8,1 bilhões serão usados na mina e na usina; enquanto US$ 2 bilhões serão usados durante o ano.  Como em outros empreendimentos na Amazônia, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES é o responsável pelo financiamento da maior parte dos recursos, ao lado do banco japonês Japan Bank International Cooperation – JBIC. O projeto é maior ou equivalente à primeira versão do Programa Grande Carajás – PGC, iniciado há quase 30 anos.

O minério que sairá da Serra Sul é considerado ainda de melhor teor que o extraído da Serra Norte, avaliado como excelente. O teor da S11D é de 65%. A Vale é, atualmente, a líder mundial no mercado de ferro, responsável por 310 milhões de toneladas por ano. Como em outros casos registrados na região, o início do projeto mobiliza uma série de alterações na cidade que abriga a mina e em municípios do entorno.

IHU - Fala-se de um possível aumento de conflitos no Pará por conta da exploração de ouro. O senhor vislumbra algo nesse sentido?

RA - Faz-se necessário uma leitura sobre o contexto dos grandes projetos na Amazônia, em consonância com obras de infraestrutura do estado para que os mesmos possam ser viabilizados. Esse conjunto coloca em oposição as populações locais, sempre muito pobres e as grandes corporações. É uma luta desigual, marcada pela derrota dos primeiros, que ao longo dos séculos são os penalizados com todo tipo de desrespeito, expropriação, espoliação e morte. Não tem ocorrido nenhuma alteração.

IHU - Como o estado do Pará se manifesta diante da atuação da empresa na região?

RA - Ele garante as condições para o empreendedor detentor de capital, ou que se capitaliza com os recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES, que se constitui como o principal financiador das grandes corporações na Pan-Amazônia.

Pandora fica na Amazônia, no Brasil

Soma-se a isso um xadrez no campo jurídico que busca fragilizar algumas garantias das populações consideradas tradicionais, como indígenas e quilombolas, entre outras. Para não falar nos bastidores das negociatas típicas de vésperas de pleitos eleitorais. (ou seja, CORRUPÇÃO)

Autorizada a reprodução, citando-se a fonte. 

Edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Fontes: https://port.pravda.ru    IHU On-Line/EcoAgência   www.thoth3126.com.br

Página:  https://thoth3126.com.br/belo-sun-ouro-do-rio-xingu-no-brasil-vai-para-o-canada/

A Agenda Transgenero das Elites

Programação transgênero em crianças é abuso infantil

A programação transgênero das crianças é abuso de crianças, adverte o Colégio Americano de Pediatria … A castração química, mutilação genital e doença mental estão correndo soltas …  esta na hora de parar a programação “transgênero” das crianças em nossa sociedade

O “subjetivismo biológico” (Jomarion... teoria estapafúrdia de Simone de Beauvoir  que afirma que ninguém nasce homem  ou mulher e que o gênero é uma construção social) tem acontecido na América de hoje … uma demanda “politicamente correta” onde todos concordam em participar das distorções mentais de alguns indivíduos que sofrem de uma desconexão a partir de suas realidades biológicas.

Tais ideologias estão em total contradição com o que a ciência sabe sobre a biologia e realidade física, e, infelizmente, esta distorção mental está agora sendo empurrada para as crianças, como parte de uma agenda política doente, (manipulação) demente para atender as demandas de uma elite excêntrica e pervertida. (Jomarion... Hollywood e escalões políticos dos EUA)

Essa agenda agora exige que as escolas públicas sejam transformadas em fábricas de crianças transgênero, produzindo crianças confusas, com tendencias suicidas que são física e quimicamente mutiladas por uma sociedade que os aplaude para negar a sua realidade biológica. A implantação desta agenda inteira, agora está sendo travada contra os filhos da América por incendiários culturais politicamente motivados, isso é nada menos que um crime contra as crianças.

A ciência é clara: a biologia do sexo é uma realidade física que não é sujeita a “personificação”.  “A sexualidade humana é uma característica binária biológica objetiva (em polaridades positiva/homen e negativa/mulher),  explica o Colégio Americano de Pediatria.

“O Colégio Americano de Pediatria insta educadores e legisladores para rejeitar todas as políticas que condicionam as crianças a aceitar como normal uma vida de produtos químicos e de representação cirúrgica do sexo oposto. Fatos e não a ideologia determinam a realidade.”

Quando o presidente Obama ordenou que as escolas em toda a América normalizassem a confusão transgênero nas crianças, ele piorou a situação e a confusão nas mentes de crianças que ainda estão lutando com sua identidade de gênero. “A crença de uma pessoa de que ele ou ela é algo que eles não são, é na melhor das hipóteses, um sinal de pensamento confuso”, explica a ACP.

“Quando um menino biológico saudável de outra maneira acredita que ele é uma menina ou uma menina biológica saudável de outro modo acredita que ela é um menino, um problema psicológico objetivo existe e está na mente e não no corpo, e assim deve ser tratado como tal. Estas crianças sofrem de disfunção de gênero “.

Embora a ideologia liberal possa fingir que transgênero é um “terceiro sexo”, este é um pensamento tipo conto de fadas. Não existe terceiro sexo. Um homem que finge/pensa ser uma mulher não faz dessa pessoa uma mulher. Assim, “subjetivismo biológico” é um pensamento delirante. No entanto, é uma ilusão (manipulação) que está sendo imposta a toda a população dos EUA através de táticas (de aceitação pelo constrangimento) do politicamente correto.

De forma alarmante, a agenda transgênero politicamente motivada já invadiu nossas escolas, onde as crianças vulneráveis serão facilmente arrastados para o mundo confuso, abusivo de castração química e cirurgia de mutilação genital enquanto será aplaudido por conformistas obedientes por ter a “coragem” para negar a sua existência biológica natural.

E assim nós (EUA) agora vivemos em uma nação onde pais precisam ser trancafiados em instituições para doentes mentais pois abusam de crianças, quando os transformam “casos transgênero”. Crianças ficam perdidas e confusas e  fatalmente podem acabar precisando de intervenção psiquiátrica.

Assim é como o ciclo de manipulação de uma sociedade  se perpetua, e os poderes políticos em Washington estão incentivando esse ciclo de doença mental, a mutilação infantil e o sofrimento horrível entre as crianças que estão agora sendo empurradas em direção ao “transgenerismo” porque aplaca os apetites de políticos perversos e de adultos mentalmente doentes.

Por isto tudo,  a defesa da Agenda Transgênero é chamada de “ABUSO INFANTIL” pelo Colégio Americano de Pediatria (ACP).  Esta escrito no site da ACP: 

“Condicionar crianças para acreditar que uma vida inteira de uso de medicação química e cirúrgica para representar o sexo oposto é normal e saudável,  é abuso infantil. Endossando a discordância de gênero como normal através da educação pública e políticas legais irá confundir as crianças e os pais, levando mais crianças a apresentar o “distúrbio de gênero”, para quem serão dados medicamentos bloqueadores de puberdade. Estes bloqueadores por sua vez, praticamente garantem que eles vão “escolher” uma vida de uso de hormônios do sexo oposto (cancerígenos e tóxicos) além de considerarem a mutilação cirúrgica de partes do deu corpo saudável (que lhes seriam necessárias para uma vida de adultos jovens”.

Tenham em mente que incentivar as crianças a perseguir ideologias transexuais, eventualmente, leva à castração química e/ou a mutilação genital através de cirurgia de mudança de sexo. A confusão de gênero pode ser comum em crianças, mas quase todos elas eventualmente ao crescer saem da confusão e aceitarão a biologia com que nasceram. “De acordo com o DSM-V, em torno de 98% dos meninos e 88% das meninas eventualmente ficam confusos com seu sexo, mas naturalmente aceitam o seu sexo biológico após passarem pela puberdade”, explica a ACP.

No entanto, quando a sociedade trata com indulgência crianças confusas com o próprio gênero e incentiva-os a mudar seu sexo biológico através de castração química e/ou a mutilação cirúrgica, priva essas crianças a oportunidade de explorar, aprender e crescer além de sua confusão inicial. Declarar um filho como sendo um “transgênero” necessitado de mutilação química e/ou cirúrgica é um crime contra a criança.

Como explica a ACP: “Nunca foi cientificamente mais claro de que as crianças e adolescentes são incapazes de tomar decisões esclarecidas sobre as intervenções médicas permanentes, irreversíveis e que alteram a sua vida. Por esta razão, a ACP mantém a opinião de que é abusivo promover essa ideologia, em primeiro lugar, e acima de tudo para o bem-estar das crianças que sofrem de distúrbio de gênero, e em segundo lugar, para todos os seus colegas discordantes e de gênero normal, muitos dos quais  posteriormente poderão questionar a sua própria identidade de gênero, e se verem violados de seu direito à privacidade e segurança física como crianças”.

Esta na hora de parar a programação “transgênero” das crianças em nossa sociedade

“Transgenderism”, diz a ACP, é “abuso infantil” e também é um tipo de doença mental. E existe muita ideologia (manipulação) em contradição com a realidade física e biológica, em que os cromossomos NATURALMENTE determinam e definem o sexo biológico durante a gestação do corpo, e quase todas as crianças, eventualmente, aprendem a aceitar a realidade de seus corpos físicos, mesmo que estejam temporariamente confusos.

A programação “transgênero” das crianças é uma agenda politicamente motivada para causar uma aceleração na confusão de gênero e identidades de gênero distorcidas entre a população. Ela está enraizada em uma doença mental massificada e fundamental de uma sociedade delirante, em que a “realidade” agora é jogada para fora através de memes políticos e meios de comunicação social, em vez de se envergonhar pela realidade biológica ou até mesmo do mundo real da natureza ao nosso redor. (Jomarion... por tras disto, a despopulação mundial).

Quando se trata de biologia física, a resposta é clara: O sexo é binário e polarizado (masculino e feminino, positivo e negativo, caso contrário NÃO HÁ CRIAÇÃO). Você ou nasce com a biologia do sexo masculino ou biologia feminina.

Há casos extremamente raros de expressão genética hermafrodita (os dois sexos (polaridades) no mesmo corpo físico), mas este não é um “terceiro sexo”. É considerado como uma doença genética e / ou má formação.

A Mãe Natureza (e Cósmica) pretende que todos os seres humanos devam nascer como macho ou fêmea. Isto esta evidente no código genético, a bioquímica e a reprodução das espécies, em TODA A VIDA PLANETÁRIA. Ao ensinar uma criança que ele ou ela existe em contradição com a biologia  NATURAL com que nasceram é uma violação da natureza e uma forma de abuso mental contra as crianças.

As crianças precisam ser conectadas a seus corpos biológicos e aprender a aceitar e honrar o “hardware” com que eles nasceram. Para ensinar uma criança de que eles estão desconectados da sua própria natureza biológica é convidar e incentivar viver com vergonha como um fugitivo, a ridicularização dos colegas e a tortura da doença mental para a criança, o que é uma razão pela qual as taxas de suicídio são tão alarmantes entre aqueles que buscam um estilo de vida transgênero.

Jomarion: Discurso de Putin a respeito: https://youtu.be/aVF9WqSHrws (Na ABA VIDEOS deste blog.)

Leia na integra este artigo em:

https://thoth3126.com.br/a-programacao-transgenero-em-criancas-e-abuso-infantil/#more-57348

Cinema... a Escola da Violência

O Tiroteio na Igreja do Texas foi Previsto nos Meios de Comunicação de Massa (Entretenimento)

Igreja Batista no Texas logo aoós o tiroteio

Uma cena perturbadora no filme de 2014 "Kingsman: Serviço Secreto" apresenta o herói que mata uma congregação inteira dentro de uma igreja do estilo batista, no sul dos EUA, semelhante à do Texas.

O Tiroteio

No dia 5 de novembro, Devin Kelley entrou na Primeira Igreja Batista de uma pequena cidade no Texas durante o culto de domingo, enquanto usava uma máscara de caveira e um colete balístico. Armado com um rifle Ruger AR-556 e duas pistolas, Kelley disparou contra a multidão, matando 26 pessoas, incluindo várias crianças.

Ao contrário de vários atiradores em massa no passado, Devin Kelley havia servido nas forças armadas há algum tempo, incluindo um período de 12 meses em confinamento.

Kelley já foi membro da Força Aérea dos EUA, disse a porta-voz Ann Stefanek. Ele atuou na prontidão logistica na Base da Força Aérea Holloman no Novo México, começando em 2010.
Kelley foi julgado em 2012 por dois enquadramentos no artigo 128 do Código Uniforme de Justiça Militar, agressão ao cônjuge e agressão a seus filhos, disse Stefanek. Kelley recebeu uma advertência de má conduta, confinamento de 12 meses e uma redução de classificação, disse ela. A Força Aérea não forneceu a data da alta.
(CNN, What we know about Texas church shooting suspect Devin Patrick Kelley)

Vários relatos sobre Kelley estão aparecendo nos meios de comunicação de massa. Alguns relatórios jornalísticos afirmam que ele era um "ateu agressivo" que postava frequentemente nas redes sociais. Seu perfil no Linkedin afirma que ele era um ex-professor de estudo bíblico, o que é um pouco contraditório com fazer um tiroteio numa igreja.

Tanto a família quanto a esposa tinham vínculos fortes com a igreja. De acordo com um perfil na Indeed.com, a esposa de Kelley era uma "professora para crianças pequenas" na Primeira Igreja Batista de Sutherland Springs, de junho de 2009 a março de 2013. Suas responsabilidades incluíam ensinar as crianças a respeito de Deus, ajudando com "suas experiências de vida", e sendo uma "influência positiva em suas vidas", afirmou a página(Heavy, Danielle Shields Kelley: 5 Fast Facts You Need to Know)

Novos relatórios policiais afirmam que Kelley teve "problemas" com sua sogra, que geralmente frequenta a igreja, mas ela não estava presente naquele dia. Então, o que realmente motivou o atirador a matar? Ele poderia ter sido programado nas forças armadas para realizar essa horrível missão? Uma coisa parece certa: o público estava programado para testemunhar isso.

Descrevendo a cena horrível em Sutherland Springs, o xerife do condado, Wilson Joe Tackitt, afirmou:

"Ele simplesmente desceu o corredor central, virou-se e, pelo meu entendimento, começou a atirar. É inacreditável ver crianças, homens e mulheres deitados lá. Pessoas indefesas".

Filme Kingsman (Jomarion... pasmen saiu o numero 2)

O cenário é estranhamente semelhante a uma cena no filme "Kingsman: Serviço Secreto". Até mesmo a igreja é semelhante.

A congregação da igreja louvando no filme "Kingsman: Serviço Secreto"

Galahad, um dos protagonistas do filme, levanta-se durante o sermão e diz a uma mulher:  "Eu sou uma puta católica que está curtindo ter relações sexuais extraconjugais com meu namorado negro e judeu, que trabalha numa clínica militar de aborto... Então viva Satã e tenha uma ótima tarde, senhora".  Galahad então começa a matar todas as pessosa na igreja, em uma cena longa, arrastada, extremamente violenta, com música rock tocando no fundo.

Galahad atira na cabeça de uma mulher.  No final, ele mata todo mundo na igreja. Ah, e ele é o mocinho do filme.

Quando Galahad deixa a Igreja South Glade Mission, vemos uma mensagem sombria "América está Condenada"

No filme, a ato assassino de Galahad é explicado por ele ser "controlado mentalmente" por um chip em seu telefone celular. Será que Kelley também estava controlado mentalmente?  Uma coisa é certa: o assassinato de pessoas enquanto adoram ativamente a Deus é, em um nível espiritual, extremamente poderoso.

Mortos enquanto adoravavam

As pessoas de fé cristã chamam sua igreja da "Casa de Deus". Dentro da "Casa de Deus", elas oram e comungam com Deus. Para muitos, é um momento sagrado e solene de intensa espiritualidade. Entrar na "Casa de Deus" e transformá-la num banho de sangue, enquanto a congregação está em adoração ativa é um ritual satânico.  Como visto acima, em "Kingsman", logo antes de matar todos os que estavam louvando em uma igreja, Galahad diz "Salve Satanás". As sincronicidades da mídia de massa não param por aí.

Nova séria de TV - "Preacher" 

Uma nova série de TV - "Preacher",  super violenta, esta sendo lançada e se passa no Texas. O pôster oficial apresenta uma igreja de cabeça para baixo que nos obriga a ver uma cruz invertida: um símbolo de satanismo.

Poucas horas depois do disparo na  Igreja, o cantor Marilyn Manson (um membro da Igreja de Satanás, chamado de "o roqueiro maldito") apareceu no palco, apontando um rifle falso para o público. O rifle tem  uma Cruz de Lorena invertida sobre ele. O concerto ocorreu em San Bernardino,   uma cidade que passou por um tiroteio em massa em dezembro de 2015. (Jomarion... logo após a estreia mundial de "Kingsman I")

Marilyn Mason está em cadeira de rodas após um acidente grave em seu ultimo show - o palco caiu sobre ele

A Normalização do Horror

Dois dos mais massivos tiroteios em massa na história americana aconteceram nos últimos 35 dias. Na sequência dessas tragédias, como se fosse um novo costume, muitos imediatamente postaram nas redes sociais sobre a tragédia, usando-a para justificar suas agendas políticas, ignorando qualquer tipo de consideração humana no processo.

Na verdade, nesses tempos obscuros pontuados por tiroteios em massa sem sentido, o custo humano das tragédias é quase completamente ignorado. Muitos agora aguardam ansiosamente para que a identidade dos atiradores sejam reveladas, para que possam começar a apontar os dedos e promover a agenda.

Parece que a série interminável de assassinatos em massa que aconteceu em todo o mundo fez as pessoas indiferentes ao sofrimento humano. Os tiroteios em massa são agora "pontos de controle político", argumentos convenientes para surgir durante os debates políticos. Pior ainda, o ditado "Rezando por..." tornou-se um meme irônico, um reflexo de como a sociedade se tornou impotente diante de um horror intolerável.

No entanto, não se pode culpar pessoas normais por não se importar o suficiente. Se ficássemos deprimidos por dias toda vez que um tiroteio acontecesse, não poderíamos mais funcionar. O fato é que, quando uma fonte de dor está se repetindo, o corpo humano responde naturalmente anestesiando a fonte da dor para poder preservar sua saúde.

Do mesmo modo, os pés descalços expostos a terrenos rudimentares durante todo o dia tornam-se mais espessos e endurecidos ao longo do tempo, assim como nossa capacidade de sentir tristeza inevitavelmente torna-se mais fraca a cada tragédia recorrente.

É para isso que estamos caminhando. Mais precisamente: é para onde estamos sendo levados. Estamos sendo anestesiados com o assassinato de pessoas inocentes, entorpecidas pela dor e sofrimento de outros humanos. As pessoas ficam discutindo sem parar entre si sobre "muçulmanos malvados", "liberais do mal" e "conservadores do mal", sem perceber que estamos todos no mesmo barco.

ATENÇÃO: A fonte desses assassinatos é a mesma fonte que produz os filmes e as músicas que estamos pagando para ver e ouvir. Nós todos somos o inimigo que estamos tentando vencer: nossas mentes, nossas almas, até nossa capacidade de sentir compaixão. Através do terror deles, eles estão nos entorpecendo, dividindo-nos e desmoralizando-nos. E através de seus meios de comunicação, eles estão nos preparando.

Fonte primaria: The Vigilant Citizen   

Fonte secundária:  https://danizudo.blogspot.com.br/2017/11/o-tiroteio-na-igreja-do-texas-foi.html

“Amazon Log 2017”

Militares americanos intervêm na Amazônia

Abalo à Soberania?

...o atual governo brasileiro... é um governo que "está privatizando" a Amazônia e sobretudo permite o acesso de empresas internacionais aos recursos naturais do país, inclusive o pré-sal...

br.sputniknews.com

"A região está passando por uma situação bastante caótica e pouco clara no que se trata desses acontecimentos, e os EUA se aproveitam, logicamente, da instabilidade", afirmou o analista Raúl Zibechi sobre o contexto no qual se realizam os exercícios militares “Amazon Log 2017, que pela primeira vez deram o acesso de tropas estadunidenses à Amazônia.

Entre 6 e 13 de novembro, cerca de 1.500 soldados brasileiros, 150 colombianos, 120 peruanos e 30 americanos participam das manobras polêmicas, rejeitadas pelas Forças Armadas do Brasil, pois estas entendem que isso implica começar a renunciar ao controle do principal reservatório de biodiversidade perante os americanos.

Com 5 milhões de quilômetros quadrados, 60% da Amazônia fica no Brasil.

"O exército brasileiro sempre foi e continua sendo muito zeloso em relação à soberania e controle da Amazônia. Nesse sentido, a presença de militares dos EUA neste território gerou uma rejeição muito importante por parte das Forças Armadas: ‘O controle cabe aos brasileiros e isso é algo que está fora de questão", explica Zibechi à Sputnik Mundo, falando do impacto geopolítico de iniciativas como o Amazon Log 17.

Ademais, o analista caracterizou o contexto nacional que rodeia as respectivas manobras, ou seja...  a política do atual governo brasileiro, destacando que é um governo que "está privatizando esta [a Amazônia] em massa", e sobretudo permite o acesso de empresas internacionais aos recursos naturais do país, inclusive o pré-sal.

"Os recursos naturais têm uma relação direta com a soberania nacional porque não se trata de conservacionismo puro: trata-se de reafirmar a soberania sobre os recursos, água, biodiversidade, questões nas quais as empresas norte-americanas tiveram e têm um interesse especial. Não é uma questão menor, é um tema muito forte", advertiu o especialista.

"É uma zona estratégica para o Brasil, sobretudo porque é a tripla fronteira entre Peru, Colômbia e Brasil, é uma zona amazônica, de forte crescimento populacional, com forte migração da Venezuela. É uma zona equatorial, o que significa tudo o que tem a ver com a esfera aeroespacial, esta zona será sempre apreciada por todas as potências", resumiu, adiantando que a região, acima de tudo, sempre foi muito rica em recursos minerais, inclusive raros, o que tem provocado inúmeros conflitos entre várias nações.

https://br.sputniknews.com/americas/201711119813228-amazonia-exercicios-militares-brasil-peru-colombia/

 

O TEMPLO MUNDIAL DO CONTROLE

Quem vê de relance, assim do alto, pode até confundir a sede do GCHQ com um moderno estádio de futebol. Só que a construção em forma de disco voador não abriga nenhum time inglês, mas o quartel-general do temido “Government Communications HeadQuarter” - GCHQ. 
O que acontece no interior da “nave-mãe” do maior centro de espionagem europeu é tão cabeludo que deixaria com complexo de inferioridade até o metido James Bond, o prepotente agente 007 do serviço secreto britânico MI-6.

Nas entranhas do OVNI prateado nenhum bit se move na rede sem que esse monstro o classifique, o agrupe e cuspa o resultado. É o grande templo mundial da espionagem e controle, mais intrometido até que o centro de dados da NSA americana, denunciada por Edward Snowden.  Toda a informação da Internet é levada por 200 condutores de fibra óptica e cada um transmite em média 10 gigabits por segundo, o que disponibiliza 21,6 petabytes por dia.

Como o GCHQ processa os metadados durante 30 dias, isso equivale a outros 25,9 petabytes de armazenamento. Afinal, acabamos diante de 90,72 petabytes de bisbilhotagem das vidas alheias, o que é de arrepiar.  Por essas e outras Julian Assange, fundador do WikiLeaks, diz na introdução de seu livro Cypherpunks: Liberdade e o Futuro da Internet que “a nossa maior ferramenta de emancipação foi transformada no mais perigoso facilitador de totalitarismo que alguma vez já vimos”.  A Internet, de fato, é hoje uma séria ameaça à civilização humana, segundo se pode ler na matéria completa sobre as atividades do GCHQ. Invasivas como um alienígena do mal…

Fontes:  https://www.materiaincognita.com.br  e  https://libertesuamente13.blogspot.com.br/2014/05/o-grande-templo-mundial-repressao.html

 

A Inteligência Espiritual

É na integração das nossas múltiplas inteligências que o nosso Eu Autêntico, o Eu Dhármico, o Eu Verdadeiro sobressalta.

Quando eu sei no que acredito e vivo uma relação de fidelidade com os meus valores, eu estou atuando dentro da minha Inteligência Espiritual.

A inteligência espiritual é a mais importante das nossas inteligências, porque nela eu me torno uma luz-guia para os outros, uma vez que recuso-me a coexistir em uma atitude mental não virtuosa.

Capacidade de transcender o mundo físico e o material, habilidade de experienciar estados elevados de consciência e viver com a intenção de santificar o dia a dia, usando informações espirituais para resolver problemas com atitude destemida, nos levam a esse estado de guerreiros da luz.  Essa é a Inteligência Espiritual.

Nossos antepassados tinham e viviam o conceito. Chegou o tempo de resgatarmos o estado natural de nossa alma para essa atitude de compassividade destemida para com tudo o que vibra e vive.  A Inteligência Espiritual nos provoca a habitar em um estado de consciência mais profundo para com o nosso relacionamento com os outros, enquanto um ser que habita este planeta com seus irmãos. É a forma que a ciência está buscando para chamar atenção para a nossa habilidade de agir com sabedoria e compaixão, balanceando tanto a nossa paz interna, quanto a externa – não importam as circunstâncias.

Para os cientistas sociais, a Inteligência Espiritual é uma dimensão superior da inteligência, que ativa as qualidades e capacidades do nosso Eu Autêntico – para não dizer aquela palavrinha que nós mais espiritualizados amamos:  Em outras palavras, a Inteligência Espiritual quer ativar a Alma.

Ela quer preencher nossa existência com sabedoria, compaixão, completude, alegria, amor, criatividade, bem-aventurança e paz. Ela nos traz um senso de significado interior profundo e de propósito para com a vida, combinado com melhorias que muito dignificam nossas aptidões para a vida e o trabalho, porque entrega o Ser ao Mistério. Nos aproxima do Deus real.  Krishna, há 5.100 anos chamou isso de Dharma.

QI... Inteligência Mental  QE... Inteligência Emocional  QS... Inteligência Espiritual

Os quocientes acima produzem um estado em que os problemas do mundo são administrados com a desejada RESILIÊNCIA.

QI é o Quociente de Inteligência, um fator que mede a inteligência das pessoas, em sua capacidade de lidar com formas, números, fatos e palavras. Mede a capacidade e velocidade de processar informação. Seria como ver o cérebro como um computador. Quanto mais processamento, melhor. O foco do QI é Mente. Mas não somos robôs.

QE é o Quociente Emocional ou Inteligência Emocional que surgiu em 1990 com Howard Garden. Ser uma enciclopédia ambulante ou gênio de computação é muito bom, mas pouco adianta se a pessoa não consegue lidar com suas emoções, nem lidar com as emoções dos outros. A pessoa ficará infeliz e até mesmo pouco produtiva.  O mundo entendeu e valorizou o conceito de sabermos lidar bem com nossa personalidade. Assim, o foco do QE é o Coração.

QS é o Quociente Espiritual ou Inteligência Espiritual   que agora surge no mundo acadêmico com a a compreensão de uma Terceira Inteligência, que coloca nossos atos e experiências num contexto mais amplo de sentido e valor, tornando-os mais efetivos.  O foco do QS é a Alma.

Dez sinais de que você vive o seu eu autêntico e tem inteligência

A pesquisadora Dana Zohar identificou dez qualidades comuns às pessoas espiritualmente inteligentes.  Segunda Zohar, as pessoas que têm inteligência espiritual apresentam essas características:

  • Praticam e estimulam o autoconhecimento profundo
  • São levadas por valores. São idealistas
  • Têm capacidade de encarar e utilizar a adversidade
  • São holísticas
  • Celebram a diversidade
  • Têm independência
  • Perguntam sempre “Por quê? ”
  • Enxergam fora da caixa
  • Têm espontaneidade
  • Têm Compaixão

Uma excelente lista de características.  Note que a visão espiritual nos leva para o bem-estar último, com a compreensão que nossa felicidade está atrelada ao bem de todos. Com inteligência espiritual podemos ver aquilo que nos une e entender que o bem que faço, gera o bem para mim.

A visão espiritual nos permite ver que tudo que nos acontece, inclusive os ditos “problemas”, são oportunidades para crescimento. Conseguimos entender que estamos no comando da vida e que não dependemos de ninguém. Buscando sempre significado em tudo que fazemos, entendemos que tudo precisa ser visto de forma completa: mente, coração e alma.

Ken O’Donnell; Howard Gardner, Stephen Covey, Robert Emmons e Cindy Wigglesworth, além da já comentada Dana Zohar, são alguns dos cientistas comportamentais que têm debruçado suas mentes sobre o tema. Considero louvável o trabalho da Dra. Dana Zohar e vejo com entusiasmo o despertar do campo de estudo da inteligência espiritual.  Todos que encontramos e conhecemos, intimamente ou pouco, estão travando algum tipo de batalha interna para se reequilibrar e voltar a sentir-se bem na própria pele. Lutas das quais pouco sabemos. Então, sejamos sempre gentis uns com os outros. Sempre.

Ton Miller  -  Blog “Verdadeundial”

https://verdademundial.com.br/2017/11/dez-sinais-de-que-voce-vive-o-seu-eu-autentico-e-tem-inteligencia-espiritual/

 

Rússia e China anunciam o fim da era do dólar americano

A GAZPROM (maior empresa russa, décima maior do mundo e a maior exportadora mundial de gás natural) , controlada pelo Estado, embora tenha ações no mercado [NT]) acaba de lançar títulos na moeda chinesa, o yuan.  Rússia e China assinaram um acordo para a venda de gás e 40 bancos centrais começam a apostar que no futuro, a moeda de reserva será o yuan.

Até o início de 2014, as histórias sobre o colapso do dólar soavam ainda como maluquices conspiratórias, e pouco efeito tinham sobre a geopolítica. Mas, tudo mudou. Parece que as nações-estados pelo mundo afora estão se movendo na direção de um “mundo pós-dólar americano”. Já não é uma questão de “se”, mas de “quando”. E se você não é capaz de entender o passo-a-passo do que virá, há alto risco de acabar chocado e... assombrado.

Já não cabe dúvida de que, tão logo a Rússia, juntamente com seus numerosos aliados, faça o movimento fatal, será seguida por muitas outras nações (várias delas já estão mesmo, tentando). Porque isto acontece?  Porque os EUA são a força mais destrutiva do planeta; e seu calcanhar de Aquiles é o “privilégio exorbitante”, que a maioria conhece como ‘dólar americano’; e que o FED - Federal Reserve chama de ‘só contaram prá mim’.

O resultado será hiperinflação, caos social, guerra civil, dentre outras desarticulações. Parece-lhes exagero? Pois, não, não há exagero algum. Para que se tenha ideia de o quanto tudo isso pode ser ruim, péssimo, pense no que já se vê acontecendo em qualquer república socialista “de bananas”; em seguida imagine que piore muito, muito! Por que pioraria ‘muito-muito’? Porque essas repúblicas ‘de bananas’ não emitem a moeda usada como moeda planetária de reserva.

Os Estados Unidos nada produzem, a não ser o dólar americano – coisa facílima, aliás, de produzir, como se comprovou no Canadá, com o suor de um único canadense. Operação muito, muito simples: o tal canadense emitiu milhões de dólares americanos e os colocou em circulação. Mais: o Canadá preferiu não extraditá-lo; o sujeito vive lá, como homem livre.

Agora, grandes nações-estados pretendem sair juntas do sistema do dólar americano. Um mundo “desdolarizado” – como a Rússia já diz com frequência –, pode vir a afetar a vida de milhões de norte americanos.

A Ascensão da Rússia & China

De acordo com “A Voz da Rússia”, o Ministro russo das Finanças pretende um aumento significativo do papel do rublo russo nas operações de exportação, reduzindo dessa forma as transações fechadas em dólar, no comércio exterior da Rússia. Acredita-se na Rússia que o setor bancário do país está “pronto para lidar com um maior número de transações assinadas em rublo”.

(Jomarion acrescenta que semana passada - final de outubro – a Russia lançou o BitCoin-Rublo com grande força e aceitação, além de ser fácil de comprar e usar)

A agência “Prime News” relata que já em 2014 o governo realizou uma reunião que foi integralmente dedicada a encontrar soluções para tirar o dólar das operações russas de exportação. Especialistas de ponta de bancos, governo e setor energético elaboraram nestas reuniões uma série de propostas, perfeitamente efetivas, para responder às tais sanções aplicadas pelos Estados Unidos contra a Rússia.

A reunião de “desdolarização” foi presidida pelo vice-primeiro-ministro da Federação Russa, Igor Shuvalov: é sinal de que o movimento russo para descartar o dólar é, sim senhor, coisa séria. Depois houve outra reunião, quando se discutiram procedimentos para elevar o número de operações recebíveis em rublo, dessa vez presidida pelo vice-ministro das Finanças, Alexey Moiseev. Segundo Moiseev, nenhum dos especialistas e representantes de bancos viu qualquer problema nos planos governamentais para incrementar o comércio com pagamento em rublos. Afinal... o dólar já vem em queda livre desde a revelação sobre o Federal Reserve.

Agora, parece que até o pouco que ainda sobra já está por um fio.  A Rússia não está só.  Se não tivesse apoio, a Rússia não estaria tão audaciosa. Outras nações pelo mundo também têm interesse em aderir a um movimento de desdolarização. China e Irã, por exemplo, têm manifestado crescente interesse em levar avante esse plano. Líderes de outros países também já se manifestaram nesse sentido; em todos os casos, bateram de cara contra as conhecidas sanções-‘mísseis’ dos EUA.

Hoje, a especulação que corre o planeta fala das viagens de Putin à China, quando acordos e contratos serão assinados com as gigantes de petróleo e gás... e talvez sejam assinados com pagamentos previstos em rublos e yuans, não mais em dólares americanos.

Com “russófobos” controlando a política externa dos Estados Unidos, o ocidente está sem qualquer controle, andando a passos largos em direção ao buraco. Consequência disso é que os EUA prosseguirão, hostilizando cada vez mais a Rússia e outras nações. Quanto maior a hostilidade, mais se fortalecerá a tendência pró Rússia e China com inúmeros outros países, pelo mundo, a rejeitarem o dólar.  O mundo já trabalha hoje para criar uma nova infraestrutura econômica e financeira a qual, simplesmente, ignorará os Estados Unidos.

E, em reação e resposta, o que fazem os EUA? Bombardeiam mais civis. Matam mais gente. (Jomarion... promovem ataques aos americanos...) Provocam mais guerras.  Verdade é que já não tenho muita certeza de que os EUA consigam manter esse ‘padrão’ hoje, com o mesmo ‘sucesso’ com que o mantiveram há, apenas, uma década.  Bem ou mal, a humanidade começa a despertar para esse estado de coisas. Já aconteceu até de a opinião pública no mundo conseguir impedir que os EUA fizessem mais uma guerra – a da Síria. A oposição popular certamente impedirá que os EUA façam mais guerras.  Há evidência que todos já veem com clareza e que comprometem hoje terrivelmente as posições que os EUA têm adotado: Rússia e a China jogam xadrez e pensam no bem do mundo. Obama joga damas, bolinha de gude, sabe-se lá o que joga; e não pensa no bem do mundo. 

A China já queria nova moeda de reserva, desde 2013.  Japão e Índia já têm um acordo para moeda de reserva própria, desde 2011.
No Golfo Pérsico os árabes, junto com China, Japão, Rússia e França, já planejam pôr fim aos negócios de petróleo feitos pelo dólar americano; e trabalham para pôr no lugar desse dólar uma cesta de moedas que pode incluir o iene japonês, o yuan chinês, ouro, euros e uma nova moeda unificada especialmente pensada para uso das nações do Conselho de Cooperação do Golfo (o que incluiria nessa negociação/nova cesta de moedas, também Arábia Saudita, Abu Dhabi, Kuaite e Qatar).

O fim do sistema monetário como o conhecemos 

Estamos na iminência de uma mudança massiva nos parâmetros do sistema monetário mundial... todos os especialistas sabem disso (é absolutamente claro que sabem!), mas o ‘noticiário’ prossegue como se nada estivesse já acontecendo. Empresários norte-americanos ou gastam ou mentem que gastam como se os EUA estivéssemos em plena recuperação econômica. Cidadãos dos Estados Unidos continuam gastando dinheiro ou mentindo que gastam e em todos os casos continuam poupando pouco, talvez com a mesma expectativa que os empresários. Os investidores continuam a investir ou a mentir que continuam a investir como se tudo estivesse às mil maravilhas.

Parece que todos esses atores têm dificuldade para contextualizar e apreender a verdade sobre a economia dos EUA. E essa verdade é a seguinte: os EUA devem tanto, tanto, tanto, que a mente humana não tem meios para compreender a sua real extensão desse endividamento. E a mídia - imprensa-empresa comercial - que existe para desinformar, desinforma o mais que pode e completa o serviço de ensinar a des-compreender (seja o que for).

O capital exposto ao risco de ser queimado, virar fumaça, é da ordem de trilhões de dólares. O mundo ocidental corre o risco de entrar numa era sombria, que o futuro conhecerá, durante séculos, como o “Grande Colapso”. Bem contados, não chega a 1% dos cidadãos o número dos norte-americanos e norte-americanas que se pode acreditar que saibam disso e compreendam com clareza o movimento.

Nunca foi mais importante, necessário, prioritário, vitalmente decisivo, desligar a televisão e não tomar conhecimento do que a imprensa-empresa comercial ‘informe’ ou ‘noticie’. Cada um terá de fazer as próprias contas e assumir o controle da própria situação financeira. ATENÇÃO: Desligue a TV. Não leia jornais. Demita todos os jornalistas que você ajuda a sustentar cada vez que paga para ler material produzido pela “imprensa-empresa comercial”, seja pelo rádio, seja impressa, seja pela internet ou pela televisão.

(Jomarion... procurem se informar pela mídia alternativa que “eles” rotulam de conspiracionista)

Dois esclarecimentos:

1. O autor deste artigo se define como “anarcocapitalista libertarista”. Ele luta contra o que considera os dois dos maiores inimigos da humanidade: o Estado e os Bancos Centrais. Fundador do site “The Dollar Vigilante” é também CEO da TDV Mídia e Serviços. Mais sobre o autor em...  https://www.thedaylybell.com/editorials/35309-Jeffrey-Bervick.

2. Em explicação muito resumida: o dinheiro (divisa) americano não é emitido pelo governo americano, mas pelo Federal Reserve Bank (que o empresta ao governo dos EUA) e que na realidade é um banco PRIVADO, propriedade de um poderosíssimo grupo de banqueiros internacionais que o manejam conforme seus interesses. Para entender melhor acesse https://resistir.info/eua/divida_eua.html.

Outra fonte:  Blog “Liberte sua Mente”  https://libertesuamente13.blogspot.com.br

Maior riqueza do Brasil vai embora...

O Leilão do Pré-Sal e a vez das petroleiras americanas

Carta Capital

As duas rodadas de licitações da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para campos do pré-sal brasileiro, sob o regime de Partilha da Produção, acontecem nesta sexta-feira 27.  Essas rodadas acontecem num contexto bem diferente da 1ª Rodada de Licitação do pré-sal (realizada em outubro de 2013) em que o Estado brasileiro possuía maior capacidade de coordenação das atividades de petróleo e gás, em virtude do modelo anterior em que a Petrobras assumia o papel de operadora e detinha uma participação mínima do campo leiloado, o de Libra.

Com as mudanças regulatórias a segunda e a terceira rodadas abrem uma janela de oportunidade para maior atuação das empresas estrangeiras, sem a exigência da Petrobras como operadora única.  Na segunda rodada serão ofertadas quatro áreas localizadas nas bacias de Santos e Campos, com jazidas unitizáveis, ou seja, adjacentes a campos cujos reservatórios se estendem para além da área concedida anteriormente; e, na terceira, serão licitadas também quatro áreas novas, ainda não exploradas, localizadas também nas bacias de Campos e Santos.

Esses oito campos abrangem uma área de 7.977 km² e estima-se, segundo ANP, um volume de reservas de petróleo de cerca de 12 bilhões de barris, sem levar em conta os campos de Alto de Cabo Frio-Oeste e Alto de Cabo Frio-Central que não tiveram suas estimativas divulgadas.  Chama atenção nas rodadas atuais, a forte redução do percentual mínimo de excedente de óleo necessário para participar dos leilões (média de 16,18% - Tabela 1) em relação ao resultado da primeira rodada do leilão de Libra que foi de 41,65%.

Estudo de Paulo Cesar Lima e Pedro Garrido, consultores legislativos do Congresso, mostra que, atualmente sob o regime de concessão, o campo de Sapinhoá já recebe o equivalente a 28,67% da produção de petróleo, quase treze pontos percentuais acima do mínimo exigido, na média dos campos. Considerando-se apenas o campo entorno de Sapinhoá, o mínimo exigido foi de somente 10,34%, quase dezoito pontos percentuais a menos que o valor obtido pelo Estado com a participação especial.

Esse movimento de forte diminuição das exigências mínimas de óleo excedente destinado à União que, na prática, significou que uma maior parte do óleo produzido ficará com as operadoras vencedoras do leilão, associado à retirada da Petrobras como operadora única, expressa a  redução dos eixos de controle do Estado sobre as reservas do pré-sal. Esses elementos são resultados de grandes pressões, ao longo dos últimos anos, das empresas estrangeiras – para facilitar suas entradas no pré-sal.   Chama atenção o número elevado de interessados na participação dessas duas rodadas de licitação, já que o setor de petróleo é fortemente oligopolizado. Segundo a ANP tiveram 10 empresas inscritas a participar da segunda rodada e 14 empresas para a terceira Rodada. As oito áreas ofertadas nas licitações totalizam R$ 7,750 bilhões em bônus de assinatura.

Mesmo acontecendo na mesma data e local, as duas rodadas são bens diferentes e a atuação das empresas no leilão deve expressar as estratégias de cada empresa para o setor petrolífero brasileiro. Os campos leiloados na segunda rodada já possuem, de certa maneira, empresas interessadas, pois são conhecidos a muito tempo e já possuem instalações nas proximidades destes.  Entre os 8 campos ofertados pela ANP nestas duas rodadas de leilões, a Petrobrás mostrou interesse em apenas 3 campos, Sapinhoá, Peroba e Alto de Cabo Frio-Central, sendo sua participação em 30% em cada um destes. Nos outros 5 campos a empresa pode até participar no momento da realização do leilão, em consórcio com outra empresa operadora. No entanto, a Petrobras não manifestou interesse prévio, o que revela uma estratégia de participar de forma tímida nos leilões, abrindo a possibilidade para o ingresso de outras empresas no pré-sal brasileiro.

Se a Petrobrás não tem apetite, outras grandes petroleiras estão empolgadas em entrar nos promissores campos do pré-sal brasileiro. Algumas já têm alguma participação, como a norueguesa Statoil, a angro-holandesa Shell, francesa Total, sino-espanhola Repsol Sinopec e a chinesa CNOOC, por exemplo. A novidade está na posição das petroleiras americanas que publicamente mostraram-se muito interessadas, estas seriam a Exxon e Chevron.

(Jomarion...com exceção da chinesa, todas as outras são empresas da elite global illuminatti).

Em relatório recente da Atlantic Council recomendou que o “o país necessita destravar o seu potencial e aumentar a produção de petróleo e gás. O pré-sal deve ser aberto a diferentes operadores. (...) Investidores capazes de precificar corretamente oportunidades de investimento, ativos e empresas no Brasil têm diante de si a maior janela de oportunidade em décadas”. Não há dúvidas, portanto, que desde a descoberta do pré-sal pavimentou-se um caminho para atuação das empresas estrangeiras que se intensifica exatamente no momento que a Petrobras adota um papel coadjuvante no setor nacional.

(Jomarion... Blá... Blá... Blá... conversa de empresários vassalos das elites que atendem o topo da pirâmide... empresas/pessoas que não pensam nas pessoas comuns e nem no futuro decente das nações e do planeta)

Em virtude da produtividade 30% superior ao esperado, do suficiente conhecimento geológico e da fase inicial de descoberta, o governo brasileiro optou por mudanças regulatórias  que beneficiam ainda mais a petroleiras estrangeiras (de capital privado e estatal) em detrimento dos interesses nacionais. Isso abre espaço para a expansão  das petroleiras internacionais, em especial as americanas.

O grau de abertura e de atração das empresas estrangeiras é tão desmedido que o governo brasileiro está claramente desvalorizando os ativos do pré-sal nos leilões, a despeito do interesse das empresas e da capacidade de lucro potencial que o pré-sal possui. Isso fica evidente pelos valores de bônus de assinatura inicial de R$7,750 bilhõe