Ben Fulford "Mundo Queima" e "Guerra Financeira"

21/02/2015 22:50

Enquanto o Mundo Queima



Benjamin Fulford

"Os gregos acabam com a escravidão da dívida, um rei mau morre, ataque russos, bancos centrais em pânico e a elite perde tempo em Davos, enquanto o mundo queima" - 26.01.2015

 

A revolução mundial contra o domínio da cabala e a escravidão por dívida de estilo babilônico continua a se desdobrar, deixando a Europa e Oriente Médio em tumulto. Na semana passada, os gregos fizeram a jogada mais ousada, quando fecharam o governo escravo da cabala e elegeram um governo que promete acabar com a escravidão por dívida. Os russos não ficaram muito atrás, quando colocaram as luvas e iniciaram uma campanha militar em grande escala contra o exército mercenário da cabala, no leste da Ucrânia. Além disso, o governo escravo da cabala, no Iêmen, país que se encontra próximo aos campos de petróleo da Arábia Saudita, foi derrubado na semana passada, ao mesmo tempo em que o rei saudita Abdullah morria.
O sistema bancário europeu também está em crise grave, com o Banco Central Europeu sendo forçado a emitir mais de um bilhão de euros, aparentemente para impulsionar a economia, embora, na realidade, seja para evitar o colapso total do sistema bancário europeu.
Estes incidentes são partes correlacionadas de uma única campanha para libertar o planeta de uma conspiração satânica que ainda está tentando iniciar uma 3ª Guerra Mundial, a fim de escravizar humanidade de forma permanente.
Também na semana passada, representantes do grupo que tenta substituir o dólar controlado pela cabala pelo SDR/DEG (Direitos Especiais de Giro) contataram a Sociedade do Dragão Branco para tentar justificar os seus planos. A essência de sua mensagem era de que, a fim de reduzir as distorções na economia mundial causada pelo dólar norte-americano, precisavam para substituí-la gradualmente com a SDR/DEG. Basicamente, era uma ladainha totalmente disfarçada em pomposa linguagem financeira.
Foram informados numa linguagem clara que as demandas para realizar um jubileu, uma redistribuição de ativos (apenas uma única vez) e uma campanha maciça (de vários bilhões de dólares) para acabar com a pobreza e deter a destruição ambiental eram exigências inegociáveis. Se não conseguirem fazer isso, foram informados de que era uma certeza matemática que seu atual sistema entraria em colapso numa falha catastrófica, levando a um cenário de banho de sangue do tipo da Revolução Francesa.
A mesma elite, reunida em Davos, na Suíça, na semana passada, parecia estar admitindo a derrota, pelo menos de acordo com os títulos de seus painéis de discussão, tais como:
"Lideranças em crise; desigualdade, polarização, paralisia: “A liderança pública está falhando?” e, "Estão os modelos de crescimento existentes falhando em conseguir empregos e não redirigir a desigualdade de ingressos?”
No caso de não terem ainda percebido, a resposta para ambas as perguntas é "SIM".
Vamos dar uma olhada mais de perto na situação grega para compreender o tipo de políticas levadas a cabo pelas pessoas agora no comando do mundo financeiro ocidental. Os gregos foram colocados sob os cuidados do FMI em 2010. Como um escritor econômico deixe-me dizer-lhe que tenho visto várias e várias vezes ao longo dos anos a mesma coisa acontecer quando os países caem sob o domínio do FMI.
Todos eles disseram a mesma coisa: "Espremer bem o dinheiro que possa arrancar de seu povo, tome todos os seus recursos e entregue à máfia dos bancos internacionais". Isso é o que o governo escravo grego, que saiu fez. O resultado foi que o PIB grego caiu 25%, a renda caiu 30% e a dívida subiu de 126% do PIB em 2010 para 175% hoje. Para finalizar, um monte de suas ilhas já não são gregas.
s gregos finalmente entenderam que já  tiveram o suficiente e elegeram um governo que promete renegar a dívida. Ainda pretendem utilizar o Euro, todavia se fizerem isso, terão que continuar sob as ordens dos alemães. Fariam melhor em notar que os russos ofereceram enviar o gás que enviam para a Europa, através da Grécia, (pagando aos gregos as taxas de transbordo) e comprando produtos gregos. Se os gregos emitirem sua própria moeda, é verdade que a maioria de sua elite já não será capaz de comprar carros Mercedes Benz, todavia, o fluxo de entrada de turistas que se seguiria e a saída das exportações gregas tornariam a classe media grega muito mais rica.
 apenas uma questão de tempo antes que os espanhóis e italianos descubram a mesma coisa. O projeto Euro só funcionará se os países mediterrânicos entregarem o controle completo aos burocratas não eleitos, em Bruxelas e seus senhores da cabala. O resultado disso seria o fascismo na Europa.
Agora vamos olhar para o que os russos estão fazendo. Após o corte das últimas semanas do gás para o governo nazista ucraniano, perpetuamente velhaco, os russos finalmente tiraram as luvas de pelica e foram numa ofensiva total contra o exército de mercenários estrangeiros no Leste da Ucrânia. Os russos estão lutando por sua terra natal, os mercenários por dinheiro. É uma suposição muito fácil de saber quem vai ganhar.
Os novos aliados da Rússia, os Turcos, em conjunto com os iranianos, os iraquianos e o Pentágono, entretanto, continuam a sua ofensiva contra os regimes satanistas, árabe e israelense. 
A morte, na semana passada do rei Abdullah, um dos líderes mais depreciáveis deste planeta, marcou um ponto de virada.
Seu irmão, o senil Salman, assumiu seu cargo, todavia esse regime, líder mundial do financiamento do terrorismo, está fadado ao colapso.
Aqui, a propósito, poderão ver o presidente Obama se curvar e beijar o anel de Abdullah e George Bush Jr. aparentemente beijando-o com a língua.
Lembrando que ambos os sauditas e os Bushes estavam profundamente envolvidos na traição do 11/09 contra os Estados Unidos, enquanto os EUA continua a repetir suas mentiras sobre esse incidente.
A queda dos preços do petróleo e os exércitos que se aproximam, são ambos precursores da desgraça para esse regime satânico.
A queda do regime fantoche da cabala e da cabala saudita no Iêmen, na semana passada, também marcou um ponto de inflexão. Os iemenitas têm considerado por muito tempo seus vizinhos sauditas, como pastores de camelos sem sofisticação e rudes, que simplesmente tiveram a sorte de encontrar petróleo. O quadro está prestes a mudar.
As inteligências, britânica e francesa agora estão informando que ou regime zionazi israelense de Netanyahu, o regime nazi-sionista, está perdendo grande parte da renda do petróleo do Oriente Médio que roubou do Iraque, devido às perdas militares do exército criado pelos israelenses de ISIS/Arábia. Por essa razão, de acordo com um agente francês, "O ministro da Defesa francês esteve em Riyadh, em 4 de janeiro de 2015 e confirmou que a Líbia será invadida, no prazo de 3 meses com a finalidade de garantir petróleo para Israel".
Lembrando que, tanto a França como Israel são dirigidos em segredo pela família Rothschild. Portanto, o que realmente está acontecendo é um esforço para evitar a falência dos Rothschilds mediante o roubo de petróleo do Oriente Médio e de gás da Ucrânia. Mensagem para a família Rothschild: Está matematicamente condenada à falência e uma onda de crimes internacionais não irá salvá-la. Além disso, fique fora da Líbia.
Falando sobre falência, algumas das vítimas bancárias da recente queda nos preços do petróleo estão começando a aparecer. De acordo com fontes do MI5, a "Standard and Chartered está à procura de um novo chefe, como resultado do mau desempenho das commodities e do petróleo, a exposição do JP Morgan para produzir petróleo de grau não valido com investimento e divida de gás de 99,9 bilhões de dólares, a do Wells Fargo, 98 bilhões e a do Bank of America é de 58,7 bilhões de dólares. "Isso é apenas a ponta do iceberg. O enorme mergulho do Euro também, com certeza, matematicamente condenou muitos bancos.
Podem ter certeza de que planos estão sendo preparados, neste exato momento, para aproveitar as contas bancárias das pessoas comuns, a fim de salvar os banqueiros e os bancos.
A conclusão é que o modelo econômico europeu/americano, baseado na escravidão por dívida e usando exércitos de secretos para roubar recursos não está mais funcionando. Brincar com o sistema usando esses truques como taxas de juros negativas e dinheiro impresso não irão funcionar.
O que é necessário é uma versão ocidental do modelo hibrido de planejamento central/capitalista que os japoneses costumavam ter (até que os americanos forçaram a desmantelá-lo) e que os chineses imitaram com grande sucesso.
O sistema precisa ser reiniciado.
Autor: Benjamin Fulford 
Fonte primária: http://benjaminfulford.net
Fonte secundária: BenjaminFulfordCastellano
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge


Guerra Financeira Atinge Climax
 



Benjamin Fulford  -  19.01.2015

"A guerra financeira está atingindo seu clímax, com a Suíça se juntando à aliança Pentágono/UK/BRICS"
 
A queda acentuada do euro na semana passada frente ao iene, o dólar norte-americano e, especialmente, ao franco suíço é uma clara indicação de que a batalha pelo controle do sistema financeiro e, do mundo, está chegando a seu clímax. O movimento dos suíços para desacoplar seu franco do euro, veio uma semana antes de uma reunião de cúpula da elite em Davos, na Suíça, a ser iniciada com um discurso de abertura do numero 2 , da China, Li Keqiang. Esta é a primeira vez que o governo chinês enviou alguém significativo a Davos, em cinco anos. O discurso irá se centrar na visão da China sobre a situação internacional e oferecer possíveis soluções para os vários problemas internacionais. Esta reunião de Davos tem sido chamada de "Um Novo Contexto Global", um nome que pretende claramente desvincular-se da fascista Nova Ordem Mundial. Em reuniões a portas fechadas, fontes do governo chinês disseram que Li estará discutindo a integração financeira China/Suíça. Isso indica claramente que o mundo dos bancos suíços, incluindo o banco central dos bancos centrais do BIS, aderiu à aliança BRICS/UK/Pentágono.
Este tem sido o maior movimento, numa semana marcada por muitos acontecimentos dramáticos, aparentemente não relacionados. Talvez a melhor maneira de compreender todos outros incidentes estranhos e muitas vezes caóticos que aconteceram na semana passada, é de pensar neles em termos de uma guerra de gangues. A seguir, poderemos começar a ligar alguns pontos, mas não todos.
Em primeiro lugar, recordem-se que no ano passado, Christine Lagarde, a chefe francesa do FMI emitiu um ultimato às pessoas em Washington DC, para aceitarem a votação da reforma do FMI ou isso seria feito em janeiro sem eles. Em seguida, em janeiro, o presidente francês, François Hollande, pediu o fim das sanções orquestradas pelos Estados Unidos contra a Rússia.
Logo após, aconteceu o falso ataque contra a revista francesa Charlie Hebdo. Isto foi seguido por uma enorme campanha de relações públicas e uma reunião de líderes europeus e cabeça de alguns de seus Estados clientes como pode ser visto aqui:

http://www.theguardian.com/world/2015/jan/11/paris-world-leaders-solidarity-rally-terror-attacks
Observem que não eram líderes americanos, russos, chineses, indianos, etc. que estavam neste evento de relações públicas. O que tivemos em vez disso, foi uma reunião de servos dos Rothschilds.
Estas são as pessoas que estão tentando segurar o controle do sistema financeiro mundial, propondo o uso dos DSE (Direitos Especiais de Saque), emitidos pelo FMI e respaldados pelos recursos do mundo, como um substituto para o dólar norte-americano, melhor dizendo yuan global. Esta facção está solicitando que se vote a reforma do FMI, embora apenas num caráter limitado, de modo que possa ainda ficar firmemente no comando.
Enfim, depois deste grande e falso espetáculo e a provocação de um conflito religioso, o chefe da polícia francesa cometeu suicídio.

http://www.telegraph.co.uk/news/worldnews/europe/france/11341295/French-police-chief-committed-suicide-after-Charlie-Hebdo-attack.html
Depois disso, de repente, os russos cortaram todo o gás para a Europa através da Ucrânia e disseram que os europeus teriam que obter o seu gás através da Turquia e da Grécia.
http://russia-insider.com/en/2015/01/15/2441
Os russos também disseram aos gregos que, se eles deixarem o euro, a Rússia compraria grandes quantidades de produtos agrícolas. Esses dois movimentos russos vieram pouco antes de uma eleição geral grega em que se espera votar num partido político que quer acabar com a escravidão por dívida daquele país, se libertando da  máfia  do euro.
Enquanto tudo isso estava acontecendo, o túnel do Canal da Mancha, que liga Inglaterra e França, foi fechado pela ocorrência de fumaça. Também nesse momento, casualmente uma frota de navios de guerra chineses estava atracado na Inglaterra.
Também houve alguns problemas bastante raros na semana passada com o Papa Francisco nas Filipinas. Francisco foi fotografado fazendo um sinal satânico com a mão, ao dizer que "bateria em qualquer um que insultasse sua mãe".

http://www.nouvelordremondial.cc/2015/01/17/philippines-le-pape-fait-un-signe-satanique-illuminati-et-dit-quil-frapperait-celui-qui-insulte-sa-mere/ 
Isso aconteceu, pouco depois do Papa quase sofrer um acidente, quando seu avião misteriosamente saiu da pista durante a aterrissagem nas Filipinas.
http://aviation-safety.net/index.php
Além disso, o Papa foi forçado a interromper um discurso destinado a confortar sobreviventes de um tufão, porque outro tufão estava se aproximando!
Vale a pena observar que o agente maçom da loja oficial da P2, Marco Di Mauro, convidou este escritor para um encontro com o Papa, durante sua visita às Filipinas. No entanto, Di Mauro desapareceu misteriosamente, antes da chegada do Papa e não pude realizar nenhum encontro. Di Mauro foi as Filipinas em busca de ouro para apoiar um novo sistema financeiro, sob o controle da P2 e do Vaticano. Aparentemente, um poder superior pensou que essa não era uma boa ideia.
É evidente que tanto os europeus,  como os maçons da P2 estão sob algum tipo de ataque multifacetado, a fim de evita-los de manter ou recuperar o controle do sistema financeiro internacional.
Quanto a situação nos EUA?
Bem, as coisas não estão indo bem para os bandidos em Washington DC.
Durante muito tempo, eles têm sido mentido descaradamente sobre a situação econômica, que continua a se deteriorar. Agora, novamente, há um prazo para o pagamento em 31 de janeiro e está se aproximando a galope. Como alguns leitores atentos deste boletim apontaram, o IRS (Internal Revenue Service), está dando a entender que é possível que tenha que fechar por falta de fundos.

http://www.forbes.com/sites/kellyphillipserb/2015/01/13/irs-warns-of-delayed-refunds-long-waits-for-taxpayers-possible-shutdown/
Além disso, na semana passada, homens armados dispararam vários tiros na casa do vice-presidente dos EUA, Joe Biden. Isso aconteceu em meio a uma crise pessoal em andamento no Serviço Secreto.
Também houve o surgimento de grandes quantidades de documentos e provas contra George Bush e seu bando do grupo neonazista chamado grupo neo-com. Bush não foi visto deixando o hospital e muitas pessoas que se esconderam apavoradas de sua rede, estão agora saindo de seus esconderijos.
Agora, o FBI e o Departamento de Justiça disseram que irão apresentar acusações criminais contra o ex-geral e chefe da CIA David Petraeus, de acordo com vários relatos da mídia corporativa. No entanto, nem o FBI nem o Departamento de Justiça, ou melhor, aqueles que os dirigem atualmente teriam a necessária coragem moral para cumprir tais encargos.
O Pentágono e as agências precisam levar a justiça militar aos criminosos de guerra como Bush Jr., Donald Rumsfeld, etc., de uma forma que ele não se converta numa caça às bruxas generalizada.
Também possuem as ferramentas legais necessárias para eliminar os políticos corruptos de Washington DC. Pessoas como George Soros, que foi identificado como uma das pessoas que distribuem dinheiro para provocar conflitos raciais em Ferguson  também precisam ser presas como criminosos comuns que são.
Uma vez feito isso, os chapéus brancos do Pentágono e as agências têm a obrigação de restaurar a República dos Estados Unidos e garantir que o governo emita moeda para substituir o dólar que já não é americano.
O domínio da cabala sobre o mundo em geral, pode acabar em breve, se também houver um esforço concertado por parte da aliança  Reino Unido/BRICS/Pentágono.
Cabalistas adoradores de Satanás estão agora colocando suas carroças de suas caravanas em círculo, ao redor do criminoso de guerra Benyamin Netanyahu, como visto na grande sessão de fotografias em Paris.
O primeiro-ministro japonês escravo, Shinzo Abe, foi chamado a Israel para se reunir com Netanyahu, que lhe ordenou continuar saqueando o sistema financeiro japonês para os satanistas. Netanyahu, como mencionado anteriormente, é o homem que ameaçou destruir todas as usinas nucleares no Japão, a menos que este país entregue seus ativos em divisas. Por esta e outras razões, o impulso para eliminar Netanyahu deve continuar, até que essa besta finalmente esteja na cadeia, lugar que lhe pertence.
O mesmo é verdade para a família gangster que deu o seu nome a um país, a Arábia Saudita. Insha'Allah, os descendentes de Ibn Saud, serão escorraçados de suas casas e mortos por seu próprio povo, se não pegar em armas contra os wahabitas satanistas.
De um modo geral, a batalha para derrubar a cabala atingiu uma etapa de remanescentes, com apenas alguns restos isolados a serem vigiados.
Uma vez que haja terminado, uma enorme campanha para acabar com a pobreza, parar a destruição ambiental e transformar esta Terra no paraíso que estava a ser destinada, poderá se iniciar.
Autor: Benjamin Fulford
Fonte primária: http://benjaminfulford.net
Fonte secundária: BenjaminFulfordCastellano

 

Contato

 

11:11

UMA ALAVANCA PRÉ CODIFICADA COLOCADA EM NOSSA MEMÓRIA CELULAR ANTES DE VIRMOS AO PLANETA TERRA.

QUANDO ATIVADA SIGNIFICA QUE O NOSSO TEMPO DE CONCLUSÃO NO LIMITE, NA DOR E NO SOFRIMENTO ESTÁ PRÓXIMO.

 

Mestre Adama de Telos
 

 

                

INDIGOS

* Reconheço que tenho um lugar no plano divino, onde me encaixo perfeitamente e o estou ativando agora!

* Reconheço e aceito o potencial que a Terra tem para apoiar meu crescimento espiritual e me disponho a cooperar com ela de todas as maneiras possíveis agora!

Jomarion... Assinatura Pleiadiana

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Novo catálogo

Este catálogo está vazio.

Etiquetas

A lista de etiquetas está vazia.